Vamos conhecer o Caminho do Senhor?

Saiba que "O caminho do SENHOR é fortaleza para os íntegros, mas ruína aos que praticam a iniqüidade." (Pv 10:29). Saiba também que aqui no 'JAMAIS DESISTA do Caminho do Senhor' você encontrará, todos os dias uma mensagem baseada na Bíblia que representa o pensamento do autor na sua contínua busca das coisas pertencentes ao reino de Deus e a sua justiça.

sábado, 30 de agosto de 2014

I Cr 9:1-44 - PARTE II - O REINO UNIDO COMO MODELO

Chegamos finalmente ao fim da primeira parte de I e II de Crônicas que foram escritas, principalmente, para orientar a restauração do reino depois do exílio, enfatizando especialmente a unidade de Israel, o rei, o templo e as bênçãos e as maldições imediatas da aliança.
A primeira parte que estamos concluindo é a Parte I – AS GENEALOGIAS DO POVO DE DEUS – 1:1 a 9:34.
Como já temos insistido mesmo para fixação, temos visto que,  além de revelarem os privilégios e as responsabilidades daqueles que regressaram do exílio e explicar a eleição e a organização do povo de Deus ao longo da História, elas – as genealogias do povo de Deus - também estariam preservando, de certa forma, a mensagem messiânica originada lá em Gn 3:15 quando Deus falou à serpente.
A Parte I, como já vimos, foi dividida em três: A. As raízes de Israel – 1:1 a 2:2 – já vista. B. A extensão e a ordem do povo de Deus – 2:3 a 9:1a – estamos finalizando agora. C. A continuidade de Israel – 9:1b a 34 – concluiremos neste capítulo.
B. A extensão e a ordem do povo de Deus – 2:3 a 9:1a - continuação.
No verso de 9:1a “E todo o Israel foi contado por genealogias, que estão escritas no livro dos reis de Israel;”, o cronista resume as listas das tribos de Israel como representantes da totalidade de sua nação.
Essa perspectiva se deve ao seu desejo de apresentar o povo histórico de Deus e seus territórios como um modelo para os leitores pós-exílio.
Também não podemos deixar de registrar que esse cuidado vinha da parte de Deus pois preservava os registros da semente messiânica que estamos acompanhando desde Gênesis 3:15 e que somente irá se concluir em Cristo Jesus, depois de algum tempo ainda.
C. A continuidade de Israel – 9:1b a 34.
Daqui em diante os versículos a seguir conterão um resumo seletivo dos israelitas que construíram a comunidade pós-exílio inicial. São eles que irão formar a base dos que irão receber o Messias.
Grande parte desse material também aparece em Ne 11. Poderíamos, didaticamente dividir o presente texto em uma introdução, nos versos 2 e 3; seguida da lista dos judaístas, dos versos 4 ao 6; dos benjamitas, dos versos 7 ao 9; dos sacerdotes, dos versos 10 ao 13; e dos levitas, dos versos 14 ao 34.
Aqui não se percebe nenhuma ênfase no exílio o que indica o grande interesse do cronista pelo repovoamento e o quanto julgava importante que esse se desse de acordo com o padrão estabelecido para a posse anterior da Terra Prometida, conforme se percebe nas exposições vistas desde o capítulo 1 ao 8.
As menções do exílio são feitas muito rapidamente somente para se passar para essa próxima fase importante. A lição tinha ficado clara para todos que somente tinham ido para o exílio por causa da desobediência e rejeição das coisas de Deus.
Esses judeus estariam voltando para suas terras e possessões que lhes pertenciam por direito. Quanto mais registros fossem feitos demonstrando organização e eficiência administrativa, melhor seria para o seu assentamento.
Podemos perceber que do ponto de vista do cronista, os reino do norte e do sul tinham sido reunificados sob Ezequias – II Cr 29:1 a 36:23. Essa é uma razão porque Efraim e Manassés são citados entre aqueles que regressaram.
Também podemos ver o interesse específico do cronista pela música sacra ao tratar dos levitas encarregados da música – 6:39; 9:33.
