domingo, 21 de novembro de 2010

Faltam 887/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 10 - Cl 3:3

Até que essa série seja concluída, eu irei insistir em repetir: "Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... ". Ainda reforçando: "Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo"

Com relação à outra indagação pendente: O que vem a ser aceitar o governo de Deus em nossas vidas e confiar nele de todo coração, alma, forças e entendimento?

Eu li ontem na revista evangélica ULTIMATO, a última que saiu que Viktor Emil Frankl, sobrevivente dos campos  de concentração nazista, em seu livro best-seller EM BUSCA DE SENTIDO, publicado em alemão, em 1945, disse a seguinte frase:

"Quando não somos capazes de mudar uma situação, somos desafiados a mudar a nós mesmos".

O tema da capa é SOFRIMENTO e nos mostra uma foto assustadora, terrível, chocante, com pessoas, todas com suas cabeças raspadas, vestidas com apenas um jaleco simples, sem calças, descalças, de aparência subnutrida, com seus corpos expostos e esqueléticos.

A reportagem é muito bem feita e nos dá uma vaga idéia do que tiveram de passar tais homens. Se pudéssemos fazer comparações, nesses campos de concentração, o homem era exposto as mais adversas situações a que se pode colocar um ser humano. Era tudo em extremo: a violência,  a fome,  a incompreensão, o ódio, os maus tratos.

No entanto, os sobreviventes nos contam as suas histórias e a de Viktor Emil Frankl é uma delas. Antes de ir parar num campo de concentração, tinha 37 anos, com doutorado em medicina, além de conhecido e respeitado como neurologista e psiquiatra.

Ele por quase três anos enfrentou o inferno na terra e da vida desesperou-se muitas vezes, mas o que o susteve em meio a tudo isso foi por causa de sua fé pessoal em um Deus pessoal que lhe dava e mostrava o sentido da vida. Para Frankl, "o ser humano não é impelido pelo impulso, mas puxado pelos valores".

Depois que saiu dessa situação terrível, ainda doutourou-se em filosofia sendo a sua tese um livro que em alemão se diz Der Unbewusste Gott, literalmente traduzido como O Deus Inconsciente, mas que foi versado para o português como A Presença Ignorada de Deus. Ele também fundou a LOGOTERAPIA que geralmente é chamada de a "terceira escola vienense de psicoterapia", sendo a Psicanálise Freudiana a Primeira e a Psicologia Individual de Adler a Segunda.

"O termo "logos" é uma palavra grega que significa "sentido". Assim, a "Logoterapia concentra-se no sentido da existência humana, bem como na busca da pessoa por este sentido" (Frankl). "Para a Logoterapia, a busca de sentido na vida da pessoa é a principal força motivadora no ser humano... A Logoterapia é considerada e desenhada como terapia centrada no sentido. Vê o homem como um ser orientado para o sentido". (Frankl)." – wikipedia.

O que tem a ver tudo isso de Frankl com a pergunta pendente: O que vem a ser aceitar o governo de Deus em nossas vidas e confiar nele de todo coração, alma, forças e entendimento? Tudo! Tem tudo a ver! Vejamos isso noutra oportunidade.

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
Ø       Estou lendo I Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
Ø       Estou na pág. 480/545 (87%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
Ø       Estou na página 70/214 (33%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
Registro das leituras/áudios Terminados:
Ø       Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
Ø       Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
Ø       Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
Ø       Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts.

A Deus toda a glória!

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.