domingo, 11 de outubro de 2009

365 dias de propósito! Dia 82/365

Minha LBH: até I sm 8. Meu filho, jovem de 19 anos, temente a Deus, que dá frutos, cheio do Espírito Santo, talentoso, que está, inclusive, no 4º semestre de Publicidade e Propaganda, perguntou-me ontem à noite: pai, sobem dúvidas ao seu coração ou o Senhor sempre está certo das coisas? É que estou temeroso quanto ao meu futuro e tenho de tomar tantas decisões, resolver tantas questões, principalmente, porque sou o líder do teatro da Igreja Batista Ebenézer e não está sendo fácil.

 

E você, que está lendo este blog agora? Também lhe sobem dúvidas ao seu coração? Ou você é daqueles que têm 100% de certeza sobre tudo? Como você lida com a dúvida, com o medo, com a incerteza de suas ações e decisões? Você confia, sinceramente, na sua própria sinceridade? O fato de estarmos sendo sinceros, autênticos, verdadeiros, nos dão a garantia de que estamos certos e corretos diante de Deus? Quem é que conhece o seu próprio coração e as motivações que estão te conduzindo nessa ou naquela direção?

 

São tantas perguntas! Como pode quem faz tantas perguntas estar 100% convicto de todas as coisas? Eu não sou desses, até gostaria, mas não sou. Meu coração está repleto de dúvidas, de incertezas e aliado a tudo isso não confio nele, nem em sua mais autêntica demonstração de  sinceridade, de autenticidade e de verdade.

 

É por isso que eu prefiro confiar na Bíblia como minha única regra de fé e prática. Isso é uma questão de fé! Não é de certeza, não é de vista, mas de fé! Unicamente de fé! E, na Bíblia está escrito que a fé é dom de Deus (Ef 2:8), não vem do próprio homem, mas é nos dada por Deus e para o cumprimento de seu propósito. Diz a Bíblia que "De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus" (Rm 10:17). Veja no dia 69º de meu propósito algo mais sobre esse assunto:  http://www.jamaisdesista.com.br/2009/09/365-dias-de-proposito-dia-69365.html 

 

Em suma, não andamos pelo que vemos, amado irmão, mas pela fé!

 

A fé também foi escolhida por Deus como o melhor caminho para nós. Se quem escolheu esse caminho para nós foi o Senhor, como hei de questioná-lo ou dizer-lhe que deveria ser de outra forma, por exemplo, por meio de sinais, teofanias, milagres, vozes, visões?

 

Há pouco fui cortar meus cabelos (ondulados: um do lado e outro do outro lado..rs...) e o barbeiro em um dado momento teve que pegar a navalha para fazer ajustes e uma tesoura de bico bem fininho para cortar aqueles cabelinhos indesejáveis que se formam dentro e próximos à orelha. O que me leva a crer que ele, o barbeiro, não está pertubado e que poderá cometer uma loucura comigo, me degolando ou empurrando aquela tesoura em meus ouvidos? Quer queria, quer não, há, implicitamente, entre nós, uma relação de confiança, de fé, de minha parte em sua pessoa e dele em relação a minha de que eu ficarei calmo e o deixarei trabalhar.

 

Deus escolheu a fé. Não optou pela vista e ainda chamou de bem aventurados não os que vêem, mas os que não viram e creram (Jo 20:29).

 

O meu conselho para você: pare de olhar para o lado, para a frente, para trás esperando algo dos homens. Esqueça-os! Olhe para Jesus Cristo e tudo o que você for fazer, tudo o que vier as tuas mãso para fazer, faça-o, como se para o Senhor o fizesse e deixe o restante com Deus. Seu problema é relacionado à liderança de um grupo de teatro. Faça o teu melhor, mas olhando para Jesus, sem esperar do homem nem suas críticas, nem seus elogios. Não sou contra nem um, nem outro, apenas estou dizendo que a questão do foco, deve ser Jesus. Se vierem as críticas, aleluais, Deus está nos ensinando; se vierem os elogios, Deus continua a nos ensinar. E em tudo nosso Deus está sendo glorificado para a glória do Pai. A Deus todo o louvor. Amém!

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.