Vamos conhecer o Caminho do Senhor?

Saiba que "O caminho do SENHOR é fortaleza para os íntegros, mas ruína aos que praticam a iniqüidade." (Pv 10:29). Saiba também que aqui no 'JAMAIS DESISTA do Caminho do Senhor' você encontrará, todos os dias uma mensagem baseada na Bíblia que representa o pensamento do autor na sua contínua busca das coisas pertencentes ao reino de Deus e a sua justiça.

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Faltam 878/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Dia do Evangélico

 

Por conta deste feriado, hoje estou de folga no meu trabalho. Particularmente, não sou muito favorável a um dia especial para se comemorar o fato de ser ou não evangélico, pois isso abre precedentes para outras religiões e filosofias de vida pleitearem algo semelhante. Quem não é evangélico, tira o dia para o quê? E se fosse hoje um dia espírita? O que eu evangélico iria fazer? Não gosto de parcialidade, nem de protecionismo.

 

O que é ser evangélico? É principalmente crer no evangelho. Eu creio no evangelho como boas novas trazidas pelo Filho de Deus. A boa nova é que Jesus Cristo veio ao mundo para resgatar o homem de seus pecados. Havia um muro de separação entre Deus e os homens e Jesus Cristo rompeu esse muro e abriu o caminho para agora termos pleno acesso à presença do Pai.

 

Desde que Cristo veio a este mundo e nele deu seu testemunho do Pai são passados mais de 2000 anos. Muitas coisas aconteceram depois de sua vinda e muitas estão por vir. Eu fui alcançado por sua mensagem. Alguém pregou, eu ouvi, cri e agora estou a pregar a sua mensagem.

 

Muitos outros também pregaram e tantos outros ouviram, mas nem todos creram e, óbvio, nem todos passaram a pregá-lo depois que a ouviram, se bem que muitos também deturparam a mensagem e acrescentaram coisas que o Senhor não disse e retiraram coisas que o Senhor disse para que a mensagem fosse passada de forma contaminada.

 

Eu já ouvi alguém dizer que conhecemos se um determinado segmento religioso é ou não seita com as 4 operações matemáticas. Quando além das Escrituras há o acréscimo "a soma" ou quando há retirada "diminuição" ou quando há acrésimos exagerados "a multiplicação" ou o desfacelamento geral do texto " a divisão", estamos sendo contaminados e a verdade de Deus se torna a verdade dos homens.

 

O Evangelho puro e simples de Jesus Cristo não necessita da ajuda do homem para torná-lo útil a sua salvação.  Por isso que a mensagem da reforma foi e continua sendo Sola Scriptura.

 

Versículos para reflexão:

 

"Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, nem um jota ou um til se omitirá da lei, sem que tudo seja cumprido. " (Mateus 5:18). 

 

""Se alguém acrescentar qualquer coisa a este livro, Deus vai acrescentar a essa pessoa as pragas que aqui estão descritas. E se alguém tirar alguma coisa das palavras do livro desta profecia, Deus vai retirar dessa pessoa a sua parte na árvore da Vida e na Cidade Santa, que estão descritas neste livro." (Ap 22, 18-19).

 

Hoje teremos nosso culto de louvor e adoração a Deus da nossa campanha de 21 dias de oração e jejum na Primeirona é hoje será o 10º dia e a leitura obrigatório do dia é o capítulo 10 do livro de João: Jesus no caso é o bom pastor! Jesus disse: "Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas" (Jo 10:11).

 

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:

Ø       Estou lendo II Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.

Ø       Estou na pág. 525/545 (5%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.

Ø       Estou na página 110/214 (49%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.

Ø       Estou ouvindo 9h47m37s de 11h14m42s (87%) de um Comentário feito por Kleber Cavalcante em agosto de 2006 sobre o livro de DANIEL.

 

Registro das leituras/áudios Terminados:

Ø       Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].

Ø       Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.

Ø       Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.

Ø       Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts, I Tm.

 

A Deus toda a glória!

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Faltam 879/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 18 - Cl 3:3
 
Eu não vou cansar de repetir:
 
Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... “. Ainda reforçando: “Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo
 
Ontem, eu não preguei a mensagem que anunciei previamente, mas outra baseada no capítulo 7 do evangelho de João, pois estamos, na igreja, no sétimo dia da campanha de 21 dias de oração e jejum no propósito de colocarmos diante de Deus nossas vidas em 2011.
 
A mensagem girou em torno da preeminência de Cristo em quem Deus escondeu todos os tesouros da sabedoria e da ciência. Nele, em Jesus Cristo, está tudo o que necessitamos para a nossa vida neste mundo na presente era. Não precisamos de mais nada. Nosso Pai celeste nos deu seu filho amado para que nós tenhamos vida em seu nome.
 
