quarta-feira, 18 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 982 dias! Aleluias!

TEMA:  Gênesis! – Jamais Desista!
 
Jamais Desista de ser crescer na graça e no conhecimento de Cristo Jesus!
 
A nossa vida não é fácil e quando pensamos que está tudo bem, não está e ai ficamos bem aborrecidos.
 
Meu amigo, se a minha sinceridade fosse a minha parceira em minha cama, eu desconfiaria dela e a temeria. Na verdade,  eu desconfio da minha própria sinceridade, mesmo quando me pareço profundamente sincero.
 
Aborrecido fiquei ontem com pequeninas coisas e entendi que as pessoas devem ter mais respeito com a gente, mas eu também fui causa de aborrecimento de minha filhinha Bebel e num momento fui ignorante e lhe respondi asperamente, portanto, acho que devo ter mais respeito com os outros também.
 
Isso causou nela um profundo amargor, pois seu objetivo era ajudar a descarregar nossas compras. A pressa e a vontade de concluir logo o processo fez com que eu pedisse e insistisse que ela se afastasse, mas não, ela queria ajudar.
 
Sem delongas, vendo suas lágrimas e o estrago que já tinha feito tentei remediar e logo ela estava alegre e ajudando, mas uma ou outra hora recordava o meu gesto bruto para com ela numa tentativa de me dizer: ‘Papai, onde está o seu autocontrole?”.
 
Deus meu, meu Senhor, está escrito que com a medida com que medirmos nos medirão e ainda se nos acrescentará. Peço-te perdão e ajuda para não ser ignorante em nenhum momento com quem quer que seja feito à sua imagem e à sua semelhança.
 
Eu sei que o nosso dia-a-dia acaba nos desgastando muito e nos deixando nervosos, mas isso não é, nem jamais será justificativa para agirmos sem respeito a quem quer que seja, estejamos certos ou não. A ignorância,  a brutalidade, o falar áspero não cabe àqueles que confessam o nome do Senhor.
 
Sinceramente falando, somos filhos de Adão e, por isso, possuímos uma natureza adâmica que se deixada florescer irá produzir veneno nos relacionamentos. É nossa responsabilidade termos em mente esta consciência e nos esforçarmos por mantermos a paz uns com os outros – I Pe 3:11.
 
Irmãos, Deus nos deu o Espírito Santo! O mesmo Espírito que esteve sobre o Filho do Homem e sobre os apóstolos e os grandes homens de Deus que hoje seguimos seus exemplos bíblicos está, também, sobre nós. Você crê que o Espírito Santo está sobre você? Creia! Ele está!
 
Se nos falta sabedoria, peçamos a Deus que a todos dá liberalmente e nada nos impropera – Tg 1:5. Se nos falta domínio próprio, nosso Deus nos fará abundar dele uma vez que o domínio próprio é fruto do Espírito: “22. Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, 23. mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei.” (Gl 5:22 e 23).
 
Termino essa breve reflexão prometendo a minha filhinha e aos que foram criados à imagem e à semelhança do Deus Altíssimo a dar lugar ao Espírito Santo em minha vida e jamais me deixar levar pela ignorância, pela rispidez, pela aspereza, brutalidade e coisas tais que não condizem com um servo de Deus.
 
A nossa vida deve ser um continuum de experiência de Deus e com Deus a fim de que cresçamos a cada dia em Cristo Jesus: ... A Bíblia foi escrita somente para que o homem creia e entenda e conheça e ame e siga a Cristo. Cristo, centro e âmago da Bíblia, centro e âmago da história é o centro e o âmago de nossas vidas. ...da história, ... da Bíblia, ... de Nossas vidas! Cristo é o centro e o coração da Bíblia!
 
Jamais Desista de crescer em Cristo Jesus!
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 38/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 180/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
  • Estou na pág. 43/545, do livro HÁ´UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
 
A Deus toda a glória!
 
 

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Visão Cristocêntrica

... A Bíblia foi escrita somente para que o homem creia e entenda e conheça e ame e siga a Cristo. Cristo, centro e âmago da Bíblia, centro e âmago da história é o centro e o âmago de nossas vidas. ...da história, ... da Bíblia, ... de Nossas vidas! Cristo é o centro e o coração da Bíblia!
 

1000 dias de propósito! Faltam 983 dias! Aleluias!

TEMA:  Gênesis! – Alegre-se!
 
Alegre-se, meu irmão com o dia que o Senhor preparou somente para ti. Hoje vai ser o dia mais feliz de sua vida e você vai se lembrar de ter lido isso. Eu não escrevo à toa ou para buscar publicidade, prestígio, fama, destaques. Estou focado em um objetivo específico e meu objetivo é dar uma palavra de ânimo para você continuar firme em teus propósitos sem jamais desistir deles.
 
Lendo meus livros hoje, deparei-me com a seguinte frase: “No fim das contas, o problema do significado da história gira em torno da questão: quem é o próprio homem, e qual é sua origem e destino final? Fora da revelação bíblica central da criação, da queda no pecado e da redenção por meio de Jesus Cristo, nenhuma resposta real pode ser encontrada para essa questão.”
 
Eu creio que a história tem um significado e que ela propõe uma questão importante: Deus existe! É porque eu creio, piamente, na existência de Deus que eu também me atrevo a escrever. Escrevo mensagens não para tornar-me o melhor ou para competir com conhecimentos teológicos com meu vizinho da internet.
 
Graças a Deus, tenho um objetivo específico e estou focado naquilo que fui chamado por Deus para realizar. Até hoje e para todo o sempre enquanto Cristo não voltar o homem estará buscando respostas para a sua origem, seu significado e seu destino final. Deus já nos deu a resposta, mas fechamos os nossos olhos e buscamos os nossos próprios caminhos.
 
Repare que o autor do livro que citei acima diz que fora da revelação bíblica central da criação, da queda no pecado e da redenção por meio de Jesus Cristo, nenhuma resposta real pode ser encontrada.
 
Eu vinha hoje meditando e conversando com o Papai enquanto me dirigia ao meu trabalho abençoado (sou empregado de Cristo nos Correios!) que ele me deu e onde ele quer que eu o glorifique e o desfrute, isto é, frua, nele me deleite, e entendi que eu tenho um papel diante dessa sociedade, diante dos meus contemporâneos.
 
Sei que há críticos sérios, comentadores, jornalistas, governantes, juízes, estudiosos, analisadores dos cenários atuais, pensadores, dirigentes, trabalhadores, empregados que estão construindo o mundo atual e participando de sua administração e que como ser social tenho minha responsabilidade diante das coisas e sou conclamado pelo Senhor, em tudo, a exercer a justiça, o juízo e a misericórdia.
 
