segunda-feira, 10 de agosto de 2009

365 dias de propósito! Dia 20/365

A LB de hoje foi até Ex 9:35. Nessa leitura, já estamos no estudo das 10 pragas que assolaram o Egito.
 
Nas palavras de Russel Shedd:
 
  • “Cada praga era anunciada de antemão;
  • Posta em prática pela rebelião do homem; e,
  • Retirada ao primeiro sinal da conversão do mesmo.
 
Sinceramente falando, estou inclinado a rever esse propósito por causa dos finais de semana, feriados, viagens (a serviço, encontro de casais, férias). A idéia seria continuar com os 365 dias, mas não fazê-los corresponderem, obrigatoriamente, com os dias do ano. Por enquanto, estou fazendo o possível para manter essa correspondência. A minha intenção não é transformar esse período num pesadelo ou numa obrigação tão rígida que venha a passar por cima de tantas outras coisas muito importantes. Não quero fazer sacrifícios de tolos, mas buscar a Deus, seu Reino e a sua Justiça. Embora o propósito, para fins de registro e testemunho futuro, seja de 365 dias, minha intenção, secreta, é de torná-lo perpétuo e ainda mais abrangente para ter mais tempo para orar, para a LB e para a meditação, estudo e escrita.
 
Um propósito desses não pode ser peso para nossa alma carregar, nem tão pouco ser uma espécie de talismã que vai aumentar nosso poder e nos desviar do mal, nem se constituir num amuleto que apresentamos à divindade querendo aplacar a sua ira contra nossas astúcias, nem um apaziguador de consciências, mas tem de ser um momento especial de renovação de vida, de forças espirituais, de comunhão e de adoração ao Criador, bendito para todo o sempre, e, portanto, desejado, sonhado, esperado.
 
As nossas tarefas cotidianas e a pressa desse mundo moderno, globalizado e de resultados imediatos, não podem sufocar nosso momento de intimidade e de aproximação com o Senhor. Também não devemos levar essas coisas em nossa cabeças quando vamos praticar o nosso devocional diário. Se desprezamos esses momentos, seremos, certamente, desprezados. Senhor, ensina-me a te adorar e a te buscar sempre! Revela-te a mim e me instrui. Faze-me sábio nas coisas celestiais e que em meus lábios jamais falte uma palavra de alento e de exortação ao meu próximo a fim de que nossa fé aumente dia a dia.
 
A Deus toda a glória!
 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.