Vamos conhecer o Caminho do Senhor?

Saiba que "O caminho do SENHOR é fortaleza para os íntegros, mas ruína aos que praticam a iniqüidade." (Pv 10:29). Saiba também que aqui no 'JAMAIS DESISTA do Caminho do Senhor' você encontrará, todos os dias uma mensagem baseada na Bíblia que representa o pensamento do autor na sua contínua busca das coisas pertencentes ao reino de Deus e a sua justiça.

domingo, 31 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 13 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 635 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 31/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 05 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!

 

A mensagem abaixo faz parte do link acima "Sobre mim":

 

Estou sendo chamado, assim creio, para cumprir a "Missio Dei" (missão de Deus: ensino, pregação e cura – envolve também sinais, milagres, maravilhas, prodígios; e ainda o cumprimento dos mandatos social, cultural e espiritual decorrentes da aliança com Deus e o anúncio de suas obras), para o Senhor dos senhores (Deus, Rei, Mediador, a Trindade, Pai, Filho, Espírito Santo, Sumo Sacerdote, Profeta, ...), no seu reino, o reino de Deus (na terra, em todos os seus lugares geográficos, físicos, também políticos, espirituais, abrange reino, trono – centro da atividade governante*, domínio), a todos os povos (os de perto e os de longe, mas principalmente os de bem perto que são aqueles que conosco habitam confiadamente), no ou pelo Espírito Santo (o Ajudador, Consolador, Deus, a segunda pessoa da Trindade e não uma força ou um poder), no ou em nome de Jesus (a idéia é a de estar agindo como quem recebeu uma procuração e foi constituído bastante procurador), para a glória de Deus (Salmo 19), no tempo presente, no dia que se chama hoje, até a volta de Jesus.


Assim, em todo tempo – sempre -, sinto-me convidado (reparem no acróstico formado pelos verbos: GRAÇA ou em inglês, GRACE):

1. a amar a Deus acima de todas as coisas,

2. a confiar nele cabalmente,

3. a reconhecer sua ação sempre em nossos caminhos,

4. a aguardar (esperança) por ele e

5. a glorificar o Senhor:

- ao ser, estar e andar cheios do Espírito de Deus e ao produzir – ou dar - o fruto do Espírito (amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança)

- ao trabalhar para cumprir a "missio Dei" 

- ao adorar, louvar e cantar diante do Senhor

- ao vigiar, orar e interceder

- ao agradecer e ao se alegrar em todo tempo

- ao obedecer, meditar, ler, estudar, praticar, ensinar, pregar a sua palavra.

