quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

Faltam 841/1000 dias! Meu propósito: Começou: 31/07/10. Acaba: 26/04/13.

TEMA: A Nossa Opção Deve Ser Pela Fé - 2
 
Ontem preguei uma palavra de Deus ao povo de Deus na Primeira Igreja Presbiteriana de Taguatinga cujo tema foi “Bem aventurados os que não viram e creram”, baseado no texto bíblico do evangelho de João 20:19-31.
 
Confira, na íntegra a pregação ministrada: http://www.scribd.com/doc/44859856/Pregacao-Bem-Aventurados-os-que-nao-veem-mas-creem-%E2%80%93-Jo-20-19-31 com a seguinte sinopse: “Jesus advertiu Tomé pela sua opção pela incredulidade. A incredulidade não deve ser, nunca, a regra geral quando a temática se referir ao Senhor Jesus Cristo.
 
Repito o que disse ontem e enfatizei na pregação ministrada de que “no que concerne a Deus e ao seu reino e a sua justiça, jamais deixe a opção da incredulidade ser a regra geral, mas a sua fé. Confie em Deus! Não seja como Tomé que precisou ser repreendido e somente depois de ver, creu. Antecipe-se aos fatos e confie na palavra do Senhor para sua vida.
 
Ontem, conversei muito com meus dois filhos tentando os convencer da providência divina sobre as nossas vidas. Tudo está no controle de Deus. Tudo! Até nos mínimos detalhes, Deus está governando e cuidando e administrando. Não sei por que esquecemos de Deus nas mínimas coisas. Na verdade nem parece que ele existe.
 
Como podemos ser assim tão negligentes e descuidados para enxergarmos Deus em tudo o que fazemos ou deixamos de fazer? Eu fui fundo em nossa conversa a ponto de dizer-lhes que em relação às circunstâncias não temos sobre elas qualquer gerência e muitas delas nos trazem dor e sofrimento.
 
Conclui, como Carlos Drumond de Andrade, que ambas são inevitáveis, tanto a dor quanto o sofrimento, mas a amargura, o medo, a insegurança, a raiva e a melancolia quando persistem e ultrapassam a faixa do normal, são opcionais e mais ainda uma afronta a Deus.
 
Mas porque afronta a Deus? Por causa da dúvida do amor de Deus, da falta de confiança em sua gestão e providência. Quem vive debaixo do jugo do medo, faz do medo o seu senhor e lhe presta homenagens cada vez que a ele se sucumbe e deixa de celebrar a vida. Isso vicia! A pessoa se diz atormentada pelo medo, mas o medo a faz alimentar o seu pecado e o escraviza num vazio eterno de dor e sofrimento.
 
Deus é vida, energia, luz, alegria, amor, movimento, segurança. Quando deixamos de confiar em Deus estamos assumindo um compromisso com o diabo e com tudo que o representa: pecado, morte, desesperança, insegurança, medo, terror e muitos, mas muitos maus pensamentos.
 
O termômetro de nossa fé são os nossos pensamentos! Diga-me no que estás constantemente pensando e eu te direi em quem tu confias a tua vida. A constância de maus pensamentos indica a necessidade de concerto diante de Deus.
 
A nossa opção pela fé vai gerar em nós pensamentos de Deus, pois temos a mente de Cristo!
 
A Deus toda a glória!
 

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

Faltam 842/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: A Nossa Opção Deve Ser Pela Fé
 
Hoje estarei pregando uma palavra de Deus ao povo de Deus na Primeira Igreja Presbiteriana de Taguatinga cujo tema será Bem aventurados os que que não viram e creram, baseado no texto bíblico do evangelho de João 20:19-31. Eu já tive a oportunidade de pregar esta mensagem no Grupo Evangélico da Universidade dos Correios e na Congregação Presbiteriana de Samambaia do Rev. Carlos Roberto.
 
Eu já publiquei aqui no Jamais Desista essa mensagem e também a publiquei na íntegra no meu SCRIBD. Veja http://www.scribd.com/doc/44859856/Pregacao-Bem-Aventurados-os-que-nao-veem-mas-creem-%E2%80%93-Jo-20-19-31 com a seguinte sinopse: “Jesus advertiu Tomé pela sua opção pela incredulidade. A incredulidade não deve ser, nunca, a regra geral quando a temática se referir ao Senhor Jesus Cristo.
 
Tomé optou pela incredulidade! Russel Shedd em seus comentários na sua Bíblia SHED comenta sobre os “Fundamentos da Fé:
 
  1. A morte (19.34) e a ressurreição (20.8) de Cristo. O Filho de Deus (20.31).
  2. Depende de fatos reais e visíveis (19.35; 20.8,14,25,29).
  3. Para crentes que não puderam presenciar os eventos, a fé depende do testemunho verídico (19.35) preservado no NT e na história (20.29ss).
 
Jesus advertiu seriamente a Tomé pela sua opção pela incredulidade como se aquilo que ele fez fosse algo que não deveria, em hipótese alguma, ser feito. Tomé ali, para mim, representa a minha pessoa hoje e milhares e milhares de milhões de crentes que em toda a história não puderam presenciar os eventos, mas pelo testemunho deles, são convidados a crerem.
 
Quem pode ver e presenciar os eventos à época são bem aventurados, mas o Senhor nos garantiu que são mais bem aventurados os que não viram, mas creram. O recado do Senhor aqui é claro: nós não dependemos do que vemos, mas do que cremos.
 
Graças a Deus que o Senhor nos deu essa bem aventurança, pois os que vêem e dizem ver são muito dependentes dos seus sentidos, enquanto os que andam pela fé, são livres. Venha hoje a minha igreja conferir a palavra do Senhor.
 
No que concerne a Deus e ao seu reino e a sua justiça, jamais deixe a opção da incredulidade ser a regra geral, mas a sua fé. Confie em Deus! Não seja como Tomé que precisou ser repreendido e somente depois de ver, creu. Antecipe-se aos fatos e confie na palavra do Senhor para sua vida.
 
A Deus toda a glória!
 

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Faltam 843/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Eu não preciso ser reconhecido por ninguém...
Glórias a Deus! Quando buscamos o reconhecimento de alguém em algo que estamos fazendo, estamos, simplesmente, buscando a glória devida ao nosso nome, no entanto, não é isso o que nos ensina a nossa fé. Devemos buscar em primeiro lugar o reino de Deus e a sua justiça para que as demais coisas nos sejam acrescentadas.
 