Nos versos de 4 a 6, vemos o cronista relacionando a linhagem da semente messiânica, dos judaístas que regressaram, que são os filhos de Judá: Perez, vs 4; Selá, vs 5 e Zerá, vs 6. Perez irá gerar a Esrom e depois Aminadabe e outros mais até chegar em Davi e mais ainda para frente em Jesus Cristo, o Messias.
Parte II – O REINO UNIDO – 9:35 a II CR 9:31.
Depois de estabelecer a identidade, a ordem e os territórios do povo de Deus em listas e genealogias, o cronista vai apresentar um retrato do reino unido.
Os reinados ideais de Davi e de Salomão exemplificam as bênçãos recebidas pelo povo de Deus quando o rei, o templo e o povo se encontravam unidos.
A época dos juízes, de Eli, de Samuel, do longo tempo do reinado de Saul são praticamente ignorados pelo cronista que parece apressado em apresentar Davi, já como o escolhido de Deus e querido dos filhos de Israel, exemplo de homem de Deus e também de homem da sociedade que se identificava com seu povo, sua história e seus costumes.
Assim, dividiremos essa Parte II em dois grandes blocos: A. O reinado de Davi – 9:35 a II Cr 9:31; B. O reinado de Salomão – II Cr 1:11 ao 9:31.
A função de mostrar o reino unido era dar aos exilados um ideal da unidade, principalmente em Davi. Ele irá procurar valorizar muito mais os sucessos do que os fracassos do rei. Enfatizará particularmente o apoio geral recebido por Davi e o seu interesse em construir o templo.
Destarte, a divisão dessa primeira parte se dará também em quatro: 1. Davi se torna rei – 9:35 a 10:14; 2. O amplo apoio a Davi – 11:1 a 12:40; 3. Preparativos para o templo – 13:1 a 29:25; e, 4. O fim do reinado de Davi – 29:26 a 30.
1. Davi se torna rei – 9:35 a 10:14.
Ao contrário do relato extenso da ascensão e queda de Saul em Samuel, o cronista simplesmente repete a genealogia de Saul de 9:35-44 e registra a transferência do poder de Saul para Davi – 10:1 a 14.
I Cr 9:1 E todo o Israel foi contado por genealogias,
                que estão escritas no livro dos reis de Israel;
                               e os de Judá foram transportados a Babilônia,
                                               por causa da sua transgressão.
                I Cr 9:2 E os primeiros habitantes, que moravam na sua possessão
                               e nas suas cidades, foram os israelitas, os sacerdotes,
                                               os levitas, e os netineus.
                I Cr 9:3 Porém alguns dos filhos de Judá, e dos filhos de Benjamim,
                               e dos filhos de Efraim e Manassés, habitaram em Jerusalém:
                I Cr 9:4 Utai, filho de Amiúde, filho de Onri, filho de Inri, filho de
                               Bani, dos filhos de Perez, filho de Judá;
                I Cr 9:5 E dos silonitas: Asaías o primogênito, e seus filhos;
                               I Cr 9:6 E dos filhos de Zerá: Jeuel, e seus irmãos,
                                               seiscentos e noventa;
                I Cr 9:7 E dos filhos de Benjamim: Salu, filho de Mesulão, filho de
                               Hodavias, filho de Hassenua, I Cr 9:8 E Ibnéias, filho de
                                               Jeroão, e Elá, filho de Uzi, filho de Micri, e Mesulão,
                                               filho de Sefatias, filho de Reuel, filho de Ibnijas;
                I Cr 9:9 E seus irmãos, segundo as suas gerações,
                               novecentos e cinqüenta e seis;
                                               todos estes homens foram chefes dos pais
                                                               nas casas de seus pais.
I Cr 9:10 E dos sacerdotes:
                Jedaías, e Jeoiaribe, e Jaquim, I Cr 9:11 E Azarias, filho de Hilquias,
                               filho de Mesulão, filho de Zadoque, filho de Meraiote, filho de
                               Aitube, maioral da casa de Deus; I Cr 9:12 Adaías, filho de
                               Jeroão, filho de Pasur, filho de Malquias, e Masai, filho de
                               Adiel, filho de Jazera, filho de Mesulão, filho de Mesilemite,
                               filho de Imer;
                I Cr 9:13 Como também seus irmãos, cabeças nas casas de seus pais,
                               mil, setecentos e sessenta, homens valentes
                                               para a obra do ministério da casa de Deus.