Sou totalmente cristocênctrico e disse que Cristo é o centro e o âmago da Bíblia. Primeiro do Antigo Testamento, pois ele, o AT, aponta o Cristo que viria salvar os perdidos e quebrar a barreira de separação que havia entre Deus e os homens, sua criação, por causa do pecado de Adão. Quem faz a leitura da Bíblia e do AT deve procurar pelo Cristo e com certeza o encontrará.
 
No Novo Testamento, surge o Cristo, nascido de mulher, conforme as Escrituras. Viveu entre nós, teve infância onde careceu de cuidados especiais, passou pela adolescência, foi jovem e tornou-se adulto cheio da graça e do conhecimento tanto diante de Deus como diante dos homens. Assim, o NT, nos diz: Cristo está entre nós. Aquele que foi prometido que viria, veio e está conosco.
 
Agora tanto o AT quanto o NT em diversas de suas passagens ao longo de muitos de seus livros também nos aponta o Cristo que virá novamente. É o aspecto escatológico da Bíblia. Deus sempre nos revelou antecipadamente todos os eventos que estão por vir e a volta de Jesus é anunciada desde antigamente.
 
Se nos voltarmos para a história veremos que Cristo é aquele que dividiu o tempo em Antes de Cristo e Depois de Cristo. A história também nos aponta o Cristo. A história antiga, anterior a primeira vinda de Cristo, nos aponta que o Cristo deveria vir, pois a solução do pecado na vida do homem não tinha encontrado uma resposta satisfatória.
 
Cristo veio e a história o reconheceu. Por 33 anos esteve entre nós e como um de nós participou da vida, da própria vida que ele mesmo criou. Veio, falou, pregou, ensinou, curou, realizou milagres, sinais e maravilhas. Jo 7:46  testifica “... nunca ninguém falou como ele...”. No verso 37 ele ousadamente diz: SE ALGUÉM TEM SEDE VENHA A MIM E BEBA.
 
Realmente Cristo é também o centro e o âmago da história. A própria natureza aguarda com expectativa a manifestação dos filhos de Deus que se revelarão quando Cristo vier, já não como o Salvador do mundo, mas como o justo juiz. A história apontava que Cristo viria. A história registrou que Cristo veio. A própria história aponta a necessidade da volta de Cristo para restabelecer a ordem de todas as coisas, pois o pecado feriu e agrediu a própria obra da criação.
 
Finalmente, Cristo é o centro e o âmago de nossas vidas. Da minha por exemplo, pois posso falar em Daniel antes de Cristo e Daniel depois de Cristo. Ele, Cristo, foi o divisor das águas em minha vida. Já nem quero mais saber do Daniel antes de Cristo, pois agora tudo se fez novo, com a chegada do Cristo na história de minha vida. Já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim! Também, escatologicamente a minha vida aponta o Cristo que virá me resgatar e me revestir de sua presença.
 
A história da minha vida apontava a necessidade de Cristo. Ele veio e agora vive em mim. A mesma história da minha vida agora aponta a necessidade do meu resgate. Resumindo:
 
  • Cristo, o centro e o âmago da Bíblia, tanto do AT quanto do NT;
  • Cristo, o centro e o âmago da história;
  • Cristo, o centro e o âmago da minha vida.
 
Em Cristo agora sou nova criatura! Declaro encerrado o presente tema. Glórias a Jesus!
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou lendo II Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 520/545 (5%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
  • Estou na página 105/214 (49%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
  • Estou ouvindo 9h16m59s de 11h14m42s (83%) de um Comentário feito por Kleber Cavalcante em agosto de 2006 sobre o livro de DANIEL.
 
Registro das leituras/áudios Terminados:
  • Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
  • Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
  • Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
  • Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts, I Tm.
 
A Deus toda a glória!
 

domingo, 28 de novembro de 2010

Faltam 880/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

 

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 17 - Cl 3:3

 

Eu não vou cansar de repetir:

 

"Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... ". Ainda reforçando: "Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo"

 

Ontem eu havia dito, Cristo Jesus é o meu patrão! É o meu Senhor e tudo para mim. Hoje, em nossa igreja, terei a oportunidade de pregar uma palavra aos amados irmãos cujo tema será 'Bem aventurado os que não viram e creram' que está baseada na história bíblica narrada em João 20 a partir do vs 19.

 

Eu já publiquei um tema aqui no jamais desista relacionado ao assunto e, provavelmente, ali está o coração de minha mensagem que irei ter a honra de proclamar. Poderia também o tema, ao invés do proposto, ser chamado de a opção de Tomé.

 

Eu respeito amado irmão a tua opção, mas ela traz junto as suas consequências. A opção de Tomé, examinando o texto, foi pela incredulidade temporária até que seus olhos pudessem ver algo que o fizesse mudar de opinião.

