terça-feira, 19 de julho de 2011

TEMA: Milagres! 1 – Gl 1:10 e Mc 11:19-26 - Faltam 647 dias para 26/04/13

Contagem regressiva: estão faltando exatos 17 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva. Agora juntos o CMI e a UMP – bÊnção de Deus!

Local: 1ª Igreja Presbiteriana de Taguatinga; Pastor Titular: Rev. Sabino Cordeiro Dourado; End.: Sandu Norte – Tag.  Norte/DF; CONSELHO MINISTERIAL DE INTERCESSÃO – CMI e UNIÃO DE MOCIDADE PRESBITERIANA – UMP.

PROGAMAÇÃO DA VIGÍLIA DA PIPT – 05 de AGOSTO de 2011

Tema: Apenas Servos Em busca de um milagre – ref.: Gl 1:10 e Mc 11:19-26

ATENÇÃO: Pelo Espírito Santo de Deus, o CMI que tinha o tema  de sua vigília: "Em Busca de Milagres" se uniu com a UMP que tinha o tema de sua vigília: "Apenas Servos" e agora estão unidos numa programação conjunta que passará a ser: APENAS SERVOS EM BUSCA DE UM MILAGRE.

Confesso aos irmãos que essa nossa união foi uma tremenda 'cristoincidência', coisa mesma do próprio Espírito de Deus, quando a equipe do CMI estava orando em sua reunião semanal, nas sextas-feiras. Servo: o milagre já começou!

Obs.: Vejam  o cartaz da UMP, logo abaixo dessa programação!

Programação da vigília

22:00  22:20  Oração Oração inicial por 20 minutos

22:20  22:40  Louvor Adoração Momentos de alegria e de adoração na presença do Senhor, de descontração.  c/ Irmã Quésia e Mocidade

22:40  23:00  Oração Oração preparatória para a Palavra a ser ministrada a seguir

23:00  23:30  Palavra Pregação voltada ao tema da vigília. c/ Asp. Daniel Deusdete

23:30  00:00  Oração Oração dirigina (poderá dividir a igreja em grupos,  ou formar um  grande círculo, ou conduzir à oração individual, conforme desejar)  

00:00  01:00  Pregação, oração, testemunho, etc... haverá uma pequena pausa de 5 minutos para um café, água, banheiro, ... Em seguida, o tempo restante estará destinado para que seja conduzida a primeira hora do dia de oração, preferencilamente seguindo o tema da vigília (poderá pregar, orar, louvar, etc...). c/ Pr. Sabino

01:00  01:20  Testemunho   Oportunidade livre a quem quiser testemunhar algo recebido na vigília ou que queira compartilhar com os irmãos da parte de Deus, de preferência relacionado ao tema da vigília.

01:20  01:40  Louvor/ Adoração Louvor de adoração ao Senhor buscando a presença de Deus em forma de gratidão e de consolo. c/ Irmã Quésia e Mocidade

01:40  02:00  Oração Congregar a igreja em grupos de oração e orar por todos os eventos da Primeirona, enfocando a unidade no altar, no Presbitério, no Conselho da Igreja, nos Conselhos Ministeriais, nos Pequenos Grupos, no Serviço Diaconal, etc... Orar por todos os eventos da igreja: pelas 4 Estações, Acampamentos, Pescaria dos Homens, pelas Sociedades internas, pelos Conselhos Ministeriais, pelos presbíteros, pelos diáconos, pelos missionários da Primeirona, pela viagem ao Egito/Israel, pelo Encontro de Casais – Cruzeiro no VISION, pela PIPT, em geral...

02:00  02:20  Palavra c/ Rev. Wesley, Secretário da UMP, trará uma palavra de Deus voltada ao tema      Rev. Wesley

02:20  02:40  Louvor/ Adoração Louvor de adoração ao Senhor buscando a presença de Deus em forma de gratidão e de consolo. De incentivo pela batalha de oração vencida. c/ Irmã Quésia e Mocidade

02:40  03:00  Oração final Oração final e de agradecimento. Envolver toda a igreja. É a oração final.  Oração de despedida do povo e de cobertura espiritual.       Conduzida pelo Pr. Sabino ou Pr. Demerson.

Ref. Bíblica:

Porque, persuado eu agora a homens ou a Deus? ou procuro agradar a homens? Se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo. (Gl 1:10)

19. E, sendo já tarde, saiu para fora da cidade.20. E eles, passando pela manhã, viram que a figueira se tinha secado desde as raízes. 21. E Pedro, lembrando-se, disse-lhe: Mestre, eis que a figueira, que tu amaldiçoaste, se secou. 22. E Jesus, respondendo, disse-lhes: Tende fé em Deus; 23. Porque em verdade vos digo que qualquer que disser a este monte: Ergue-te e lança-te no mar, e não duvidar em seu coração, mas crer que se fará aquilo que diz, tudo o que disser lhe será feito. 24. Por isso vos digo que todas as coisas que pedirdes, orando, crede receber, e tê-las-eis. 25. E, quando estiverdes orando, perdoai, se tendes alguma coisa contra alguém, para que vosso Pai, que está nos céus, vos perdoe as vossas ofensas. 26. Mas, se vós não perdoardes, também vosso Pai, que está nos céus, vos não perdoará as vossas ofensas. (Mc 11:19-26).