Eu também tenho um papel espiritual de comprometimento com a sua palavra que considero importante diante de Deus. Ele, Deus,  tem me chamado e me despertado para dizer ao mundo que Deus existe, que ele é real, que ama os seres humanos, que tanto é soberano, quanto sábio e bom, aliás, muito bom, que é relacional, que podemos encontrá-lo e com ele termos maravilhosas experiências. Esse, em parte, é o meu papel e para o que vim.  Deus te ama! Não irei repreender, nem criticá-lo, mas dizer-lhe, em testemunho: Deus existe! O meu testemunho é esse que Deus existe. Isso já e suficiente para aquele que crer mudar seu modo de agir e buscar a justiça, o juízo e a misericórdia.
 
Alegre-se!
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 36/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 174/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
  • Estou na pág. 38/545, do livro HÁ´UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
 
A Deus toda a glória!
 

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 984 dias!

TEMA:  Gênesis! – Fale com Deus!
 
Fale com Deus!
 
A morte de Jesus abriu para nós o caminho para o Santo dos Santos e agora temos livre acesso à presença do Pai independentemente do cumprimento de qualquer cerimonial ou rito. Temos livre acesso ao Pai. Você pode perceber o que significa isso?
 
Lendo e estudando outras religiões vemos que para ter acesso à divindade são necessárias realizações de ritos e cerimônias sem fim e que sem elas, ou cumpridas de maneira errada afastam da nossa presença o favor divino.
 
Ensinar as pessoas o caminho de Deus e colocá-las diante dele em qualquer outra religião é uma luta muito grande e inglória. Nunca conseguimos agradar a Deus por mais que nos esforcemos. Quando pensamos que estamos agradando e fazemos uma invocação, não somos atendidos.
 
Cremos então que estamos fazendo as coisas de forma errada e que há iluminados que conseguem um estado alfa e passamos a querer imitá-los, pois se eles conseguiram, também haveremos de conseguir.
 
O ritual então começa de novo: rezas e mais rezas, mantras e mais mantras, incenso, mandinga, invocação, velas, cruzes, desenhos, pentagramas, santos, rosários, bolinhas, milho no chão para dobrarmos os joelhos, sangue, sofrimento, dor.
 
Meu Deus, nos queixamos não está vendo meu esforço? Ao invés de recuarmos, insistimos na busca desmedida e a intensificamos. Lendo “bons” autores, vemos que ainda nem fizemos uma pequenina parte para alcançarmos o divino e continuamos a maratona de ginásticas e exercícios espirituais.
 
Deus, por meio de Jesus Cristo, rasgou de alto abaixo o véu que fazia separação entre o Santo Lugar e o Santo dos Santos e nos disse que o caminho, doravante, estaria aberto e pronto para quem quisesse e cresse. Tão simples!
 
Ele, o Criador dos céus e da terra, disse que somente era necessário cremos nele. É somente isso que é exigido. Tão simples e tão fácil que agora se tornou muito difícil e voltamos as práticas ascetas e rigores físicos achando que por meio de longos jejuns e longas orações entraremos na presença de Deus.
 
Uma simples oração ”Papai...”. pronto! Voi-lá! Estamos já presença de Deus e ele já está atento às nossas orações e pronto para nos ouvir. Chegamos à presença de Deus e estamos sendo atendidos pela divindade, por aquele que não nos rejeita que não nos abandona e que tudo faz por nós.
 
Se você está tendo dificuldades para entrar na presença do Senhor, abandone todas as suas práticas e rigores. O caminho está aberto e você pode entrar facilmente na presença do Pai:
 
19. Tendo, pois, irmãos, ousadia para entrar no santuário, pelo sangue de Jesus, 20. Pelo novo e vivo caminho que ele nos consagrou, pelo véu, isto é, pela sua carne, 21. E tendo um grande sacerdote sobre a casa de Deus, 22. Cheguemo-nos com verdadeiro coração, em inteira certeza de fé, tendo os corações purificados da má consciência, e o corpo lavado com água limpa, 23. Retenhamos firmes a confissão da nossa esperança; porque fiel é o que prometeu. 24. E consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e ás boas obras, 25. Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia.” (Hb 10:19-25)
 
Fale com Deus!
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 34/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 168/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
  • Estou na pág. 32/545, do livro HÁ´UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
 
A Deus toda a glória!
 

domingo, 15 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 985 dias! Aleluias!


TEMA:  Gênesis! – Deus É!

Deus irá me ajudar! Pois, hoje estarei, pela manhã, lecionando na EBD da "Primeirona", na disciplina: CONHEÇA A SUA IGREJA e a noite estarei pregando a Palavra de Deus na Congregação Presbiteriana do Riacho Fundo II.

Em minhas leituras de hoje, deparei-me com um pensamento de Nietzche de que se existe um ponto de vista absoluto, por meio da visão de Deus, a vida e a história têm significado? E o que é verdade? Realmente, sem Deus o mundo deixa de ter coerência e sentido e a nossa própria inteligência perde o sentido. Tudo fica sem sentido, sem lógica, sem coerência.

Urge prestarmos mais atenção às coisas que valorizamos. Por exemplo o amor. O que é e o que significa o amor num mundo onde não há Deus? Tratar-se-ia de uma simples palavra de 4 letras sem qualquer sentido próprio e objetivo. Poderia para mim o amor ser o ato de eu usar de meu próximo sem qualquer escrúpulo.

Sem Deus, nós estamos perdidos dentro de nossos pensamentos. O que significa mãe, pai, irmão, amigo dentro de um contexto de um mundo abandonado a si mesmo e desprovido de qualquer significado? Cada ser humano seria e manteria um relacionamento com outro apenas enquanto o outro lhe fosse útil no sentido de lhe assistir em suas necessidades.

É como Fiódor Dostoiévski disse em seu romance OS IRMÃOS KARAMAZOV na pessoa do intelectual Ivan que articulou a morte de seu pai pelas mãos de seu irmão Dimitri. Se Deus não existe, tudo é permitido! Estando eu com fome, sede, desejos sexuais e havendo como satisfazer-me o que me impede de eu matar, roubar, trair, etc?

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
Ø       Estou na página 32/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
Ø       Estou na pág. 162/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
Ø       Estou na pág. 26/545, do livro HÁ´UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.

A Deus toda a glória!

sábado, 14 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 986 dias!

 

TEMA:  Gênesis! – MARANATA!

A morte não é nada!

 

Meu amigo Reinaldo que trabalha nos Correios morreu ontem de enfarte fulminante. Ele tinha entre 45 e 50 anos de idade, gostava de jogar tênis e, aparentemente, não tinha problemas de saúde, mas o Senhor o levou. Um dia desses estaremos nós indo também para o encontro com o Senhor, por isso devemos estar preparados.

