domingo, 23 de fevereiro de 2014

Josué 14:1-15 - A PORÇÃO ESPECIAL CONCEDIDA A CALEBE.

Estamos na segunda parte de nossa divisão proposta: A DISTRIBUIÇÃO DA TERRA PROMETIDA – 13:1 A 21:45. Essa segunda divisão principal do livro trata da ordem divina para distribuição da Terra Prometida entre as tribos. Deus orienta Josué na divisão inicial da terra e indica que a mesma não deveria ser violada. Ele, Deus, ainda afirma, logo no primeiro capítulo, que Josué está velho e ainda há muita terra a conquistar.
As divisões propostas para essa segunda divisão seguem a BEG e também a faremos em seis subpartes, onde veremos no cap. 13, duas delas: A). A comissão divina para a divisão da terra – 13:1-7 (já vista); B. O leste do Jordão – 13:8-33 (vista no capítulo anterior). C). O Oeste do Jordão – 14:1 a 19:51.
C). O oeste do Jordão 14:1 a 19:51
Estes capítulos descrevem em detalhes a divisão do território entre as tribos a oeste do Jordão. Há uma correspondência de vocabulário entre 14:1 e 19:51, que marca o início e o fim dessa seção. Esse conteúdo pode ser dividido em sete seções conforme propões a BEG.
Vejamos elas, a partir deste capítulo: 1. Introdução – 14:1-5. 2. A porção especial concedida a Calebe – 19:6-15. 3. A porção de Judá – 15:1-63. 4. A porção de José – 16:1 – 17:18. 5. As porções das outras tribos – 18:1 – 19:48. 6. A porção especial concedida a Josué – 19:49,50. 7. Conclusão – 19:51.
1. Introdução – 14:1-5.
O propósito da introdução é enfatizar que o Senhor é quem estaria fazendo a divisão da terra e que Moisés a estava executando fielmente. Também enfatizar a unidade do povo como uma só nação, apesar da divisão geográfica. Novamente é citada as tribos do Leste para que ela não fosse esquecida, apesar de mais distante, ou mais separada por causa do Jordão.
E Josué era já velho e entrado em dias e seu ministério estaria logo acabando e outro iria ocupar o seu lugar, mas de forma mais regionalizada, por causa da divisão da tribo.
2. A porção especial concedida a Calebe – 19:6-15.
No entanto, Calebe, o representante da tribo de Judá, parecia um jovem, apesar de tão velho quanto Josué que o acompanhou na aventura da espiação da terra há mais de 40 anos por ordem de Moisés em Cades-Barneia – Nm 13:6.
Ele se apresenta a Josué dessa forma, vigoroso, forte e preparado para a guerra e solicita a Josué a terra de Hebron e Josué lhe concede o que ele pediu.
Aquele pedido de Calebe estava firmado numa promessa de Deus a qual Moisés lhe tinha assegurado porque ele tinha demonstrado uma disposição mental favorável ao reino de Deus e não tinha desanimado o povo com um relatório pessimista – Nm 14:6-9.
Essa fé obediente de Calebe foi exemplar, e sua perseverança em seguir ao Senhor  digna de imitação por todos nós que estamos na guerra, na travessia indo para a Canaã celestial. Como bem comentou o comentarista da BEG, a fé de Calebe na promessa de Deus não foi expressa em passividade humana, mas em obediência ativa.
Sejamos como Calebe e Josué que perseveraram em seguir ao Senhor sendo eles minoria que quase foi atacada e destruída se não fosse o Senhor intervir e poupá-los.
Js 14:1 Isto, pois, é o que os filhos de Israel tiveram em herança,
                na terra de Canaã, o que Eleazar, o sacerdote, e Josués, filho de Num,
                               e os cabeças dos pais das tribos dos filhos de Israel
                                               lhes fizeram repartir,
                Js 14:2 Por sorte da sua herança, como o SENHOR ordenara,
                               pelo ministério de Moisés, acerca das nove tribos
                                               e da meia tribo. Js 14:3 Porquanto às duas tribos
                               e à meia tribo já dera Moisés herança além do Jordão;
                                               mas aos levitas não tinha dado herança entre eles.
                Js 14:4 Porque os filhos de José eram duas tribos, Manassés e Efraim,
                               e aos levitas não se deu herança na terra,
                               senão cidades em que habitassem,
                               e os seus arrabaldes para seu gado e para seus bens.
                Js 14:5 Como o SENHOR ordenara a Moisés,
                               assim fizeram os filhos de Israel, e repartiram a terra.
Js 14:6 Então os filhos de Judá chegaram a Josué em Gilgal;
                e Calebe, filho de Jefoné o quenezeu, lhe disse:
                Tu sabes o que o SENHOR falou a Moisés, homem de Deus,
                               em Cades-Barnéia por causa de mim e de ti.
                Js 14:7 Quarenta anos tinha eu, quando Moisés, servo do SENHOR,
                               me enviou de Cades-Barnéia a espiar a terra;
                                               e eu lhe trouxe resposta,
                                                               como sentia no meu coração;
                               Js 14:8 Mas meus irmãos, que subiram comigo,
                                               fizeram derreter o coração do povo;
                               eu porém perseverei em seguir ao SENHOR meu Deus.
                Js 14:9 Então Moisés naquele dia jurou, dizendo:
                               Certamente a terra que pisou o teu pé será tua,
                                               e de teus filhos, em herança perpetuamente;
                               pois perseveraste em seguir ao SENHOR meu Deus.
                Js 14:10 E agora eis que o SENHOR me conservou em vida,
                               como disse; quarenta e cinco anos são passados,
                               desde que o SENHOR falou esta palavra a Moisés,
                                andando Israel ainda no deserto; e agora eis que
                                               hoje tenho já oitenta e cinco anos;
                Js 14:11 E ainda hoje estou tão forte como no dia em que
                               Moisés me enviou; qual era a minha força então,
                               tal é agora a minha força, tanto para a guerra
                                               como para sair e entrar.
                Js 14:12 Agora, pois, dá-me este monte de que o SENHOR
                               falou aquele dia; pois naquele dia tu ouviste que estavam ali
                                               os anaquins, e grandes e fortes cidades.
                               Porventura o SENHOR será comigo, para os expulsar,
                                               como o SENHOR disse.
Js 14:13 E Josué o abençoou, e deu a Calebe, filho de Jefoné,
                a Hebrom em herança. Js 14:14 Portanto Hebrom ficou sendo
                               herança de Calebe, filho de Jefoné o quenezeu,
                                               até ao dia de hoje, porquanto perseverara em seguir
                                                               ao SENHOR Deus de Israel.
                Js 14:15 E antes o nome de Hebrom era Quiriate-Arba,
                               porque Arba foi o maior homem entre os anaquins.
E a terra repousou da guerra.
O pedido de Calebe fora bem feito e apresentado como um homem sábio e corajoso apresentaria, no momento certo, com a força necessária e a certeza de que seria atendido em tudo o que pedisse e Josué concordou e lhe deu conforme ele pedira e esperava no Senhor.

Depois de tantas guerras e mortes e massacres, é dito que a terra repousou da guerra.
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdete – 
http://www.jamaisdesista.com.br
...


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.