domingo, 27 de dezembro de 2009

365 dias de propósito! Dia 159/365



Minha LBH:Terminei o livro de Jó. Quanto ao livro CRIAÇÃO E CONSUMAÇÃO - Volume 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador, de Gerard Van Groningen (título do original em inglês: FROM CREATION TO CONSUMMATION). Editora Cultura Cristã – estou na página 075/656. Quanto às Institutas de João Calvino, parte III, que estou ouvindo (utilizo o TextAloud 2.303, da http://www.nextup.com/, com voz Loquendo Felipe – Brasilian  Portuguese) em meu Nokia - N95, geralmente em meu UNO: estou em 17h09m05s/25h56m37s.

"... e o Senhor aceitou a oração de Jó" (Jó 42:9).

"Mudou o Senhor a sorte de Jó, quando este orava pelos seus amigos..." (Jó 42:10). Meu amigo e meu irmão de pouco proveito será você correr a corrida sem observar as regras. Você pode até chegar na frente, mas será punido pelas regras e não receberá o devido prêmio. Em nossa corrida da vida, negligenciar o seu Autor e Criador é, no mínimo, insensatez que trará consigo as suas devidas consequências.

Deus existe! Revelou-se nas coisas criadas e nas Escrituras e agora nem você nem eu temos desculpas. Gostei da forma como Gerard Van Groningen apresenta as Escrituras e a coloca em papel de superioridade na revelação divina. Este Deus, Criador, exige que nós confiemos nele e não abre mão disso por nada. A confiança nele é como se fosse uma porta que está posta diante de ti. Se você entrar por ela, tudo te irá bem; se a rejeitares, será igualmente rejeitado.

Se temos por Deus ao Senhor. Se o conhecemos como o Deus Criador, Soberano, Sábio e Bom que está no controle de todas as coisas, tanto as visíveis quanto as invisíveis, temos de gastar mais tempo de nossas vidas em oração. Tempos atrás eu meditava com os irmãos que Deus usa vaso e vaso vazio; vaso cheio não serve, mas vazio para que a excelência do poder seja toda de Deus.

Eu descobri que somente conseguimos esvaziar o vaso se o enchermos. Sim, se o enchermos de leitura bíblica, contemplativa e meditativa em suas santas Escrituras; se o enchermos com orações, jejuns e lágrimas; se o enchermos com o perdão e com todas as coisas concernentes ao Reino de Deus e a sua Justiça. O vaso de Deus, vaso de Deus vazio que Deus usa tem de estar cheio. Aleluias!

Irmãos, não é somente gastar mais tempo de qualidade de nossas vidas em oração, mas em tudo o que diz respeito às coisas do Reino de Deus e de sua Justiça. O jamais desista é, em parte, um pouco disso, pois sou como que obrigado a todos os dias alimentá-lo com essa buca incessante das coisas de Deus. Por conta disso, tenho minha vida regular de oração, de leitura bíblica, de leitura de bons livros evangélicos, de meditação e de escrita, etc. Deixar todos os dias uma mensagem autêntica buscando o meu melhor não é tarefa fácil, mas Deus dá graça.

Ao orar hoje em meu período diário de oração eu falava com Deus: como nós iremos Senhor alcançar 20.000 almas este ano para ti? Ajude meu filho que tem um propósito desse junto com seus amigos. A resposta divina para mim foi clara:  o mundo não está abandonado nem entregue ao acaso. Dando eu o sonho, não daria eu a sua concretização? Eu não tenho que ganhar 20.000 almas, nem 200 mil ou 2 milhões, ou ainda apenas 2 almas. Meu foco deve ser que eu seja dele, do Senhor, instrumento de valor, vaso vazio (cheio das coisas de Deus!).

Senhor, visita-nos no dia de hoje de uma forma especial não deixando nem permitindo que sejamos tratados conforme as nossas loucuras (Jó 42:8). A Deus toda a glória!

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.