domingo, 11 de julho de 2010

365 dias de propósito! Dia 355/365 – faltam 10 dias!

TEMA: Como nos comportarmos até a vinda do Senhor 2 – Tg 5:7-11


Faltam somente 10 dias para eu concluir este meu propósito abençoado! Meu Deus me deu a graça de ser fiel e já estou chegando lá. Não foi fácil em muitas vezes, mas o azeite não faltou porque não faltou vasilha vazia para ele enchê-la. Deus somente enche vasilhas vasias. A vasilha cheia não pode ser usada, mas a vazia, ele usa. Enquanto, meu filho, tu fores vasilha vazi, eu te usarei para a minha glória.

 

Estávamos falando de paciência, não da paciência diante do sofrimento, mas da paciência do lavrador e de que o coração do lavrador deveria também estar firme, fortalecido na esperança, pois já as primeiras chuvas dão sinais de que estão por vir as últimas. Que dia maravilhoso será o dia do Senhor quando ele surgir e vier a nós como prometeu.

 

Os homens ficarão pasmos, sem entenderem, confusos, mas os crentes fiéis se rejubilaram e saltearão de alegria e louvarão ao Senhor, pois vinda é a sua pessoa e o seu reino. Devemos aguardar o dia da vinda do Senhor com expectativa ardente, como se fosse ocorrer a qualquer momento. A morte é o evento mais certo para todo ser vivente, assim, para o crente deve ser também a vinda do Senhor: a qualquer momento!

 

Quem é paciente e está fortalecido não vai viver se queixando uns dos outros, pois sabe que a vinda de seu Senhor está próxima. Será que eu não tenho motivos de queixas para com meu irmão e ele para comigo? Certamente que sim, mas não é isso que diz a palavra de Deus, se temos ou não motivos, mas que deixemos de lado tais questões e demandas contra os nossos irmãos.

 

A palavra de Deus está nos pedindo para sublimarmos, isto é, desprezar as queixas, controvérsias, intrigas de nós para com os outros e vice-versa por causa da excelência que nos está reservado no encontro breve com o Senhor! Se o outro se queixa e nós revidamos ou vice-versa nós estamos fora do propósito de Deus e rebeldes ao seu Espírito Santo.

 

Muitos irão estufar o peito e se achar os donos da razão. Eu estou certo em minhas queixas, pois este meu irmão é um nó-cego! Eu tenho razão! Qual é o mais sensato o que evita uma batida de carro ou o que passa por ela porque estava certo e cheio de razão? Se você se julga melhor do que o seu irmão, cuidado com o orgulho e a jactância. Diz-nos a palavra de Deus que seremos julgados na mesma medida com que tivermos julgado ao nosso irmão e ainda que se nos acrescentará! Cuidado, pois!


Continuo amanhã....

A Deus toda a glória!

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.