sábado, 1 de maio de 2010

365 dias de propósito! Dia 284/365 - Dia do Trabalhador! Parabéns!

 

TEMA: O Que Você Tem nas Mãos? – Jo 6: 1-14

 

Hoje comemoramos o dia do trabalhador! Muitos têm a visão de que o trabalho é uma maldição ou uma espécie de "carma" ou de algum mal necessário. Muitos têm sonhos de ganharem em loterias para se livrarem do seu trabalho, pois na verdade, detestam a vida de trabalho, mas o Criador dos céus e da terra não nos fez assim, antes deu-nos tarefas, mandatos e num deles está explícita a idéia do trabalho. A maldição não recaiu sobre o trabalho: trabalhar, seja qual for o trabalho, é tarefa nobre dada e instituída por Deus para glória de seu nome.

 

O seu trabalho, meu irmão seja ele qual for, é uma bênção! Execute-o com todo o carinho do mundo como se para o Senhor o estivesse fazendo, pois ele ao seu devido tempo irá abençoar o trabalho de suas mãos o fazendo propsperar. Vamos agora meditar em nosso tema: o que temos nas mãos? Pode ser, de repente, o trabalho! Um excelente dia do trabalho!

LB: Jo 6: 1-14

1

¶ Depois disto partiu Jesus para o outro lado do mar da Galiléia, que é o de Tiberíades.

2

E grande multidão o seguia, porque via os sinais que operava sobre os enfermos.

3

E Jesus subiu ao monte, e assentou-se ali com os seus discípulos.

4

E a páscoa, a festa dos judeus, estava próxima.

5

Então Jesus, levantando os olhos, e vendo que uma grande multidão vinha ter com ele, disse a Filipe: Onde compraremos pão, para estes comerem?

6

Mas dizia isto para o experimentar; porque ele bem sabia o que havia de fazer.

7

Filipe respondeu-lhe: Duzentos dinheiros de pão não lhes bastarão, para que cada um deles tome um pouco.

8

E um dos seus discípulos, André, irmão de Simão Pedro, disse-lhe:

9

Está aqui um rapaz que tem cinco pães de cevada e dois peixinhos; mas que é isto para tantos?

10

E disse Jesus: Mandai assentar os homens. E havia muita relva naquele lugar. Assentaram-se, pois, os homens em número de quase cinco mil.

11

E Jesus tomou os pães e, havendo dado graças, repartiu-os pelos discípulos, e os discípulos pelos que estavam assentados; e igualmente também dos peixes, quanto eles queriam.

12

E, quando estavam saciados, disse aos seus discípulos: Recolhei os pedaços que sobejaram, para que nada se perca.

13

Recolheram-nos, pois, e encheram doze alcofas de pedaços dos cinco pães de cevada, que sobejaram aos que haviam comido.

14

Vendo, pois, aqueles homens o milagre que Jesus tinha feito, diziam: Este é verdadeiramente o profeta que devia vir ao mundo.

 

Depois do quê – vs 1 - partiu Jesus? No capítulo anterior, o quinto, Jesus foi a uma festa em Jerusalém e ali junto ao poço de Betesda se encontrou com um homem que estava enfermo a 38 anos e lhe perguntou se queria ficar são e era isso num sábado.

 

Jesus, então, curou o homem e mandou que apanhasse a sua cama e andasse. Ora, um judeu, num sábado, andando carregando uma cama? Era muita provocação! Logo os judeus ficaram furiosos e queriam matá-lo, pois não somente violava o sábado como também se dizia igual a Deus.

 

Jesus então faz um belo e maravilhoso sermão explicando sua relação com o Pai e a relação do Pai com o filho e ainda lhes promete a vida eterna e que os que nele crê não entrarão em condenação. Jesus também lamenta o fato de eles não crerem nele e que não o receberam porque veio no nome de seu pai, mas outro que vier no seu próprio nome, a esse recebereis (o Anticristo?).

 

Então, foi depois disso que acabei de explicar que partiu Jesus para o outro lado do mar da Galiléia, que é o de Tiberíades e a multidão o seguia porque via os sinais que operava sobre os enfermos.

 

Quem é que não seguiria a Jesus desse jeito? Mas qual era o interesse da multidão? Qual eram os propósitos de Jesus ao curar os enfermos? Jesus sabia que a multidão o seguia por causa dos sinais?

 

Jesus subiu ao monte e ali se assentou com seus discípulos, a festa da páscoa estava próxima, ele, então, levanta os olhos e vê uma grande multidão se aproximando deles (uns 5000!).

 

O que Jesus viu na multidão que o seguia por causa dos sinais que operava sobre os enfermos? Viu uma multidão faminta!  ... amanhã daremos seqüência. Bom final de semana a todos.

 

A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias

 

Ø       Avancei e terminei Naum - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.

Ø       Ainda estou na página 75/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).

Ø       Terminei 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).

Ø       Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:

§         Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.

§         08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González

§         9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920).

§         09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.

 

Observações:

Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.