domingo, 15 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 985 dias! Aleluias!


TEMA:  Gênesis! – Deus É!

Deus irá me ajudar! Pois, hoje estarei, pela manhã, lecionando na EBD da "Primeirona", na disciplina: CONHEÇA A SUA IGREJA e a noite estarei pregando a Palavra de Deus na Congregação Presbiteriana do Riacho Fundo II.

Em minhas leituras de hoje, deparei-me com um pensamento de Nietzche de que se existe um ponto de vista absoluto, por meio da visão de Deus, a vida e a história têm significado? E o que é verdade? Realmente, sem Deus o mundo deixa de ter coerência e sentido e a nossa própria inteligência perde o sentido. Tudo fica sem sentido, sem lógica, sem coerência.

Urge prestarmos mais atenção às coisas que valorizamos. Por exemplo o amor. O que é e o que significa o amor num mundo onde não há Deus? Tratar-se-ia de uma simples palavra de 4 letras sem qualquer sentido próprio e objetivo. Poderia para mim o amor ser o ato de eu usar de meu próximo sem qualquer escrúpulo.

Sem Deus, nós estamos perdidos dentro de nossos pensamentos. O que significa mãe, pai, irmão, amigo dentro de um contexto de um mundo abandonado a si mesmo e desprovido de qualquer significado? Cada ser humano seria e manteria um relacionamento com outro apenas enquanto o outro lhe fosse útil no sentido de lhe assistir em suas necessidades.

É como Fiódor Dostoiévski disse em seu romance OS IRMÃOS KARAMAZOV na pessoa do intelectual Ivan que articulou a morte de seu pai pelas mãos de seu irmão Dimitri. Se Deus não existe, tudo é permitido! Estando eu com fome, sede, desejos sexuais e havendo como satisfazer-me o que me impede de eu matar, roubar, trair, etc?

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
Ø       Estou na página 32/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
Ø       Estou na pág. 162/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
Ø       Estou na pág. 26/545, do livro HÁ´UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.

A Deus toda a glória!

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.