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

Cartaz de anúncio de vigília do CMI e da UMP


segunda-feira, 18 de julho de 2011

TEMA: Milagres! - Faltam 648 dias para 26/04/13


Contagem regressiva: estão faltando exatos 18 dias para nossa vigília do milagre. Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva.

Nos próximos dias iremos meditar sobre milagres e eu já o tenho feito em postagens anteriores, principalmente a partir de 11/06/2011, com o tema 'Vôce tem fé em Deus' e depois com o tema 'Tendes fé em Deus'. Eu nessas postagens falei muito de milagres. Vale a pena dar uma conferida, uma vez que estamos falando, novamente, de milagres.

Eu já disse e insisto que somente o fato de eu estar aqui escrevendo e você lendo, somente isso já é um grande milagre que, como dizem, 'milagrem não se explicam, mas se vivem'. É isso aí, estamos vivos e vivemos, como explicaremos a vida? portanto, já estamos em milagres e eles acontecem a todo instante porque o Senhor da vida sustenta a vida com a força de sua palavra e conforme a sua soberana vontade.

Mais uma vez usarei a Bíblia de Estudo de Genebra – BEG, em sua página 1283, da segunda edição revisada e ampliada que traz um quadro interessante dos milagres de Jesus para meditarmos em nosso dia a dia até o dia de nossa vigília. São 36 eventos e como faltam apenas 18 dias, com certeza não dará para meditarmos em todos eles. Glórias a Deus por tantos milagres.

Milagres de Jesus

Sobre a natureza   

Uma tempestade é acalmada Mt 8.23-27; Mc 4.37-41; Lc 8.22-25

A moeda no peixe Mt 17.24-27

A figueira seca Mt 21.18-22; Mc 11.12-14, 20-25

A prímeira multiplicação dos pães Mt. 14.15-21; Mc 6.35-44; Lc9.12-17; Jo 6.6-13

A grande pesca Lc 5.4-11

A segunda multiplicação dos pães Mt 15.32-38; Mc 8.1-9       

Outra grande pesca Jo 21.1-11

Jesus caminha sobre o mar Mt 14.25-33; Mc 6.46-51; Jo 6.19-21

Água transformada em vinho         Jo 2.1-11

Curas

Um homem leproso   Mt 8.1 -4; Mc 1.40-42; Lc 5.12-13

Um jovem possesso Mt 17.14-18; Mc 9.17-29; Lc 9.38-43

O criado do centurião Mt 8.5-13; Lc 7.1 -10

Dois cegos (induindo Bartimeu) Mt 20.29-34; Mc 10.46-52; Lc 18.35-43

A sogra de Pedro   Mt 8.14-15; Mc 1.30-31; Lc 4.38-39

Um endemoninhado em Cafarnaum Mc 1.23-26; Lc 4.33-35

Dois endemoninhados   Mt 8.28-34; Mc 5.1 -15;  Lc 8.26-35

O surdo e gago Mc 7.32-37

Um cego em Betsaida Mc 8.22-26

Um paralítico Mt 9.2-7; Mc 2.3-12; Lc 6.18-25

Uma mulher enferma Lc 13.11-13

Um hidrópico Lc 14.1-4

A rnulher com fíuxo de sangue Mt 9.20-22; Mc 5.25-29; Lc 8.43-48

Dez leprosos Lc 17.11-19

O servo do sumo sacerdote Lc 22.50-51

Dois cegos Mt 9.27-31       

O filho de um ofícial do rei Jo 4.46-54

Um endemoninhado mudo Mt 9.32-33      

Um paralítico Jo 5.1-9

O homem com a mão ressequida Mt 12.10-13; Mc 3.1-5; Lc 6.6-10

Um cego de nascença Jo 9.1-7

Um endemoninhado cego e mudo Mt 12.22; Lc 11.14              

A filha da mulher cananeia Mt 15.21-28: Mc 7.24-30              

Outras curas Mt 8.16; 9.35; 12.15; 14.35-36;15.30-31; Mc 1.39; 3.7-12

Ressurreição de mortos

A fílha de lairo Mt 9.18-19,23-25; Mc 5.22-24,38-42; Lc 8.41-42,49-56                 

O filho da viúva de Naim Lc 7.11 -15                

Lázaro Jo 11.1-44

Quando vire para a vigília, tragam:

- os coxos, os lunáticos, os paralíticos, os cegos, os surdos, mudos e surdo-mudos, os que sofrem de depressão, de insônia, que estão atravessando um grande deserto em seus relacionamentos, casamentos, envolvimento com drogas, questões judiciais, casos difíceis e até os mortos, pois o Senhor irá realizar milagres nessa vigília.

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

domingo, 17 de julho de 2011

TEMA: A vigília e o guarda-chuva - Faltam 649 dias para 26/04/13

Vigília de 05/08/2011 – Favor trazer guarda-chuva.

Estão faltando exatos 19 dias para nossa vigília do milagre.

