sábado, 7 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 993 dias! Aleluias!

 

TEMA:  Gênesis!

 

A temática de hoje aborda um conflito que se iniciou há muito tempo, na verdade quando o homem e a mulher foram criados à imagem e à semelhança de Deus. "Adão e Eva demonstraram a sua fidelidade a Satanas ao distorcer a verdade, acusando um ao outro e, finalmente, acusando Deus (tg 1:13) Os esforços deles para esconder  o pecado apenas os expôs." (BEG).

 

O homem se queixa de sua mulher e a acusa e dela faz cobranças em cima de cobranças. A mulher se queixa do marido e o acusa e dele faz cobranças e mais cobranças. Um acusando o outro e trocando insultos, ofensas, acusações. Até parece que estão em guerra!

 

Com o aperfeiçoamento tecnológico são usados os emails, os SMS, mensagens de todo tipo com acusações e cobranças. Ele se acha certo e com razão. Ela também se acha certíssima e com razão. Ambos com razão e o carro de ambos indo para uma colisão terrível, uma tragédia que poderá não ter fim, ou melhor, um final terrível: a morte do relacionamento.

 

Esquecem os casais que não estão numa disputa, mas são um time. Um jogando contra o outro e jogo duro. O que seria mais importante num trânsito, manter a sua razão e deixar o carro bater ou se conter e evitar a batida? E numa competição em que ambos jogam no mesmo time, quem é o adversário? Um ao outro devemos ajudar e não eliminar ou matar.

 

Palavras muito duras podem trazer feridas mais sérias do que uma bala perdida! E o que dizer dos ciúmes? Você olhou que eu vi! Eu não olhei não, você é que não está vendo direito. Pensa que eu não notei o mole que você estava dando para ele? Um desconfiado do outro e com uma imaginação tendenciosamente malígna, para onde caminhará essa relação?

 

Ameaças, insultos, provocações, apatia, indiferença, grosseria, estupidez, ignorância, violência, desprezo, medo, ciúmes, muita cobrança, ... de onde provêm tais coisas? Disse Jesus que é dos nossos corações que procedem tais coisas, pois ele está contaminado pelo pecado e nossa boca fala do que ele está cheio.  E nossa mente é ocupada com que pensamentos?

 

Tanto o homem quanto a mulher são responsáveis pela manutenção da paz e da harmonia em seus casamentos. Homem, tome cuidado, pois a tua esposa é comparada a Igreja pela qual Jesus deu a sua vida por ela. Como é que você está tratando a sua igreja? E você mulher, também tome cuidado, pois se tu és a igreja com quem se compara o seu marido? E como você o está tratando?

 

Hoje é muito fácil resolver conflitos nos casamentos: é só largar o cônjuge e partir para outro abençoado. Eu sinto muito, mas nem Jesus nem a Igreja abandonariam um ao outro para irem atrás de outro Jesus e de outra Igreja. Se você pensa assim, acho que seria bom você repensar as coisas.

 

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:

Ø       Estou na página 16/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.

Ø       Estou na pág. 107/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.

 

A Deus toda a glória!

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.