 

De nada adiantava o testemunho de seus irmãos que unânimes proclamavam que o Senhor tinha aparecido a eles e lhes mostrado as suas mãos e o seu lado. Tomé queria ver também com seus próprios olhos. Talvez estivesse se sentindo rejeitado pelo Mestre que apareceu para todos, mas para ele, não.

 

A longa espera de mais de uma semana deve ter fritado o seu cérebro e pensamentos iam e vinham como turbilhão em sua mente. Por que o Senhor apareceu para todos, mas não para mim? Será que sou pior discípulo de todos? Há até um filme que explora esse aspecto.

 

Tomé foi aquele que foi capaz de extrair do Senhor uma palavra que hoje todos nós que evangelizamos a usamos: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida e ninguém vem ao Pai, se não por mim" (Jo 14:6). Como ele conseguiu? Ele conseguiu quando Jesus discursava e apontava que deveria voltar e que estava preparando o caminho para eles. Tomé, de ímpeto, é que lança a pergunta precisa: Senhor não sabemos para onde vais, como saberemos o caminho?

 

Também Tomé foi aquele que no caminho de Betânia se ofereceu para morrer ao lado de Jesus, no entanto, na hora de todo pesadelo que passou o mestre, apenas João esteve mais próximo.

 

No site http://www.amvideolocadora.com.br, a sinópse do filme sobre a vida de Tomé diz assim: "Um homem de temperamento impulsivo, Tomé ficou conhecido na história como o mais cético dos apóstolos. Atormentado por suas dúvidas e desconfiado de todos, se oferece para morrer ao lado de Jesus a caminho de Bethany. Mais tarde, encontra-se com Maria Madalena e com os outros apóstolos que lhe asseguram ter visto Cristo. Mas Tomé apenas difundirá a palavra de seu mestre depois que o reencontra e crê na sua ressurreição."

 

Se puderem, venha hoje à igreja. Pregarei no culto das 17hs.

 

Prosseguiremos amanhã...

 

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:

Ø       Estou lendo II Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.

Ø       Estou na pág. 515/545 (93%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.

Ø       Estou na página 95/214 (44%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.

Registro das leituras/áudios Terminados:

Ø       Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].

Ø       Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.

Ø       Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.

Ø       Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts, I Tm.

 

A Deus toda a glória!

sábado, 27 de novembro de 2010

Faltam 881/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 16 - Cl 3:3

 

Até que essa série seja concluída, eu irei insistir em repetir:

 

"Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... ". Ainda reforçando: "Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo"

 

Realmente 2011 já está às portas e precisamos projetá-lo, expondo-o a Deus a fim de sermos iluminados. O que poderei fazer em 2011 que venha a reforçar o conceito de que sou empregado de Cristo? Eu falo empregado porque está é minha condição, mas poderia eu ser empresário, ou pastor, ou qualquer outra coisa dentro deste reino de nosso Senhor.

 

Uma pequenina pausa. Ontem eu vinha da Igreja onde fui deixar meu filho Gabriel que participará de um evento nesse final de semana. Quando eu ia aproximando do semáforo, eu tive a impressão de ter visto algo muito veloz, preto, correndo muito rápido e que passou bem perto de meu carro ou, se não, por baixo dele. Assutei-me, mas o que me impressionou é que não demorou nadinha e cachorros começaram a perseguir meu carro, por volta das 20hs e como eu estava próximo ao semáforo, fui diminuindo a marcha e aquele bando de cachorro latindo.

 

Tentei brincar com eles, mas não os via. Pensei muitas coisas... teria sido um gato preto, outro cachorro, ou cadela no cio? Não consegui explicar e não consegui entender. Não parei e assim que o semáfaro abriu fui embora com o cão me seguindo até que não pode mais fazê-lo.

 

Há tantas coisas acontecendo conosco ou com pessoas e coisas ao nosso redor que não temos a mínima idéia. O que poderia ter ocorrido ontem? Sinceramente, não sei. Se de coisas tão simples, as vezes não damos contas de explicar nem entender o que se dirá de nossa vida complexa?

 

Deus está conosco e vai nos ajudar a enfrentar o que for. Não nos faltará sabedoria nem coisa alguma. A campanha em nossa igreja está em pleno vapor e todos são convidados a orarem conosco e buscarem direção em suas vidas.

 

O fato de eu ser empregado de Cristo coloca a ilusão de que a minha vida financeira é dependente da minha relação empregatícia, mas na verdade, se meditarmos bem, não é assim. Não podemos ver e crer nas coisas como pessoas comuns que não conhecem ao Deus Eterno. Se sou empregado de Cristo, mas tenho uma relação empregatícia, o que não sou é dependente de meu emprego, mas do próprio Cristo.