I Cr 9:14 E dos levitas:
                Semaías, filho de Hassube, filho de Azricão, filho de Hasabias, dos
                               filhos de Merari; I Cr 9:15 E Baquebacar, Heres e Galal; e
                               Matanias, filho de Mica, filho de Zicri, filho de Asafe;
                               I Cr 9:16 E Obadias, filho de Semaías, filho de Galal, filho de
                               Jedutum; e Berequias, filho de Asa, filho de Elcana,
                                               morador das aldeias dos netofatitas.
I Cr 9:17 E foram porteiros:
                Salum, Acube, Talmom, Aimã, e seus irmãos, cujo chefe era Salum.
                               I Cr 9:18 E até aquele tempo estavam de guarda
                                               à porta do rei, do lado do oriente;
                               estes foram os porteiros dos arraiais dos filhos de Levi.
                I Cr 9:19 E Salum, filho de Coré, filho de Ebiasafe, filho de Corá,
                               e seus irmãos da casa de seu pai, os coraítas, tinham cargo
                                               da obra do ministério, e eram guardas das portas do
                                               tabernáculo, como seus pais foram responsáveis pelo
                                                               arraial do SENHOR, e guardas da entrada.
                I Cr 9:20 Finéias, filho de Eleazar, antes era líder entre eles;
                               e o SENHOR era com ele. I Cr 9:21 E Zacarias, filho de
                               Meselemias, porteiro da entrada da tenda da congregação.
                I Cr 9:22 Todos estes, escolhidos para serem guardas das portas,
                               foram duzentos e doze; e foram estes,
                               segundo as suas aldeias, postos em suas genealogias;
                                               e Davi e Samuel, o vidente, os constituíram nos seus
                                                               respectivos cargos.
                I Cr 9:23 Estavam, pois, eles, e seus filhos, às portas da casa
                               do SENHOR, na casa da tenda, junto aos guardas,
                I Cr 9:24 Os porteiros estavam aos quatro lados;
                               ao oriente, ao ocidente, ao norte, e ao sul.
                I Cr 9:25 E seus irmãos, que estavam nas suas aldeias, deviam, de
                               tempo em tempo, vir por sete dias para servirem com eles.
                I Cr 9:26 Porque havia naquele ofício quatro porteiros principais
                               que eram levitas, e tinham o encargo das câmaras e dos
                                               tesouros da casa de Deus.
                I Cr 9:27 E de noite ficavam em redor da casa de Deus,
                               cuja guarda lhes tinha sido confiada,
                                               e tinham o encargo de abri-la cada manhã.
I Cr 9:28 E alguns deles estavam encarregados dos utensílios do ministério,
                porque por conta os traziam e por conta os tiravam.
                               I Cr 9:29 Porque deles havia alguns que tinham o encargo
                                               dos objetos e de todos os utensílios do santuário;
                                               como também da flor de farinha, do vinho, do azeite,
                                                               do incenso, e das especiarias.
                I Cr 9:30 E alguns dos filhos dos sacerdotes eram os obreiros
                               da confecção das especiarias. I Cr 9:31 E Matitias, dentre os
                                               levitas, o primogênito de Salum, o coraíta, tinha o
                                                               encargo da obra que se fazia em sertãs.
                I Cr 9:32 E alguns dos seus irmãos, dos filhos dos coatitas,
                               tinham o encargo de preparar os pães da proposição
                                               para todos os sábados.
I Cr 9:33 Destes foram também os cantores, chefes dos pais entre os levitas,
                habitando nas câmaras, isentos de serviços;
                               porque de dia e de noite estava a seu cargo
                                               ocuparem-se naquela obra.
                I Cr 9:34 Estes foram cabeças dos pais entre os levitas,
                               chefes em suas gerações; estes habitaram em Jerusalém.