Ontem, 15/07/2011, tivemos nossa reunião do Conselho Ministerial de Intercessão - CMI e éramos apenas 3 pessoas, mas o suficiente para Deus realizar a sua obra. Oramos, não desanimamos e colocamos nossos olhos bem lá no alto. Falei de nossa próxima vigília e do tema: EM BUSCA DE MILAGRES. 

Então, veio à minha mente a pequena ilustração de uma criança no meio de adultos que oraram pedindo chuva porque a seca era muito terrível e oraram com muita fé. A tarde num movimento que envolveu a todos novamente, lá estava a criança de guarda-chuva na mão. Os adultos estranharam e censuraram a criança que respondeu de forma tão ingênua: - uai, nós não oramos pedindo chuva?

Uai irmãos, não foi o tema que o Espírito Santo nos deu: EM BUSCA DE MILAGRES?

Assim, eu convido os amados a trazerem os seus guarda-chuvas! Tragam (falo ousadamente pelo Espírito de Deus - quem quiser crer, creia e dê glórias a Deus; quem não quiser crer, não creia, mas também dê glórias a Deus e venha):

- os coxos, os lunáticos, os paralíticos, os cegos, os surdos, mudos e surdo-mudos, os que sofrem de depressão, de insônia, que estão atravessando um grande deserto em seus relacionamentos, casamentos, envolvimento com drogas, questões judiciais, casos difíceis e até os mortos, pois o Senhor irá realizar milagres nessa vigília.

Estarão pregando a Palavra de Deus, eu, o Rev. Sabino e o Rev. Wesley, da Congregação Presbiteriana do P-Sul. A Quésia estará encarregada do louvor e adoração.

Divulguem esta mensagem. Eu publicarei em meus sites e onde for possível. Espalhem este email e não temam, apenas confiem em Deus que é poderoso para fazer infinitamente mais do que sonhamos ou pedimos, conforme a sua soberana vontade.

Abraços, boas férias a todos e não se esqueçam de seus guarda-chuvas.

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

sábado, 16 de julho de 2011

TEMA: As excelências de Deus: sua criação e sua palavra 11 – Sl 19 - Faltam 650 dias para 26/04/13

Como prometi, hoje, estou disponibilizando os comentários da Bíblia de Estudo de Genebra – BEG, segunda edição revisada e ampliada, para meditação e aprofundamento dos estudos e meditação dos irmãos.

Sl 19 Introdução: Esse salmo louva ao Senhor pelos seus dois grandes presentes para a humanidade: a criação e a lei. Usando terminologia teológica, ele fala da revelação geral de Deus na natureza e de sua revelação especial nas Escrituras. Na conclusão, Davi volta-se para a sua vida parti-cular, orando para que Deus o guarde no caminho verdadeiro e reto.

19.1-6 Os céus proclamam a glória de Deus. A Bíblia claramente ensina que Deus é revelado pela sua criação. E igualmente clara ao afirmar que homens e mulheres suprimem esse conhecimento (Rm 1.19-20). Veja CFW1.1;CM2.

19.1 Os céus. Aqui o salmista usa a linguagem própria da criação; veja Cn 1.1-6, em que esse termo é traduzido por "firmamento" ou, em algumas outras versões, por "amplidão". Veja CB 2.

19.2 discursa. Essa metáfora declara que a criação, especificamente os céus; constantemente atesta o poder e a bondade de Deus.

19.3 Não há linguagem. Ou, "Eles não têm linguagem; não há palavras" / "nenhum som se ouve deies". Essa tradução é a preferida por manter o paradoxo poético do discurso silencioso.

19.4  toda a terra. Em oposição à revelação especial de Deus, que é limitada em termos de alcance, a sua revelação na criação se manifesta a todos. Paulo aplicou esse versículo à proclamação do evangelho que também de-veria se manifestar a todos (Rm 10.18). pôs uma tenda. O céu — os céus — é a tenda do sol, posta para ele por Deus. O sol é personificado ao longo de toda essa seção (embora não seja deificado como em outras religiões antigas do Oriente Próximo). O contexto indica que é provavelmente para a tenda que o soi vai durante a noite, quando não está presente no céu.

19.5 como noivo. Resplandecente, cheio de energia. como herói. Robusto e forte quando cruza o céu. O sol é uma criação de Deus e a metáfora suprema na esfera da criação que indica a glória de Deus, tornando conhecida sua presença a toda criatura na Terra. Quanto mais glorioso e poderoso é o Deus que o criou?

19.6 nada refoge. Assim como nada escapa ao calor do sol, a presença do seu Criador é sentida por todos.

19.7-14 Veja CFW 15.5; 19.6; GVÍ 4,95,105,155,157,190,195; BC 89; CB 7; CH 113.19.7-11 A lei do Senhor é perfeita. A lei, a revelação espe-cial de Deus, reflete o caráter do seu autor. Nomes diferentes são usados para a lei, mas são quase sinônimos e apontam para o todo da revelação especial de Deus à humanidade.

