segunda-feira, 15 de setembro de 2014

I Crônicas 25:1-54 - DAVI SEPARA PARA O MINISTÉRIO OS FILHOS DE ASAFE, HEMÃ E JEDUTUM

Nossas reflexões se encontram aqui:
Parte II – O REINO UNIDO – 9:35 a II CR 9:31
A. O reinado de Davi – 9:35 a 29:30.
3. Preparativos para o templo – 13:1 a 29:25 – estamos vendo;
b. Davi faz preparativos para o templo – 17:1 a 29:25
 (5) Davi transfere o poder e a responsabilidade para Salomão – 23:1 a 29.25.
 (a) Aqueles que Davi reuniu – 23:1 a 27:34.
A organização daqueles que Davi reuniu, como já dissemos, também podemos dividir em duas partes: (a1) Sacerdotes e Levitas que serviram no âmbito religioso – 23:1 a 26:32. (a2) Líderes  militares e civis – 27:1 a 34.
Essa organização realizada por Davi não apenas instituiu um sistema para a administração de Salomão como também serviu de modelo para a reorganização do povo na comunidade pós-exílio.
(a1) Sacerdotes e Levitas – 23:1 a 26:32 - continuação.
Davi institui líderes para a administração de Salomão. O cronista usa esse exemplo para mostrar à comunidade pós-exílio que precisavam reunir líderes das mesmas linhagens para o seu programa de reconstrução.
Nossas reflexões se encontram aqui:
Parte II – O REINO UNIDO – 9:35 a II CR 9:31
A. O reinado de Davi – 9:35 a 29:30.
3. Preparativos para o templo – 13:1 a 29:25 – estamos vendo;
b. Davi faz preparativos para o templo – 17:1 a 29:25
 (5) Davi transfere o poder e a responsabilidade para Salomão – 23:1 a 29.25.
 (a) Aqueles que Davi reuniu – 23:1 a 27:34.
A organização daqueles que Davi reuniu também podemos dividir em duas partes: (a1) Sacerdotes e Levitas que serviram no âmbito religioso – 23:1 a 26:32. (a2) Líderes  militares e civis – 27:1 a 34.
Essa organização realizada por Davi não apenas instituiu um sistema para a administração de Salomão como também serviu de modelo para a reorganização do povo na comunidade pós-exílio.
(a1) Sacerdotes e Levitas – 23:1 a 26:32 - continuação.
No verso primeiro deste capítulo, Davi menciona os conselheiros militares (chefes de serviço) de Davi por objetivo de ressaltar a divisão de incumbências – 11:10; 12:32 – como um modelo para a organização da comunidade pós-exílio.
Ele, Davi, juntamente com os chefes de serviço, separou para o ministério os filhos de Asafe, de Hemã e de Jedutum (ou Etã).
Dos versos 2 ao 5, o cronista relaciona esse rol dos encarregados no ministério do canto que estariam sob a direção respectiva de seus pais, sendo que os seus pais estariam debaixo das ordens dos reis.
Suas missões envolviam o canto da Casa do Senhor com címbalos, alaúdes e harpas. O número deles, nessas funções, todos eles mestres, era de 288. A palavra de Deus diz que eles eram instruídos no canto do Senhor.
São eles que iriam profetizar com harpas, alaúdes e címbalos. Em várias ocasiões, o cronista apresenta servos do templo exercendo funções proféticas – II Cr 20:14-17; 24:19-22; 29:30; 35:15; conforme ainda, II Re 23:2; II Cr 34:30.
O tema reflete o interesse do cronista pelo papel dos sacerdotes como guias para a restauração da comunidade pós-exílio – Zc 6:9-15.
Sobre Hemã, recomendo a leitura do texto “HEMÃ, UM MÚSICO FIEL”[1]. Apenas ressaltamos, como explica o texto citado, que ele era coatita, músico, filho de Joel e neto do profeta Samuel (I Cr. 6.33).
Hemã no hebraico significa "Fiel", este nome aparece dezesseis vezes na Bíblia. Hemã sempre serviu ao Senhor junto com Jedutum e Asafe, ele foi um famoso líder de música no último período do reinado de Davi, quando celebravam os cultos no Tabernáculo e depois, no governo de Salomão, no Templo, após sua construção e inauguração (I Cr. 6.33-48).