I Cr 9:35 Porém em Gibeão habitaram Jeiel, pai de Gibeão
                (e era o nome de sua mulher Maaca). I Cr 9:36 E seu filho
                               primogênito Abdom; depois Zur, Quis, Baal, Ner e Nadabe,
                I Cr 9:37 E Gedor, Aió, Zacarias e Miclote. I Cr 9:38 Miclote gerou
                               a Simeão; e também estes habitaram em Jerusalém,
                                               defronte de seus irmãos, com eles.
                I Cr 9:39 E Ner gerou a Quis;
                               e Quis gerou a Saul, Saul gerou a Jônatas,
                                               a Malquisua, a Abinadabe e a Esbaal.
                I Cr 9:40 E o filho de Jônatas foi Meribe-Baal,
                               e Meribe-Baal gerou a Mica.
                I Cr 9:41 E os filhos de Mica foram:
                               Pitom, Meleque e Taréia.
                I Cr 9:42 E Acaz gerou a Jaerá, e Jaerá gerou a Alemete,
                               a Azmavete e a Zinri; e Zinri gerou a Moza.
                I Cr 9:43 E Moza gerou a Bineá, cujo filho foi Refaías, de quem foi
                               filho Eleasá, cujo filho foi Azel. I Cr 9:44 E teve Azel seis
                                               filhos, e estes foram os seus nomes:
                                                               Azricão, Bocru, Ismael, Seraías, Obadias
                                                               e Hanã; estes foram os filhos de Azel.
Apesar de ter passado 40 anos e de ter sido o primeiro rei em Israel Saul não é bem visto por ninguém e sua imagem que ficou registrada para a posteridade foi de um homem belo no físico, mas egoísta, falso, mais amante dos homens do que de Deus e que passou a sua vida perseguindo pessoas inocentes e servindo de instrumento do diabo para cometimento de grandes atrocidades.
É por isso que o cronista vai passando por ele de forma bem larga e distante, servindo apenas para a introdução do grande exemplo de rei, de pessoa e de servo de Deus, Davi, o homem segundo o coração de Deus!
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 339 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br
...

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

I Cr 8:1-40 - AS CRONOLOGIAS EM CRÔNICAS - BENJAMIM


Estamos no penúltimo capítulo desta:
Parte I – AS GENEALOGIAS DO POVO DE DEUS – 1:1 a 9:34.
Estamos vendo - nesta primeira parte, como já temos insistido mesmo para fixação -, que além de revelarem os privilégios e as responsabilidades daqueles que regressaram do exílio e explicar a eleição e a organização do povo de Deus ao longo da História, elas – as genealogias do povo de Deus - também estariam preservando, de certa forma, a mensagem messiânica originada lá em Gn 3:15 quando Deus falou à serpente.
A Parte I, como já vimos, foi dividida em três: A. As raízes de Israel – 1:1 a 2:2 – já vista. B. A extensão e a ordem do povo de Deus – 2:3 a 9:1a – estamos dando continuidade a ela. C. A continuidade de Israel – 9:1b a 34.
B. A extensão e a ordem do povo de Deus – 2:3 a 9:1a - continuação.
Vimos no capítulo 7, as outras tribos facilmente esquecidas que eram: Issacar (vs. 1-5), Benjamim (vs. 6-12), Naftali (v. 13), Manassés (vs. 14-19), Efraim e Manassés (vs. 20-29) e Aser (vs. 30-40).  Agora veremos a tribo de Benjamim.
Benjamim (vs. 1-40).
Dos vs 1 ao 7, podemos comparar essa presente lista de descendentes com as listas encontradas em 7:6-12; Gn 46:21,22; Nm 26:38-44. Seu objetivo aqui é mostrar e apresentar a linhagem de Saul, valendo-se para isso de listagens militares.
Todo desenrolar da história apresentada em Juízes e em Samuel e Reis visaram, de uma certa forma desqualificar a tribo de Benjamim que estava querendo se instalar como a principal tribo da linhagem real dominando sobre seus outros irmãos.