19.7         A lei. Torá, o termo mais geral para indicar a lei. restaura a alma. Instilando energia e  esperança naqueles que a seguem. dá sabedoria. A sabedoria não é um conhecimento intelectual superior. A Palavra de Deus implanta no ouvinte o temor de Deus, dando o conhecimento de Deus e o modo como o homem deve viver retamente diante dele.Veja CM 99; CB 2.

19.12-13 (faltas) que me são ocultas... soberba. O salmista sabia que pecava consciente e inconscientemente (por ignorância dos requisitos de Deus ou simplesmente por esquecimento). Ele orou para que Deus o protegesse contra ambas as faltas. serei irrepreensível. Somente pela graça de Deus.

Até amanhã, enviem suas colaborações. Deus abençoe a vocês.

A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

sexta-feira, 15 de julho de 2011

TEMA: As excelências de Deus: sua criação e sua palavra 10 - Sl 19 - Faltam 651 dias para 26/04/13

Ontem, eu cheguei ao fim na aventura que fizemos no Salmo 19 que fala das excelências de Deus, ou sejam, sua criação e sua palavra.
Hoje, conferindo meus emails, recebi uma propaganda da Livraria ERDOS e ela falava de uma nova Bíblia, “A Mensagem” - tradução do texto The Message, de Eugene Peterson. Ela é uma tradução contemporânea da Bíblia com base nas línguas originais que procura preservar na linguagem do dia a dia seus eventos e idéias.
Diz-nos Peterson sobre a Bíblia “A Mensagem”: "Se há algum diferencial em A Mensagem, talvez se deva ao fato de seu texto ter sido moldado pela mão de um pastor atuante. Durante a maior parte da minha vida adulta, tive a responsabilidade de apresentar a mensagem da Bíblia a homens e mulheres com os quais trabalhei. A Mensagem cresceu no solo de quarenta anos de trabalho pastoral". (Eugene Peterson).
Eugene H. Peterson é pastor, acadêmico, escritor e poeta. Depois de lecionar em seminário e de se dedicar por quase trinta anos ao ministério eclesiástico na região de Baltimore, Peterson criou o famoso texto The Message - em português, A Mensagem - uma paráfrase vibrante da Bíblia que se conecta ao leitor de hoje como nenhuma outra, resultado de dez anos de trabalho. Ref.: www.erdos.com.br.
 
Como a propaganda fornecia uma pequena demonstração em pdf e esta demonstração foi do salmo 19 e alguns outros salmos, eu resolvi publicá-lo abaixo, citando a fonte, para os irmãos conhecerem e avaliarem.
 
19 UM SALMO DE DAVI
1-2
A glória de Deus viaja pelos céus,
as obras de arte de Deus estão expostas no horizonte.
A senhora Alvorada ministra aulas todas as manhãs,
O professor Anoitecer leciona no curso noturno.
3-4
Suas palavras não são ouvidas,
sua voz não é gravada,
   Mas seu silêncio enche a terra:
mesmo calada, é a verdade propagada por toda parte.
4-5
Deus fez uma enorme cúpula
para o Sol — uma cúpula gigante!
O sol da manhã é um jovem recém-casado
que salta do leito nupcial;
O sol nascente, um atleta,
correndo para a linha de chegada.
6
É assim que a Palavra de Deus atravessa os céus
desde o nascer até o pôr do sol,
  derretendo o gelo, estorricando os desertos,
aquecendo os corações para a fé.
7-9
A revelação do Eterno é integral
e confere harmonia à nossa vida.
As sinalizações do Eterno são claras
e apontam o caminho certo.
Os mapas da vida do Eterno estão corretos
e nos conduzem pela estrada da alegria.
As orientações do Eterno são simples
e fáceis de aprender.
A reputação do Eterno é ouro de vinte e quatro quilates,
com garantia para a vida toda.
As decisões do Eterno são precisas
nos mínimos detalhes.
10
A Palavra de Deus vale mais que diamantes;
tem mais valor que um diamante no meio de esmeraldas.
   Você irá preferi-la ao mel,
ao mais doce e puro mel.
11-14
E mais: a Palavra de Deus é um mapa que nos alerta do perigo
e nos leva até onde o tesouro está escondido.
Como vamos encontrar o caminho?
como saber que pisamos na bola?
Limpa a tela, ó Deus, para que comecemos o dia do zero!
Guarda-me dos pecados tolos,
de pensar que posso assumir teu trabalho.
Então, começarei o dia banhado de sol,
com a sujeira do pecado removida.
Essas são as palavras da minha boca,
as quais vou degustando enquanto oro.
Acolhe-as quando as deposito
sobre o altar da manhã,
Ó Deus, meu Altar de Pedra,
Ó Eterno, sacerdote do meu altar
 
Agora sim, estamos chegando ao fim deste lindo salmo que certamente virará um sermão onde estarei ministrando por ai, onde Deus permitir. Eu estou aprendendo muito com ele... e você? Compartilhe conosco e nos mande sua colaboração. Amanhã, se a BEG tiver alguma colaboração significativa, ainda farei mais um post sobre o assunto, caso contrário, vamos partir para outro assunto. Deus abençoe a todos.
A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.
 

quinta-feira, 14 de julho de 2011

O Espírito Santo está falando: ouça-o!

