terça-feira, 24 de dezembro de 2013

Feliz Natal Mirandas, Cristaldos, Barretos....


O
 Senhor visitou dois jovens, Marcondes e Nilva, os plantou como semente em terra boa e frutífera e os uniu para sempre. Hoje já não estão mais conosco em carne e osso, mas vivos em nossas memórias e na de Deus.
S
e passaram os anos e aquela simples sementinha de amor que o Senhor plantou, prosperou. Então, foram surgindo os rebentos, ao todo 14 que se fortaleceram e cresceram e também se multiplicaram: Edith, Heitor, Manoel, Marcia, Osório, Maria Nilva, Terezinha, Geraldina, José Marcondes, Filomena, Edília, Diva, Genésio e Dálmia.
M
eu Deus, como tu és bom e como foram obedientes ao “crescei e multiplicai-vos” (Gn 1:22). Aos novos rebentos, os 14, o Senhor juntou outros novos rebentos formando assim novas sementes que seguindo o exemplo dos pais estão também em crescimento e multiplicação. Fica até difícil uma contagem de todos os que agora estão aqui, em união abençoada e alegre, comemorando doces momentos, doces lembranças.
I
rmãos, irmãs, primos, primas, tios, tias, mães, pais, avós, bisavós e até trisavós e obviamente netos, bisnetos e até trinetos. São no total hoje os que fazem parte ou fizeram e já não estão mais conosco, inclusive os dois jovens que começaram tudo isso, um total de 226 pessoas, isso em 100 anos ou 36.525 dias! Perdoem-me se errei a contagem... contagem que não para de crescer, graças a Deus!
R
enovada é a vida diariamente pelos cuidados e administração do Senhor da vida que tudo visita todos os dias. Um dia comunica a outro dia e uma noite faz menção a outra noite. A glória de Deus se avista no firmamento e nas coisas criadas sempre comunicando esperanças aos nossos corações.
A
inda que a dor nos persiga e soframos com tantas coisas difíceis que não podemos explicar como um mal incurável ou como alguns de nós que cedo fizeram a viagem celestial, o desafio da vida fica para os vivos e no nosso coração mortal, nosso Deus plantou uma semente imortal, a da eternidade, que faz a gente acreditar e lutar e ter esperanças.
N
ada pode abalar ou destruir nossa união a não ser as nossas próprias idiossincrasias, mas mesmo assim, não faltará o perdão, o respeito e o amor para nos renovar novamente e juntos continuarmos nossa caminhada até o dia final, sempre de cabeça erguida e animada, alegre e festiva, buscando sempre a paciência e a tolerância, o perdão, a comunhão e o amor.
D
eus está visitando Os Miranda! Assim ele faz ou permita que se faça porque muito além de qualquer mal que temos de enfrentar, muito além de qualquer dor que não entendamos, muito além de qualquer birra que tenhamos, muito além de qualquer problema que enfrentamos, está a vida que ele nos deu para celebrar e acreditar que vale a pena continuar.
A
os Mirandas que tenho orgulho de fazer parte por causa do Marcondes e da Nilva, por causa do Hugo e da Edith, por causa de meu grande amor, a Juci, meus parabéns e fica aqui o registro de um coração que se sente movido por Deus para dizer a todos: Deus está visitando e renovando Os Miranda hoje, neste natal, com mais amor, mais fé e mais esperanças. A Deus toda a glória!
=============================
A mensagem acima é referente ao Encontro dos Miranda em 2012, mas aplicável ao Natal em 2013. Ela foi ligeiramente adaptada para este natal de 2013, com pequeníssimas modificações. Renovo as minhas palavras àquela época e convido todos a uma reflexão profunda, especialmente por conta do momento especial do nascimento de Cristo Jesus..
Feliz Natal a todos meus queridos familiares quer seja os Miranda, quer sejam os Cristaldos, quer sejam os Barretos....


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.