 

Ontem, circulou nos emails, juntamente com a sua foto, uma oração extraída do livro de Santo Agostinho, A CIDADE DE DEUS, muito interessante: A MORTE NÃO É NADA. Eu já ouvi AS CONFISSÕES de Santo Agostinho e fiquei encantado com a profundidade de seus pensamentos, raciocínio e lógica.

 

Reproduzo o texto da oração a seguir: "A morte não é nada. Eu somente passei para o outro lado do Caminho. Eu sou eu, vocês são vocês. O que eu era para vocês, eu continuarei sendo. Me dêem o nome que vocês sempre me deram, falem comigo como vocês sempre fizeram. Vocês continuam vivendo no mundo das criaturas, eu estou vivendo no mundo do Criador. Não utilizem um tom solene ou triste, continuem a rir daquilo que nos fazia rir juntos. Rezem, sorriam, pensem em mim. Rezem por mim . Que o meu nome seja pronunciado como sempre foi, sem ênfase de nenhum tipo. Sem nenhum traço de sombra ou tristeza. A vida significa tudo o que ela sempre significou, o fio não foi cortado. Porque eu estaria fora de seus pensamentos, agora que estou apenas fora de suas vistas? Eu não estou longe, apenas estou do outro lado do Caminho... Você que aí ficou, siga em frente, a vida continua, linda e bela como sempre foi."

 

Tem o Altíssimo chamado meu amigo "para o outro lado do Caminho" – como disse Santo Agostinho nessa bela oração de A Cidade de Deus. É como também já disse e insisto com meus amigos: eu somente morro para os que ficam, mas para mim mesmo não existe a morte, o fim, mas uma nova fase. Não escolhemos o momento da troca de fase nem os critérios, mas estamos nas mãos de um Deus Todo-Poderoso, sábio e extremamente bondoso.

 

Eu jamais morrerei porque jamais saberei que morri, mas se um dia vier a saber, então não estou morto, mas vivo. Não há como termos consciência da morte e estarmos mortos. Deus colocou nos corações dos homens a eternidade, por isso jamais imaginam que morrem. A morte foi tragada pela vitória. A morte foi consumida pela vida. Glórias a Jesus!

 

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:

Ø       Estou na página 30/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.

Ø       Estou na pág. 157/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.

 

A Deus toda a glória!

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 987 dias!

TEMA:  Gênesis! – MARANATA!
 
Meu dia começou como sempre em meu carro, meu uno, 2 portas, onde venho travando verdadeiras guerras de orações. Ali está virando um santuário. Os principais homens de Deus em suas caminhadas e jornadas iam levantando altares ao Senhor. O meu carro é como um altar ao Senhor onde derramo ali as minhas orações.
 
A minha vida pertence ao Senhor. Dirigindo meu carro para meu emprego notei que estamos na estrada da vida e temos um objetivo: chegarmos ao nosso destino. Ao meu lado estão inúmeras pessoas que têm os seus objetivos de chegarem em algum lugar. Ninguém anda por andar sem saber para onde vai.
 
Reparei que há carros e mais carros e muitos carros bonitos e outros mais feios. Uns mais potentes e outros mais fraquinhos. Eu não devo estar preocupado com o carro de meu irmão, mas em chegar ao meu destino. Se eu ver que o carro de meu próximo está com problemas, ajudá-lo é uma questão de boa educação e exemplo de solidariedade.
 
Alguns passam por nós tão rápidos, outros estão tão lentos. Alguns são imprudentes e outros exageradamente prudentes. Eu não preciso ficar observando comparativamente quem vai ao meu lado, nem cobiçar a sua formosura. Deus dá a cada um o carro que quer dar. Eu somente preciso chegar no meu destino.
 
Nada pode me impedir de chegar lá se eu obedecer todas as regras e for prudente. Deus está tratando o meu coração e dizendo para mim para eu não ficar ansioso nem desejoso de prosperidade, de sucesso, pois ele está cuidando de todas as coisas. Ele, Deus, é o administrador, por excelência, de toda as vidas.
 
Tudo o que sou é o que Deus quer que eu seja. Tudo o que tenho é o que Deus quer que eu tenha. Onde estou é onde Deus planejou para eu estar. Ele é quem administra. A Noé coube o quê na questão do dilúvio? Em primeiro lugar ser obediente e fiel. Ele teve que trabalhar com afinco e qualidade, ele foi preciso e eficaz em seguir o que Deus planejou e instruiu. Noé não ficou de braços cruzados.
 
A nossa vida também deve ser assim. Deus tudo faz, administra, controla e nós devemos ser obedientes e fieis em tudo. As coisas mais importantes e vitais para o sucesso frente ao dilúvio foram providenciadas e preparadas por Deus. Precisamos trabalhar com afinco na construção da nossa Arca atual e também nos esforçarmos por não ficarmos de braços cruzados. Deus nos disse para irmos por todo mundo para pregarmos o evangelho. Você está fazendo isso?
 
MARANATA!
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 28/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 149/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
 
A Deus toda a glória!
 

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 988 dias! A

TEMA:  Gênesis! – Deus Fala!
 
Dizem as Escrituras: “20. Levantou Noé um altar ao SENHOR e, tomando de animais limpos e de aves limpas, ofereceu holocaustos sobre o altar. 21. E o SENHOR aspirou o suave cheiro e disse consigo mesmo: Não tornarei a amaldiçoar a terra por causa do homem, porque é mau o desígnio íntimo do homem desde a sua mocidade; nem tornarei a ferir todo vivente, como fiz. 22. Enquanto durar a terra, não deixará de haver sementeira e ceifa, frio e calor, verão e inverno, dia e noite.” Gn 8:20-22).
 
Em sua Palavra, Deus já tinha da do testemunho acerca de Noé quando disse que o mesmo tinha achado graça diante dele por causa de sua justiça, de sua integridade entre os seus contemporâneos e porque ainda andava com Deus.
 
Um homem justo, íntegro e que andava com Deus agora faz um altar ao Senhor e lhe oferece sacrifícios. Diz a palavra que o Senhor se agradou da oferta de Noé e fez a sua promessa de não mais amaldiçoar a terra por causa do homem, porque o seu desígnio íntimo é mal desde a sua mocidade.
 
Sobre isso – a maldade humana ou como alguns teólogos dizem, a depravação total - ainda temos os seguintes versículos: Sl 51:5 è Eu nasci na iniqüidade, e em pecado me concebeu minha mãe. Sl 58:3 è Desviam-se os ímpios desde a sua concepção; nascem e já se desencaminham, proferindo mentiras.
 
Foi Noé um exemplo para nós, pois vivemos em um mundo onde a geração atual não tem compromisso com Deus, com a verdade, nem sabe o que isso significa. Eu meditei hoje em meu carro, meu unozinho de bênçãos e Deus vinha falando comigo.
 