Ajuda-me, Deus Espírito Santo de Deus, a discernir e a obedecer a tua voz dentro do meu ser.
Dá-me inteligência para perceber vozes estranhas que gritam e não são como tu és.
Eu não quero ser dominado por quem quer me dominar e somente me arruinar.
Um grito e gritos ouvi esta noite, mas não eras tu, pois a paz não estava com eles... era só confusão!
Suave é a tua voz e a paz sempre está contigo em companhia.
Totalmente inconfundível é quando falas e sussurras aos meus ouvidos.
O teu falar é doce e macio, mas também é espada que divide a alma, juntas e medula.
Deus Espírito Santo, porque me deixo levar e não começo logo a expulsá-los?
A tarefa deles é confusão para gerar roubo, morte e destruição.
Ao dormir com eles, te abandonei e o que ganhei senão a dor?
Glorifico o teu nome porque ainda me ensinas e tens paciência comigo e não me abandonas jamais.
Louvarei o teu nome hoje e sempre: jamais falte louvor e ações de graça em meus lábios e pensamentos.
Ouvir tua voz e obedecer, eis o que mais quero; eis o que tu queres; eis o que queremos!
Renová-me com teu perdão e não me deixes ser enganado novamente, nunca mais.
Indo eu pelo Caminho, protegei a minha mente para que eu não duvide de ti.
Agora sei que o Senhor guardará minha alma e meus pensamentos.
A DEUS TODA A GLÓRIA!
 
 

Continuem Firmes!!!

Queridos boa tarde !!

Quem decide fazer a vontade de Deus, cedo ou tarde enfrenta a oposição do mundo.

Nem sempre somos entendidos.

Até mesmo perseguições podem ocorrer.

Jesus nos advertiu sobre isso e acontece realmente.

Devemos continuar firmes diante de qualquer situação.

A certeza de que não estamos sozinhos nos tranquiliza e enfrentamos tudo com serenidade.

Jesus estava com os apóstolos em um barco, quando se desencadeou uma tempestade.

Os apóstolos amedrontados acordaram Jesus.

Ele os tranqüilizou e acalmou a tempestade.

Isto simboliza as tempestades que enfrentamos na vida.

E a atitude de Jesus nos diz que a sua presença nos basta.

Nada devemos temer se estamos com Ele.

Continuem firmes, Deus têm muito a fazer através de vocês.

"  FAZER A VONTADE DE DEUS SEM TEMOR "

Sou muito grata por tê-los como irmãos.

Agradeço por tudo que recebí e apredí com vocês.

Abraços e muita força, Leide

TEMA: As excelências de Deus: sua criação e sua palavra 9 - Sl 19 - Faltam 652 dias para 26/04/13

O que é mais importante? A obra que estamos fazendo e que temos a responsabilidade de fazer ou a pessoa que realiza a obra que é importante e que temos de fazer? Ou não tem essa de mais importante porque as duas coisas são importantes ou nenhuma delas o é?
Deus dizia em meu coração quando eu meditava um dia destes em minha vida e carreira ministerial:
- filho teu ministério é importante e será uma bênção, mas isso não deve ser o teu foco.
O tempo vai passar, as coisas irão acontecer e o que tiver de ser, deverá ser. Como pois eu poderia mudar o que está por vir ou o que está acontecendo? Isso não importa ou não deveria importar. Não importa se serei um eterno membro ou cooperador ou o presidente em uma obra, nem se ela é ou não, reconhecida pelos séculos. O que importa então? Que eu procure SEMPRE:
  • Ser melhor hoje do que fui ontem – ser melhor pai, ser melhor filho, irmão, amigo, marido, empregado (ou patrão), servo de Deus, membro de igreja (ou auxiliar ou pastor), cidadão, crente, ...). isso é o que chamo de melhorias contínuas . Sempre, e cada vez mais, melhor em rumo à perfeita estatura de varão perfeito até que Cristo seja formado em mim. (Ef 4:13; Gl 4:19).
  • Ajudar, por meio do Espírito de Deus e em nome de Jesus, meu irmão no seu dia-a-dia a ser melhor hoje do que foi ontem.
Sendo eu melhor e cada vez mais, ajudando eu meu irmão a ser melhor e cada vez mais, estarei, de fato e de verdade, dando por meio de minha vida glórias a Deus que é o dever de todo o homem.
14 As palavras dos meus lábios e
o meditar do meu coração
sejam agradáveis na tua presença, SENHOR,
rocha minha e redentor meu!
O salmista conclui este lindo salmo dedicando os seus lábios e coração ao Senhor de forma que todos os seus pensamentos e palavras sejam bênção diante daquele que nos deu vida e que está conosco em todo o tempo.
De ontem para hoje o quanto meus lábios e pensamentos foram do Senhor? Misericórdia! Sim precisamos sempre da misericórdia do Senhor porque estamos de contínuo também fazendo coisas, pensando coisas, que entristecem o Espírito Santo de Deus que não é nosso, mas penhor da nossa salvação.
13. Em quem também vós estais, depois que ouvistes a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação; e, tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa. 14. O qual é o penhor da nossa herança, para redenção da possessão adquirida, para louvor da sua glória. (Ef 1:13-14).
Chegamos ao fim deste lindo salmo. Eu aprendi muito com ele...
A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.
 