São homens valentes, guerreiros mas que não estavam a eles destinados o reino, no entanto, chegaram, mesmo assim ao poder. Seu máximo exemplo de força foi Saul, no entanto este foi desqualificado devido seu comportamento, desprezo das coisas de Deus, desobediência e valorização muito mais do homem.
Dos versos 8 ao 13, podemos ter a lista dos israelitas que vieram de Moabe originados de Saaraim – I Sm 22:3-5; Rt 1:1-2.
Dos versos de 28 a 40, temos a genealogia que traça a origem dos benjamitas em Gibeão, de Saul – vs 33 e de várias gerações depois dele.
I Cr 8:1 E Benjamim gerou a Belá, seu primogênito, a Asbel o segundo,
                e a Aará o terceiro, I Cr 8:2 A Noá o quarto, e a Rafa o quinto.
                I Cr 8:3 E Belá teve estes filhos: Adar, Gera, Abiúde, I Cr 8:4 Abisua,
                               Naamã, Aoá, I Cr 8:5 Gera, Sefufá e Hurão.
                I Cr 8:6 E estes foram os filhos de Eúde; que foram chefes dos pais
                               dos moradores de Geba, e os levaram cativos a Manaate;
                I Cr 8:7 E Naamá, e Aías e Gera; este os transportou,
                               e gerou a Uzá e a Aiúde.
I Cr 8:8 E Saaraim (depois de os enviar), na terra de Moabe,
                gerou filhos de Husim e Baara, suas mulheres.
                               I Cr 8:9 E de Hodes, sua mulher, gerou a Jobabe, a Zibia,
                                               a Mesa, a Malcã, I Cr 8:10 A Jeuz, a Saquias e a
                                               Mirma; estes foram seus filhos, chefes dos pais.
                I Cr 8:11 E de Husim gerou a Abitude e a Elpaal.
                               I Cr 8:12 E foram os filhos de Elpaal:
                                               Éber, Misã e Semede; este edificou a Ono e a Lode
                                                               e os lugares da sua jurisdição.
                I Cr 8:13 E Berias e Sema foram cabeças dos pais dos moradores
                               de Aijalom; estes afugentaram os moradores de Gate.
I Cr 8:14 E Aió, Sasaque, Jerimote, I Cr 8:15 Zebadias, Arade, Eder,
                I Cr 8:16 Micael, Ispa e Joa foram filhos de Berias.
                               I Cr 8:17 Zebadias, Mesulão, Hizque, Héber,
                                               I Cr 8:18 Ismerai, Izlias e Jobabe, filhos de Elpaal.
                I Cr 8:19 Jaquim, Zicri, Zabdi, I Cr 8:20 Elienai, Ziletai, Eliel,
                I Cr 8:21 Adaías, Beraías e Sinrate, filhos de Simei.
                I Cr 8:22 E Ispã, Éber, Eliel, I Cr 8:23 Abdom, Zicri, Hanã,
                I Cr 8:24 Hananias, Elão, Antotias, I Cr 8:25 E Ifdéias, e Penuel,
                               filhos de Sasaque; I Cr 8:26 E Sanserai, e Searias, e Atalias,
                               I Cr 8:27 E Jaaresias, e Elias e Zicri, filhos de Jeroão.
I Cr 8:28 Estes foram cabeças dos pais, segundo as suas gerações,
                chefes, e habitaram em Jerusalém.
                I Cr 8:29 E em Gibeão habitou o pai de Gibeão;
                               e era o nome de sua mulher Maaca;
                I Cr 8:30 E seu filho primogênito, Abdom; depois Zur, e Quis, Baal,
                               e Nadabe, I Cr 8:31 E Gedor, Aió, e Zequer,
                I Cr 8:32 E Miclote gerou a Siméia; e também estes, defronte de seus
                               irmãos, habitaram em Jerusalém com eles.
                I Cr 8:33 E Ner gerou a Quis, e Quis gerou a Saul;
                               e Saul gerou a Jônatas, a Malquisua, a Abinadabe,
                                               e a Esbaal.
                I Cr 8:34 E filho de Jônatas foi Meribe-Baal;
                               e Meribe-Baal gerou a Mica. I Cr 8:35 E os filhos de Mica
                                               foram: Pitom, Meleque, Tareá, e Acaz.