 

Cristo Jesus é o meu patrão! A ele sirvo e presto contas, pois também dele são todos os empregos e relações trabalhistas. Acho difícil colocar no papel essa idéia de que sendo empregado não dependo de meu emprego, mas de Cristo. Há o perigo da confusão dos sentidos e achar que por ser empregado de Cristo estou livre para orar, pregar, evangelizar e não trabalhar como devo trabalhar. Ou o contrário valorizar tanto, tanto o trabalho que se esquecer completamente que o Senhor é Cristo.

 

Prosseguiremos amanhã...

 

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:

Ø       Estou lendo II Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.

Ø       Estou na pág. 510/545 (93%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.

Ø       Estou na página 95/214 (44%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.

Registro das leituras/áudios Terminados:

Ø       Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].

Ø       Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.

Ø       Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.

Ø       Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts, I Tm.

 

A Deus toda a glória!

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Faltam 882/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 15 - Cl 3:3
 
Até que essa série seja concluída, eu irei insistir em repetir:
 
Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... “. Ainda reforçando: “Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo
 
Hoje, farei uma pausa para colocar uma meditação em João 3 ministrada nesta quarta-feira, próxima passada, na Primeira Igreja Presbiteriana de Taguatinga Norte:
Objetivo:  Projetar 2011!  Levando-se em conta nossa vida:
  • Com Deus
  • Familiar
  • Profissional
  • Ministerial
Devemos colocar diante de Deus as nossas vidas (com Deus, familiar, profissional e ministerial), sonhos, anseios e desejos a fim de podermos recebermos orientação, direção e apoio.
Esta campanha de 21 dias de oração e jejum nos possibilita esta oportunidade.
Não devemos, no entanto, confundirmos as coisas achando que ao fazermos a campanha estaremos pressionando Deus a nos abençoar. O fato de estarmos em campanha de oração e jejum não é para forçarmos a divindade, antes é um ato de sua misericórdia e reconhecimento pleno de que sem ele, Deus, nada podemos fazer.
Se Deus nos está chamando em campanha é porque ele já resolveu nos abençoar, pois Deus é abençoador. Nada precisamos de fazer para alcançarmos dele bênçãos, mas podemos e devemos tudo fazermos em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai, conforme está em Cl 3:17.
Leitura Bíblica correspondente ao 3º dia da campanha – Ler todo o capítulo 3 de João.
Meus comentários:
O diálogo entre Jesus e Nicodemus se estende do vs 1 ao 21. A resposta de Jesus a Nicodemus depois de sua explicação inicial vai do vs 11 ao 21 e nesta resposta fala de diversos assuntos importantes relativos ao tema, com destaque para Jo 3:16.
Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Entre os assuntos que discorre, Jesus destaca:
  1. Que testifica, ou melhor “testificamos”
  2. Que Nicodemus não aceita o testemunho poorque não crê (reparem que no início do diálogo Nicodemus afirma que ninguém pode fazer as coisas que Jesus fazia sem Deus estar com essa pessoa).
  3. Que aquele que nele crer terá a vida eterna! É somente depois de falar da vida eterna que diz a sua famosa frase de Jo 3:16 que alguns dizem que é como se fosse o resumo da própria Bíblia.
  4. Fala do Filho do Homem e do Filho de Deus equiparando um ao outro, revelando a humanidade e a divindade do messias que nele se cumpria.
  5. Que veio ao mundo por plano e propósito do Pai.
  6. Que os homens não aceitam o seu testemunho por que as suas obras são más! Quem pratica o mal quer se afastar de Deus, mas os que praticam o bem, irão encontrar o Cristo, o Filho do Homem, o Filho de Deus. Se nossos comportamentos refletem a luz ou a busca da luz, então seremos ajudados por Deus. Quem vive na escuridão e nas trevas, nada quer com Deus.
No vs 22 há mudança da fala  “Depois disto,...” e do assunto onde a ênfase agora era o batismo que Jesus realizava na terra da Judéia.  João recebe a notícia por um de seus discípulos e então dá testemunho de Jesus e afirma que importa que Jesus cresça e que ele diminua.
Meditação do Pr. Sabino para compartilhamento com todos os irmãos:
Tema: TUDO NOVO DE NOVO E NOVAMENTE  (João: 3)
Sem um  novo nascimento não podemos entrar no reino de Deus (2:5).  As palavras “reino de Deus” não significam reino aqui no mundo, mas significa o reino de Romanos. 14:17 que é de justiça, paz e alegria no Espírito Santo. “Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo.” Depois de nascer de novo o crente entra logo neste reino, e na hora da sua morte, ou na volta de Cristo, entrará no céu e no reino eterno.
O novo nascimento é um nascimento misterioso (3:8-10). Ninguém sabe explicar o vento, e ninguém pode explicar o trabalho do Espírito Santo. Aqui o vento é um tipo de Espírito Santo (veja Atos 2). Nicodemos, sendo um doutor da lei, não sábia o que as escrituras ensinaram em Ezequiel 37, onde o vento trouxe vida aos ossos secos de Israel. É claro que nós não entendemos tudo acerca do novo nascimento, mas, isso não significa que não é verdadeiro.
O novo de Deus, de novo e novamente em nós todos os dias, a sua misericórdia que se renova a cada manhã.
Espero 21 dias de busca intensa e 365 dias de novidades novas de Deus em minha casa, igreja e acima em minha vida pessoal.  Tenha também esse desejo dentro de você: projete todos os seus objetivos para o ano novo e creia em Deus que renova tudo em todos por sua Graça e Misericórdia.Pr. Sabino
 