Louvores, aplausos, holofotes, platéia, reconhecimento, elogios, são de fato massagens ao nosso ego e laço para a nossa alma. Sempre que o nosso foco for tais coisas naquilo que vamos fazer ou nos dedicarmos a fazer, estaremos já sendo contaminados pela glória que não nos pertence.
 
O melhor que devemos por obrigação fazer não pode ter como foco o resultado, nem por motivação o que os outros irão dizer, mas sim se estou com isso glorificando ou não a Deus.
 
Revendo as Escrituras, encontraremos que nosso papel é o de fazer sempre o melhor. Tudo aquilo que vier as nossas mãos para fazermos, devemos fazer para a glória de Deus.
 
Isso não é fácil, pois estamos sempre buscando alguma espécie de reconhecimento pelo que estamos fazendo. Quando, por exemplo, escrevo em meu blog, meu desejo de meu coração é que muitas e muitas vidas leiam e comentem. Quando prego, que venham falar comigo no final do culto dizendo o quando Deus falou com uma ou outra pessoa.
 
A nossa mente está acostumada com isso, mas Deus me advertiu dizendo que ele não me quer pregando para o pastor presente ou para ser melhor ou pior que outro pregador. Filho, eu estou te chamando para pregar a minha palavra e não para ser melhor nem pior.
 
A nossa chamada tanto para escrever no blog quanto para pregar e mesmo para qualquer coisa, por exemplo, cantar não é para sermos aclamados, mas para que se manifeste a glória de Deus em nossas vidas.
 
Deus tudo nos dá gratuitamente e quem nos levanta e nos capacita com dons para pregar, escrever ou cantar é ele mesmo. É de Deus que vem as coisas e nada temos de nós mesmos que não temos recebido. Se recebemos, por que a busca pela glória como se não tivéssemos recebido?
 
Eu recebi e agora estou sendo convidado a transmitir. Eu recebi de graça e de graça deverei passar adiante. Se escrevo bem, se canto bem, se prego bem, não é por que sou melhor nem pior, mas por que a graça de Deus é que está sendo grande na minha vida. Quer se gloriar? Glorie-se em conhecer ao Senhor!
 
Uma vida de competição buscando entre os irmãos quem é melhor produz inveja, contenda, fofoca e Deus não é glorificado e quando Deus não é glorificado, estamos sendo ladrões da glória de Deus e os ladrões não terão parte na vida.
 
Saia da prisão do reconhecimento e se liberte fazendo o teu melhor para Deus que poderá, conforme seu propósito e vontade, tornar-te o melhor dos melhores sem que no entanto você se ensoberbeça. Meu filho, Deus te deu talentos fantásticos, mas do que vale isso se Satanás te roubar? Fuja, portanto, dos holofotes e Deus colocará sobre a sua vida um holofote gigante!
 
A Deus toda a glória!
 

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Faltam 844/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Vamos planejar 2011 - 2?
Onde encontraremos direção para planejarmos o ano de 2011? Creio que, em primeiríssimo lugar, em tudo o que formos por as mãos para fazer, devemos orar. Para todos os que crêem em Deus e em sua providência, a oração é indispensável. Se oramos, as nossas chances de sucesso são potencializadas, se não, o fracasso estará as nossas portas. Também creio que se vamos primeiramente orarmos é porque o nosso próprio Senhor está a nos mover em oração.
 
Reina o Senhor em todo o cosmo que nos move em oração: Senhor nos ajude a planejar 2011 de forma a que todos os nossos atos venham a glorificar-te. A direção que busco vem do Senhor que me guiará e não me diexará infrutífero e inútil no Caminho. Como Deus da providência, o Senhor reina e administra todas as coisas. O que irei fazer? Como irei fazer? Como saberei que alcancei aquilo que eu irei fazer?
 
A minha convicção não vem de mim mesmo, mas de Deus que me move em suas jogadas estratégicas me colocando em posições diferentes e adequadas para o lance e o movimento que estiver em sua mente. O governo de minha vida, graças a Deus, não me pertence e quando penso que me pertence, logo Deus me corrige e diz que está no controle de tudo. Ter a consciência de que Deus é quem me move é muito bom, bom demais.
 
Crendo nisso, como creio, por que entrar em desespero com relação a 2011? Não nos perturbemos e, pacificamente, aceitemos o governo de nosso Pai, como aceitou o Senhor Jesus Cristo. Está te faltando algo, meu querido que está roubando a tua paz? Não temas! Eu tenho uma palavra de Deus para você: Deus está cuidando de você e te colocando onde ele bem quer.
 
Agora que sei que estou onde Deus quer e ele tudo controla e governa por mim, o que deverei fazer? É muito simples, vamos viver, glorificá-lo e gozá-lo para sempre. O que chegou as tuas mãos para fazer? Faça-o como para o Senhor. Requer este fazer planejamento de ações, estabelecimento de metas, estudos preditivos, projeções, workshops, brainstorn? Faça-o como para o Senhor. Há muitas dicas e idéias, estudos. Sugiro que pesquise e se aprofunde e se dedique com esmero que o Senhor te fará prosperar.
 
O meu planejamento (área ministerial) deverá envolver a continuação de meus estudos teológicos, como minha pós-graduação, o SPB, a minha liderança à frente do Conselho Ministerial de Intercessão da Primeira Igreja Presbiteriana de Taguatinga - PIPT, as minhas pregações nos cultos de quartas-feiras na PIPT, no GECOR da ECT e da Universidade dos Correios e nas demais igrejas e congregações do Presbitério de Taguatinga – PTAG e outras atividades que o Senhor estiver preparando, sendo que, em primeiríssimo lugar, deverei orar ao Senhor com fé.
 
A Deus toda a glória!
 

domingo, 2 de janeiro de 2011

Faltam 845/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Vamos planejar 2011?


Compartilho com os amados o email que meu irmão me mandou e que fala de planejamento. Você sabe pra onde quer ir em 2011? Você sabe o que fazer para chegar la? E como você saberá que lá chegou?

 

"TEMPO DE PLANEJAR

 

Se findou mais um ano e já estamos em outro. Planejar e estabelecer metas para mim estão intimamente ligados. Metas se transformam em expressões dos resultados desejados. Planejamento envolve o desenvolvimento de ações para a realização desses resultados.

 

Incontáveis artigos e livros têm abordado esses temas. Mas anos atrás ouvi um resumo simples e conciso do que realmente envolve. É preciso determinar:

 

1) Para onde quero ir?

2) Como pretendo chegar lá? e

3) Como saberei que lá cheguei?