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br

sábado, 30 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 12 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 636 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 30/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 06 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!
"Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais." (Efésios 6:12). De fato, nossa luta não é contra a carne e o sangue... A luta vem, mas o milagre de Deus abre um caminho no meio do mar para atravessarmos a pés enxutos dando glórias a Deus!
Quero compartilhar com os amados um clipe da Rebekinha Garcia Costa Brasil - http://www.youtube.com/watch?v=VD9ftpY4NOU&feature=player_detailpage que recebi de meu amigo Adauto no Facebook: Deus é o autor de todos os milagres!
Não desista não! Jamais desista, pois que Jesus jamais desistiu de você. O nosso milagre está chegando!
 "PASTOR - OFICIO OU DOM?
Continuação da postagem iniciada ontem: Na literatura cristã existem livros e mais livros editados para ajudarem os pastores de oficio a lidarem com esta tarefa brutal e insana de serem superpastores para satisfazerem suas igrejas locais e fazerem jus ao salário que recebem. As literaturas desta linha ainda citam exemplos de pastores bem sucedidos que conseguiram vencer seus gigantes, e, estas citações servem apenas para deprimir ainda mais aqueles que são vulneráveis no cargo pastoral.
         Neste afã de buscar a sobrevivência pastoral e conseguir a tão sonhada utopia de ser um pastor de oficio plenamente realizado e completo, não são poucos aqueles pastores que saem à busca de pacotes de sucesso ou de crescimento instantâneo de igrejas, crendo eles, que se apenas um destes pacotes derem certo em sua comunidade local, eles não precisarão mais ter invejas de outros pastores, mas passarão a serem provocadores de invejas em outros. Eles buscam não o crescimento legitimo para suas igrejas, ao contrario, estão buscando a salvação deles mesmos neste árduo caminho de serem pastores de oficio.
         Uma estratégia adotada para amenizar esta distorção é a contratação de vários pastores auxiliares, estes, chegam para tamparem os espaços que o cobertor deixou de cobrir. Alias, a bem da verdade, não se dá pra saber com propriedade se o cobertor é a igreja e esta não cobre o pastor, ou, se o cobertor é o pastor que não consegue cobrir a igreja toda. Difícil de entender! De qualquer forma esta estratégia de buscar novos tapadores de buraco não resolve o dilema do pastor de oficio, pois no frigir dos ovos, tudo isso acaba como tendo um numero grande de caciques para poucos índios.
         O que se deve perguntar agora é o seguinte: (1) Este modelo de pastor por oficio é correspondido na bíblia? (2) O pastor por oficio ainda responde a demanda eclesiástica e societária que vigora atualmente? (3) O que acarretaria com a substituição do pastor por oficio pelo pastor por dom?
         Vamos às respostas!
 Este modelo de pastor por oficio é correspondido na bíblia?
A bíblia toda, no seu antigo testamento como no seu novo testamento, mencionam o papel do pastor. A figura do pastor está presente nos tratos com as ovelhas, numa analogia ao trato de Deus com Israel. Os profetas no antigo testamento foram exemplos lúdicos de Deus para explicitar este estereotipo do pastor!
No novo testamento o próprio Cristo assume este estereotipo de o bom pastor. Os evangelhos narram isso! Cristo ao concluir o seu processo de discipulado com Pedro o faz declarando que Pedro a partir daquele momento estava em condições de pastorear as ovelhas do Senhor, exercendo assim, todas as conhecidas funções de um pastor, ou seja, guiar, proteger, apascentar, exortar, sarar, contar, buscar, conduzir pra dentro do aprisco e para fora para acharem pastagem e se alimentarem. Os apóstolos com certeza assumiram os ensinos tanto do antigo testamento como dos evangelhos e do próprio Cristo.
Embora a Bíblia toda mencione as funções e propriedades de um pastor, não se encontra na mesma Bíblia nenhuma alusão à imposição de mãos sobre os pastores. A Bíblia também não apresenta nenhuma narrativa que possa corroborar com o modelo de pastor oficio que se acha presente nas igrejas do presente século.
Os únicos oficiais (pessoas separadas para o exercício de algum oficio no seio da igreja, por isso, são publicamente empossados com a imposição de mãos) são os diáconos e os presbíteros (estes, os presbíteros, a Bíblia os diferencia em presbíteros que se encarregam apenas do ensino da Palavra de Deus e os que se encarregam da vida cotidiana da igreja, administrando os interesses comuns dos membros da igreja). Apenas estes dois ofícios são reconhecidos no novo testamento. Religiosamente convencionaram-se chamar de pastores os presbíteros e com isso, em especial, àqueles que se encarregam do ensino da Palavra. O problema é que de acordo com a língua grega, a palavra presbíteros pode ser usada como sinônima da palavra bispo, mas não há equivalência lingüística para pastores. Explicando melhor, quem é presbítero ou bispo fazem sim a função de pastores como a Bíblia toda já explicitou, mas não são pastores por oficio ou porque o nome de presbítero ou bispo lhes dá esta possibilidade de serem chamados pastores.
Chamar um presbítero que lida com o ensino da Palavra, de pastor, e dar a este, prerrogativas como: batizar, casar, ministrar a ceia, ser líder maior numa igreja local, e tantas outras atribuições, são construções religiosas convenientes que foram ocupando os espaços dentro e fora da igreja. A Bíblia não dogmatiza que os pastores devam batizar, ministrar a ceia e realizar tantas outras praticas na igreja. Ao contrario disso, a Bíblia assevera que todo e qualquer discípulo de Cristo está livre para adorar ao Pai em espírito e em verdade.
Paulo na sua carta aos efésios, quando fala sobre a igreja, ele diz que em cada igreja deve existir: PROFETAS, EVANGELISTAS, APOSTOLOS, MESTRES E PASTORES. Ele não fala sobre ofícios! O contexto no qual o apostolo fala se refere a dons! Paulo está afirmando que as igrejas devem ter pessoas (podendo ser homens ou mulheres, pois se refere a dons e os dons podem ser distribuídos pelo Espírito Santo a homens e mulheres) que possuam estes dons. É bom que as igrejas possuam pessoas com muita diversidade de dons, mas pelo menos, estes cinco dons se fazem prioritários em cada igreja. Paulo articula a idéia de que ser pastor é como alguém que tem o dom pastoral como aparece em toda a Bíblia. Pastor não é a igreja que faz, não é feito pelo seminário, não é feito por um diploma, não é feito por um concilio que impõe sobre ele suas mãos. Pastor não é forjado! Em instancia, ser pastor é dom espiritual! O Espírito Santo é quem separa alguém de dentro da igreja e dispensa sobre ele o dom de ser Pastor, a partir deste momento, nada impede que este pastor por dom, faça um seminário, diplome-se em qualquer área e seja sustentado pela igreja para exercer o seu pastoreio. Ele só será eficiente e eficaz no exercício do seu dom e em tudo aquilo que o dom dele se aplica. E a igreja precisa entendê-lo e assimilá-lo como alguém que tem o dom de pastor e ponto final! Os outros terão outros dons e suprirão as necessidades da igreja e da sociedade naquilo que os seus dons serão pertinentes.