MOTIVOS DE ORAÇÃO.     
  1. Peça o Espírito Santo para dirigir esse momento de intercessão.
  2. Ore pelo novo mover de Deus em sua vida no ano novo.
  3. Ore para que o espírito de religiosidade morra e nasça o espírito de relacionamento real e vivo com Deus.
  4. Ore pela UPA, que os nossos adolescentes continuem cheios do poder de Deus.
  5. Ore pelo projeto as 4 estações.
 
MISSÕES.
  1. As igrejas rurais no Nepal reconhecem suas necessidades em ter treinamento bíblico e discipulado. Existem poucas  oportunidades para os cristãos consolidar os fundamentos básicos da fé cristã. Ore pedindo sabedoria do Senhor e discernimento para guiar os pastores e líderes a fim de que desenvolvam programas direcionados para essas necessidades.
 
  1. Estamos pensando desde o ano passado em levar os adolescente para uma experiência missionária no sertão baiano na região de Irecê-Ba, para isso precisamos de parceria de algumas Igrejas da região, ore por esse motivo.
 
Prosseguiremos amanhã...
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou lendo I Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 505/545 (93%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
  • Estou na página 90/214 (42%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
Registro das leituras/áudios Terminados:
  • Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
  • Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
  • Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
  • Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts.
 
A Deus toda a glória!
 

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Faltam 883/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 14 - Cl 3:3
 
Até que essa série seja concluída, eu irei insistir em repetir: “Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... “. Ainda reforçando: “Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo
 
Finalizando essa série de meditação em Cl 3, temos, dos vs 18 ao 22, Paulo ministrando às mulheres, aos maridos, aos filhos, aos pais aos servos palavras de exortação e conselhos que nos lembram nosso novo papel em Cristo.
 
Em Cristo já não somos mais escravos do pecado, mas livres para servirmos ao Senhor. Quem faz o que quer a hora que quiser, quando desejar, não é livre, mas escravo de si mesmo. A verdadeira liberdade é a nossa plena capacidade de dizermos não quando isso convém.
 
Não é nada fácil dizermos não quando não convém. Se fosse fácil, não teríamos tantas quedas de irmãos e líderes evangélicos. A tentação a qual nos tenta o Tentador somente é tentação e tem força para tentar se for capaz de oferecer algo em troca que nos faça titubear e nos cegar.
 
Se fosse qualquer tentação e se fosse fácil desdenhá-la, assim faríamos e zombaríamos de satanás, mas não é assim. Elas realmente têm poder para nos fazer vacilar. Não são ofertas ruins, de péssima qualidade, mas poderosas para nos fazerem cair por causa de sua capacidade de nos atingir nos pontos mais vulneráveis de nossa estrutura.
 
Aos servos, Paulo nos diz para sermos obedientes em tudo, segundo a carne e não somente à vista como para agradar nas aparências, mas em singeleza de coração, com temor e tremor diante de Deus.
 
O empregado de Cristo deve seus afazeres àqueles que os contrataram. Se não somos bons naquilo que temos a obrigação de servir, não serviremos ao Senhor. O crente fiel e abençoado não é aquele que vive falando de Deus, lendo a Bíblia, orando e jejuando, mas não cumprindo com zelo, eficácia, eficiência e excelência o seu papel como empregado de Cristo.
 
Novamente, agora no verso 23, é como se Paulo pretendesse resumir tudo o que queria dizer. No verso 17, ele disse que tudo quanto fizermos, tanto por palavras quanto por obras, (isso envolve, certamente, todo nosso ser e toda a nossa vida!) é para fazermos em nome do Senhor Jesus e ainda dando por ele, graças a Deus; já no 23, ele disse que tudo quanto fizermos, devemos fazê-lo de coração, como ao Senhor, e não aos homens,...
 
Amanhã... Prosseguiremos amanhã...
 
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou lendo I Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 500/545 (89%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
  • Estou na página 85/214 (35%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
Registro das leituras/áudios Terminados:
  • Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
  • Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
  • Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
  • Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts.
 
A Deus toda a glória!
 