 

Aprendemos também sobre a importância de estabelecer metas mensuráveis e alcançáveis. Mas mesmo bons planos falham às vezes, não importa o quanto tenham sido bem formulados.

 

Porque planejar deve sempre ser uma tarefa contínua. Planos bons podem mais tarde demonstrar que foram mal concebidos. Sendo Deus onisciente e todo-poderoso, como a Bíblia declara, então faz todo o sentido consultá-lo antes e durante qualquer planejamento porque tudo que pensamos ou fazemos sempre refletirá na nossa vida espiritual. Porquanto, são necessários alguns cuidados:

 

Conheça o propósito por trás dos planos. Algumas vezes desenvolvemos planos por motivos errados, para dar suporte ao nosso orgulho ou alcançar ambições egoístas. Estarmos abertos aos pontos de vista de Deus sobre nossos planos ajuda na revelação desses motivos. "Todos os caminhos do homem lhe parecem inocentes, mas os motivos são avaliados pelo Senhor" (Provérbios 16.2). "Todos os caminhos do homem lhe parecem justos, mas o Senhor pesa o coração" (Provérbios 21.2).

 

Use recursos certos para levar adiante os planos. Se fizermos do propósito de Deus nossa prioridade Ele nos mostrará os planos corretos e nos capacitará a levá-los adiante. "Confie no Senhor e faça o bem; assim você habitará na terra e desfrutará segurança. Deleite-se no Senhor, e Ele atenderá os desejos do seu coração" (Salmos 37.3-4).

 

Mantenha o foco correto. Nosso maior desejo em relação a planos e metas deveria ser que eles agradassem e honrassem a Deus. Se fizermos isso Ele promete nos capacitar para realizar o que nos propomos. "Consagre ao Senhor tudo o que você faz, e os seus planos serão bem-sucedidos" (Provérbios 16.3).

 

Procure direção para tornar os planos mais nítidos. Algumas vezes precisamos corrigir o rumo depois de iniciar um plano de ação. Quando confiamos em Deus para nos dar sabedoria e direção, Ele nos redireciona quando necessário, ainda que de maneira que não podemos entender completamente. "Em seu coração o homem planeja o seu caminho, mas o Senhor determina os seus passos" (Provérbios 16.9).

 

Que Deus venha nos abençoar no ano de 2011. São os votos da sede da Regional 4 para obreiros e membros do Jardim São João e suas subscongregações. Também aos dirigentes, todos os obreiros e membros da Regional. Pr. Djalma José Ambrósio"

 

A Deus toda a glória!

sábado, 1 de janeiro de 2011

Faltam 846/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Em 2011, Deus continuará no Controle de Tudo 7 – Pv 3:5 e 6.


... conclusão...

Primeiro dia do ano novo! Aleluias! Vamos nos alegrar em Deus meus queridos! Sobre os 3 dias que passamos em Pirinópolis, minha amada de minha alma, fez um vídeo legal sobre a Cachoeira do Abade em Pirinópolis/GO, uns 120 km daqui de Brasília e eu resolvi postá-lo no YouTube para os queridos conhecerem: http://www.youtube.com/watch?v=BQD1u_Hx-ak

 

Lendo hoje "Os Símbolos de Westminster", especialmente "A Confissão de Fé de Westminster ", da Bíblia de Estudo de Genebra, deparei-me, com o capítulo V que fala da Providência (reproduzido abaixo, na íntegra) Divina. Esta providência reflete, na íntegra minha mais profunda crença que eu estou sintetizando em DEUS ESTÁ NO CONTROLE DE TUDO, POR ISSO DEVEMOS CONFIAR PLENAMENTE NELE.

 

 CAPÍTULO V - DA PROVIDÊNCIA

 

I. Pela sua muito sábia providência, segundo a sua infalível presciência e o livre e imutável conselho da sua própria vontade, Deus, o grande Criador de todas as coisas, para o louvor da glória da sua sabedoria, poder, justiça, bondade e misericórdia, sustenta, dirige, dispõe e governa todas as suas criaturas, todas as ações e todas as coisas, desde a maior até a menor.

Nee, 9:6; Sal. 145:14-16; Dan. 4:34-35; Sal. 135:6; Mat. 10:29-31; Prov. 15:3; II Cron. 16:9; At.15:18; Ef. 1:11; Sal. 33:10-11; Ef. 3:10; Rom. 9:17; Gen. 45:5.

 

II. Posto que, em relação à presciência e ao decreto de Deus, que é a causa primária, todas as coisas acontecem imutável e infalivelmente, contudo, pela mesma providência, Deus ordena que elas sucedam conforme a natureza das causas secundárias, necessárias, livre ou contingentemente.

Jer. 32:19; At. 2:13; Gen. 8:22; Jer. 31:35; Isa.10:6-7.

 

III. Na sua providência ordinária Deus emprega meios; todavia, ele é livre para operar sem eles, sobre eles ou contra eles, segundo o seu arbítrio.

At. 27:24, 31; Isa. 55:10-11; Os.1:7; Rom. 4:20-21; Dan.3:27; João 11:34-45; Rom. 1:4.

 

IV. A onipotência, a sabedoria inescrutável e a infinita bondade de Deus, de tal maneira se manifestam na sua providência, que esta se estende até a primeira queda e a todos os outros pecados dos anjos e dos homens, e isto não por uma mera permissão, mas por uma permissão tal que, para os seus próprios e santos desígnios, sábia e poderosamente os limita, e regula e governa em uma múltipla dispensarão mas essa permissão é tal, que a pecaminosidade dessas transgressões procede tão somente da criatura e não de Deus, que, sendo santíssimo e justíssimo, não pode ser o autor do pecado nem pode aprová-lo.

Isa. 45:7; Rom. 11:32-34; At. 4:27-28; Sal. 76:10; II Reis 19:28; At.14:16; Gen. 50:20; Isa. 10:12; I João 2:16; Sal. 50:21; Tiago 1:17.

 

V. O mui sábio, justo e gracioso Deus muitas vezes deixa por algum tempo seus filhos entregues a muitas tentações e à corrupção dos seus próprios corações, para castigá-los pelos seus pecados anteriores ou fazer-lhes conhecer o poder oculto da corrupção e dolo dos seus corações, a fim de que eles sejam humilhados; para animá-los a dependerem mais intima e constantemente do apoio dele e torná-los mais vigilantes contra todas as futuras ocasiões de pecar, para vários outros fins justos e santos.

II Cron. 32:25-26, 31; II Sam. 24:1, 25; Luc. 22:31-32; II Cor. 12:7-9.

