quinta-feira, 17 de novembro de 2011

TEMA: Criação, Queda, Redenção e Consumação! - 42 - Faltam 527 dias para 26/04/13 e 938 dias para a Copa

Não temas Josué!
Deus sempre preparou líderes que estivessem à frente de seu povo e este foi bem treinado, pois não saia da presença de Moisés e onde este andava, lá estava ele, próximo, aprendendo.
Josué 1:1 Sucedeu, depois da morte de Moisés, servo do SENHOR, que este falou a Josué, filho de Num, servidor de Moisés, dizendo: Josué 1:2 Moisés, meu servo, é morto; dispõe-te, agora, passa este Jordão, tu e todo este povo, à terra que eu dou aos filhos de Israel. Josué 1:3 Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu prometi a Moisés. Josué 1:4 Desde o deserto e o Líbano até ao grande rio, o rio Eufrates, toda a terra dos heteus e até ao mar Grande para o poente do sol será o vosso limite. Josué 1:5 Ninguém te poderá resistir todos os dias da tua vida; como fui com Moisés, assim serei contigo; não te deixarei, nem te desampararei. Josué 1:6 Sê forte e corajoso, porque tu farás este povo herdar a terra que, sob juramento, prometi dar a seus pais. Josué 1:7 Tão-somente sê forte e mui corajoso para teres o cuidado de fazer segundo toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda, para que sejas bem-sucedido por onde quer que andares. Josué 1:8 Não cesses de falar deste Livro da Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer segundo tudo quanto nele está escrito; então, farás prosperar o teu caminho e serás bem-sucedido. Josué 1:9 Não to mandei eu? Sê forte e corajoso; não temas, nem te espantes, porque o SENHOR, teu Deus, é contigo por onde quer que andares.
Deus fala com Josué. São palavras de ânimo, de incentivo, de coragem, de exortação e visaram fortalecer a mente e o espírito de Josué. Ele começa então a dizer-lhe, depois de explicar a morte de Moisés, dispõe-te! Tenha disposição! Dispor-se e levantar-se, sair da situação em que se encontra e ir à frente, avante para conquistar uma terra que, Deus mesmo, disse para ele, estava dando aos filhos de Israel.
Os filhos de Israel! São os filhos de Israel que levam a semente messiânica. Deus era com os filhos de Israel e hoje é conosco, seus filhos por adoção, por meio da semente que esmagou a cabeça da serpente, o descendente, o alvo da linhagem messiânica.
Deus mesmo lhe faz promessas de grandes vitórias e de grandes conquistas e diz o que eu mesmo acho o máximo das promessas de Deus para aqueles que ele levanta e os conduzem a grandes obras: "não te deixarei, nem te desampararei".
Vamos meditar um pouco nesta frase e vermos quem a aplica no NT. Hebreus 13:5 Seja a vossa vida sem avareza. Contentai-vos com as coisas que tendes; porque ele tem dito: De maneira alguma te deixarei, nunca jamais te abandonarei. Isso mesmo, quem fala disso é o escritour de Hebreus. Ele aplica a palavra profética de bênção dirigida por Deus a Josué e a aplica a nós, nos exortando a termos uma vida de contentamento diante de Deus e sem avareza!
E no grego, vejamos como isso se explica:
"... Foi ele quem nos prometeu: "JAMAIS TE DEIXAREI, NUNCA JAMAIS TE ABANDONAREI" (Hb 13:5). Se ele prometeu, ele cumprirá, então eu te convido a ousar e replicar a ele, ao Senhor, com toda a convicção de teu coração, almas, forças e entendimento:
 
- Senhor, eu jamais te abandonarei, nunca jamais te deixarei.
 
A ação da palavra de Deus sendo dirigida a mim dessa forma provoca em mim uma reação. Eu sou obrigado a reagir. Pela ênfase com que o Espírito Santo se dirige a mim, a garantia que tenho é reforçada pelo fato de que não serei deixado, nem abandonado. Sendo assim, posso, com ousadia também afirmar, como se a palavra pronunciada por Deus estivesse se rebatendo num espelho e se voltando para ele mesmo que a pronunciou: Senhor, eu também jamais te abandonarei, nunca também jamais te deixarei. Eu apenas estou pegando carona no reflexo de sua palavra. Eu somente tenho essa ousadia porque Deus foi ousado. Eu somente tenho esta convicção porque o Senhor a pronunciou. A minha garantia não é minha própria: é Deus falando com Deus na infinitude de seu ser a meu respeito.
 
 
Vemos aqui, no grego, que há 5 negativas dando reforço a idéia positiva. Literalmente, a tradução do grego do trecho nunca te deixarei, nunca jamais te abandonarei, pode ser: NUNCA, NÃO te deixarei NÃO MESMO, NUNCA, NÃO te abandonarei. O que isso quer dizer para mim que estou lendo essa palavra ou que estou pregando isso? NÃO TE DEIXAREI, NÃO MESMO, NUNCA, JAMAIS TE ABANDONAREI. Eu não vou te deixar. Eu não vou te abandonar. Eu não vou me esquecer de ti. Eu não vou abandoná-lo. Eu não vou mesmo, jamais, nunca, never, never, never. O Espírito Santo está falando conosco nesta noite e a sua palavra é de que temos a garantia máxima dada pelo próprio Deus de que ele estará conosco e não nos deixará nem nos abandonará. Amém!
 
No comentário de Matheus Henry está dito que nessa promessa simples e perfeitamente aplicada aos filhos de Deus – a nós a quem Jesus Cristo animou-se a morrer sendo nós ainda pecadores, sim, a nós, com certeza absoluta, esta promessa também a nós se aplica! – está contida a soma e a essência de todas as promessas. Aleluias! Diz mais ainda: o verdadeiro crente terá a graciosa presença de Deus com ele na vida, na morte e para sempre e sempre, amém! Aleluias!" ref.: http://www.scribd.com/doc/58751209/Pregacao-Em-tudo-dai-gracas2-PIPPSul-26-6
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br
 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.