Atenção filho, você não está indo para um dia de trabalho ou para servir a César, ou ao rei, ou ao teu chefe, diretor, presidente. Também não está indo atrás de dinheiro, de promoções, de vantagens ou de amizades interesseiras. Também não está indo ganhar o teu pão com o suor de teu rosto. Você está indo me servir e me honrar com seu testemunho, pois para glorificar o meu nome e gozar-me para sempre é que eu te fiz.
 
Lamento que alguns corações estejam tão corrompidos que não conseguem se relacionar com o seu Criador, pois para mim, Deus existe e é muito real! Ele comigo fala e eu procuro não ser rebelde à sua voz. Ele me dá conselhos e sempre me orienta não me deixando na confusão. Às vezes, sou rebelde, desatento e mesmo malígno e isso acaba me ferindo e sei o quanto entristece o Espírito Santo.
 
Aqui neste blog não pretendo concorrer com tantos ilustres escritores muito melhores do que eu que têm mais experiência, conhecimento, vivência e testemunho. Não escrevo para ser melhor nem pior, mas para honrar o meu Senhor. Querendo ele, me exaltará e se não me exaltar, fica sabendo, ó rei, que continuarei a honrá-lo e adorá-lo para sempre.
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 26/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 142/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
 
A Deus toda a glória!
 

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 989 dias! Aleluias! 18.628 dias de vida!


TEMA:  Gênesis! – OBRIGADO SENHOR!.

OBRIGADO SENHOR! O meu dia de hoje começou com uma grande bênção especial, pois faço hoje 18.628 dias de vida! A palavra do Senhor para mim, logo de manhã, em meu Fiat Uno Mile Fire, ao vir para meu serviço honrar e servir ao Senhor, foi poderosa.

Bênçãos sem medidas têm prometido o Senhor a todos os que derem ouvidos à sua voz, por isso não devemos ser negligentes à voz do Senhor. Tem gente que tem dificuldades ou medo de se relacionar com Deus e não ouvem a sua voz mansa e delicada, sempre amorosa.

Repetiu o Senhor várias vezes para mim: tenha um coração agradecido, pois tenho cuidado e irei cuidar de ti cada vez mais. Eu resolvi então adotar uma atitude mental favorável à Palavra de Deus e disciplinar minha mente para viver em constante gratidão a ele: OBRIGADO SENHOR!

Irmãos amados, em minha leitura de hoje, me deparei com o Deus Jeová que tudo cuida e faz para nós. Reparem na vida de Noé: a partir do relato que se encontra em Gênesis 6, 7 e 8, irei fazer algumas considerações baseadas nos comentários da Bíblia de Estudo de Genebra. E o que é para repararmos?

Glórias a Jesus! No dia 10/02/600 (lê-se: aos 10 dias do segundo mês do ano 600 da vida de Noé), vs 4, Deus disse para Noé ENTRAR na arca que dentro de 7 dias ele iria fazer chover. No dia 17/02/600 (dia 007/407) começa então copiosa chuva sobre a terra por 40 dias (quarenta é um número simbólico que  representa a introdução de uma nova era e foi o que aconteceu na vida de Noé, de Moisés – Ex 24:18, de Elias – I Re 19:8 e Cristo – At 1:3, etc...). O predomínio das águas durou por 150 dias.

A ordem foi dada por Deus: “entra... porque reconheço que tens sido justo diante de mim no meio desta geração.” – vs 1. No verso 16 ,diz a Palavra de Deus que “...e o Senhor FECHOU a porta após ele”. O Senhor manda entrar, fecha a porta: ele é o Deus de Is 64:4 que trabalha por aqueles que nele esperam.

Depois, em 17/07/600 (dia 157/407), a arca repousou no monte Ararate – vs 4. Esta é a região da antiga Urartu, mas também chamada de Armênia, agora parte leste da Turquia, sul do Azerbaijão e noroeste do Irã. Neste dia foi o fim do predomínio das águas. No dia 01/10/600 (dia 230/407), apareceram os cimos dos montes e Noé solta um corvo e uma pomba – vs 5. Diz  a palavra que depois de 40 dias (dia 270/407) Noé abriu a janela e soltou o corvo. 7 dias depois (dia 277/407), soltou a pomba e ela voltou a tarde trazendo no bico uma folha de oliveira. Depois de mais 7 dias (dia 284/407) solta a pomba novamente, mas esta não volta mais.

O dia em que a terra secou foi em 01/01/601 (dia 321/407), mas somente 86 dias depois no dia 27/02/601 (dia 407) é que a terra estava verdadeiramente seca e ai Deus disse para ele sair da arca e lhes deu ordens para serem fecundos e se multiplicarem.

Se fizermos as contas direitinho, veremos que do dia em que Deus disse: “entra” até o dia em que disse “sai”, decorreram-se exatos 407 dias (ou 13 meses e 17 dias, ou 1 ano, 1 mês e dezessete dias). O Senhor mandou entrar, fechou a porta e agora mandou sair. De fato, ele é o Deus de Is 64:4 que trabalha por aqueles que nele esperam. Tudo é feito e controlado por Deus.

Eu realmente tenho de viver o restante de meus dias aqui nesta face da terra dizendo: OBRIGADO SENHOR! A arca deve ter levado uns 120 anos para ficar pronta. Como o dilúvio começou quando Noé tinha 600 anos e como ele teve Sem, Cam e Jafé com 500 anos, logo Deus deve ter falado com ele quando ele tinha uns 480 anos de idade. Ver Gn 6:3 que provavelmente representa o tempo dessa proclamação de Deus até o dilúvio em 600 da vida de Noé.

Noé vivia pela fé – Hb 11:7 – “... assim fez Noé ...” o vs 22 enfatiza a sua fé. Deve ter havido um esforço e investimento sem medidas para concluir seu plano de construção do barco. Ele deve ter trabalhado muitos anos cortando a imensa quantidade de madeira, transportando para o local certo e unindo as enormes pranchas. Deve ter gasto uma fortuna para construir, abastecer o barco de alimentos suficientes e variados para tão grande número de pessoas e animais.

Hoje entendemos que o dilúvio é um tipo de batismo cristão – I Pe 3:20,21. A saída do povo da aliança da arca pode ser vista como o surgimento desse povo das águas da morte para uma nova vida – Jo 5:28-29; 11:43-44 e Rm 6:3-5. Noé e família prefiguram a nova humanidade que prevalecerá sobre o mal – Ap 21:7.

OBRIGADO SENHOR! Deus tudo faz por nós, porque então desesperarmos com os cuidados do dia a dia? Eu sei que há tantos problemas que parecem querer nos devorar. Hoje mesmo ao chegar aqui em meu trabalho logo me deparei com um enorme email relativo a problemas familiares. Se não fosse Deus falar comigo para eu ser agradecido, teria me desesperado, no entanto, agora estou em total paz, a paz do Senhor. Aleluias!