Se este pastor com o dom de pastor for eleito para ser um presbítero que se encarrega da Palavra ele poderá ser chamado de presbítero com o dom de pastor e da palavra. Pois uma pessoa pode receber do Espírito Santo o dom de pastor e o dom de mestre, ou ainda, o dom de pastor e outros dons. Mas é preciso entender de uma vez pra sempre que ele será pastor não por oficio, todavia, será feliz sabendo que é pastor por causa do dom que recebeu do Espírito Santo, e, sendo eleito presbítero, ele será um oficial como presbítero e um pastor como dom.
A Bíblia não endossa o pastor por oficio principalmente no que se entende hoje como ser pastor. O dom de pastor é desconhecido por muitos pastores que hoje são simplesmente pastores por oficio. Seria esta uma boa explicação para responder os muitos problemas dentro das igrejas hoje? Seria isto uma boa diagnose para se entender o porquê das frustrações e depressões nos meios dos pastores?
Existem muitas correlações com estas variáveis que podem nos levar a vários diagnósticos e a varias conclusões.
(2) O pastor por oficio ainda responde a demanda eclesiástica e societária que vigora atualmente?
Esta pergunta é intrigante, pois ela carrega em si mesma muitas outras considerações que poderiam ser feitas. Percebe-se certo desgaste com a figura social e eclesiástica que o pastor representa.
Na sociedade a figura de pastor de oficio já não é tão respaldada no comercio, nas vendas parceladas, e na vida política, os pastores por oficio representam uma orla de pessoas vulneráveis e votos comprados. No meio eclesiástico tem surgido outros títulos como Apóstolos, Arcanjos e outras titulações que ainda poderão surgir, e isso, é um diagnostico claro de ser entendido como um desgaste da figura simples do pastor de oficio. Ser pastor de oficio hoje tem causado desgastes em diferentes proporções e nas diversas escalas da sociedade. Os pastores de oficio sabem exatamente o que está sendo dito aqui, por isso, muitos lutam para serem mais do que simplesmente pastores de oficio, pois sabem que há uma descarga muito elevada de falta de credibilidade sobre esta figura nos meios societários. Muitos estão a fim de buscarem qualquer recurso que possa ajudá-los a serem mais do que são como pastores de oficio, mas são poucos aqueles que reconhecem que serão em vão estas buscas, pois continuarão sendo oficiais e não pastores por dotação do Espírito Santo.
Muitas são as igrejas que existem sem pastores algum à frente delas pois elas são compostas de ex-membros de igrejas que se decepcionaram com os pastores e lideres, e hoje, estão soltos e desgarrados como ovelhas sem pastores. Se tivessem tido pastores dotados com os dons de pastor com certeza estas igrejas de desgarrados não seriam tão grandes.
As igrejas com pastores de oficio são como as televisões com sinais analógicos, ou seja, tem algo que não permite a imagem ser tão clara e tão cheia de recursos. As igrejas com pastores dotados com dons pastorais são como as televisões de sinal HD, com belas imagens e ótimos recursos.
Tudo que tem o toque e o sopro do Espírito Santo é melhor, mais claro, mais eficiente e produz glória a Deus e edifica os santos para que os santos desempenhem os seus serviços. Esta é a linguagem de Paulo em Efésios.
Bênção!
 O que acarretaria com a substituição do pastor por oficio pelo pastor por dom?
Só se saberá a resposta desta pergunta quando começar a existir mais e mais exemplos acontecendo ao mesmo tempo e em diferentes lugares. Os resultados precisam acontecer para que se possa avaliar!
Alguns resultados são previsíveis, tais como: igrejas mais sadias, crentes com os dons de pastores mais realizados e frutíferos, uma igreja mais carismática por causa dos crentes que exercem seus dons no corpo de Cristo e uma igreja menos oficializada com pastores por oficio. Os dons serão notabilizados e os crentes serão todos dotados com seus dons específicos, e, para a alegria de todos, a igreja será mais bem edificada, pois os dons existem para a edificação do corpo.
Pastor com dom e que pastoreia por causa do dom recebido, não se deixará levar pelas circunstancias. Pastor com dom só se preocupa em pastorear e ele faz isso com ou sem salário, com ou sem imposição de mãos, com ou sem diploma, com ou sem especialização, com ou sem mestrado, com ou sem doutorado, com ou sem carteira de ministro, com ou sem templo, com ou sem titulo. Ele faz porque recebeu o dom de pastor e ele vive por causa deste dom que recebeu. Ninguem pode lhe obstruir no exercício deste dom. Ninguem pode lhe tirar este dom, nem um concilio, nem uma denominação, nem uma enfermidade, nem a falta de recursos. Ele tem o dom de ser pastor e não o oficio de ser pastor, pois quem tem o oficio pode perder o oficio a qualquer hora, mas quem tem o dom tá seguro.
As igrejas precisam urgentemente voltar ao processo do reino de Deus onde o Espírito Santo é quem rege sobre a igreja. Os pastores precisam entender que ser pastor é ser dotado pelo Espírito Santo para isso. A igreja precisa encontrar-se pneumaticamente com o pneumatos!A igreja carece urgentemente dos carismáticos para voltar a ser uma igreja que funciona carismaticamente! Não me refiro aqui a ser ou não pentecostal ou renovada! Refiro-me a uma igreja dinamicamente (empowerded) pelos dons certos nas pessoas certas para fazerem o que certo pela causa certa e com a certeza de que agora vai dar tudo certo! Uau, que tanto de redundância! Bênção!
Este texto é apenas para aguçar os leitores a pensarem mais sobre este assunto. É para atiçar aqueles apologistas de plantão a fim de que coloquem seus argumentos favoráveis ou desfavoráveis ao que foi exposto aqui. Não foi colocado aqui textos bíblicos com suas referencias e nem citações de autores  pois a intenção foi de gerar inquietação aos leitores para buscarem por si mesmos tais referencias e citações pois assim poderão mais uma vez se debruçarem sobre a Bíblia e a literatura crista para crescimento e uma vida didática.
Aos pastores e amigos deixo com este artigo minha destra de cumplicidade e de coragem para que possamos avançar no ministério não como pastores por oficio, mas como pastores dotados com o dom que somente aqueles que o possuem, e sabem o quão maravilhoso é ser pastor e se envolver com ovelhas. Aos pastores de oficio deixo aqui a minha perturbação e a minha palavra de exortação a que descubram se possuem ou não o dom de pastor e se não o possuem, por favor, deixem o pastorado de oficio por amor a vocês mesmo e por amor à igreja.
Quem me conhece e caminha comigo sabe que eu não prego, não ensino e nem escrevo apenas para criar problemas mas sim para levar perturbação!
A quem possa interessar então se sinta perturbado! No amor e na causa do supremo pastor por excelência, JESUS CRISTO!
LABIENO MOURA PALMEIRA FILHO - Igreja Remidi (REINO, MISSÃO E DISCIPULADO) - Missionário do Pronasce - Somos um projeto de missão integral - Goiânia, Julho de 2011"
A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

