quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

TEMA: Criação, Queda, Redenção e Consumação! - 114 - Faltam 450 dias para 26/04/13 e 861 dias para a Copa

Há uma inimizade plantada por Deus entre a serpente e a mulher por causa dos descendentes dela da serpente e por causa do descendente da mulher, Cristo. 
Porei inimizade
entre ti e a mulher,
entre a tua descendência e o seu descendente.
Este te ferirá a cabeça, e
tu lhe ferirás o calcanhar.(Gn 3:15).
Quem fala do descendente, e não da descendência, é Paulo em Gálatas. Vejamos!
Gálatas 3:16 Ora, as promessas foram feitas a Abraão e ao seu descendente. Não diz: E aos descendentes, como se falando de muitos, porém como de um só: E ao teu descendente, que é Cristo.
Gálatas 3:17 E digo isto: uma aliança já anteriormente confirmada por Deus, a lei, que veio quatrocentos e trinta anos depois, não a pode ab-rogar, de forma que venha a desfazer a promessa.
Gálatas 3:18 Porque, se a herança provém de lei, já não decorre de promessa; mas foi pela promessa que Deus a concedeu gratuitamente a Abraão.
Gálatas 3:19 Qual, pois, a razão de ser da lei? Foi adicionada por causa das transgressões, até que viesse o descendente a quem se fez a promessa, e foi promulgada por meio de anjos, pela mão de um mediador.
Gálatas 3:20 Ora, o mediador não é de um, mas Deus é um.
O que o apóstolo Paulo fala é claro sobre o descendente, o mediador e se confirma com o que Deus diz à serpente não falando da descendência da mulher, mas de seu descendente, o Cristo. É Cristo quem esmaga a cabeça da serpente e por ela é ferido em seu calcanhar.
Os eventos da história bíblica depois daquela fala de Deus à serpente, a Eva e a Adão até o cumprimento da palavra de Deus sobre o descendente, é a história do AT. É a história da descendência da serpente indo atrás do descendente para o matar, para o destruir, para o ferir em seu calcanhar. Ela, a serpente, alcança seu objetivo na cruz do calvário, mas é pisada em sua cabeça com a ressurreição de Cristo.
II Timóteo 2:8 Lembra-te de Jesus Cristo, ressuscitado de entre os mortos, descendente de Davi, segundo o meu evangelho;
O descendente é um: Cristo Jesus! Mas a descendência de Deus, o Pai, são milhares, milhões, bilhões, porque em Cristo Jesus nasce a igreja lavada e remida no sangue de Jesus, não gerada da vontade de varão algum, nem da vontade da carne, nem do sangue, mas feitos filhos de Deus, por intermédio do Filho de Deus.
O descendente não gerou uma descendência a partir dele com sua união com uma mulher. O descendente morreu virgem, sem gerar nenhum filho seu. No entanto, Deus lhe deu uma descendência e a chamou de igreja que abrange, na história, não somente os filhos que vieram depois de Cristo, mas de todos os tempos.
Vamos Amanhã, prosseguiremos...
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.