Reforço o final da mensagem de ontem: “a Bíblia fala que o fim virá e que será como nos dias de Noé. Hoje Noé é a igreja que proclama que Jesus está voltanto. Jesus é o barco. Enquanto ainda há tempo, suba para o barco e encontre segurança para não ser destruido pelo dilúvio.

OBRIGADO SENHOR!

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 24/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 135/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
A Deus toda a glória!

terça-feira, 10 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 990 dias!

TEMA:  Gênesis! – o Dilúvio e a Volta de Jesus.
 
8. Porém Noé achou graça diante do SENHOR. 9. Eis a história de Noé. Noé era homem justo e íntegro entre os seus contemporâneos; Noé andava com Deus.” (Gn 6:8,9). Noé era homem justo, íntegro e que andava com Deus.
 
Na sua geração, o Espírito Santo dar este testemunho de Noé nos mostra que Deus sempre preserva o remanescente. Ele nunca irá deixar o seu povo, a sua descendência, os seus filhos abandonados.
 
Noé deveria ter irmãos e irmãs, tios e tias, sobrinhos e sobrinhas, netos, bisnetos, trinetos, tataranetos, cunhados e cunhadas, amigos e amigas, vizinhos e vizinhas. Por ser homem justo e íntegro não era alguém que vivia isolado em um mosteiro em vida contemplativa e de meditação em Deus.
 
Noé foi declarado justo e íntegro entre os seus contemporâneos! Os seus familiares e amigos e vizinhos e a sociedade em geral conheciam Noé e sabiam, certamente, de sua fé. Como iria conseguir ele construir algo tão gigantesco e diferente de tudo o que se havia visto sem empregar mão-de-obra?
 
A sociedade deveria comentar de seus projetos, idéias e pregação. A vida de Noé deveria chamar a atenção de todos e por todos deveria haver uma grande curiosidade sobre o que viria ser aquele grande empreendimento.
 
Noé por ser declarado justo e íntegro não era homem de dar calotes em seus empregados, pelo contrário, todos deveriam amar servi-lo. Noé também deve ter pregado muito a sua mensagem apocalíptica, mas quem creu em sua pregação?
 
Qual deveria ser a população do mundo na época de Noé quando ocorreu o dilúvio? Eu creio que a população na época do dilúvio que já contava com aproximadamente 1500 anos deveria ser de mais de 500 milhões de humanos. Adauto Lourenço deve ter um cálculo mais exato e preciso.
 
Desse total, apenas Noé e sua família direta foi poupado. Apenas 8 pessoas conseguiram sobreviver e todos nós hoje somos filhos de Noé! Enoque andou com Deus, mas não viu nem a sua própria morte. Noé andou com Deus e viu a morte de toda a raça humana.
 
A Bíblia fala que o fim virá e que será como nos dias de Noé. Hoje Noé é a igreja que proclama que Jesus está voltando. Jesus é o barco. Enquanto ainda há tempo, suba para o barco e encontre segurança para não ser destruído pelo dilúvio.
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 22/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 129/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
 
A Deus toda a glória!
 

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 991 dias!

TEMA:  Gênesis! – Deus é bom!
 
Deus é bom! Meus compromissos estão aumentando e o tempo está diminuindo. Estudar seminário teológico à noite não é fácil, principalmente porque chego em meu trabalho 7h30 e somente deixo o local às 17hs, para em seguida enfrentar aulas até 22h. Levantando às 05h05, todos os dias somente vou dormir próximo ou depois da meia-noite.
 
Eu estou relacionado na escala de pregação na minha igreja onde agora também sou professor de EBD. No meu emprego, sou vice-líder do Grupo Evangélico – GECOR. Sou também membro do Conselho Deliberativo do Instituto Brasileiro de Capelania. Ainda escrevo todos os dias uma postagem no Jamais Desista e tenho uma vida piedosa sistemática que me mantém atarefado.
 
Urge, no momento, organização e disciplina para eu poder dar conta de cada assunto que estou envolvido. Preciso trabalhar, meditar, estudar, ler e escrever. Tenho, portanto, uma vida intelectual e espiritual muito intensa, dinâmica. Seria tão bom se me sobrasse tempo para eu me dedicar pelo menos 1h/dia para atividades físicas. Por enquanto é somente sonho...
 
Sono! Agorinha mesmo, estou com sono! Acho que meu dia ontem foi muito agitado e fui dormir muito tarde. Agora estou com sono e preciso produzir. Não creio que isso seja saudável, mas não sei o que fazer.
 
É importante, no entanto, não perdermos o foco de Jesus, de seu reino e de sua justiça. Em minhas leituras de hoje deparei-me com a parte cronológica que fala dos filhos e das gerações de Adão. A Bíblia não teve a preocupação de registrar tudo de forma que hoje possamos reconstituir o passado bíblico.
 
Boa parte do que foi narrado, foi narrado com um fundo de mistério e apenas para compreendermos em parte certas coisas. Eu bem que gostaria que não fosse assim, mas Deus assim preferiu e ele é sábio e eu confio nele. Um dia, creio, compreenderemos muitas coisas.
 
O homem vive inquieto com muitas coisas, mas poucas é que são necessárias. O que adianta eu ser o super super teólologo se eu não puder com minha teologia fazer diferença na vida daqueles que Deus coloca em meu caminho?
 
Meu sonho não é ser o super, nem o melhor, nem o pior, mas ser alguém que irá fazer uma enorme diferença na vida dos que comigo habitam confiadamente. A minha igreja está em campanha de 40 dias de oração e jejum pelas famílias. Eu e minha esposa aderimos à campanha.
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 20/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 123/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
 
A Deus toda a glória!
 

domingo, 8 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 992 dias!

 

TEMA:  Gênesis! - Feliz dia dos pais!

 

Feliz dia dos pais! Aproveite a oportunidade, largue o que está fazendo que deve ser importante e vá dar um abração bem apertado em seu pai e olhando bem nos olhos dele dizer: PAPAI, EU TE AMO! Em seguida lhe dê um beijão.

 

Eu hoje me deparei com assuntos interessantes em minha leitura. Por exemplo, o sétimo na geração de Caim, foi Lameque (bígamo, contrariou Gn 2:24) e assassino, isto é aquele que causou a morte de uma outra pessoa.

 

Lendo sobre o sétimo descendente de Sete, descobriremos, curiosamente, que foi Enoque, aquele que foi trasladado para não ver a morte, pois andou com Deus!

 

Irmão matando outro irmão e enchendo a terra de sangue, de violência e espalhando a maldição sobre a terra. Enoque foi o pai de Noé e em Noé, Deus destruiu toda a geração tanto a de Caim, do malígno, quanto a de Sete, excetuando-se a família de Noé.

