segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Faltam 879/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 18 - Cl 3:3
 
Eu não vou cansar de repetir:
 
Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... “. Ainda reforçando: “Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo
 
Ontem, eu não preguei a mensagem que anunciei previamente, mas outra baseada no capítulo 7 do evangelho de João, pois estamos, na igreja, no sétimo dia da campanha de 21 dias de oração e jejum no propósito de colocarmos diante de Deus nossas vidas em 2011.
 
A mensagem girou em torno da preeminência de Cristo em quem Deus escondeu todos os tesouros da sabedoria e da ciência. Nele, em Jesus Cristo, está tudo o que necessitamos para a nossa vida neste mundo na presente era. Não precisamos de mais nada. Nosso Pai celeste nos deu seu filho amado para que nós tenhamos vida em seu nome.
 
Sou totalmente cristocênctrico e disse que Cristo é o centro e o âmago da Bíblia. Primeiro do Antigo Testamento, pois ele, o AT, aponta o Cristo que viria salvar os perdidos e quebrar a barreira de separação que havia entre Deus e os homens, sua criação, por causa do pecado de Adão. Quem faz a leitura da Bíblia e do AT deve procurar pelo Cristo e com certeza o encontrará.
 
No Novo Testamento, surge o Cristo, nascido de mulher, conforme as Escrituras. Viveu entre nós, teve infância onde careceu de cuidados especiais, passou pela adolescência, foi jovem e tornou-se adulto cheio da graça e do conhecimento tanto diante de Deus como diante dos homens. Assim, o NT, nos diz: Cristo está entre nós. Aquele que foi prometido que viria, veio e está conosco.
 
Agora tanto o AT quanto o NT em diversas de suas passagens ao longo de muitos de seus livros também nos aponta o Cristo que virá novamente. É o aspecto escatológico da Bíblia. Deus sempre nos revelou antecipadamente todos os eventos que estão por vir e a volta de Jesus é anunciada desde antigamente.
 
Se nos voltarmos para a história veremos que Cristo é aquele que dividiu o tempo em Antes de Cristo e Depois de Cristo. A história também nos aponta o Cristo. A história antiga, anterior a primeira vinda de Cristo, nos aponta que o Cristo deveria vir, pois a solução do pecado na vida do homem não tinha encontrado uma resposta satisfatória.
 
Cristo veio e a história o reconheceu. Por 33 anos esteve entre nós e como um de nós participou da vida, da própria vida que ele mesmo criou. Veio, falou, pregou, ensinou, curou, realizou milagres, sinais e maravilhas. Jo 7:46  testifica “... nunca ninguém falou como ele...”. No verso 37 ele ousadamente diz: SE ALGUÉM TEM SEDE VENHA A MIM E BEBA.
 
Realmente Cristo é também o centro e o âmago da história. A própria natureza aguarda com expectativa a manifestação dos filhos de Deus que se revelarão quando Cristo vier, já não como o Salvador do mundo, mas como o justo juiz. A história apontava que Cristo viria. A história registrou que Cristo veio. A própria história aponta a necessidade da volta de Cristo para restabelecer a ordem de todas as coisas, pois o pecado feriu e agrediu a própria obra da criação.
 
Finalmente, Cristo é o centro e o âmago de nossas vidas. Da minha por exemplo, pois posso falar em Daniel antes de Cristo e Daniel depois de Cristo. Ele, Cristo, foi o divisor das águas em minha vida. Já nem quero mais saber do Daniel antes de Cristo, pois agora tudo se fez novo, com a chegada do Cristo na história de minha vida. Já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim! Também, escatologicamente a minha vida aponta o Cristo que virá me resgatar e me revestir de sua presença.
 
A história da minha vida apontava a necessidade de Cristo. Ele veio e agora vive em mim. A mesma história da minha vida agora aponta a necessidade do meu resgate. Resumindo:
 
  • Cristo, o centro e o âmago da Bíblia, tanto do AT quanto do NT;
  • Cristo, o centro e o âmago da história;
  • Cristo, o centro e o âmago da minha vida.
 
Em Cristo agora sou nova criatura! Declaro encerrado o presente tema. Glórias a Jesus!
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou lendo II Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 520/545 (5%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
  • Estou na página 105/214 (49%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
  • Estou ouvindo 9h16m59s de 11h14m42s (83%) de um Comentário feito por Kleber Cavalcante em agosto de 2006 sobre o livro de DANIEL.
 
Registro das leituras/áudios Terminados:
  • Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
  • Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
  • Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
  • Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts, I Tm.
 
A Deus toda a glória!
 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.