quarta-feira, 22 de maio de 2013

Salmo 125: 1-6 - FÉ INABALÁVEL

Quem pode escolher a sua circunstância ou a sua situação de vida? Assim, todos nós estamos expostos as mais variadas coisas e nelas, sim, somos convidados por Deus a glorifica-lo e adorá-lo. Na verdade, eu não escolho nada, antes recebo a situação que pode ser agravada ou melhorada devido a minha reação a elas.
Assim, todos nós neste mundo estamos ai expostos ao que vier e estamos sem controle da situação. Eu não escolhi nem a hora, nem o dia, nem o mês, nem o ano de meu nascimento; muito menos, escolhi meus pais e a situação econômica, emocional, psicológica, espiritual deles. Simplesmente vim a este mundo no tempo que Deus quis que eu viesse.
Aqui estou eu neste mundo cumprindo minha missão e não estou somente exposto a males, pelo contrário, há muito mais benefícios e bênçãos do que dores. Mas dor é dor e realmente desanima a gente em nossa caminhada, principalmente quando enfrentamos o sofrimento e depois a morte de entes queridos e muito próximo a nós.
Quando a morte vem de forma natural (isso é apenas por um momento porque a própria morte está com seus dias contados), na ordem natural das coisas, as dores são mais aceitas do que situações de violência, doença, tragédias. No entanto, não há garantias alguma de que estamos livres delas.
A única garantia que temos por causa de nossa fé é que Deus está conosco todo tempo e, além disso, no controle de tudo e no devido tempo, tudo se ajeitará dentro de seus planos e propósitos. Sou convidado por Deus a viver pela fé nele e a dar graças, nele se alegrar e a estudar e a entender os seus planos para que eu não viva desorientado e perdido.
Por isso que os que confiam no Senhor são como os montes que não se abalam para sempre. Como Jerusalém está cercada por montes, assim o Senhor nos cerca em nossa jornada nesta vida recebida pelo dom do Espírito Santo.
Quanto aos ímpios, deixem eles à vontade... o fim de todos eles está muito próximo.
Apocalipse 22:11 Continue o injusto fazendo injustiça,
continue o imundo ainda sendo imundo;
o justo continue na prática da justiça,
e o santo continue a santificar-se.
Não sejamos porém como Jonas que fugiu para não pregar. Nossa missão nesta vida é pregar o evangelho na esperança de que Deus nos use para a sua glória.
No comentário de Calvino, em sua introdução, ele comenta neste salmo sobre o fato de ímpios e justos estarem no mesmo mundo expostos a todos os males da vida e comparando-os a Jerusalém que vive cercada de montes, assim, são defendidos por um baluarte invencível.
E mesmo que venham a sofrer tormentas por causa da maldade deles, Deus os exorta a ter boa esperança. Ele no entanto, ao mesmo tempo, faz uma distinção entre o verdadeiro e o falso israelitas. O que certamente é dito aqui sobre a segurança dos justos pode não se aplicar aos hipócritas.
Como os fiéis que vivem neste mundo com os ímpios parecem estar expostos a todos os males da vida da mesma maneira que outras pessoas, o Profeta, comparando-os com Jerusalém, mostra que eles são defendidos por um baluarte invencível. E se Deus, em algum momento, permite o sofrimento pela malícia dos ímpios, ele, no entanto, os exorta a terem de boa esperança. Contudo, ao mesmo tempo, distingue entre verdadeiros e falsos israelitas, que os hipócritas não se aplicam a si mesmos o que se diz sobre a segurança dos justos.
Uma canção de graus.
Sl 125:1 Os que confiam no SENHOR
são como o monte Sião,
que não se abala,
firme para sempre.
Sl 125:2 Como em redor de Jerusalém
estão os montes,
assim o SENHOR,
em derredor do seu povo,
desde agora e para sempre.
Sl 125:3 O cetro dos ímpios
não permanecerá sobre a sorte dos justos,
para que o justo não estenda a mão à iniquidade.
Sl 125:4 Faze o bem, SENHOR,
aos bons e aos retos de coração.
Sl 125:5 Quanto aos que se desviam
para sendas tortuosas,
levá-los-á o SENHOR
juntamente com os malfeitores.
Paz sobre Israel!
Haverá um fim para o ímpio e para os que estão acostumados com a impiedade e rejeitam continuamente o Senhor. Desprezar isso é dormir todos os dias em uma cova de serpentes que uma hora ou outra dará o seu bote fatal. Medite neste salmo e saia já disso!
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdete – 
http://www.jamaisdesista.com.br


...


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.