sexta-feira, 18 de junho de 2010

365 dias de propósito! Dia 332/365

TEMA: O Perigo da Rejeição do Conhecimento de Deus 5 – Rm 1:18-32
Ontem tivemos nossa reunião da Arca da Aliança com casa cheia e irmão sedentos de Deus. Quem pregou foi meu filho Gabriel que Deus está levantando no meio dessa geração de pessoas que estão perdendo o seu referencial e indo após as ilusões dessa vida e deste mundo.
 
O tema de sua reflexão foi a sabedoria, mas não a sabedoria deste mundo e sim a que vem do alto, do Pai das Luzes a qual é mais valorosa do que riquezas e honras. Em Tiago, a Bíblia nos diz que Deus dá a sabedoria liberalmente e nada lhes impropera, bastando apenas pedi-la a Deus.
 
Necessitamos de sabedoria para tomarmos tantas decisões. Todas as vezes que a rejeitamos, poderemos nos dar mal ou alongamos a nossa jornada que ao invés de 40 dias, podem nos levar a 40 anos de peregrinação, como aconteceu com o povo de Israel quando foi libertado por Deus e conduzido por Moisés através do deserto em direção a Canaã.
 
Rejeitar a sabedoria não é um ato de sabedoria. Com certeza, depois, iremos clamar, mas ai será tarde. Como dizem as Escrituras:
 
Entretanto, porque eu clamei e recusastes; e estendi a minha mão e não houve quem desse atenção, Antes rejeitastes todo o meu conselho, e não quisestes a minha repreensão, Também de minha parte eu me rirei na vossa perdição e zombarei, em vindo o vosso temor. Vindo o vosso temor como a assolação, e vindo a vossa perdição como uma tormenta, sobrevirá a vós aperto e angústia.  Então clamarão a mim, mas eu não responderei; de madrugada me buscarão, porém não me acharão. Porquanto odiaram o conhecimento; e não preferiram o temor do SENHOR:  Não aceitaram o meu conselho, e desprezaram toda a minha repreensão. Portanto comerão do fruto do seu caminho, e fartar-se-ão dos seus próprios conselhos. Porque o erro dos simples os matará, e o desvario dos insensatos os destruirá. Mas o que me der ouvidos habitará em segurança, e estará livre do temor do mal.” (Pv 1: 24 a 33).
 
Ainda há muitos jovens. Mais de 7000 que não dobraram seus joelhos a Baal e que se conservam diante de Deus e crêem que há um Deus que com eles se relaciona, estes estão seguindo o caminho contrário da rejeição e o resultado será outro, pois Deus não os entregará a si mesmos, mas o Espírito Santo será o guia deles.
 
Em nossa meditação, ficamos com as conclusões que:
 
TODOS OS HOMENS TÊM CONHECIMENTO DE DEUS!
TODOS OS HOMENS TÊM CONHECIMENTO DA JUSTIÇA DE DEUS!
TODOS OS HOMENS SÃO ADORADORES DE ALGO OU DE ALGUMA COISA!
 
Agora, a pergunta chave em relação a proclamação dessas verdades é: o que faremos com ela? O que faremos com o fato de que conhecemos a Deus, sua justiça e adoramos algo? O que nos diz a sabedoria para podermos seguir os seus conselhos evitando depois o lamento da sua rejeição?
 
Aqui eu vou entrar com algo novo ao qual eu vou chamar de PROCESSO DE IDENTIFICAÇÃO DE MAUS PENSAMENTOS. É somente didático e visa nos ajudar a não ficarmos entregues a nós mesmos. Segundo Augusto Cury há uma técnica, criada por ele, chamada de D.C.D. (Duvide, Critique e Determine) para reeditar a memória e resgatar a liderança de nossos próprios sentimentos. Amanhã, irei dar prosseguimento.
 
A Deus toda a glória!
 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.