                I Cr 8:36 E Acaz gerou a Jeoada; e Jeoada gerou a Alemete,
                               e a Azmavete, e a Zinri; e Zinri gerou a Moza,
                I Cr 8:37 E Moza gerou a Bineá, cujo filho foi Rafa,
                               de quem foi filho Eleazá, cujo filho foi Azel.
                I Cr 8:38 E teve Azel seis filhos, e estes foram os seus nomes:
                               Azricão, Bocru, Ismael, Searias, Obadias, e Hanã;
                                               todos estes foram filhos de Azel.
                I Cr 8:39 E os filhos de Ezeque, seu irmão:
                               Ulão, seu primogênito, Jeús o segundo e Elifelete o terceiro.
                I Cr 8:40 E foram os filhos de Ulão homens heróis, valentes,
                               e flecheiros destros; e tiveram muitos filhos, e filhos de filhos,
                                               cento e cinqüenta;
                                                               todos estes foram dos filhos de Benjamim.
A razão mais forte desse controle todo das genealogias de todos os povos de todas as tribos que asseguram confiança é para preservação da geração de Judá, quarto filho de Jacó, de onde viria o Messias.
Toda a Escritura existe para apontar ao final para Cristo ao qual também convergem todas as coisas para a glória de Deus!
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 340 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br
...

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

I Cr 7:1-40 - O CRONISTA BÍBLICO CONTINUA FALANDO DAS GENEALOGIAS ATÉ O CAPÍTULO 9

Estamos no capítulo 7 e até o capítulo 9, estaremos na:
Parte I – AS GENEALOGIAS DO POVO DE DEUS – 1:1 a 9:34.
Estamos vendo - nesta primeira parte, como já temos insistido mesmo para fixação -, que além de revelarem os privilégios e as responsabilidades daqueles que regressaram do exílio e explicar a eleição e a organização do povo de Deus ao longo da História, elas – as genealogias do povo de Deus - também estariam preservando, de certa forma, a mensagem messiânica originada lá em Gn 3:15 quando Deus falou à serpente.
A Parte I, como já vimos, foi dividida em três: A. As raízes de Israel – 1:1 a 2:2 – já vista. B. A extensão e a ordem do povo de Deus – 2:3 a 9:1a – estamos dando continuidade a ela. C. A continuidade de Israel – 9:1b a 34.
B. A extensão e a ordem do povo de Deus – 2:3 a 9:1a - continuação.
Veremos no capítulo 7, as outras tribos facilmente esquecidas que agora são incluídos relatos curtos: Issacar (vs. 1-5), Benjamim (vs. 6-12), Naftali (v. 13), Manassés (vs. 14-19), Efraim e Manassés (vs. 20-29) e Aser (vs. 30-40).
Issacar (vs. 1-5).
O registro de Issacar provavelmente foi extraído de Gn 46.13; Nm 1.28; 26.23-25. É bem possível que algumas partes do texto sejam provenientes de listas militares (1Cr 7.2,4-5).
Quanto ao número de homens aptos para lutar, parece exagerado, mas pode ser explicado ou por uma questão de figura de linguagem, uma hipérbole, ou por questões do idioma no qual a palavra mil designaria “chefes” ou designaria algo menor do que mil.
Benjamim (vs. 6-12).
Sobre Benjamim, o cronista volta às tribos de Benjamim em 8.1-40 a fim de apresentar a linhagem de Saul, valendo-se para isso de listagens militares (vs. 7,9,11). Quanto ao número de homens aptos para lutar, temos de considerar a mesma observação feita acima com relação aos homens de Issacar.
Naftali (v. 13).
Essa lista apresenta uma repetição das informações encontradas em Gn 46:24 e Nm 26:48 a 50.
Manassés (vs. 14-19).
Manassés tinha sido citada em 5:23 a 26 onde constava que a sua infidelidade tinha resultado em retribuição divina pela qual eles tinham sido exilados.
É muito provável que grande parte desse material tenha sido extraído de Nm 26:29 a 34 e Js 17:1 a 18.
Efraim e Manassés (vs. 20-29).