 

VI. Quanto àqueles homens malvados e ímpios que Deus, como justo juiz, cega e endurece em razão de pecados anteriores, ele somente lhes recusa a graça pela qual poderiam ser iluminados em seus entendimentos e movidos em seus corações, mas às vezes tira os dons que já possuíam, e os expõe a objetos que a sua corrupção torna ocasiões de pecado; além disso os entrega às suas próprias paixões, às tentações do mundo e ao poder de Sataná5: assim acontece que eles se endurecem sob as influências dos meios que Deus emprega para o abrandamento dos outros.

Rom. 1:24-25, 28 e 11:7; Deut. 29:4; Mar. 4:11-12; Mat. 13:12 e 25:29; II Reis 8:12-13; Sal.81:11-12; I Cor. 2:11; II Cor. 11:3; Exo. 8:15, 32; II Cor. 2:15-16; Isa. 8:14.

 

VII. Como a providência de Deus se estende, em geral, a todos os crentes, também de um modo muito especial ele cuida da Igreja e tudo dispõe a bem dela.

Amós 9:8-9; Mat. 16:18; Rom. 8-28; I Tim. 4: 10.

 

Eu quando li e meditei hoje neste capítulo V, encantei-me com meus irmãos que estiveram reunidos produzindo tal documento há tanto tempo atrás.

 

Nosso Deus continua e continuará o mesmo hoje e sempre e ele tem muito a nos dar neste ano de 2011. E nós o que daremos a ele? Nossa fidelidade!

 

Até parece que eu posso ofertar algo de mim mesmo a Deus! Quem dera! Tudo vem dele, de sua providência. Nada posso se não glorificá-lo e gozá-lo para sempre e sempre.

 

Mas eu posso dar a ele a minha fidelidade? Sim e não. Quando eu digo que sou fiel e posso ofertar a ele fidelidade, sinto muito, mas já falhei, pois um só é fiel para sempre: o próprio Senhor.

 

E agora? A fidelidade é minha de forma que posso ofertá-la? De onde vem esta minha fidelidade? Tenho algo que não tenha recebido das mãos dele, do meu Senhor?

 

Nada temos de nós mesmos! E a infidelidade, eu posso negociar com ela diante dele? É como dizem em ditado popular sobre a humildade que creio valer aqui para o caso de nossa reflexão: quando alguém diz ou cre que é humilde, já deixou de ser humilde.

 

Temos o mesmo com a fidelidade. Quando digo que sou fiel, já não sou mais. Então o que fazer? Simples, viver pela fé, como o Senhor nos ensinou de que o seu justo viverá pela fé e não por suas obras.

 

Eu te darei, meu Senhor, a minha fidelidade! Em 2011, tu me farás ser fiel a ti e eu crescerei abundantemente a ponto de outros se adimirarem e te glorificarem.

 

Noss tema, a partir de amanhã, será outro. Será aquele que Deus está preparando e ele, certamente, continuará a falar conosco.

 

Eu estou admirado com o azeite que Deus colocou em minha botija... ela a botija parece não esvaziar nunca. Quanto mais tiro azeite, mais o Senhor a enche com seu mais precioso azeite. Todos os dias ele me supre e me dá mensagens para eu postar e cumprir meu propósito.

 

Louvado seja o Senhor que não deixa faltar azeite na botija. Eu não entendo que ele está fazendo assim para mim porque eu sou alguém especial, mas sou como qualquer um, fraco, pecador, tímido, carente da graça de Deus em tudo.

 

Eu não tenho outra forma de encerrar este post se não reforçando o que disse no início e desde o início desse tema: DEUS ESTÁ NO CONTROLE DE TUDO, POR ISSO DEVEMOS CONFIAR PLENAMENTE NELE.

 

 

Atenção: o "Acompanhamento de minhas leituras/áudios:" e o "Registro das leituras/áudios Terminados:"  agora estão sendo atualizados na aba lateral esquerda desta página, para evitar muita repetição e tornar o visual mais agradável.

 

A Deus toda a glória!

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Faltam 847/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Em 2011, Deus continuará no Controle de Tudo 6 – Pv 3:5 e 6.

... continuação...
Confiarei, sim, meu Senhor em ti de todo o meu coração! Cheagamos no último dia do ano, mas ainda o ano não acabou e a tua bênção esperada e desejada para 2010, pode ainda se realizar. Portanto, fique firme e não se desespere. Confie no Senhor!

Ontem, para a glória de Deus, fui apresentado à equipe de intercessão da PIPT como novo líder em substituição à irmã Roseli que por longos 17 anos esteve a frente deste ministério. Conta-nos ela que o ministério nasceu quando ela chegava a igreja precisando de ajuda e libertação e para sua surpresa foi condizida à liderança. Foi muita luta, mas também muitas vitórias e hoje sai de cabeça erguida sabendo que doravante a intercessão estará nas mãos de um homem de Deus, escolhido por Deus, para fazer a obra que Deus pretende fazer. (Senhor, tens misericórdias de mim!).

Nosso desafio é grande, mas devemos confiar no Senhor de todo o nosso coração sabendo que ele irá nos ajudar, ou melhor do que isso, ele mesmo irá fazer todo o trabalho que a igreja necessita. Na obra de Deus, é Deus quem faz as coisas e nós estamos aqui apenas para receber de sua abundante graça e favor.  Eu como líder pretendo dar lugar para Deus em minha vida para que ele opere os sinais, prodigíos, maravilhas, milagres e curas no nome de Jesus.

Faz muito tempo que o Senhor me desafia a confiar nele de todo o meu coração, alma, forças e entendimento – CAFÉ – porque ele está no controle de tudo, como sempre esteve e sempre estará. Na minha família em SP já me chamaram pelo nome de "Deus está no controle". Quando eu ligava, escutava alguém dizer: - mãe, o "Deus está no controle" quer falar com a senhora. Eu ria e dava glórias a Deus que está me dando o privilégio de nele crer e confiar todas as coisas a ponto de outras pessoas reconhecerem num simples telefonema a minha teologia.

Isso é o que pretendo transmitir aos irmãos da intercessão da "Primeirona". Deus está no controle de todas as coisas, por isso estamos sendo convidados por ele a darmos glórias devidas ao seu nome! Não em cansarei jamais de dizer e de pregar isso, embora eu até pareça muito repetitivo, mas não serei, porque o Deus que sirvo e que está no controle de tudo me renovará para a sua glória e me usará com sinais, prodigíos, maravilhas em nosso meio.