 

Zumbindo em nossos ouvidos ecoa a mensagem de Deus a Noé por todos os tempos, pois semelhantemente aos dias de Noé, na volta de Cristo todos estarão distraídos e não irão perceber que o fim chegou.

 

Dedique o dia de hoje para refletir em Deus, o Pai dos pais. Dê um grande presente ao seu Pai celestial honrando o seu pai terreno para que se prolonguem os teus dias aqui nessa terra.

 

Invente alguma coisa criativa e inspirada. Não precisa de presentes caros e bem transados. Tudo o que é feito de coração é aceitável diante de Deus.

 

A oferta de Abel foi aceita, mas não a de Caim. Não há como separar o ofertande do adorador, são inseparáveis. Pela fé Abel foi declarado justo diante de Deus por causa de sua oferta.

 

Das primícias, de coração, ofertada com a sua vida, de todo o seu ser. Será que é assim que entregamos os nossos dízimos e ofertas diante de Deus que tudo nos dá.

 

O que de fato damos a Deus que não temos recebido? Seria possível dar-lhe algo sem antes ter recebido este algo? É de Deus que vem todas as coisas. Deus sempre foi e sempre será aquele que cuida de nós com um cuidado excepcional, além do que imaginamos.

 

Somente estudando as Escrituras e aprofundando na linguagem tanto do grego quanto do hebraico é que acabamos tendo a certeza de que certas palavras traduzidas não representam a idéia total do que o autor nos quis comunicar. Quando Deus diz que ele cuida de nós, significa que ele está cuidando de nós com todas as suas forças, interesse e amor.

 

Portanto, no dia de hoje e nos dias seguintes, invisa mais tempo em dar atenção aos que te rodeiam. Saia um pouco da sua rotina diária de trabalho e de fazer algo importante, para ser importante para alguém.

 

A nossa vida passa muito rapidamente e sem desejar estaremos cruzando uma rua que nos levará para casa. Não entremos nessa rua devendo algo, principalmente o amor, aos nossos pais. O dia é dos pais, mas a mensagem também cabe aos filhos, a mãe, aos irmãos, parentes e amigos.

 

Invista tempo de qualidade para os que moram contigo confiadamente. Meu papai já faleceu, mas dentro do meu possível pude estar com ele, tanto que em seus últimos suspiros estava eu cuidando dele. Tive a grata honra de inclusive dar-lhe banho, limpar-lhe, higienizá-lo, trocar suas roupas, alimentá-lo, etc... pois tinha câncer de cérebro e já não podia cuidar de si mesmo.

 

Senhor Jesus nos abençoe nesse dia especial nos enchendo de seu Espírito e nos concedendo graça para darmos honra a quem honra, respeito a quem respeito. Abençoe as famílias, os filhos e filhas, as esposas, as mães, os avós, bisavós, parentes e amigos. Amém!

 

Feliz dia dos pais!

 

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:

Ø       Estou na página 18/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.

Ø       Estou na pág. 118/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.

 

A Deus toda a glória!

sábado, 7 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 993 dias! Aleluias!

 

TEMA:  Gênesis!

 

A temática de hoje aborda um conflito que se iniciou há muito tempo, na verdade quando o homem e a mulher foram criados à imagem e à semelhança de Deus. "Adão e Eva demonstraram a sua fidelidade a Satanas ao distorcer a verdade, acusando um ao outro e, finalmente, acusando Deus (tg 1:13) Os esforços deles para esconder  o pecado apenas os expôs." (BEG).

 

O homem se queixa de sua mulher e a acusa e dela faz cobranças em cima de cobranças. A mulher se queixa do marido e o acusa e dele faz cobranças e mais cobranças. Um acusando o outro e trocando insultos, ofensas, acusações. Até parece que estão em guerra!

 

Com o aperfeiçoamento tecnológico são usados os emails, os SMS, mensagens de todo tipo com acusações e cobranças. Ele se acha certo e com razão. Ela também se acha certíssima e com razão. Ambos com razão e o carro de ambos indo para uma colisão terrível, uma tragédia que poderá não ter fim, ou melhor, um final terrível: a morte do relacionamento.

 

Esquecem os casais que não estão numa disputa, mas são um time. Um jogando contra o outro e jogo duro. O que seria mais importante num trânsito, manter a sua razão e deixar o carro bater ou se conter e evitar a batida? E numa competição em que ambos jogam no mesmo time, quem é o adversário? Um ao outro devemos ajudar e não eliminar ou matar.

 

Palavras muito duras podem trazer feridas mais sérias do que uma bala perdida! E o que dizer dos ciúmes? Você olhou que eu vi! Eu não olhei não, você é que não está vendo direito. Pensa que eu não notei o mole que você estava dando para ele? Um desconfiado do outro e com uma imaginação tendenciosamente malígna, para onde caminhará essa relação?

 

Ameaças, insultos, provocações, apatia, indiferença, grosseria, estupidez, ignorância, violência, desprezo, medo, ciúmes, muita cobrança, ... de onde provêm tais coisas? Disse Jesus que é dos nossos corações que procedem tais coisas, pois ele está contaminado pelo pecado e nossa boca fala do que ele está cheio.  E nossa mente é ocupada com que pensamentos?

 

Tanto o homem quanto a mulher são responsáveis pela manutenção da paz e da harmonia em seus casamentos. Homem, tome cuidado, pois a tua esposa é comparada a Igreja pela qual Jesus deu a sua vida por ela. Como é que você está tratando a sua igreja? E você mulher, também tome cuidado, pois se tu és a igreja com quem se compara o seu marido? E como você o está tratando?

 

Hoje é muito fácil resolver conflitos nos casamentos: é só largar o cônjuge e partir para outro abençoado. Eu sinto muito, mas nem Jesus nem a Igreja abandonariam um ao outro para irem atrás de outro Jesus e de outra Igreja. Se você pensa assim, acho que seria bom você repensar as coisas.

 

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:

Ø       Estou na página 16/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.

Ø       Estou na pág. 107/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.

 

A Deus toda a glória!

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 994 dias!

TEMA:  Gênesis!
 
O autor (ou os atores) da Bíblia de Estudos de Genebra comentou: “O pecado é constituído de um ato ilícito de descrença, de uma pretensa autonomia humana, do desejo de adquirir conhecimento à parte de Deus. Devemos viver pela fé na palavra de Deus e não por uma pretensa autosuficiência de conhecimento – Dt 8.3; Ez 28:6; 15:17
 
Ao assim fazer, ele destacou 3 características relacionadas ao pecado: 1. Ato ilícito de descrença – é isso mesmo o que ocorreu. Deliberadamente foi cometido/consentido um ato ilícito baseado na descrença, ou seja, na dúvida. Satanás lançou a semente da dúvida e esta encontrou um terreno propício para nascer e produzir os seus frutos.
 