O interesse duplo do cronista pela linhagem e pela geografia volta a aparecer como forma de manter a unidade no pós-exílio.
Ele acompanha a linhagem de Efraim até Josué, filho de Num – vs 20 a 27 -, uma informação que possivelmente foi extraída em grande  parte de Nm 26:35.
Em seguida, apresenta uma lista representativa, provavelmente derivada de Js 16-17, dos territórios de Efraim – vs 28,29.
Aser (vs. 30-40).
Aqui o cronista se baseia em Gn 46:17 e Nm 26:44 a 46 para relacionar as gerações de Aser – vs 30-39. Quanto ao número de homens aptos para a luta, vale a mesma observação já feita para Issacar e para Benjamim.
I Cr 7:1 E quanto aos filhos de Issacar, foram:
                Tola, Pua, Jasube e Sinrom, quatro.
                I Cr 7:2 E os filhos de Tola foram:
                               Uzi, Refaías, Jeriel, Jamai, Ibsão e Semuel,
                                               chefes das casas de seus pais, descendentes de Tola,
                                                               homens valentes nas suas gerações;
                               o seu número, nos dias de Davi,
                                               foi de vinte e dois mil e seiscentos.
                I Cr 7:3 E o filho de Uzi: Izraías; e os filhos de Izraías foram:
                               Mical, Obadias, Joel e Issias; todos estes cinco chefes.
                I Cr 7:4 E houve com eles nas suas gerações,
                               segundo as suas casas paternas, em tropas de guerra,
                                               trinta e seis mil; porque tiveram muitas mulheres
                                                               e filhos.
                I Cr 7:5 E seus irmãos, em todas as famílias de Issacar,
                               homens valentes,
                                               foram oitenta e sete mil, todos contados
                                                               pelas suas genealogias.
I Cr 7:6 Os filhos de Benjamim foram:
                Belá, e Bequer, e Jediael, três.
                I Cr 7:7 E os filhos de Belá: Esbom, e Uzi, e Uziel, e Jerimote, e Iri,
                               cinco chefes da casa dos pais, homens valentes que foram
                                               contados pelas suas genealogias,
                                                               vinte e dois mil e trinta e quatro.
                I Cr 7:8 E os filhos de Bequer:
                               Zemira, Joás, Eliezer, Elioenai, Onri, Jerimote, Abias,
                               Anatote, e Alemete; todos estes foram filhos de Bequer.
                I Cr 7:9 E foram contados pelas suas genealogias,
                               segundo as suas gerações, e chefes das casas de seus pais,
                                               homens valentes, vinte mil e duzentos.
                I Cr 7:10 E foi o filho de Jediael, Bilã; e os filhos de Bilã foram Jeús,
                               Benjamim, Eude, Quenaaná, Zetã, Társis e Aisaar.
                I Cr 7:11 Todos estes filhos de Jediael foram chefes das famílias dos
                               pais, homens valentes, dezessete mil e duzentos,
                                               que saíam no exército à peleja.
                I Cr 7:12 E Supim, e Hupim, filhos de Ir, e Husim, dos filhos de Aer.
                               I Cr 7:13 Os filhos de Naftali: Jaziel, e Guni, e Jezer,
                                               e Salum, filhos de Bila.
I Cr 7:14 Os filhos de Manassés:
                Asriel, que a mulher de Gileade gerou (porém a sua concubina,
                               a síria, gerou a Maquir, pai de Gileade;
                I Cr 7:15 E Maquir tomou a irmã de Hupim e Supim por mulher,
                               e era o seu nome Maaca), e foi o nome do segundo Zelofeade;
                                               e Zelofeade teve filhas.
                I Cr 7:16 E Maaca, mulher de Maquir, deu à luz um filho,
                               e chamou-o Perez; e o nome de seu irmão foi Seres;
                                               e foram seus filhos Ulão e Raquém.
                I Cr 7:17 E o filho de Ulão, Bedã; estes foram os filhos de Gileade,
                               filho de Maquir, filho de Manassés.
                I Cr 7:18 E quanto à sua irmã Hamolequete, teve a Is-Hode,
                               a Abiezer, e a Maalá.