quarta-feira, 13 de julho de 2011

TEMA: As excelências de Deus: sua criação e sua palavra 8 - Sl 19 - Faltam 653 dias para 26/04/13

Agora o salmista se volta para dentro de si e começa a fazer questionamentos uma vez que vê que sua vida e conduta não são perfeitas diante do Senhor: não há como discernirmos as nossas próprias faltas.
Quem é que admoesta o “teu servo” se não as coisas que foram ditas antes e que estão clamando em alta voz dentro de nós? A mesma palavra de admoestação é também uma linda promessa de que aqueles que a guardarem terão recompensa.
11 Além disso, por eles
se admoesta o teu servo;
em os guardar,
há grande recompensa.
12 Quem há que possa discernir as próprias faltas?
Absolve-me das que me são ocultas.
Conta-se a história de uma gavião e de um sapo e de uma grande festa nos céus. O sapo desejava muito estar nesta festa, mas não sabia o que fazer. De repente voando por cima dele e depois pousando ali perto um grande e lindo gavião se apresentou.
– olá seu sapo, tudo bem por aqui?
– sim, respondeu o sapo que também lhe perguntou:
- como estão as coisas ai por cima? Tá tudo bem? E a grande festa, nos céus?
- festa? A sim a grande festa, estou indo para lá. Vamos?
- mas como irei, sou um sapo e não sei voar, mas se tivesse alguém que me ajudasse...
Aquele sapo tinha acabado de ter uma idéia muito boa e assim instigou a curiosidade do gavião que se ofereceu para ajudá-lo, mas que não sabia o que fazer. O sapo então lhe explicou que se ele, o gavião, deixasse, ele com sua boca grande iria morder a perna do gavião e assim poderia ira para a festa grudado em sua perna. O gavião então elogiou o sapo por sua inteligência e se ofereceu para ajudá-lo de acordo com aquela estratégia muito boa.
O sapo mordeu a perna do gavião e o gavião, enorme, começou a voar e foram direto para a festa. No caminho, nas alturas o gavião veloz foi cruzando com outras aves que viam aquilo e exclamavam dizendo, mas de quem foi aquela idéia tão brilhante e tão inteligente. Assim passaram pelos pardais, pelos pombos, pelas águias e ninguém deixava de admirar aquela idéia brilhante e inteligente.
Quando estavam bem próximos, encontraram com uma coruja enorme e bonita que insistiu com o gavião querendo saber de quem era aquela idéia muito inteligente. O sapo de tanto ouvir aqueles comentários, não se continha mais em si e naquela hora não resistindo mais, abriu a sua boca e disse:
- fui eu... euuuuuuu.....
Moral da história: se você está agora nas alturas, seja humilde e glorifique ao teu criador, pois nada somos sem o Senhor que por nós morreu na cruz do calvário. O salmista com sabedoria pede ao Senhor para guardá-lo da soberba, do “eu”: “eu” fiz...,  “eu” faço..., “eu” sou..., “eu” tenho..., “eu” ...
Certamente, se ela não nos dominar continuaremos firme em nossa jornada e nada poderá nos deter. Sermos livres de repreensão e conseqüentemente de grande transgressão estão conectadas com a soberba.
13 Também da soberba guarda o teu servo,
que ela não me domine;
então,
serei irrepreensível e
ficarei livre de grande transgressão.
Estamos chegando ao fim deste lindo salmo e somente falta um versículo, mas prefiro deixar o fim para amanhã.
A Deus toda glória! p/ Pr. Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br .
 

terça-feira, 12 de julho de 2011

TEMA: As excelências de Deus: sua criação e sua palavra 7 - Sl 19 - Faltam 654 dias para 26/04/13