A minha certeza e convicção e desejo de meu coração não está no reconhecimento, nem nos aplausos, nem nos méritos, mas no próprio Senhor e na natureza das revelações que ele irá derramar sobre nós, pois haveremos de dar lugar a ele em nossos corações. Eu sei que o ministerio de intercessão não é um ministério de visibilidade e de holofotes, mas de vida secreta, escondida, oculta, de joelhos. Eu não preciso crescer diante dos homens, mas quero ser um gigante para Deus e somente serei grande ou gigante enquanto os meus joelhos estiverem dobrados em reverência ao Criador dos céus e da terra.

Reina o Senhor, tremam os povos! Majestade e glórias sejam dadas a ele e somente a ele. Amém. Não posso deixar de ressaltar a palavra abençoada ministrada pelo Pr. Demerson, ontem, representanto o Conselho da Igreja, que nos falou da equipe de Paulo, citando Cl 4:7-18 (que palavra abençoada e edificante!) e das palavras de despedida e proféticas da irmã Roseli, baseada em Jo 15:15. Eu anotei todas as suas revelações e profecias e sei que Deus a honrará e a PIPT muito crescerá co m isso. Obrigado a todos pelo voto de confiança e desde já me coloca à disposição dos irmãos para orarmos juntos e vencermos as tentações e o mal, em nome de Jesus.

Atenção: o "Acompanhamento de minhas leituras/áudios:" e o "Registro das leituras/áudios Terminados:"  agora estão sendo atualizados na aba lateral esquerda desta página, para evitar muita repetição e tornar o visual mais agradável.

A Deus toda a glória!

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Faltam 848/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Em 2011, Deus continuará no Controle de Tudo 5 – Pv 3:5 e 6.


... continuação...

Irmãos, chegamos de Pirinópolis. Foram pouquíssimos dias, mas deu para renovarnos e curtirmos a comunhão em família. Amei conversar e brincar com meus filhos e minha fiel esposa que o Senhor me deu. Fizemos ótima viagem, mas o lugar que fomos é melhor de se curtir quando no meio do ano, em plena seca aqui em Brasília. Agora, tem muita chuva. E foi por causa das muitas chuvas que não consegui sinal para enviar meu post de ontem, mas como já tinha preparado, segue junto os dois post, o de ontem e o de hoje.

 

Sabemos todos nós que estamos chegando ao final do ano, sendo hoje o penúltimo dia do ano, no entanto, a tua bênção que ainda não chegou pode chegar hoje!

 

Senhor Jesus, te amo! Daqui há pouco terei uma reunião com a equipe de intercessão da PIPT e serei apresentado como novo líder. O que se deve esperar de uma liderança de uma Comissão Ministerial de Intercessão?

 

O que queres de mim, Senhor? o que esperas de mim? O que devo fazer e como? Respondei-me e ajudai-me, peço-te! Que meu objetivo não seja outro se não glorificá-lo e gozá-lo para sempre.

 

Desde que fui convidado pelo meu pastor para assumir esta missão, meu sono foi embora e meus céus estão cheios de passarinhos querendo fazer ninhos em minha cabeça. Sinto que este desafio será grande!

 

Eu entendo que a intercessão numa igreja é como uma das chaves da igreja e ela está sendo compartilhada comigo. Eu tenho uma das chaves da igreja e creio ser ela uma das principais. Preciso de ajuda e cobertura espiritual para desempenhar meu papel com responsabilidade, amor e eficácia.

 

Verdade é que Deus está no controle de tudo e estará no controle desta Comissão em 2011. Eu estou querendo adotar como versículos guias em todas as reuniões de oração o que se encontra em Mateus 18:18-20:

 

"18. Em verdade vos digo que tudo o que ligardes na terra será ligado no céu, e tudo o que desligardes na terra será desligado no céu.

19. Também vos digo que, se dois de vós concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus.

20. Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles."

 

Em oração e juntos no Nome do Senhor, tudo o que ligarmos na terra será ligado no céu. Este primeiro versículo fala então de uma conexão entre a terra e o céu. Não podemos obter nada se do alto não nos for dado. Tudo vem, primeiramente, das mãos de Deus e pela sua graça alcança nossas vidas.

 

Mas uma coisa é certa, se nós estamos de acordo com algo que estamos pedindo ao Pai, não somente faremos uma ligação terra-céu como também, pela nossa concordância, temos a garantia de que seremos ouvidos. Primeiro foi a ligação, agora a concordância. Temos de estar juntos e concordes. Um casal que ora, mas que não está em união, suas orações são interrompidas!

 

Ouvidos seremos porque onde estivermos reunidos, sabemos que o próprio Senhor, nosso Deus e Pai, ali está conosco. Assim, primeiro fizemos a ligação terra-céu; depois, concordamos sobre os nossos pedidos e orações e finalmente a certeza de que o invisível está entre nós podendo fazer com que o impossível se torna possível.

 

Somente juntos haveremos de vencer as barreiras e obstáculos que se levantarem contra a obra de Deus em nossas vidas. Nesses três versículos o destaque maior é sempre para a palavra juntos o que demanda dos intercessores união e, principalmente, união uns com os outros e com a Divindade: o Pai, o Filho e o Espírito Santo.

 

Atenção: o "Acompanhamento de minhas leituras/áudios:" e o "Registro das leituras/áudios Terminados:"  agora estão sendo atualizados na aba lateral esquerda desta página, para evitar muita repetição e tornar o visual mais agradável.

 

A Deus toda a glória!

 


Faltam 849/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013. (ontem: quarta-feira, 29 de dezembro de 2010)

TEMA: Em 2011, Deus continuará no Controle de Tudo 4 – Pv 3:5 e 6.

... continuação...

Deus nos deixou o nosso modelo de vida o qual é o Senhor Jesus Cristo. Nele eu posso me espelhar e ver que Jesus confiou em seu Pai piamente independentemente das circunstâncias a que esteve exposto e foi obrigado a viver. Sim, Jesus, falo do homem Jesus como modelo de nossa fé, não escolheu seus vizinhos nem contemporâneos, mas com eles foi obrigado a viver.

 

Eu o tenho por modelo perfeito e isso me ensina que estou num contexto diferente, mas também sou convidado pelo meu Pai a dar glórias ao seu nome por meio de minha vida. Eu nada escolhi, nem nada escolherei, mas conviverei com pessoas e com elas desenvolverei relacionamentos. Estou hoje numa  Pousada, a Pousada Villa Velha e estou na recepção, esperando um bom sinal de internet para eu fazer meu post no Jamais Desista.