sexta-feira, 29 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 11 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 637 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 29/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 07 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!

Nossa luta não é contra a carne e o sangue... A luta vem, mas o milagre de Deus abre um caminho no meio do mar para atravessarmos a pés enxutos dando glórias a Deus!

Não foi nada fácil a viagem de volta, mas chegamos. Atrasamos mais de duas horas por conta de um problema que tivemos com um pneu quando este, teimosamente, resolveu subir a guia e nos deixar em maus lençóis. Graças a Deus que o problema se deu a menos de 200 metros de um borracheiro.

Tira mala, põe de volta a mala,; tira pneu, poe de volta pneu. Dá aquela vontade de murmurar, maldizer, profetizar ao contrário, xingar e até chorar. Na verdade, na verdade, não administramos mesmos as circunstâncias e quando elas vêm, somente nos resta lembrarmos de Deus e dar-lhe glórias antes que aumentamos nosso próprio sofrimento.

Estamos de volta ao nosso lar, depois de quase duas semanas. Quando cheguei imaginei como se estivisse chegando no céu. Foi legal. Um ida chegará ao fim todo sofrimento e estaremos para sempre com o Senhor.

O nosso milagre está chegando!

Vou postar abaixo uma parte da mensagem do Pr. Labieno, muito interessante sobre o pastor. Boa leitura:

"PASTOR - OFICIO OU DOM?

         Este assunto tem ocupado muito espaço no meio evangélico, tanto naquilo que se refere ao conteúdo teórico das igrejas, como naquilo que se refere à vida administrativa e prática das mesmas.

         O senso comum tanto no âmbito da religiosidade como no da sociedade no geral, e, via de regra, até político, tem uma visão da figura do pastor como sendo o líder maior de alguma comunidade religiosa de caráter cristão. Ser pastor significa ser líder! Traduzindo-se naquele que conduz um grupo de pessoas, alguém que assina e responde pela igreja. O Pastor é aquele que faz o papel de ponte política e social da igreja com a qual trabalha!

         Como legitimação das funções pastorais, a religiosidade é condicionada a estabelecer normas eclesiásticas que justifiquem o forjamento dos noviços ou seminaristas durante o tempo de seminário até a devolução destes à comunidade onde atuarão como legítimos e autorizados pastores, tendo os seus diplomas de bacharéis em teologia, seguido de sabatinas e estágios até serem ordenados com imposição de mãos dos pastores e lideres constituídos em concilio ou assembléias.

         Ao assumirem a frente de uma igreja local, estes pastores, seguem o processo do oficialato pelo qual passaram. Precisam ser pastores de oficio. Precisam assumir todos os encargos que o oficio religioso, social e político requer do cargo e da função que receberam. Foram formados, diplomados, credenciados e entregues à sociedade.

         Como pastor de oficio, possui o direito a salário e a algumas prerrogativas que também foram construídas religiosamente para que aos poucos, fossem assimiladas socialmente. O pastor por oficio tem, pela maioria das igrejas, a primazia na realização do batismo, do casamento religioso com efeito civil, da ministração da ceia, do ensino, da pregação, do velório, e das atividades comunitárias dentro e fora da igreja. Torna-se líder dos lideres!

         Os pastores por oficio estão se multiplicando dia a dia! Os seminários estão cheios e sempre existem candidatos! É um passo garantido para um emprego ou para a realização de determinadas praticas que garantem um bom e rendoso sustento com certa garantia de mercado de trabalho! Sempre há igrejas precisando de pastores e quando não há mais igrejas para se trabalhar, pode-se facilmente abrir o próprio negocio, ou abrir a própria igreja!

         Não existem critérios bem estabelecidos no governo secular e nem no mundo eclesiástico para o surgimento de novas igrejas. Qualquer pessoa pode se tornar em pessoa jurídica e religiosa!

         Existem países que para se abrir uma igreja é preciso seguir um processo bem direcionado e com algumas exigências que intimidam muitos a continuarem com tal idéia!

