quarta-feira, 11 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 989 dias! Aleluias! 18.628 dias de vida!


TEMA:  Gênesis! – OBRIGADO SENHOR!.

OBRIGADO SENHOR! O meu dia de hoje começou com uma grande bênção especial, pois faço hoje 18.628 dias de vida! A palavra do Senhor para mim, logo de manhã, em meu Fiat Uno Mile Fire, ao vir para meu serviço honrar e servir ao Senhor, foi poderosa.

Bênçãos sem medidas têm prometido o Senhor a todos os que derem ouvidos à sua voz, por isso não devemos ser negligentes à voz do Senhor. Tem gente que tem dificuldades ou medo de se relacionar com Deus e não ouvem a sua voz mansa e delicada, sempre amorosa.

Repetiu o Senhor várias vezes para mim: tenha um coração agradecido, pois tenho cuidado e irei cuidar de ti cada vez mais. Eu resolvi então adotar uma atitude mental favorável à Palavra de Deus e disciplinar minha mente para viver em constante gratidão a ele: OBRIGADO SENHOR!

Irmãos amados, em minha leitura de hoje, me deparei com o Deus Jeová que tudo cuida e faz para nós. Reparem na vida de Noé: a partir do relato que se encontra em Gênesis 6, 7 e 8, irei fazer algumas considerações baseadas nos comentários da Bíblia de Estudo de Genebra. E o que é para repararmos?

Glórias a Jesus! No dia 10/02/600 (lê-se: aos 10 dias do segundo mês do ano 600 da vida de Noé), vs 4, Deus disse para Noé ENTRAR na arca que dentro de 7 dias ele iria fazer chover. No dia 17/02/600 (dia 007/407) começa então copiosa chuva sobre a terra por 40 dias (quarenta é um número simbólico que  representa a introdução de uma nova era e foi o que aconteceu na vida de Noé, de Moisés – Ex 24:18, de Elias – I Re 19:8 e Cristo – At 1:3, etc...). O predomínio das águas durou por 150 dias.

A ordem foi dada por Deus: “entra... porque reconheço que tens sido justo diante de mim no meio desta geração.” – vs 1. No verso 16 ,diz a Palavra de Deus que “...e o Senhor FECHOU a porta após ele”. O Senhor manda entrar, fecha a porta: ele é o Deus de Is 64:4 que trabalha por aqueles que nele esperam.

Depois, em 17/07/600 (dia 157/407), a arca repousou no monte Ararate – vs 4. Esta é a região da antiga Urartu, mas também chamada de Armênia, agora parte leste da Turquia, sul do Azerbaijão e noroeste do Irã. Neste dia foi o fim do predomínio das águas. No dia 01/10/600 (dia 230/407), apareceram os cimos dos montes e Noé solta um corvo e uma pomba – vs 5. Diz  a palavra que depois de 40 dias (dia 270/407) Noé abriu a janela e soltou o corvo. 7 dias depois (dia 277/407), soltou a pomba e ela voltou a tarde trazendo no bico uma folha de oliveira. Depois de mais 7 dias (dia 284/407) solta a pomba novamente, mas esta não volta mais.

O dia em que a terra secou foi em 01/01/601 (dia 321/407), mas somente 86 dias depois no dia 27/02/601 (dia 407) é que a terra estava verdadeiramente seca e ai Deus disse para ele sair da arca e lhes deu ordens para serem fecundos e se multiplicarem.

Se fizermos as contas direitinho, veremos que do dia em que Deus disse: “entra” até o dia em que disse “sai”, decorreram-se exatos 407 dias (ou 13 meses e 17 dias, ou 1 ano, 1 mês e dezessete dias). O Senhor mandou entrar, fechou a porta e agora mandou sair. De fato, ele é o Deus de Is 64:4 que trabalha por aqueles que nele esperam. Tudo é feito e controlado por Deus.

Eu realmente tenho de viver o restante de meus dias aqui nesta face da terra dizendo: OBRIGADO SENHOR! A arca deve ter levado uns 120 anos para ficar pronta. Como o dilúvio começou quando Noé tinha 600 anos e como ele teve Sem, Cam e Jafé com 500 anos, logo Deus deve ter falado com ele quando ele tinha uns 480 anos de idade. Ver Gn 6:3 que provavelmente representa o tempo dessa proclamação de Deus até o dilúvio em 600 da vida de Noé.

Noé vivia pela fé – Hb 11:7 – “... assim fez Noé ...” o vs 22 enfatiza a sua fé. Deve ter havido um esforço e investimento sem medidas para concluir seu plano de construção do barco. Ele deve ter trabalhado muitos anos cortando a imensa quantidade de madeira, transportando para o local certo e unindo as enormes pranchas. Deve ter gasto uma fortuna para construir, abastecer o barco de alimentos suficientes e variados para tão grande número de pessoas e animais.

Hoje entendemos que o dilúvio é um tipo de batismo cristão – I Pe 3:20,21. A saída do povo da aliança da arca pode ser vista como o surgimento desse povo das águas da morte para uma nova vida – Jo 5:28-29; 11:43-44 e Rm 6:3-5. Noé e família prefiguram a nova humanidade que prevalecerá sobre o mal – Ap 21:7.

OBRIGADO SENHOR! Deus tudo faz por nós, porque então desesperarmos com os cuidados do dia a dia? Eu sei que há tantos problemas que parecem querer nos devorar. Hoje mesmo ao chegar aqui em meu trabalho logo me deparei com um enorme email relativo a problemas familiares. Se não fosse Deus falar comigo para eu ser agradecido, teria me desesperado, no entanto, agora estou em total paz, a paz do Senhor. Aleluias!

Reforço o final da mensagem de ontem: “a Bíblia fala que o fim virá e que será como nos dias de Noé. Hoje Noé é a igreja que proclama que Jesus está voltanto. Jesus é o barco. Enquanto ainda há tempo, suba para o barco e encontre segurança para não ser destruido pelo dilúvio.

OBRIGADO SENHOR!

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 24/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 135/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
A Deus toda a glória!

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.