 

Tenho eu controle sobre as pessoas que estão ao meu redor, das conversas que sou obrigado a escutar, do fundo sonoro provocado pela TV que está passando novela? A luz, por exemplo, que ilumina meu teclado é péssima, mal consigo enxergar as teclas. Toda hora passa gente e mais gente perto de mim e eu aqui ocupando uma mesa, digitando esta mensagem.

 

Uma escolha eu posso fazer: desistir de fazer meu post de hoje! Não, não quero esta opção. Qual outra escolha eu posso fazer neste momento? Posso escolher ter um coração agradecido pela providência de um ponto de conexão elétrico e uma atitude de contentamento ou de lamento. Prefiro estar contente. Não sou nem nunca serei conformado, mas convencido que Deus,  a despeito de tudo isso, está no controle de todas as coisas.

 

Deus para mim é o Administrador por excelência da vida e de todos os fenômenos que a envolvem. Meu controle é rudimentar e nada abrangente, sou demasiadamente dependente de seu amor, de sua vida, de seu sinal para que eu ganhe alento e prossiga avante. Jesus aceitou o governo de seu Pai e o Pai o conduziu do seu nascimento até a sua morte.

 

O maior problema do homem moderno é que ele não confia em Deus. Há muitos líderes evangélicos que aprenderam a governar e a liderar a igreja e se habituaram com as coisas. Não vibram mais. Não sentem mais o domínio nem compreendem que há o nosso Deus que está no coltrole de todas as coisas. Eu jamais quero me acostumar com as coisas do Reino de Deus e de sua justiça, antes quero vibrar ao dar um simples aleluias e acreditar que Deus está tão perto e tão próximo de nós que, sem esforço, podemos perceber o hálito de sua respiração.

 

Podemos ter uma vida de bênçãos e de comunhão com Deus sem entrarmos na monotomia de uma vida sem graça. Deus nos dá tanta graça e é a sua graça que nos sustenta. É tudo de graça! É muita graça.

 

O Senhor meu Deus administrador por excelência controla todas as coisas quer visíveis quer invisíveis quer nos céus quer na terra. Esse conhecimento deveria penetrar em nossas veias como o sangue que nos nutre e que nos mantem vivos.

 

Renovarei neste ano que se inicia os meus votos de servir a Deus de todo o meu coração, alma, forças e entendimento. Amanhã, estaremos de volta à Brasília e à noite iremos em uma reunião na Igreja onde deverei estar sendo apresentado à equipe de intercessão como líder.

Atenção: o "Acompanhamento de minhas leituras/áudios:" e o "Registro das leituras/áudios Terminados:"  agora estão sendo atualizados na aba lateral esquerda desta página, para evitar muita repetição e tornar o visual mais agradável.

 

A Deus toda a glória!

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Faltam 850/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Em 2011, Deus continuará no Controle de Tudo 3 – Pv 3:5 e 6.

... continuação...

Creio piamente que Deus está no controle de todas as coisas principalmente porque Deus é soberano, sábio e bom em tudo o que faz ou permite que se faça.

 

Ontem, hoje e sempre, o nosso Deus continua o mesmo, pois ele não muda desde que nos fez para a sua glória e louvor. Sua soberania o coloca acima de quaisquer questões que eu possa querer levantar contra ele. Deus está acima de meus pensamentos e não me deve satisfação de nada. Não sou eu quem sou deus, mas o Senhor, somente o Senhor é Deus e na sua soberania, ele governa todo o cosmos.

 

Nada foge de seu controle e majestade, por isso que é soberano, mas nem por isso que ele não faz as coisas com sabedoria. Assim como é soberano, ele é sábio. Logo, apesar de eu não entender os fatos, nem compreender a dor, Deus é Deus acima de tudo isso. Nas coisas que faz ou permite, há sempre a assinatura de sua obra prima como digna de sabedoria.

 

Tem gente que não entende os feitos de Deus e o culpa e o ignora, mas não devemos sermos assim, antes, devemos entender que tudo está sob o selo da soberania e da sabedoria. Quando eu olho para um parente meu que está acometido de grande enfermidade ou passando uma situação complexa, eu não consigo entender, mas todos os atos de Deus são de sabedoria.

 

Reina sempre o Senhor diante de sua sabedoria e seguindo tanto a sabedoria quanto a sua soberania, vem a sua bondade. A bondade de Deus está presente, inclusive na dor. Há momentos de grande desespero e vontade até de morrer, mas a bondade de Deus o acompanha, sempre o acompanha.

 

Onde Deus está, está a bondade de Deus. Se pudéssemos personificá-la, se a sua bondade ganhasse vida e se materializasse, seu nome seria Deus. Deus é bom! Jamais duvide da bondade de Deus ainda que a situação pareça tão horrível e perdida, não duvide, jamais, da bondade de Deus.

 

Leia a Bíblia e medite nela que você encontrará a bondade de Deus e não somente sua bondade, seu amor, mas também a sua sabedoria e a sua soberania.

 

Eu hoje estou em Pirinópolis passando uns momentos com a família que Deus, em sua soberania, sabedoria e bondade, tem me dado. Estamos muito felizes e conversando bastante. Está chovendo demais, mas isso não impede nossa comunhão. Deus está nos renovando e nos preparando para um 2011 cheio de suas ricas bênçãos e proteção. Ele tem falado insistentemente comigo para eu nele confiar e descansar.

 

Atenção: o "Acompanhamento de minhas leituras/áudios:" e o "Registro das leituras/áudios Terminados:"  agora estão sendo atualizados na aba lateral esquerda desta página, para evitar muita repetição e tornar o visual mais agradável.

 

A Deus toda a glória!

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Faltam 851/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Em 2011, Deus continuará no Controle de Tudo 2 – Pv 3:5 e 6.


... continuação...[esta mensagem foi pregada ontem no culto das 17hs na PIPT - aleluias. Em breve, estará em meu SCRIBD. Aguardem!]

Em sua sábia resposta não técnica, mas interpretativa, Jesus primeiro cita as Escrituras Dt 6:4 "Ouve, Israel, o SENHOR nosso Deus é o único SENHOR", depois, faz outra citação, do versículo 5 "Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças.", mas desta vez acrescentando a palavra "entendimento". Não é somente coração, alma e forças, mas entendimento também. As iniciais de coração, alma, forças e entendimento gera uma palavra: CAFE. Que tal tomarmos todos os dias de nossa vida este CAFE de Deus?