         Muitos pastores por oficio são pessoas boas e dotadas de alguns dons! Embora sejam bons e dotados com dons específicos, precisam assumir muitas outras atividades que não têm nenhuma afinidade com seus dons e habilidades, mas precisam desempenhá-las simplesmente pelo fato de serem pastores de oficio. Isso danifica a igreja e o prejudica como pastor e como gente, pois o desgasta por demais e desnecessariamente. Alguns são excelentes pregadores, por outro lado, péssimos professores ou mestres. Outros são ótimos mestres e possuem ótima didática, mas são sofríveis no púlpito como pregadores. Outros são bons no ensino e na pregação, mas péssimos na administração da igreja. O cobertor eclesiástico é curto ou pequeno para os pastores de oficio, ou seja, quando lhe cobre uma parte do corpo, deixa outra parte descoberta. A luta é constante! A luta é frustrante! A igreja sofre, o pastor sofre, a comunidade sofre, a sociedade sofre, os povos e as nações sofrem com esta esquizofrenia entre o pastor e a igreja!

Até amanhã com a continuação dessa interessante reflexão. To cansado e vou dormir!

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

quinta-feira, 28 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 10 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 638 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 28/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 08 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!

Ontem, nessas letras e com essas fontes eu encerrei minha postagem: A luta vem, mas o milagre de Deus abre um caminho no meio do mar para atravessarmos a pés enxutos dando glórias a Deus!

Engraçado! Ao terminar meu post saí para prestar um favor a minha mãe e pequei meu carro novo e fui levar um exame de urina dela em um laboratório e não é que no caminho, já chegando em meu destino, um ônibus bateu em meu carro? Misericórdias! Foi tudo tão rápido e de repente, lá estava eu diante de uma circunstância que não escolhi, mas que estava ali sendo convidado por Deus para dar glórias a seu nome.

Glórias a Deus! Não houve vítimas, graças a Deus, mas danos materiais. Deverei gastar em consertos uns 700,00. Eu escolhi isso? Não, não escolhi e se tivessem me perguntado antes, eu me esquivaria e fugiria dessa situação, mas não é assim. Somos convidados por Deus a dar glórias a ele em todo o tempo e eu o glorifico sabendo que ele cuida de mim.

Hoje, em minha leitura e meditação na palavra de Deus, deparei-me com o salmo 84 e veio a minha mente a lembrança de quando compramos este carro, pois o Senhor nos deu o Sl 84, dos versos de 9 a 12, onde nele, na minha BEG, está anotado com a letra da Juci: "Nissan – 10/07/10. Acabamos de comprar um carro. Amém!".

Salmos 84 - [Para o músico-mor sobre Gitite. Salmo para os filhos de Coré]

  1. Quão amáveis são os teus tabernáculos, SENHOR dos Exércitos!
  2. A minha alma está desejosa, e desfalece pelos átrios do SENHOR; o meu coração e a minha carne clamam pelo Deus vivo.
  3. Até o pardal encontrou casa, e a andorinha ninho para si, onde ponha seus filhos, até mesmo nos teus altares, SENHOR dos Exércitos, Rei meu e Deus meu.
  4. Bem-aventurados os que habitam em tua casa; louvar-te-ão continuamente. (Selá.)
  5. Bem-aventurado o homem cuja força está em ti, em cujo coração estão os caminhos aplanados.
  6. Que, passando pelo vale de Baca, faz dele uma fonte; a chuva também enche os tanques.
  7. Vão indo de força em força; cada um deles em Sião aparece perante Deus.
  8. SENHOR Deus dos Exércitos, escuta a minha oração; inclina os ouvidos, ó Deus de Jacó! (Selá.)
  9. Olha, ó Deus, escudo nosso, e contempla o rosto do teu ungido.
  10. Porque vale mais um dia nos teus átrios do que mil. Preferiria estar à porta da casa do meu Deus, a habitar nas tendas dos ímpios.
  11. Porque o SENHOR Deus é um sol e escudo; o SENHOR dará graça e glória; não retirará bem algum aos que andam na retidão.
  12. SENHOR dos Exércitos, bem-aventurado o homem que em ti põe a sua confiança.

Que salmo lindo e que vontade de meditar nele, em sua letra e mensagem. O salmista fala do pardal e da andorinha que encontraram ninhos para si e os compara a ele que encontrou os altares de Deus. O salmo conclui com um dizer de que é feliz aquele que confia ou que põe a sua confiança em Deus.

O recado de Deus para mim é de que eu devo confiar nele, no Senhor e busca-lo em seus altares, pois ele será meu ajudador em todos os tempos.

Hoje, novamente, encerro com essas letras e com essas fontes: A luta vem, mas o milagre de Deus abre um caminho no meio do mar para atravessarmos a pés enxutos dando glórias a Deus!

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 9 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 639 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 27/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 09 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!

Na canção do amado irmão Lázaro, Passando pela prova (http://www.youtube.com/watch?v=WhntXMgPX4g), há uma lição para nós todos, imperdível a de que devemos passar pela prova dando glórias a Deus.

Vou passando pela prova dando glória a Deus

Glória a Deus, glória a Deus (2x)

E difícil quando a gente ta na prova.

E vem um atribulado enviado do diabo.

Ele vem totalmente carregado

Todo contaminado.

Pra tirar a sua paz

E não entende que Deus quando tem uma obra

Na vida de um crente primeiro ele prova

E por isso que eu vou passando pela

prova e dando glória (2x)

Vou passando pela prova dando glória a Deus

Glória a Deus, glória a Deus (2x)

Vou passando pela prova dando glória a Deus

Glória a Deus, glória a Deus (2x)

Se tu és crente então, porque tu passas fome?