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Faltam 884/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 13 - Cl 3:3
Até que essa série seja concluída, eu irei insistir em repetir: “Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... “. Ainda reforçando: “Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo
Continuando com a meditação em Cl 3, no vs 17 é como se Paulo pretendesse resumir tudo o que queria dizer. E diz que tudo quanto fizerdes, tanto por palavras quanto por obras, (isso envolve, certamente, todo nosso ser e toda a nossa vida!) é para fazermos em nome do Senhor Jesus e ainda dando por ele, graças a Deus.
Será que tudo o que fazemos por palavras e por obras é feito:
  • Em nome do Senhor Jesus?
  • Dando por ele, graças a Deus Pai?
  • Para a honra e a glória do Senhor?
Se eu sou empregado de Cristo, meu trabalho, minhas funções laborais são feitas em nome do Senhor? Se eu sou estudante de Cristo, meus estudos são feitos em nome do Senhor? Se sou prisioneiro de Cristo, sirvo a Cristo em nome do Senhor? Se sou servo, sou servo em nome do Senhor?
A palavra de Deus nos exorta a tudo fazermos em nome do Senhor dando por ele graças a Deus Pai. Quando tudo fazemos desse modo estaremos fazendo o nosso melhor para Deus. É diferente daquele melhor que muitos de nós fazemos mas para superarmos alguém.
Quando nosso alvo é superarmos alguém podem brotar em nós invejas, ciúmes, medo e coisas do gênero, mas quando fazemos o nosso melhor para Deus, pode até não ser o melhor dos melhores, mas Deus nos honrará.
Eu sempre vi em José e em Daniel servos abnegados de Deus que sempre se dedicaram a fazer o seu melhor. O destaque deles é que faziam o seu melhor no contexto em que viviam. O de José numa prisão o de Daniel como cativo.
Eu também sou convidado a fazer o meu melhor sempre! Ser empregado de Cristo é ser destaque entre os incrédulos, entre os patrões, entre os da sociedade, entre os inimigos. Daniel foi chamado de chefe dos magos e encantadores por aqueles que viviam naquele mundo.
Não estou advogando prática que Deus reprova, mas estou dizendo que podemos ser os melhores na indústria, no comércio, nas artes, na história, na educação, no governo ou onde Deus no colocar.
Prosseguiremos amanhã...
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou lendo I Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 495/545 (89%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
  • Estou na página 85/214 (35%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
Registro das leituras/áudios Terminados:
  • Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
  • Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
  • Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
  • Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts.
A Deus toda a glória!

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Faltam 885/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 12 - Cl 3:3

Até que essa série seja concluída, eu irei insistir em repetir: "Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... ". Ainda reforçando: "Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo"

Confie no Senhor de todo o teu coração, de todas a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu entendimento! Sabem o que isso significa? Antes uma brincadeirinha com as iniciais das letras coração, alma, forças e entendimento: C.A.F.E.... isso mesmo CAFÉ, CAFÉ de Deus! É tão bom tomarmos o CAFÉ de Deus!

Coração, alma, forças e entendimento envolve todo o nosso ser em todos os sentidos de forma completa e perfeita sem qualquer margem de dúvidas. Parece tão difícil aceitar as coisas, principalmente quando elas vão de encontro às nossas expectativas ou quando elas frustram nossos sonhos.

O apóstolo Paulo depois de nos exortar e nos consolar, ele expressa seu desejo de que a palavra de Cristo habite em nós ricamente, em toda a sabedoria. Adverte-nos ainda no vs 16 a ensinarmos e admoestarmos uns aos outros com salmos, com hinos, com cânticos, com louvores de gratidão a Deus em nossos corações.

A máxima que ele então nos dá no vs 17 é que tudo o que fizermos, tanto por palavras quanto por obras, deve ser feito em nome do Senhor Jesus, dando por ele, por Jesus, graças ao Deus Pai.

Hoje em nosso culto no GECOR fomos tremendamente impactados e em prantos cultuamos o Senhor e o adoramos. Sabem quantos eram os adoradores? Somente eu e uma jovem senhora. No auditório cedido pelos Correios para adoração neste horário havia outras pessoas que aproveitam aquele lugar para dormirem um pouquinho e descansarem.

Eram mais os que estavam descansando do que os que estavam adorando? E os crentes? Meu Deus, não me julgo digno de ser escolhido para te oferecer o meu melhor.  A minha tristeza não é a decorrente de falta de valorização, mas de que os irmãos não estão reconhecendo o seu tempo e o tempo da visitação de Deus.

Eu fui consolado e cheio do Espírito, mas meus irmãos não foram para o culto! Era como se Deus fosse exclusividade somente minha. Por isso que não me sinto digno de tanta honra!

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
Ø       Estou lendo I Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
Ø       Estou na pág. 490/545 (89%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
Ø       Estou na página 80/214 (35%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
Registro das leituras/áudios Terminados:
Ø       Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
Ø       Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
Ø       Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
Ø       Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts.

A Deus toda a glória!