                I Cr 7:19 E foram os filhos de Semida: Aiã, Siquém, Liqui, e Anião.
I Cr 7:20 E os filhos de Efraim:
                Sutela, e seu filho Berede, e seu filho Taate, e seu filho Elada
                               e seu filho Taate.
                I Cr 7:21 E seu filho Zabade, e seu filho
                               Sutela, e Ezer, e Elade; e os homens de Gate,
                               naturais da terra, os mataram, porque desceram
                                               para tomar os seus gados.
                I Cr 7:22 Por isso Efraim, seu pai, por muitos dias os chorou;
                               e vieram seus irmãos para o consolar.
                I Cr 7:23 Depois coabitou com sua mulher, e ela concebeu,
                               e teve um filho; e chamou-o Berias;
                                               porque ia mal na sua casa.
                I Cr 7:24 E sua filha foi Seerá, que edificou a Bete-Horom,
                               a baixa e a alta, como também a Uzém-Seerá.
                I Cr 7:25 E foi seu filho Refa, e Resefe, de quem foi filho Tela,
                               de quem foi filho Taã, I Cr 7:26 De quem foi filho Ladã,
                               de quem foi filho Amiúde, de quem foi filho Elisama,
                               I Cr 7:27 De quem foi filho Num, de quem foi filho Josué.
                I Cr 7:28 E foi a sua possessão e habitação Betel
                               e os lugares da sua jurisdição; e ao oriente Naarã,
                                               e ao ocidente Gezer e os lugares da sua jurisdição,
                                               e Siquém e os lugares da sua jurisdição,
                                                               até Gaza e os lugares da sua jurisdição;
                I Cr 7:29 E do lado dos filhos de Manassés, Bete-Seã
                               e os lugares da sua jurisdição, Taanaque e os lugares da sua
                                               jurisdição, Megido e os lugares da sua jurisdição,
                               Dor e os lugares da sua jurisdição;
                                               nestas habitaram os filhos de José, filho de Israel. I
Cr 7:30 Os filhos de Aser foram:
                Imná, Isvá, Isvi, Berias, e Sera, irmã deles.
                I Cr 7:31 E os filhos de Berias: Héber e Malquiel;
                               este foi o pai de Birzavite. I Cr 7:32 E Héber gerou a Jaflete,
                                               e a Somer, e a Hotão, e a Suá, irmã deles.
                I Cr 7:33 E foram os filhos de Jaflete:
                               Pasaque, e Bimal e Asvate; estes foram os filhos de Jaflete.
                I Cr 7:34 E os filhos de Semer:
                               Ai, Roga, Jeubá, e Arã.
                I Cr 7:35 E os filhos de seu irmão Helém:
                               Zofa, e Imna, e Seles, e Amal.
                I Cr 7:36 Os filhos de Zofa:
                               Suá, e Harnefer, e Sual, e Beri, e Inra, I Cr 7:37 Bezer, Hode,
                                               Samá, Silsa, Itrã, e Beera.
                I Cr 7:38 E os filhos de Jeter: Jefoné, Pispa e Ara.
                I Cr 7:39 E os filhos de Ula: Ará e Haniel e Rizia.
                               I Cr 7:40 Todos estes foram filhos de Aser, chefes das casas
                                               paternas, homens escolhidos e valentes,
                                                               chefes dos príncipes, e contados nas suas
                                                               genealogias, no exército para a guerra;
                               foi seu número de vinte e seis mil homens.
Vimos aqui no capitulo 7 esses descendentes de Issacar, Benjamim, Manassés, Efraim e Aser. Veremos no 8, apenas os descendentes da tribo de Benjamim. E n 9, os habitantes de Jerusalém depois do cativeiro.
Nem era para existir o cativeiro! Tudo por causa da desobediência do povo em seguir instruções claras e já abençoadas com a vitória! Era como entrar num jogo sabendo do resultado ao final: vitória mais do que certa! No entanto, o time de Israel vacilou e fez alianças com quem não devia e rejeitaram ao Senhor, por isso, como resultado, o exílio.
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 341 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br
...