Por que nem só de pão viverá o homem

Se tu és crente então, porque toda essa dor?

Por que o deserto é a escola do Senhor

Os milagres de Deus continuam a ocorrer todos os dias em todos os lugares e situações. Na canção de Aline Barros, Caminho de Milagres (www.youtube.com/watch?v=JbVX5M9iwFg), Composição: Davi Sacer / Luis Arcanjo / Ronald Fonseca, há outra lição que não podemos esquecer de modo algum, pois Deus está fazendo um milagre pelo mar.

Tudo o que eu fiz foi acreditar

Eu ouvi Tua voz e obedeci

Como pude então ter chegado aqui

Eu não posso crer que é o fim

Dizem: onde está o teu Deus?

Me perguntam o que fazer

Quando o que era difícil

Se torna impossível

Deus começa a agir

Ele abre sempre uma porta

Onde não há saída

O impossível faz acontecer

O impossível ele faz

Ele faz um caminho de milagres pelo mar

A luta vem, mas o milagre de Deus abre um caminho no meio do mar para atravessarmos a pés enxutos dando glórias a Deus!

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

terça-feira, 26 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 8 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 640 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 26/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 10 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!
Eu estou precisando de um milagre na minha vida! Urgente!
É engraçado como luta vem e luta vai. Vencemos uma luta, eis que surge outra mais complexa que passa a exigir mais ainda da gente e imaginamos que não seremos capazes de dar conta, mas aí Deus nos renova e nos fortalece e vencemos. Novamente, bem pouco tempo depois, outra luta surge e parece maior que a anterior e mais complexa.
Eu estou entendendo que não teremos paz até ao final de nossa vida, mas lutas e mais lutas. É como já disse anteriormente: não importam as circunstâncias que virão ou que estamos vivendo, mas o que importa é como, nelas, estamos reagindo. Victor Emil Frankl nos ensinou que quando não somos capazes de mudar as circunstâncias, devemos mudar a nós mesmos.
Eu não posso mudar, mas posso, nelas, glorificar ao meu Senhor e meu Deus que me permitiu passar por elas. Eu creio em sua administração e creio que ele me escolheu para eu passar por ela por que ninguém mais conseguiria, assim como eu não conseguiria suportar a dor que meu irmão também está enfrentando em sua própria circunstância em que vive.
Não sou melhor do que meu irmão, nem meu irmão melhor do que eu, mas se não dermos glórias a Deus em nossas vidas seremos reprovados nas provas. Deus nos tem chamado para passar pelas provas porque ele vai nos passar!
Eu sou um milagre de Deus vivo e eles, os milagres de Deus, continuam a ocorrer todos os dias em todos os lugares e situações.
A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

segunda-feira, 25 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 7 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 641 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 25/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 11 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!  

Dando continuidade ao assunto de ontem:
Assim, a cegueira e os outros problemas que nos levam à morte existem até hoje. Ora Jesus continua também vivo e agora nós estamos aqui, no lugar de Jesus porque ele foi ao Pai preparar-nos lugar. É por isso que oramos e tudo fazemos no nome de Jesus. Os milagres à época tiveram propósitos.
Embora, nas Escrituras, os milagres estejam quase todos agrupados no tempo do êxodo, de Elias e Eliseu, e de Cristo e seus apóstolos, eles deram autenticidade aos que os operaram como representantes e mensageiros de Deus (cf. Ex 4:1-9; 1 Re 17-24; Jo 10:38; 14:11; 2Co 12:22; Hb 2:3-4) e, além disso, mostraram o poder de Deus trazendo salvação, juízo, misericórdia, aumento da fé em Deus e até endurecimento de corações. Os milagres, assim, cumpriram diretamente os propósitos de Deus e serviram de exaltação da sua glória e de seus profetas.
O tempo não parou. Jesus não parou no tempo. Jesus continua sua caminhada no tempo presente com a 'missio Dei' até a sua volta, mas não mais em seu próprio corpo físico, mas no seu corpo, igreja do Deus vivo. O Espírito Santo não nos abandonou a nossa própria sorte, mas continuamos com desafios enormes de evangelização; sem medo de errar, em alguns casos, mais complicados do que à época dos próprios apóstolos.
Eu não sei por que adquirimos, ou desenvolvemos, o medo de errar e uma vontade de acertar tão grande que erramos tudo e não acertamos mais nada.
Os milagres de Deus continuam a ocorrer todos os dias em todos os lugares e situações.
A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

domingo, 24 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 6 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 642 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 24/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 12 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!

Eu creio ter sido bem ousado quando pedi aos amados irmãos para trazerem: os coxos, os lunáticos, os paralíticos, os cegos, os surdos, mudos e surdos-mudos, os que sofrem de depressão, de insônia, que estão atravessando um grande deserto em seus relacionamentos, casamentos, envolvimento com drogas, questões judiciais, casos difíceis e até os mortos, pois o Senhor irá realizar milagres nessa vigília.

Quando Jesus esteve em sangue - carne e osso – entre nós, ele curou a todos aqueles que o Pai trouxe a ele, mas não curou, por exemplo, a cegueira. A cegueira existia antes de ele vir à terra, existiu durante sua permanência física na terra e existe até hoje e sempre existirá até que volte e restaure todas as coisas e entregue o seu reino ao seu Pai quando o último inimigo for aniquilado.

