segunda-feira, 1 de agosto de 2011

TEMA: Milagres! 14 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 634 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 01/08/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 04 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!

Se está faltando a paz de Deus, creia, o diabo está cirandando. Todos nós estamos sujeitos a problemas dos mais diversos tipos. Não há como evitá-los nem como não passar por eles. Somos convidados por Deus a tanto passar pos eles quanto a glorificá-lo. Nós não teremos paz continua pela a ausência dos problemas, isso é utopia, mas nós poderemos ter a paz de Deus em meio ao problema. Paz pela ausência de problemas, não; mas, a paz de Deus no problema, sim. A paz de Deus é fruto do Espírito Santo que habita em nós e está em nós e está conosco.

De onde procedem os maus pensamentos – estou tão cheio deles (muitas são as vezes que é assim, não é?) que mal consigo respirar -? Vejamos a questão para analisarmos e entendermos:

1. Surgimento de uma circunstância – um problema, uma situação errada que precisa de ação – que não temos domínio sobre ela.

2. Óbvio que tal situação nos tira de uma situação de conforto e nos coloca em alerta. É natural, inclusive para podermos tomar providências.

3. Diante do mal, assim eu entendo (Deus o chama de disciplina de amor!) o problema que vem sobre mim, eu irei reagir de que forma?

Observação: atitudes, desejos e pensamentos de morte, de fracasso, de impotência, de descontrole total, de que se está perdido, de fuga - inclua-se ai a entrega desenfreada ao pecado, de que Deus nos abandonou, de que não há saída, de que não somos capazes, de perseguições e de acusações, de desistência de querer continuar a lutar, de medo descontrolado, de autocosimeração, de tristeza profunda – depressão, de raiva e de ódio e coisas semelhantes não resolvem o problema.

Pelo contrário: o agrava, embota os sentidos entorpecendo a mente, o raciocínio, a vontade, a razão, os sentimentos, a emoção e o próprio espírito.

Tais atitudes, desejos, pensamentos e imaginações não trazem solução e ainda agravam, portanto não são de Deus, nem dele vem. Logo, não devem ser alimentados, cultivados e adorados. Devemos somente adorar a Deus.

Estas coisas que não edificam e nos desequilibram são do diabo e por ele lançadas em nós. Aprenda a reconhecê-los sempre que se manifestarem e logo trate de resolver a questão e lançá-los para bem longe de ti. Não os alimente para que não venhas a cair em tentação. Continuaremos depois...

O nosso milagre está às portas! Creia nisso!

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.