terça-feira, 1 de setembro de 2009

365 dias de propósito! Dia 42/365

LB de hoje: até Nm 10:36. Chamou-me a atençao a nuvem de dia e a coluna de fogo de noite que acompanhava o deslocamento do povo de Deus conforme Nm 9:15 a 23. isso é como um tipo do Espírito Santo que de dia e de noite está conosco nos protegendo e nos aquecendo em todo o tempo. Aleluias!
 
Olha só que bênção: minha filinha de 5 anos, Bebel, novamente me surpreendeu com sua linha de raciocínio nas questões espirituais. Fiquei impressionado. Estávamos no carro somente eu e ela. Ela no banco de trás e me perguntou sobre nascer de novo. Eu estranhei a sua pergunta e comecei a falar algo meio evazivo, mas ela insistia. Papai, para nascer de novo eu tenho de nascer segunda vez, na barriguinha da mamãe. Eu lhe disse que isso não acontece, ninguém nasce duas vezes, mas somente uma.
 
Foi ai que ela entrou com o tema de uma pregação do Gabriel, meu lindo filho, cujo título da pregação é NASCENDO DE NOVO, OUTRA VEZ que ele teve a oportunidade de ministrá-la no Grupo Evangélico dos Correios – GECOR em Brasília/DF. Ela me disse que tinha ouvido o Gabriel falar disso com algum amiguinho dele e ela ficou com aquilo na cabeça. Meu bem, lhe disse, eu vou te explicar: o tema dessa pregação do Gabriel nascer de novo está se referindo ao nascimento espiritual, mas não carnal. Nascemos de novo quando deixamos Jesus nascer em nossos corações pela fé.
 
E mais uma vez a sua pergunta bem perspicaz: papai como a gente deixa Jesus nascer dentro da gente? Incrível! Simplesmente fiquei pasmo com sua linha de raciocínio e o encadeamento e a formação da pergunta. Elogiei ela pela sua inteligência e lhe prometi explicar depois, pois estava dirigindo e queria falar com ela de uma forma mais particular e devotada a ela. Como é bom vermos o crescimento de nossos filhos. Você sabe responder a Bebel? O que você diria a ela? O que é deixar nascer Jesus dentro de nós? O que é recebermos ao Senhor como nosso salvador? Como lhe explicar o plano da salvação, a idéia do pecado, do arrependimento e a necessidade de entregarmos nossa vida àquele que deu a sua vida por nós?
 
Medite no assunto! Pense! As crianças não são tão bobinhas como a gente as vezes imagina, mas muito espertas. Elas prestam atenção em tudo, ao que falamos, como nos comportamos e tratamos nosso próximo, em nossos hábitos e exemplos. Se somos fiéis e tementes a Deus e agimos com alegria e sincero coração diante de Deus, elas a isso captam e procuram imitar. Graças a Deus todos os nossos filhos são tementes a Deus e por si sós seguem o caminho sem que nenhum de nós imponha qualquer coisa. São totalmente liberais para escolherem servir ou não de coração ao Senhor. Nenhum peso impomos sobre eles. Eles é que escolheram o caminho por onde andam.
 
A mesma coisa se dará com a Bebel. Além de orarmos por ela e a abençoarmos, pela graça de Deus, damos o nosso exemplo em oração, respeito, carinho, amor e vida piedosa. Todos de casa tem a sua vida piedosa. Todos, em casa, são buscadores do Reino de Deus e de sua Justiça. Aleluias!
 
Bebel, papai te ama muito e ora, todos os dias, para que você cresça na graça e na sabedoria do Senhor. Parabéns mamãe e irmãos, pois a Bebel é o reflexo do que nós somos, mas a Deu, e somente a ele, toda a glória. "Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho, não se desviará dele". (Pv 22:6). Amém!
 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.