Isso para mim é uma demonstração inequívoca do livre-arbítrio que possuía Adão/Eva. Este de fato escolheu entre duas ações. Uma que seria pela obediência à Palavra de Deus e a outra de desobediência à Palavra de Deus. Adão tinha o livre-arbítrio, mas ao exercê-lo perdeu-o. Nós, os seus filhos, herdeiros do pecado, nascemos sem livre-arbítrio, pois todas as inclinações de nossos corações são para o mal, para a desobediência.
 
O pecado ao entrar na humanidade, o enganou e o dominou. Tornamo-nos por isso pecadores e irreconciliáveis com Deus. Adão/Eva foram únicos. Jamais houve alguém semelhante a eles nem antes nem depois. Nasceram, mas morreram e com eles morreu o livre-arbítrio. Quando o pecado entrou na vida deles, eles se tornaram os primeiros da nossa espécie: pecadores e sem livre-arbítrio. Somente sabemos fazer o mal.
 
Eu sei que isso é duro de se receber, mas é a verdade. O último Adão não veio para nos devolver ao nosso estado original, mas para nos dar uma nova natureza. Assim como fomos pecadores, seremos não pecadores e, portanto, incapazes de pecar. Não teremos o livre-arbítrio de volta. O que de fato temos é a ilusão de que escolhemos as coisas.
 
A segunda característica que se destaca é a nossa pretensa autonomia. Somos seres inteligentes e capazes de interferir em nosso meio produzindo coisas que afetam o mundo criado e as próprias imagens e semelhanças de Deus. Quando Deus nos fez fecundos e disse para que nos multiplicássemos e enchêssemos a terra, ele estava não dizendo diretamente para termos filhos e mais filhos, mas para que a sua imagem e a sua semelhança enchesse toda a terra.
 
Por causa dessa nossa capacidade de nos multiplicarmos e de modificarmos nosso meio, achamos que somos suficientes, ou melhor, autosuficientes. Não precisamos de Deus! Ou como já dizia meu ex Chefe da Auditoria: “Deus é uma peça descartável dentro do processo”. Primeiro chamou Deus de peça, segundo disse que era lixo. Isso mostra que o homem se acha autosuficiente. É de fato conseqüência do pecado ou engano do pecado.
 
Pobre homem autosuficiente! Não passamos de uma FMA - Fábrica de Merda Ambulante - que produz ao longo de uns setenta anos de existência, cerca de quase 6 toneladas de pura merda. Como pode tal FMA dizer que faz o que quer e que tem livre-arbítrio e que é autosuficiente? Um FMA faz sim algumas coisas, entre elas, muita merda e outra acumular pecado sobre pecado a ponto de vomitar sujidades. Quem faz o que quer não tem livre-arbítrio, mas é escravo do pecado.
 
A terceira característica é o desejo de adquirir conhecimento à parte de Deus. Sabem porque? Para se tornarem melhor do que o próprio Deus. Por isso que Satanás disse que subiria aos céus e seria semelhante ao Altíssimo. “subirei acima das mais altas nuvens e serei semelhante ao Altíssimo. (Isaías 14:14). Não há conhecimento a ser adquirido à parte de Deus, pois Deus é o próprio conhecimento.
 
Que conhecimento poderíamos obter à parte de Deus? Poderíamos surpreendê-lo com nosso conhecimento? De modo nenhum. Se Deus de fato fosse descartável como pretendeu afirmar nesciamente meu ex-chefe, então poderíamos obter algo assim. O pecado também tornou o homem orgulhoso, por isso que é difícil para ele aceitar o dom gratuito de Deus; a salvação. Ele acha que tem de merecê-la, de ser digno dela, de conquistá-la. Deus salva, mas eu tenho de .... isso é puro orgulho! Não temos de fazer nada!
 
Outro assunto que ele aborda é sobre a Criação, a Queda e a Redenção – porque há tanta corrupção? Isso daria um livro só de comentários. Você já notou que o padrão criação-queda-redenção está presente no homem em tudo que faz, pensa e vive? Mas por hoje, ficarei por aqui.
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 14/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 90/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
 
A Deus toda a glória!
 
 

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 995 dias!

TEMA:  Gênesis!
 
Quem é o principal protagonista em Gênesis? Ele é Deus! Reparem:
 
  • Ele formou o homem, vs 7; Jó 10:8-12.
  • Plantou o jardim – Sl 87:1; <t 16:18.
  • Soberanamente colocou o homem nele – vs 15; Ef 1:3-14.
  • Determinou a sua vida – vs 16, 17; Sl 31:15.
  • Deu-lhe uma esposa – vs 18-25; Mt 19:6.
  • Julgou-os pelo pecado e os restaurou – cap. 3; Hb 9:27 e 28.
 
Como podemos verificar, Deus tudo faz. Isso me faz lembrar de um versículo bíblico: “Porque desde a antiguidade não se ouviu, nem com ouvidos se percebeu, nem com os olhos se viu um Deus além de ti que trabalha para aquele que nele espera.” (Is 64:4). É por isso que não devemos nos desesperarmos com o nosso dia de amanhã, nem com nosso futuro ou com as coisas por vir, pois Deus tudo nos dará no tempo certo.
 
Entrar em ansiedade e deixar-se dominar pelo medo é não confiar no Pai celestial que todas as coisas faz por nós. É ele quem nos dá trabalho e até as nossas esposas e filhos. Nada nos falta nem nos faltará nunca. “E disse-lhes: Quando vos mandei sem bolsa, alforje, ou alparcas, faltou-vos porventura alguma coisa? Eles responderam: Nada.” (Lc 22:35). Deus está cuidando de nós e a palavra de Jesus é tão perfeita: “Buscai o Reino de Deus e a sua justiça e todas as demais coisas vos serão acrescentadas” (Mt 6:33).
 
Ao homem bastava tão-somente obedecer a sua ordem. Nesta aliança, Deus graciosamente ofereceu vida aos seres humanos, mas exigiu obediência à sua ordem. O primeiro Adão representando a humanidade falhou e, por causa disso, trouxe morte a todos. A obediência ativa do último, ou o segundo Adão, representando o eleito, trouxe vida eterna a todos (Rm 5:12-19; I Co 15:45-49)
 
Se Deus cuida de nós como o Pai ao filho e nada lhes falta, o que temos de fazer? Obedecer aos seus mandamentos! Como iremos obedecer ou saber que estamos obedecendo a Deus? “E ali haverá bom caminho, caminho que se chamará o Caminho Santo; o imundo não passará por ele, pois será somente para o seu povo; quem quer que por ele caminhe não errará, nem mesmo o louco.” (Is 35:8).
 