Agora estamos diante do temor do Senhor e diante de seus juízos que para os justos nem o ouro nem o mel se comparam, mas para os ímpios tudo de ruim. Quem pratica o pecado não quer ser exposto nem descoberto, mas permanecer sujo, longe, oculto, disfarçado.
No entanto ao invés da sujidade desejada vem a limpidez e a sua permanência para sempre. Assim é o temor do Senhor, o princípio da sabedoria. Quem anda nos caminhos do Senhor não deseja a sujidade nem as trevas, mas a luz de aprovação do Senhor.
Juízos? Os juízos quando vêm, não vêm sem trazer desconforto e castigo, mas para os que temem ao Senhor são verdadeiros e justos. Não podemos afrontar sempre, pois uma hora dessas vem o juízo sobre o agressor e o afrontador. O homem não pode ignorar perpetuamente ao Senhor, as suas leis, mandamentos e preceitos e achar que nada os afligirá. O juízo do Senhor vem e vem montado na justiça.
9 O temor do SENHOR
é límpido e
permanece para sempre;
os juízos do SENHOR
são verdadeiros e
todos igualmente, justos.
O justo folga com o Senhor e seus caminhos, pois ve que há esperança para o seu labor e a sua construção. O ímpio fica alegre quando executa a injustiça e diz no seu coração que Deus não está vendo nada e também nada pode fazer. Ele agride a sua vítima com requintes de crueldade. Não basta o bem que furta, mas o terror parece o alimentar. O sangue que escorre de suas vítimas são os seus troféus e a violência a sua irmã.
10 São mais desejáveis do que ouro,
mais do que muito ouro depurado; e
são mais doces do que o mel e
o destilar dos favos.
Homem de Belial, malígno desde o ventre materno, você não ficará impune e os seus atos cairão sobre si mesmo, pois rejeitou o temor do Senhor e desprezou os seus juízos, justos e verdadeiros. Não se desanime ó justo que segue o caminho da justiça, mas lembre-se que você:
  • Está nas mãos do Pai.
  • Seguindo o Filho.
  • Sendo orientado pelo Espírito Santo.
Qual é o maior prazer do homem na terra se não o ouro e quais são as suas maiores delícias se não o mel? O ouro e o mel estão no temor do Senhor e em seus juízos e não na exploração do próximo e na cobiça de bens, loterias, riquezas materiais e dinheiro.
Amanhã, continuaremos com o vs 11 em diante. Uma excelente semana a todos.
A Deus toda glória! p/ Pastor Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.
 

segunda-feira, 11 de julho de 2011

TEMA: As excelências de Deus: sua criação e sua palavra 6 - Sl 19 - Faltam 655 dias para 26/04/13

Ele, o autor, estava falando do sol, de uma tenda para o sol; da idéia do noivo; dos aposentos do noivo; da idéia de herói; do caminho que um herói percorre que se inicia nos céus infinito e vai até o outro lado do infinito e por onde ele vai passando o seu calor tudo vai irradiando.
Nos versículos anteriores exaltou os céus, o firmamento, o dia, a noite e a linguagem que se desenrola sem que haja som, mas que em todos os cantos do mundo se ouvem as suas vozes.
Em resumo, ele, o Espírito Santo, estava falando da criação, do Criador e do reino de Deus, quando de repente, seu discurso muda da criação para a lei e seu testemunho. É como se ele estivesse fazendo um paralelo ou um gancho de ligação entre uma coisa e outra. Assim como o sol brilha, assim a lei brilha. Assim como o dia discursa, o testemunho também discursa.
7 A lei do SENHOR
é perfeita e
restaura a alma;
o testemunho do SENHOR
é fiel e
dá sabedoria aos símplices.
8 Os preceitos do SENHOR
são retos e
alegram o coração;
o mandamento do SENHOR
é puro e
ilumina os olhos.
Estamos agora diante da lei, do Senhor, da perfeição, da restauração, da alma, do testemunho, da fidelidade, da sabedoria, dos símplices, de preceitos, dos retos, da alegria, do coração, do mandamento, da pureza, da iluminação e dos olhos. Estamos agora diante do mundo interior e não mais do exterior.
O paralelo entre um e outro bloco é inevitável e assim como admiramos as coisas criadas e reconhecemos que elas não existem por acaso, assim mesmo, devemos perceber e ver que estas outras coisas interiores também apontam para nosso Deus, Senhor, Criador e digno de adoração.
Percebe-se da narrativa um crescente, uma ascensão apontando para nós mais coisas belas e relativas à criação quando de repente, no auge, o foco muda não para o clímax esperado, mas para a lei e o testemunho como se eles fosse o clímax. Louvado seja o Senhor.
Não foi o homem que colocou o sol em seu lugar e o designou para iluminar, aquecer e gerar vida na terra. Semelhantemente,  não foi o homem que colocou a lei do Senhor como luzeiro maior a iluminar, aquecer e a gerar vida: E dei-lhes os meus estatutos e lhes mostrei os meus juízos, os quais, cumprindo-os o homem, viverá por eles. (Ez 20:11).
Amanhã, continuaremos com o vs 9 em diante. Uma excelente semana a todos.
A Deus toda glória! Por Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.
 

domingo, 10 de julho de 2011

TEMA: As excelências de Deus: sua criação e sua palavra 5 – Sl 19 - Faltam 656 dias para 26/04/13