 

Surpreendendo seu interlocutor, o Senhor, acrescenta uma parte de Levítico 19:18: "Não te vingarás nem guardarás ira contra os filhos do teu povo; mas amarás o teu próximo como a ti mesmo. Eu sou o SENHOR." (G.N.). E conclui dizendo sabiamente que não há outro mandamento maior do que estes. Jesus Cristo, sabiamente, resumiu toda a lei em dois versículos principais. Um vertical direcionado a Deus que nos aponta um amor cabal – CAFE – por Deus e outro horizontal em direção ao nosso próximo, tendo como referencial a nossa própria pessoa.

 

Temos de aprender a raciocinar como raciocinava Cristo, pois dele é a promessa de que temos a mente de Cristo (I Co 2:16). A sua boca falava de sua própria palavra. As suas citações foram baseadas nas Escrituras. Ele não era um mero robô citando versículos ao léu, mas uma mente pronta e afiada para derrubar qualquer sofisma e raciocínio falaz. "Destruindo os conselhos, e toda a altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo o entendimento à obediência de Cristo;" (2 Co 10:5).

 

Á nossa espada tem de estar pronta e afiada! Mas como estará se ela está encostada, empueirada e enferrujada? Somente podem andar com espadas afiadas quem lê e medita nela de dia e de noite, pois do contrário, seremos presa fácil dos ardis humanos e enganosos. Assuma um compromisso, já que o ano está começando, de ler/meditar de forma sistemática e contínua na Bíblia Sagrada e você verá a diferença que isso trará em sua vida espiritual que repercutirá certamente nas outras áreas de tua vida.

 

Ninguém consegui pegar Jesus em qualquer laço, por que ele cortava os laços com sua espada afiada e pronta. Somente afiam de contínuo as suas espadas aqueles que crêem e andam nos caminhos do Senhor e a ele o amam de todo CAFE. Eu resolvi confiar em Deus em 2011, por isso não deixarei jamais de todos os dias tomar meu CAFE da manhã com o Senhor. Vamos juntos nessa caminhada de vitórias para que cheguemos no final do ano com muitas vitórias conquistadas.

 

O fato de não sabermos o que acontecerá amanhã não nos tornará nem mais nem menos preparado, pois isto não importa. O que importa então? Não são as circuntâncias que importam, mas nossas reações a elas! Veja o que nos diz Hernandes Dias Lopes em seu livro sobre o Apóstolo Paulo: "O que determina a vida de um indivíduo não é o que lhe acontece, mas como reage ao que lhe acontece."

 

"Quando não somos capazes de mudar uma situação, somos convidados a mudarmos a nós mesmos" (V.E.H).

 

"Se Deus não remover o sofrimento, ele nos assistirá em nossa fraqueza, nos consolará com sua graça e nos assistirá com seu poder ...

 

Como podemos observar, o que determina a vida de um indivíduo não é o que lhe acontece, mas como reage ao que lhe acontece." (H.D.L.)

 

Atenção: o "Acompanhamento de minhas leituras/áudios:" e o "Registro das leituras/áudios Terminados:"  agora estão sendo atualizados na aba lateral esquerda desta página, para evitar muita repetição e tornar o visual mais agradável.

 

Recadinho: Sabino Júnior, tua pregação ontem veio do coração de Deus para os nossos corações. Continue, simplesmente, dando lugar e Deus continuará, certamente, a te usar. Nosso compromisso contigo está de pé: oraremos por ti e equipe todos os dias.

 

A Deus toda a glória!

domingo, 26 de dezembro de 2010

Faltam 852/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Em 2011, Deus continuará no Controle de Tudo – Pv 3:5 e 6.


Deus está no controle de tudo e de todas as coisas, por isso devemos confiar plenamente nele em tudo e em todas as coisas. Eu resolvi adotar essa mensagem para minha vida neste ano que se inicia – 2011. ora se Deus está no controle o que me compete senão confiar nele plenamente?

 

"Confia no SENHOR de todo o teu coração, e não te estribes no teu próprio entendimento. Reconhece-o em todos os teus caminhos, e ele endireitará as tuas veredas." (Pv 3:5, 6).

 

Eu sei que 2010 ainda não acabou e que aquele tão esperado sonho ainda aconteça neste ano, mas independente disso, estamos chegando na primeira semana de 2011 e não sabemos das circunstâncias a que estaremos expostos. Você gostaria de saber com antecedência o que ocorrerá? Deus sabe de tudo e, certamente, tudo está em seu controle. Os homens, em geral, sonham em conhecerem o futuro, mas Deus persiste em nos ocultar.

 

Uma certa vez houve um escriba que tinha visto Jesus respondendo sabiamente a diversas perguntas que estavam fazendo a ele para o experimentar. Ele, o escriba, então lhe resolve fazer uma pergunta também: qual é o primeiro mandamento? (Mc 12: 28-34).

 

28. Aproximou-se dele um dos escribas que os tinha ouvido disputar, e sabendo que lhes tinha respondido bem, perguntou-lhe: Qual é o primeiro de todos os mandamentos?

29. E Jesus respondeu-lhe: O primeiro de todos os mandamentos é: Ouve, Israel, o Senhor nosso Deus é o único Senhor.

30. Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento, e de todas as tuas forças; este é o primeiro mandamento.

31. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Não há outro mandamento maior do que estes.

32. E o escriba lhe disse: Muito bem, Mestre, e com verdade disseste que há um só Deus, e que não há outro além dele;

33. E que amá-lo de todo o coração, e de todo o entendimento, e de toda a alma, e de todas as forças, e amar o próximo como a si mesmo, é mais do que todos os holocaustos e sacrifícios.

34. E Jesus, vendo que havia respondido sabiamente, disse-lhe: Não estás longe do reino de Deus. E já ninguém ousava perguntar-lhe mais nada.

 

Se analisarmos friamente a pergunta do escriba, veremos que ela nos parece demasiadamente simples.  Ora, qual o primeiro mandamento? Exodo 20 nos diria "Não terás outros deuses diante de mim". Há quem diga que o primeiro mandamento é "amar a Deus sobre todas as coisas". Parece-me que o escriba estava armando alguma estratégia que seria disparada conforme a resposta que viesse de Cristo.


... continuarei amanhã....

 

Atenção: o "Acompanhamento de minhas leituras/áudios:" e o "Registro das leituras/áudios Terminados:"  agora estão sendo atualizados na aba lateral esquerda desta página, para evitar muita repetição e tornar o visual mais agradável.

 

A Deus toda a glória!

sábado, 25 de dezembro de 2010

Faltam 853/1000 dias! Meu propósito de 1000 dias: Começou: 31/07/2010. Acaba: 26/04/2013.

TEMA: Natal – Lc 2:7.