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Faltam 886/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 11 - Cl 3:3
Até que essa série seja concluída, eu irei insistir em repetir: “Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... “. Ainda reforçando: “Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo
Ontem terminamos com a seguinte indagação “O que tem a ver tudo isso de Frankl com a pergunta pendente: O que vem a ser aceitar o governo de Deus em nossas vidas e confiar nele de todo coração, alma, forças e entendimento? Tudo! Tem tudo a ver! Vejamos isso noutra oportunidade.
O fato é que não somos os gestores das circunstâncias a que estamos expostos. Não somos administradores de contingências, mas nela somos postos. Aqueles 6 milhões de judeus do holocausto tiveram a opção de não participarem de seu momento histórico?
Nenhum de nós tem esse poder de escolha de evitarmos as circunstâncias, os fatos, o cotidiano, o momento em que vivemos. Também os que estavam no prédio do World Trade Center, um complexo de sete prédios edificado em Lower Manhattan, Nova Iorque que foi destruído em 11 de setembro de 2001, não puderam escolher estar lá ou não estar lá.
Somos expostos e alvos dos acontecimentos dos quais não temos poder algum, mas algo se espera de mim que eu possa chamar de minha reação.
Agostinho não escolheu viver entre 354-430 depois de Cristo, mas viveu nessa época. Moisés, Noé, José, Daniel, os apóstolos, Calvino, e todos os outros seres humanos não escolheram nem administraram o seu contexto, mas cada um foi convidado a confiar em Deus de todo o seu coração, alma, forças e entendimento.
Sobre a reportagem que comentei ontem da revista evangélica ULTIMATO, a última que saiu em que Viktor Emil Frankl foi sobrevivente dos campos de concentração nazista, autor do livro best-seller EM BUSCA DE SENTIDO, publicado em alemão, em 1945, me veio a seguinte questão:
Se eu pudesse recuar no tempo e estivesse frente a Frankl sabendo toda a história de sua vida o que lhe diria eu a ele naquele momento em que ele estava no seu primeiro dia de prisão no campo de concentração nazista?
O único que nos conhece tanto o passado quanto o presente quanto o futuro é Deus. Ele ao nos olhar nos vê na essência e sabe de tudo. Agora, se eu mesmo pudesse voltar no tempo e me encontrasse comigo mesmo em meu passado sabendo o que iria passar, o que eu diria a mim mesmo? E se eu fosse um dos que estavam naqueles trens destinados ao Campo de Auscwitz-Birkenau, por exemplo?
Quando não somos capazes de mudar uma situação, somos desafiados a mudar a nós mesmos”. (VEF).
Confie no Senhor de todo o teu coração, de todas a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu entendimento!
Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
  • Estou lendo I Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
  • Estou na pág. 485/545 (89%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
  • Estou na página 75/214 (35%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
Registro das leituras/áudios Terminados:
  • Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
  • Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
  • Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
  • Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts.
A Deus toda a glória!

domingo, 21 de novembro de 2010

Faltam 887/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 10 - Cl 3:3

Até que essa série seja concluída, eu irei insistir em repetir: "Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... ". Ainda reforçando: "Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo"

Com relação à outra indagação pendente: O que vem a ser aceitar o governo de Deus em nossas vidas e confiar nele de todo coração, alma, forças e entendimento?

Eu li ontem na revista evangélica ULTIMATO, a última que saiu que Viktor Emil Frankl, sobrevivente dos campos  de concentração nazista, em seu livro best-seller EM BUSCA DE SENTIDO, publicado em alemão, em 1945, disse a seguinte frase:

"Quando não somos capazes de mudar uma situação, somos desafiados a mudar a nós mesmos".

O tema da capa é SOFRIMENTO e nos mostra uma foto assustadora, terrível, chocante, com pessoas, todas com suas cabeças raspadas, vestidas com apenas um jaleco simples, sem calças, descalças, de aparência subnutrida, com seus corpos expostos e esqueléticos.

A reportagem é muito bem feita e nos dá uma vaga idéia do que tiveram de passar tais homens. Se pudéssemos fazer comparações, nesses campos de concentração, o homem era exposto as mais adversas situações a que se pode colocar um ser humano. Era tudo em extremo: a violência,  a fome,  a incompreensão, o ódio, os maus tratos.

No entanto, os sobreviventes nos contam as suas histórias e a de Viktor Emil Frankl é uma delas. Antes de ir parar num campo de concentração, tinha 37 anos, com doutorado em medicina, além de conhecido e respeitado como neurologista e psiquiatra.

Ele por quase três anos enfrentou o inferno na terra e da vida desesperou-se muitas vezes, mas o que o susteve em meio a tudo isso foi por causa de sua fé pessoal em um Deus pessoal que lhe dava e mostrava o sentido da vida. Para Frankl, "o ser humano não é impelido pelo impulso, mas puxado pelos valores".