24. Depois virá o fim, quando tiver entregado o reino a Deus, ao Pai, e quando houver aniquilado todo o império, e toda a potestade e força. 25. Porque convém que reine até que haja posto a todos os inimigos debaixo de seus pés. 26. Ora, o último inimigo que há de ser aniquilado é a morte. (I Co 15:24-26).

(...)

E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória. (I Co 15:54).

Amanhã, prosseguiremos e Deus será glorificado em nossas vidas.

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

sábado, 23 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 5 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 643 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 23/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 13 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!

Os milagres de Deus ocorrem todos os dias em todos os lugares e situações.

Hoje eu me valerei novamente de um estudo temático sobre MILAGRES, baseado em 1 Re 17.22, da Bíblia de Estudo de Genebra, versão antiga. Assim, ela comenta sobre o milagre:

As Escrituras não têm apensa uma palavra para expressar a noção de milagre. O conceito inclui pensamentos expressos por vários termos: 'maravilha', 'obra poderosa' e 'sinal'. O termo 'maravilha' chama a atenção para a impressão causada pelos milagres.

'Milagre", do latim miraculum, significa algo que evoca maravilha. Um milagre é um acontecimento além do normal, que evoca a consciência da presença e do poder de Deus. Surpreendentemente providências e coincidências, tanto quanto fenômenos da natureza, podem provocar admiração semelhante, quando evidenciam o eterno poder e a divindade de Deus (Rm 1:20).

'Obra poderosa', na história bíblica, aponta para a presença de atos sobrenaturais de Deus, envolvendo o poder que criou o mundo do nada. Trazer um morto à vida, obra que Jesus fez mais de uma vez (Lc 7:11-17; 8:49-56; Jo 11:38-44), obra que Elias, Eliseu, Pedro e Paulo fizeram (I Re 17:17-24; 2 Re 4:18-37; At 9:36-41; 20:9-12), é uma obra de tal poder criador, não acontece por acaso ou coincidência e não pode ser explicada partir do curso natural das coisas.

'Sinal' é um termo regularmente usado para milagres no Evangelho de Joao, onde sete milagres-chave são registrados, indicando que os milagres apontam para algo; são portadores de uma mensagem. Os milagres nas Escrituras estão quase todos agrupados no tempo do êxodo, de Elias e Eliseu, e de Cristo e seus apóstolos. Eles dão autenticidade aos que os operaram como representantes e mensageiros de Deus (cf. Ex 4:1-9; 1 Re 17-24; Jo 10:38; 14:11; 2Co 12:22; Hb 2:3-4) e, além disso, mostram o poder de Deus trazendo a salvação e executando o seu juízo, apesar de toda a oposição. Os milagres da Bíblia não são absurdos ou irracionais. Também não são meras demonstrações de poder, cuja única finalidade seria demonstrar esse poder. Os milagres cumprem diretamente os propósitos de Deus e são condizentes com sua majestade e santidade.

A crença no miraculoso é essencial no Cristianismo. A encarnação e a ressurreição de Jesus são os dois supremos milagres das Escrituras, definido a fé cristã. Ninguém pode rejeitar a vida de Jesus ou a sua ressurreição sem rejeitar a própria fé. Não há nada de irracional na crença de que o Deus que criou o mundo pode intervir nele criativamente em qualquer tempo; na verdade, seria irracional crer em qualquer outro Deus. Finalmente, o irracional não é a fé nos milagres bíblicos, mas a dúvida a respeito deles.

Os milagres não existem para os crentes em Deus, pois para eles – para nós! – tudo é possível, tudo é milagre de Deus. Excelente dia a todos.

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

sexta-feira, 22 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 4 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 644 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 22/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 14 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!

Os milagres de Deus ocorrem todos os dias em todos os lugares e situações. E eu vou contar alguns deles bem atuais: É tão desagradável errarmos o caminho quando saímos para irmos a algum lugar. Por exemplo, na saída de Guarulhos eu fui orientado a passar por uma nova ponte e não entrar à direita, antes da ponte, pois pretendia ir para a Marginal Tietê, para depois pegar a Rodovia Bandeirantes, o Rodoanel e, finalmente, a Regis Bitencourt para irmos à Curitiba/PR.

Eu não poderia subir a ponte com destino ao Aeroporto, pois era sentido contrário. Jamais imaginaria que a própria subida dessa ponte era bifurcada e já obrigava a tomada de decisão em sua subida e escolha do caminho imediatamente. Ora, eu estava em outra faixa e o inevitável ocorreu. Peguei outro caminho.

Quanto também estava vindo pela Rodovia Bandeirantes, vacilei e não prestando atenção à placa de sinalização, saí da Bandeirantes antes do Rodoanel e lá estávamos nós em caminho errado, novamente. Que sensação terrível a de errarmos o caminho.

Graças a Deus, conseguimos contornar o problema rapidinho. Encontramos lugar e pessoas que nos orientaram e rapidinho estávamos de volta à pista certa.