Diversos salmos lhes são atribuídos pelo nome de Coré. Mas é duvidoso se os salmos foram compostos por eles, ou se a sua composição foi feita para serem cantados por eles.[2]
Asafe (לְאָסָף) significa “Deus ajuntou para si mesmo" ou "ajuntador".). Ele escreveu 12 salmos, a saber: Sl 50 e de 73 a 83. Davi, por exemplo, escreveu e compôs 79 salmos em toda a sua vida que também era agitada com o governo de Israel e com suas aventuras militares.
Jedutum era também levita da família de Merari. Um dos três grandes diretores musicais, que estavam ao serviço do templo (1 Cr 16.38,41 – 2 Cr 29.14). É o mesmo que Etã – e diz-se que certos salmos foram por ele compostos, isto é, os salmos 39,62,77.
I Cr 25:1 E Davi, juntamente com os capitães do exército,
                separou para o ministério os filhos de Asafe, e de Hemã, e de Jedutum,
                               para profetizarem com harpas, com címbalos,
                                               e com saltérios;
                               e este foi o número dos homens aptos
                                               para a obra do seu ministério:
                I Cr 25:2 Dos filhos de Asafe:
                               Zacur, José, Netanias, e Asarela, filhos de Asafe;
                                               a cargo de Asafe, que profetizava debaixo das
                                                               ordens do rei Davi.
                I Cr 25:3 Quanto a Jedutum, os filhos:
                               Gedalias, Zeri, Jesaías, Hasabias, e Matitias, seis,
                                               a cargo de seu pai, Jedutum, o qual profetizava com
                                               a harpa, louvando e dando graças ao SENHOR.
                I Cr 25:4 Quanto a Hemã, os filhos:
                               Buquias, Matanias, Uziel, Sebuel, Jerimote, Hananias,
                                               Hanani, Eliata, Gidalti, Romanti-Ezer, Josbecasa,
                                                               Maloti, Hotir, e Maaziote.
                               I Cr 25:5 Todos estes foram filhos de Hemã,
                                               o vidente do rei nas palavras de Deus,
                                                               para exaltar o seu poder;
                                               porque Deus dera a Hemã catorze filhos e três filhas.
                I Cr 25:6 Todos estes estavam sob a direção de seu pai,
                               para a música da casa do SENHOR, com saltérios,
                                               címbalos e harpas,
                               para o ministério da casa de Deus;
                               e Asafe, Jedutum, e Hemã, estavam sob as ordens do rei.
                I Cr 25:7 E era o número deles, juntamente com seus irmãos
                               instruídos no canto ao SENHOR, todos eles mestres,
                                               duzentos e oitenta e oito.
I Cr 25:8 E deitaram sortes acerca da guarda igualmente,
                assim o pequeno como o grande,
                               o mestre juntamente com o discípulo.
                I Cr 25:9 Saiu, pois, a primeira sorte a Asafe, a saber a José;
                a segunda a Gedalias; e ele, e seus irmãos, e seus filhos,
                               ao todo eram doze.
                I Cr 25:10 A terceira a Zacur, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:11 A quarta a Izri, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:12 A quinta a Netanias, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:13 A sexta a Buquias, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:14 A sétima a Jesarela, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:15 A oitava a Jesaías, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:16 A nona a Matanias, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:17 A décima a Simei, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:18 A undécima a Azareel, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:19 A duodécima a Hasabias, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:20 A décima terceira a Subael, seus filhos,
                               e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:21 A décima quarta a Matitias, seus filhos,
                               e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:22 A décima quinta a Jeremote, seus filhos,
                               e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:23 A décima sexta a Hananias, seus filhos,
                               e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:24 A décima sétima a Josbecasa, seus filhos,
                               e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:25 A décima oitava a Hanani, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:26 A décima nona a Maloti, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:27 A vigésima a Eliata, seus filhos, e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:28 A vigésima primeira a Hotir, seus filhos,
                               e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:29 A vigésima segunda a Gidalti, seus filhos,
                               e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:30 A vigésima terceira a Maaziote, seus filhos,
                               e seus irmãos, doze.
                I Cr 25:31 A vigésima quarta a Romanti-Ezer, seus filhos,
                               e seus irmãos, doze.
Ninguém melhor do que Davi para ter sob a sua orientação esses cantores que ele instituiu e ele mesmo era exemplo de cantor e profeta, além de também ser rei de Israel. Era uma época áurea a que vivia a nação de Israel e quem vai aproveitar tudo isso será mesmo seu filho Salomão.
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 324 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.