Ontem fizemos visitas e oramos pela Fátima para Deus curá-la da vista. Somente mesmo pela fé para sairmos por ai anunciando o reino de Deus a todos os povos. Também é grande a nossa responsabilidade na oração, pois as pessoas são muito mais crédulas do que se imagina.
Jamais devemos ser irresponsáveis dizendo coisas e prometendo elas quando Deus não nos falou, mas se falou é nosso dever de fé anunciá-las para a sua própria glória.
Conversando com minha amada pastora Jucilene perguntei-lhe e depois entendemos que o desafio duplo de toda pregação que fizermos em nome do Senhor Jesus tem de ter: 1. uma aplicação prática – ora um sermão que anunciamos, mas que não tem aplicação é um sermão com deficiência; 2. apontar para Jesus, sempre! Se nosso sermão terminar e não apontarmos para o Cristo, não foi um sermão, mas uma boa mensagem de incentivo e qualquer outra coisa, menos um sermão.
Vamos então continuar com nossa meditação neste salmos tão lindo e belo.
Aí, pôs uma tenda para o sol,
5 o qual, como noivo que sai dos seus aposentos,
se regozija como herói, a percorrer o seu caminho.
6 Principia numa extremidade dos céus, e até à outra vai o seu percurso; e
nada refoge ao seu calor.
Quais sãos as idéias aqui presentes? Uma tenda para o sol; o sol; a idéia do noivo; os aposentos do noivo; a idéia de herói; o caminho que um herói percorre que se inicia nos céus infinito e vai até o outro lado do infinito e por onde ele vai passando o seu calor tudo vai irradiando.
Quem é o noivo da igreja que a igreja está esperando e que na parábola das dez virgens o grito é anunciado para as virgens que o aguardam? "Eis o noivo, sai-lhe ao encontro!" (Mt 25:26). Na parábola o grito saiu a meia-noite.
Quem é o herói que percorre o seu caminho e cujo início é nos céus e cujo fim não tem fim? Quem é o herói que irradia calor e vida por onde passa? Quem é este herói?
Não há como esconder um sol, nem de um sol que inunda todo nosso planeta de luz que nossos olhos necessitam para poder ver as coisas. Jesus é este sol que sem ele as verdades de Deus ficam escuras e perdidas. Jesus é este sol, a luz do mundo! Ouça esta linda canção e reflita no que foi anunciado: http://www.youtube.com/watch?v=j4XERp65uAM
 
Vim Para Adorar-Te
Adoração e Adoradores
Luz do mundo vieste á terra
Pra que eu pudesse te ver
Tua beleza me leva a adorar-te
Quero contigo viver

Vim para adorar-te
Vim para prostar-me
Vim para dizer que és meu Deus
És totalmente amável
Totalmente digno
Tão maravilhoso para mim

Eterno rei, exaltado nas alturas.
Glorioso nos céus
Humilde vieste á terra que criaste
E por amor pobre se fez

Vim para adorar-te
Vim para prostar-me
Vim para dizer que és meu Deus
És totalmente amável
Totalmente digno
Tão maravilhoso para mim

Eu nunca saberei o preço
Dos meus pecados lá na cruz (6x)
A Deus toda glória! Por Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.

sábado, 9 de julho de 2011

TEMA: As excelências de Deus: sua criação e sua palavra 4 – Sl 19 - Faltam 657 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 09/07/11)

3 Não há linguagem,

nem há palavras, e deles

não se ouve nenhum som;

4 no entanto,

por toda a terra se faz ouvir a sua voz, e

as suas palavras, até aos confins do mundo.

Sem linguagens, sem palavras e sem som algum, no entanto, a sua voz está sendo proclamada em todo o lugar. Até o surdo ouve essa voz com os olhos e o cego a enxerga com seus ouvidos. Por toda a terra e até os confins do mundo. Não foi assim que Cristo nos comissionou?

Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra. (Atos 1:8).

Porque o Senhor assim no-lo mandou: Eu te pus para luz dos gentios, A fim de que sejas para salvação até os confins da terra. (Atos 13 : 47).

13. Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo. 14. Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram? e como ouvirão, se não há quem pregue? 15. E como pregarão, se não forem enviados? como está escrito: Quão formosos os pés dos que anunciam o evangelho de paz; dos que trazem alegres novas de boas coisas. 16. Mas nem todos têm obedecido ao evangelho; pois Isaías diz: Senhor, quem creu na nossa pregação? 17. De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus. 18. Mas digo: Porventura não ouviram? Sim, por certo, pois Por toda a terra saiu a voz deles, E as suas palavras até aos confins do mundo. (Rm 10:13-18).

O apóstolo Paulo aplicou e muito bem aplicado esse final do versículo a nós que temos a mensagem de Deus que Ele nos entregou para proclamarmos de dia a dia, de noite a noite e de dia e de noite, ou, como diz Paulo, quer a tempo, quer fora de tempo?

1. Conjuro-te, pois, diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu reino, 2. Que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina. 3. Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; 4. E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas.(2 Tm 4:1-4).

Não é de estranharmos irmãos queridos que o tempo presente reflete bem a situação narrada de dias que virão em que cada um se cercará de doutores para si, conforme as suas próprias concupiscência e desviando os ouvidos da verdade, darão ouvidos às fábulas. Vivemos dias semelhantes de créditos às fábulas e invencionices humanas onde a verdade já não é absoluta, mas, como na teoria da relatividade, relativa.

Não podemos deixar de proclamarmos a glória de Deus;

Não podemos deixar de anunciar as obras de suas mãos;

Não podemos deixar de discursar de dia;

Não podemos deixar de revelar conhecimento de noite;

Por toda a terra devemos fazer ouvir a sua voz;

E até aos confins do mundo as  suas palavras...

Não podemos deixar de pregarmos o evangelho;

Não podemos nos calrmos a cerca de Cristo: a mensagem central do evangelho!

Continua...amanhã...

A Deus toda glória! Por Daniel Deusdete – http://www.jamaisdesista.com.br.