Outro problema sério de quem viaja é além de errar o caminho – desagradável – é não encontrar o lugar de destino e aí ficarmos dando voltas e mais voltas. Até nosso GPS pirou e ficava "...recalculando o caminho,... aguardem... a 100 metros entrem a direita... a 150 metros entrem a esquerda...". Não teve jeito, não achamos a rua certa e tivemos que ligar para nosso amigo que veio ao nosso encontro e nos conduziu, sem erros, à sua casa. Chegamos em paz!

Na nossa jornada de fé quando iniciamos a nossa viagem, também passamos por problemas quando erramos o caminho, ou estamos em um caminho que não éramos para ali estar, mas se buscarmos ao Senhor ele nos mostrará tanto lugares quanto anjos de Deus que nos apontem o caminho de volta para a pista certa. Também não ficaremos à deriva sem saber onde ir, porque o Senhor, novamente se compadecerá de nós e ele próprio será o nosso guia a nos conduzir ao seu lar.

Errar e acertar; viajar e chegar ao destino; encontrar parentes e amigos; curtirmos os cenários das viagens e também seus problemas (congestionamentos, pistas em reforma, acidentes, buracos, perigos de salteadores, ignorância, ultrapassagens forçadas, lentidão do veículo à frente, abusos); chegar e sair; sair e chegar; alegrar-se e entristecer-se; sentir grande euforia e pesar; cantar e ficar calado... viver! Estamos vivos... é o milagre da vida! Um milagre que se chama Deus!

Excelente dia a todos.

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

quinta-feira, 21 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 3 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 645 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 21/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 15 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bênção de Deus!

Amados irmãos mais um dia em nossas vidas.

A história da jumentinha que carregou a Jesus

Jesus estava chegando em Jerusalém montado em um jumentinho, filho de jumenta, conforme estava escrito "não temas, filha de Sião, eis que o teu Rei aí vem montado em um filho de jumenta" (Is 40:9).

Os judeus estavam com muita inveja e havia já divisão entre eles por causa de Jesus e, principalmente, pelo que ele realizará e falara que tinha esquentado os corações e obrigado a alguns deles a tomarem partido por Jesus.

Nicodemos parecia ter até se desviado (em João 7:50-52), alguns creram em Cristo, ainda que superficialmente (em João 8:31), outros se impressionaram com a cura do cego de nascença (em João 10:21), Jesus parecia ter ganhado adeptos também além do Jordão (em João 10:41,42), depois teve a ressurreição de Lázaro que estava a 4 dias morto e já cheirava mal e isso trouxe muitos à fé (em João 11:45 e 12:11, 17-18).

Estas coisas serviram para a preparação onde Jesus foi recebido de forma triunfal em Jerusalém que extraiu deles a frase: "eis aí vai o mundo após ele" (em João 12:19).

Essa linda história esta também narrada em Jo 12 12-19; Mt 21:1-11; Mc 11:1-11; Lc 19:28-40 onde ganhou destaque e é pregada por pregadores de todos os tempos e regiões.

O jumentinho não se continha mais e chamou a sua mãezinha e dizia: - mãe, você viu como preparam os caminhos para eu passar em Jerusalém? Fizeram tanta coisa boa para mim e prepararam a rua para eu passar e colocaram palmeiras e gritaram e louvaram e cantaram e eu fiquei tão feliz.

- filho, isso não foi feito para você, mas para aquele que estava montado em ti, o Cristo.

- não mãe, foi para mim. Eu tenho certeza! Eu vou passar lá novamente para te provar.

Assim, aquele jumentinho foi e repetiu a mesma cena, mas dessa vez nada aconteceu e o jumentinho ficou triste, aborrecido e voltou a sua realidade de vida.

Moral da história: não somos ninguém sem Cristo. Às vezes pensamos que nosso sucesso vem de nossos esforços e capacidades, mas quem nos faz capazes e poderosos é aquele que é o Rei dos reis e Senhor dos senhores. (obs.: ouvi essa história a primeira vez pelo Pr. Jeová de Aquino enquanto almoçávamos juntos um dia desses).

Um bom dia a todos.

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

quarta-feira, 20 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 2 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 646 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 20/07/11)

Contagem regressiva: estão faltando exatos 16 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bÊnção de Deus!

Os milagres de Deus acontecem todo o tempo. Hoje, por exemplo: despertei animado e pronto para sair à peleja da vida conquistando mais um dia de bênçãos seguindo a direção de Deus.

A história do leão crente.

Dois crentes estavam perdidos numa floresta e como bons crentes resolveram orar para pedir a direção de Deus a ajudá-los a sairem dali, pois tinha ouvido rugidos de leão próximo a eles e não sabiam o que fazer. Ajoelharam os dois e começaram a orar até que ouviram eles um rugido bem mais próximo deles. Abriram os seus olhos e avistaram aquele enorme leão e entraram em pânico. Um deles ao ver a cena, correu o mais que pode para fugir; o outro, continuou a orar pelo livramento. Vindo o leão, que também era crente, na direção do que não fugira e continuava a orar, deu aquela lambida em seus lábios e ajoelhado, levantou as suas patas aos céus e disse:

- obrigado Senhor, por esta refeição tão suculenta.

Moral da história: devemos sim orar, mas devemos também fazermos a nossa parte e não esperar as coisas acontecerem de "per se" quando o cenário aponta perigo ou ameaça iminente.

Amanhã, contarei a história da jumenta que carregou a Jesus. Um bom dia a todos.

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.