Depois que saiu dessa situação terrível, ainda doutourou-se em filosofia sendo a sua tese um livro que em alemão se diz Der Unbewusste Gott, literalmente traduzido como O Deus Inconsciente, mas que foi versado para o português como A Presença Ignorada de Deus. Ele também fundou a LOGOTERAPIA que geralmente é chamada de a "terceira escola vienense de psicoterapia", sendo a Psicanálise Freudiana a Primeira e a Psicologia Individual de Adler a Segunda.

"O termo "logos" é uma palavra grega que significa "sentido". Assim, a "Logoterapia concentra-se no sentido da existência humana, bem como na busca da pessoa por este sentido" (Frankl). "Para a Logoterapia, a busca de sentido na vida da pessoa é a principal força motivadora no ser humano... A Logoterapia é considerada e desenhada como terapia centrada no sentido. Vê o homem como um ser orientado para o sentido". (Frankl)." – wikipedia.

O que tem a ver tudo isso de Frankl com a pergunta pendente: O que vem a ser aceitar o governo de Deus em nossas vidas e confiar nele de todo coração, alma, forças e entendimento? Tudo! Tem tudo a ver! Vejamos isso noutra oportunidade.

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
Ø       Estou lendo I Tm da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
Ø       Estou na pág. 480/545 (87%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
Ø       Estou na página 70/214 (33%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
Registro das leituras/áudios Terminados:
Ø       Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
Ø       Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
Ø       Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
Ø       Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts.

A Deus toda a glória!

sábado, 20 de novembro de 2010

Faltam 888/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA:  Empregado de Cristo! Quem de fato somos em Cristo? 9 - Cl 3:3

Até que essa série seja concluída, eu irei insistir em repetir: "Eu sou empregado de Cristo! Eu sou cidadão celeste, dos céus! Eu sou estudante de Cristo! Eu sou vizinho de Cristo! Eu sou de Cristo! Eu tenho a mente de Cristo! .... ". Ainda reforçando: "Estando eu em Cristo, já não sou mais eu, mas Cristo vive em mim. Cristo é tudo em todos, logo Cristo é tudo em mim! Cristo vivem em mim! Eu tenho a mente de Cristo! Oh Espírito Santo nos ajuda a entender e a viver a realidade de Cristo em nossas vidas! Quem de fato somos em Cristo"

Com relação à indagação pendente: "Verdadeiramente confiamos em Deus e aceitamos o seu governos em nossas vidas?", o que dizer?

Infelizmente não! Não aceitamos o governo de Deus, pelo contrário lutamos contra ele. Como já disse, esses três foram mestres em confiar e aceitar esse governo de Deus, na ordem em que surgiram: José, Daniel e Jesus Cristo.

É impressionante que nós não podemos fazer ou mover uma vírgula nesse universo para fazê-lo funcionar melhor do que funciona. O que eu e você com tudo o que temos, podemos fazer em benefício da vida ou da ordem reinante nos céus e na terra?

Você já imaginou se fôssemos o administrador das funções de nosso próprio corpo e vivêssemos dando ordens, fazendo escalas, dizendo a hora de trabalhar, a hora de parar, de comer, de beber, de processar as coisas, de fazê-las acontecer? Com certeza, iríamos criar programas complexos que nos ajudariam nessas funções, mas mesmo assim, não daríamos conta.

Eu não posso tornar um fio de cabelo branco ou preto. Na verdade, se pudesse, eu gostaria de dar ordens para criar cabelos em minha calva brilhante e lustrosa, mas nada faço. Tudo me vem de graça! Aliás, cultivo hábitos não sadios de alimentação e não observo boas regras de educação física e o resultado ao longo dos tempos é doença, enfermidade, problemas com postura, com coluna.

Imagine os céus e a terra sem a sua presença: será que tudo estaria funcionado adequadamente ou você é tão importante que o universo entraria em colapso? Sem você, tudo está em ordem; com você, algo precisa ser feito para se manter a ordem.

Tente corrigir a posição do sol em relação à terra ou a órbita da lua em relação à terra. Aliás, quem disse que necessita de correção? Tudo funciona tão maravilhosamente bem e em ordem. O mundo que necessita de administração não é aquele somente visível, mas também o invisível, como por exemplo, o mundo do micricosmo, isso sem entrar no mérito do mundo das dimensões que Stephen Hawking afirma existir 11 delas.

O que vem a ser aceitar o governo de Deus em nossas vidas e confiar nele de todo coração, alma, forças e entendimento?

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
Ø       Estou lendo II Ts da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
Ø       Estou na pág. 475/545 (87%), do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida. A leitura deste livro está sendo obrigatória na matéria de Metodologia Exegética, ministrada no Seminário Presiteriano de Brasília, professor, Rev. Ricardo Almeida.
Ø       Estou na página 65/214 (33%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
Registro das leituras/áudios Terminados:
Ø       Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
Ø       Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
Ø       Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
Ø       Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts.

A Deus toda a glória!