sábado, 27 de junho de 2020

DEUS E A PANDEMIA DA COVID-19


Uma reflexão acerca da luz em meio ao caos, uma luz no fim do túnel.
É notório que todos nós fomos afetados, de alguma forma, pela pandemia da Covid-19. O mundo mudou, as coisas mudaram, e nossas vidas também. 
Mas diante do caos gerado, nem tudo foi só perda e sofrimento. Tivemos encontros, união, fraternidade e uma reflexão de quem de fato somos.
Muitos perderam seus empregos, seus entes queridos, seus empreendimentos e por isso sofreram e ainda estão sofrendo. São tempos difíceis, sem dúvida. 
Mas em meio a tanta dor, eis que surge uma luz no fim do túnel. 
 Em meio ao caos, muitos pais puderam conhecer seus filhos. Sim, foram obrigados a isso, a conhecê-los de fato; pois foram colocados em um quadradinho chamado casa, em um isolamento social e passaram a ter um tempo com eles. Tempo este, que até então não existia, em meio à correria das rotinas diárias de trabalho, e de tantos afazeres e compromissos. Agora, passaram a ter um tempo de qualidade com seus filhos: dialogando, participando, dividindo momentos, alegrias, tristezas, segredos e sonhos. Encontraram-se de verdade. 
Muitos casais também tiveram uma oportunidade de uma maior convivência e diálogo. Uma oportunidade de refletirem sobre o seu relacionamento, às vezes já morno, ou até mesmo frio, estagnados e fragilizados pela rotina, pela falta de tempo. Assim, passaram a entender a importância de se investir no relacionamento, na família, de cuidar um do outro, de procurar saber não apenas onde cada um está, mas como de fato se sentem. Houve mais união, "já não eram mais dois, mas uma só carne".
Muitas pessoas passaram a se solidarizar com aqueles que ficaram sem nada. Começaram a enxergar até mesmo aqueles que já não tinham nada, que viviam a margem da sociedade, mas que eram, até então, aos seus olhos, socialmente invisíveis. "A misericórdia e a verdade se encontraram". Passaram a ver as pessoas com mais fraternidade, como irmãos e irmãs em Cristo Jesus. 
Foi preciso Deus parar o mundo, para que todos nós, ricos e pobres, negros e brancos, compreendêssemos que é Ele quem está no comando de tudo. Que nós, seres humanos, somos totalmente dependentes Dele. "Porque Dele, e por Ele, e para Ele, são todas as coisas".
A pandemia logo irá passar, mas as reflexões ocasionadas por ela irão se perpetuar, assim como a palavra de Deus que é viva, eficaz e subsiste para sempre. Que o amor, a união e a fraternidade se prolonguem no tempo.
Que Deus nos abençoe. 🙏🙏🙏
Um abençoado sábado a todos.
(Por Manoel Neto)


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.