Foi num determinado tempo na história da humanidade que Jesus Cristo veio até nós. Nasceu como qualquer homem, tendo sido gerado no ventre da mulher, filha de Adão, não por semente do homem, mas pelo Espírito Santo.

Eu fico imaginado a composição cromossômica de Jesus, pois todos temos 46 cromossomos, 23 herdados de nossa mãe e 23 herdados de nosso pai. Podem fazer o teste que for, Jesus era e é 100% homem, mas não é gerado do homem. Adão também não foi gerado do homem.

Lendo as narrativas nas Escrituras encontraremos a Bíblia falando do primeiro Adão e a Bíblia falando do segundo Adão. Nenhum dos Adão foi gerado pelo homem, mas um foi criado e o outro gerado. Deus é o Pai de ambos.

Isso é muito misterioso e profundo. A mulher, Maria, é filha de Adão; o fruto nela, Jesus Cristo, filho de Deus.

Zombam da história do nascimento de Jesus os que rejeitam a Deus. Eu disse "os que rejeitam", eu não disse "os que não conhecem", por quê? Somente responderei aos que, curiosos, desejarem saber.

Natal é a festa em que comemoramos o nascimento de Jesus Cristo, desse homem, desse Deus. Como pode as duas naturezas viverem em um só corpo e não haver confusão?

A nossa salvação dependia de um sacrifício para que nossos pecados fossem perdoados. Não seria com o sangue de bodes e touros, mas de um cordeiro. Ele não poderia ter mancha alguma e todos os filhos de Adão, já nascem manchados, por isso Jesus veio ao mundo sem mancha alguma.

Todos nós agora estamos salvos pelo sangue do Cordeiro, sem mácula, perfeito. A ira divina podia agora ser aplacada e a sua justiça satisfeita, pois nosso Sumo Sacerdote, Jesus, entrou no Santo dos Santos para nossa expiação.

A justiça divina foi aplacada e o sacirfício aceito: somos agora declarados diante de Deus justificados. Jesus me tornou justo diante de Deus, não por obras ou mérito, mas pelo seu sacrifício perfeito, aceitável e agradável a Deus.

Livres do pecado, da condenação e do juízo de Deus, por meio de Jesus Cristo que deu, em amor, a sua vida por todos nós. É natal! Agradeça a Deus a sua salvação.
                         
Feliz Natal a todos!

Acompanhamento de minhas leituras/áudios:
Ø       Estou lendo I Pe da Bíblia de Estudo de Genebra – segunda edição revisada e ampliada, The Spirit os the Reformation Study Bible, ed. Cultura Cristã, Sociedade Bíblica do Brasil, 2009 - texto bíblico: Almeida Revista e Atualizada.
Ø       Estou lendo o Cânones de Dort dos Símbolos de Fé das Igrejas Reformadas (Confissão Belga, Catecismo de Heidelberg e Cânones de Dort) da mesma Bíblia de Estudo de Genebra.
Ø       Estou na página 200/214 (93%) de Crítica Textual do Novo Testamento, de Wilson Paroschi. Ed. Vida Nova.
Ø       Estou na página 120/151 (79%) de PAULO – o maior líder do cristianismo. Hernandes Dias Lopes. Ed. Hagnos.
Ø       Estou na página 110/140 (79%) de FINAÇAS COM PROPÓSITO – Como alançar saúde financeira à luz da Palavra de Deus, de Ivonildo Teixeira. Ed. Atos. (Este livro foi presente do Pr. Sabino aos pregadores da PIPT em 2010, numa festa de confraternização em 4/12/2010).
Ø       Estou na página 10/254, de DOENÇA DE HUNTINGTON – Relatos e Depoimentos, organizadora: Maria Gorette N. Marques. Ed. ABH (Associação Brasil Huntington).
Ø       Estou na página 10/139, do livro ATRAVESSARIA O OCEANO PARA TE VER OUTRA VEZ, de Gabriel Cristaldo Barreto, ainda não publicado.
Ø       Estou com 3h03m33s da parte 1/2 com 7h00m02s de Uma História do Pensamento Cristão de Justo Gonzales.

Registro das leituras/áudios Terminados:
Ø       Terminei as 545 páginas do livro HÁ UM SIGNIFICADO NESTE TEXTO – Interpretação Bíblica: os enfoques contemporÂneos (Is There a Meaning in This Text?), de Kevin Vanhoozer, ed. Vida.
Ø       Terminei as 302 páginas do livro No Crepúsculo do Pensamento – Estudos sobre a pretensa autonomia do pensamento filosófico (In the twilight os western though: studies in the pretended autonomy of philosophical thought), de Herman Dooyeweerd, ed. Hagnos, 2010. [Gostei e recomendo. Autores tão ilustres no campo intelectual e tão fervorosos no espírito, com uma fé tão profunda e tremendamente arraidada, reformada, fortalecem a nossa fé. No entanto, terei de lê-lo novamente para melhor compreender as suas idéias].
Ø       Terminei as 274 (100%) de Introdução à Hermenêutica Bíblica – Como ouvir a Palavra de Deus apesar dos ruídos de nossa época (An Introduduction to Biblical Hermeneutics)de Walter C. Kaiser, Jr. E Moisés Silva. Ed. Cultura Cristã. 1ª ed. 2002.
Ø       Terminei as 435/438 (100%) de Ele nos deu Histórias – Um guia completo para a interpretação de histórias do Antigo Testamento (He Gave Us Stories), de Richard L. Pratt, Jr. Ed. Mundo Cristão.
Ø       Terminei as 11h14m42s (91%) de um Comentário feito por Kleber Cavalcante em agosto de 2006 sobre o livro de DANIEL.
Ø       Terminei 1h24m35s (40%) de NÃO DESISTA DE SEUS SONHOS, de Hernandes Dias Lopes.
Ø       Terminei 3h33m14s de áudio em MP3 (voz Felipe; TextAloud), capítulos 1 e 2 do livro PREGAÇÃO CRISTOCÊNTRICA – restuarando o sermão expositivo. Um guia prático e teológico para a pregação bíblica, de BRYAN CHAPELL. Ed. Cultura Cristã.
Ø       Terminei 3h35m30s  de áudio em MP3 (voz Felipe; TextAloud), do livro de Alderi Souza de Matos - Panorama da História da Igreja.
Ø       Já li: Gn, Rm, I Co, II Co, Gl, Ef, Fp, Cl, I Ts, II Ts, I Tm, II Tm, Tt, Fm, Hb, Tg.

A Deus toda a glória!