Meditando um pouco mais, ainda veremos que há uma estreita relação entre Adão e a terra, ou seja, entre nós e a terra. A terra foi seu berço (de onde ele, Adão, foi formado), seu lar (viveu seus 930 anos na terra) e a sua sepultura (foi enterrado e todo o seu ser foi consumido, transformado, como na lei de Lavoisier).
 
(Antoine-Laurent de Lavoisier (Paris, 26 de agosto de 1743 — Paris, 8 de maio de 1794) foi um químico francês, considerado o criador da química moderna.Foi o primeiro cientista a enunciar o princípio da conservação da matéria. Além disso identificou e batizou o oxigênio, refutou a teoria flogística e participou na reforma da nomenclatura química. Célebre por seus estudos sobre a conservação da matéria, mais tarde imortalizado pela frase popular "Na Natureza nada se perde, nada se cria, tudo se transforma.") – wikipedia.
 
Isso  fundamenta o comentário de Paulo de que o primeiro Adão foi formado como um corpo natural para uma existência terrena. O celestial, Filho do Homem (Dn 7:13), compartilhou deste estado terreno para assegurar a humanidade caída um corpo espiritual de glória permanente na ressurreição (I Co 15:42-49). Você já imaginou o que está por vir para nós que Deus está fazendo e preparando? “mas, como está escrito: Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam.” (I Co 2:9).
 
Como está escrito: “18. Porque para mim tenho por certo que as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada. 19. Porque a ardente expectação da criatura espera a manifestação dos filhos de Deus. 20. Porque a criação ficou sujeita à vaidade, não por sua vontade, mas por causa do que a sujeitou, 21. Na esperança de que também a mesma criatura será libertada da servidão da corrupção, para a liberdade da glória dos filhos de Deus. 22. Porque sabemos que toda a criação geme e está juntamente com dores de parto até agora. 23. E não só ela, mas nós mesmos, que temos as primícias do Espírito, também gememos em nós mesmos, esperando a adoção, a saber, a redenção do nosso corpo.” (Rm 8:18-23).
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 12/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 90/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
  • Já ouvi dois artigos com 1hora no total de áudio em MP3 em meu N95: Como fazer sexo para a glória de Deus - Justin taylor e Cântico dos Cânticos - notas erótico-exegéticas – Calvani.
 
A Deus toda a glória!
 

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

1000 dias de propósito! Faltam 996 dias! Aleluias!

TEMA:  Gênesis!
 
Finalmente, ou inicialmente, comecei a leitura mesmo de Gênesis. Eu gosto de ler e de meditar na Palavra de Deus. Estou gostando dos comentários da Bíblia de Genebra e creio que deverei aprender muito. Seria interessante ter mais tempo, mas você já notou que sempre está nos faltando tempo?
 
Observei com a ajuda dos comentários:
 
  • Que, de fato, a Gênesis não entra no mérito de explicar as origens das trevas, do abismo e de Satanás e obviamente do mal, mas em todo tempo se percebe Deus no controle de todas as coisas e eterno, sem princípio de dias, nem fim de existência.
 
Na verdade, em meu modo de ver as coisas, não existem trevas, pois não se mensuram trevas e somente têm existência aquilo que se pode mensurar de alguma forma. As trevas são em última hipótese a ausência de luz, logo o que existe é a luz e não as trevas. A luz, sim, pode ser mensurada, mas as trevas, impossível.
 
Ao afirmar que as trevas eram enormes, eu estou dizendo que a luz é fraca ou muito fraca. Quando a Palavra de Deus diz que haviam trevas sobre a face do abismo antes mesmo da luz ser criada, há necessidade de uma melhor compreensão do texto, da narrativa e dos significados existentes.
 
2. A terra, porém, estava sem forma e vazia; havia trevas sobre a face do abismo, e o Espírito de Deus pairava por sobre as águas. 3. Disse Deus: Haja luz; e houve luz.” (Gn 1:2,3).
 
Eu ainda não tenho uma explicação que me satisfaça, mas creio que há. Seria necessário despender tempo em pesquisa e estudo e o tempo, a questão do tempo... é complicada! Para não ficarmos totalmente ao léu, Deus é luz e nele não há trevas alguma! “Ora, a mensagem que, da parte dele, temos ouvido e vos anunciamos é esta: que Deus é luz, e não há nele treva nenhuma.” (I Jo 1:5). Logo, se Deus é luz, há sentido de se falar em trevas antes da criação da própria luz (vs 3). O que seriam então tais trevas que se oporiam a Deus luz?
 
  • Que há um padrão na narrativa inicial: uma declaração: “Disse Deus: ...”; uma ordem: “haja ...”; um relato: “Disse Deus: ...”; uma avaliação: “... bom ...”; uma estrutura cronológica: por exemplo, “primeiro dia ...”. Declara-Ordena-Relata-Avalia-Organiza!
 
  • Que fomos criados à imagem de Deus e à sua semelhança! Nós somos portadores da imagem e da semelhança de Deus. Embora soubesse que iríamos pecar e cair, Deus nos fez especiais e por nós animou-se a dar a sua própria vida em sacrifício para nossa redenção. Se nossa queda foi algo terrível, a nossa redenção é algo TREMENDO! Não há como classificar ou comentar.
 
Já no livro de Herman Dooyeweerd, nas paginas 82 a 84 quando ele comenta da “a) A tendência religiosa estrutural do eu” e nos comentários relativos, ele aborda a questão que eu sinto vontade de me aprofundar que foi um dos temas de ontem, ou seja, a de Agostinho que em suas Confissões, livros VII e X, disse que o conhecimento de Deus e o conhecimento de si mesmo estão inextricavelmente ligados, assim, não conhecer a Deus é não conhecer a si mesmo.
 
Eu sempre tive entendimento, mesmo antes de estar lendo e estudando Calvino, Agostinho e  Dooyeweerd que todo homem tem conhecimento de Deus. Eles falam, principalmente Calvino, do sensus divinitatis (Institutas I.iii.1) sendo a idolatria uma evidência dessa "semente da religião" que conduz a humanidade a criar deuses à sua imagem e à sua semelhança. Com base nisso, irei aperfeiçoar a minha pregação sobre a rejeição do conhecimento de Deus já publicada no meu SCRIBD/crerparaver.
 
Meu Deus, há tanto que meditar, que estudar, que escrever, que conversar, que dialogar, que discutir, que pesquisar, que explorar, mas onde está o tempo necessário? A Deus e somente a ele toda a glória! Obrigado Senhor por mais um dia de sua grande e infinita misericórdia e graça que são a causa de não sermos consumidos.
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou na página 10/1835 da leitura bíblica da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 84/302, do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010.
  • Estou ouvindo dois artigos com 1hora no total de áudio em MP3 em meu N95: Como fazer sexo para a glória de Deus - Justin taylor e Cântico dos Cânticos - notas erótico-exegéticas – Calvani.
 
A Deus toda a glória!