segunda-feira, 16 de março de 2015

Jeremias 43:1-13 - JEREMIAS É LEVADO FORÇADO PARA O EGITO.

Estamos vendo a décima sexta parte, de nossa divisão proposta de dezoito delas, nos baseando na estruturação apresentada pela BEG. Estamos no capítulo 43.
XVI. DEPOIS DA QUEDA (40.1-45.5) - continuação.
Como já dissemos, desde o capítulo 40 até ao capítulo 45, estaremos vendo uma sequência de acontecimentos importantes que ocorreram depois da queda de Jerusalém, onde três temas são focalizados de maneira específica e os usaremos como divisão proposta dessa parte: A. Acontecimentos associados a Gedalias (40.1-41.10) – já vimos; B. A fuga de Jeremias para o Egito (41.11-44.30) – estamos vendo; e, C. A promessa de Deus a Baruque (45.1-5).
B. A fuga de Jeremias para o Egito (41.11-44.30) - continuação.
Também já vimos que do verso 41.11 até o 44.30, estaremos vendo a fuga de Jeremias para o Egito. Jeremias é levado para o Egito por sobreviventes judaítas da região que fugiram para escapar de possíveis represálias dos babilônios. No Egito, Jeremias profetiza e transmite uma mensagem de julgamento contra o povo de Judá pelo seu repetido envolvimento com a idolatria durante esse período (44.1-30).
Jeremias terminou o seu discurso e as suas palavras que falara da parte de Deus em resposta aos próprios questionamentos dos que agora estavam sob a guarda e proteção de Joanã, filho de Careá que afirmavam que iriam seguir as suas palavras de qualquer modo quer fossem, quer não fossem agradáveis.
Azarias e Joanã e todos os homens soberbos responderam a Jeremias com aspereza e dureza de coração chamando-o de mentiroso e que o Senhor não o havia mandado falar aquelas coisas ruins a eles de se entregarem aos babilônios e desistirem de procurar abrigo no Egito.
Ora, foram eles que pediram a palavra, mas eles mesmos recusaram ouvi-la. Eles mesmos disseram que Jeremias poderia falar e que eles iriam seguir fielmente, quer gostassem ou não do que o profeta falasse da parte de Deus e agora não queriam aceitar as palavras e acusaram Jeremias de mentiroso, falso profeta e conspirador.
Segundo eles, Jeremias estaria seguindo Baruque, filho de Nerias que o estaria incitando a favor dos caldeus, o que era para eles um grande absurdo.
O resultado dessa consulta foi a desobediência. Joanã, filho de Careá e todos os seus príncipes e o povo recusaram obedecer ao Senhor que os orientavam a ficarem em Judá.
Todos foram levados por eles para o Egito, inclusive contra a sua vontade, Jeremias, o profeta e Baruque e entraram na terra do Egito que o Senhor claramente tinha dito para não irem para lá. Mesmo no Egito, Jeremias continua a exercer o seu ministério profético.
Eles foram para Tapanes - 2.16. Provavelmente na região leste do delta do Nilo. Ali, em Tapanes, veio a palavra do Senhor a Jeremias o qual lhe mandou tomar consigo pedras grandes e escondê-las com barro no pavimento que estaria na entrada da casa de Faraó, à vista dos homens de Judá. Era esse um ato simbólico profético indicando que a palavra certamente se cumpriria.
Jeremias deveria dizer-lhes em nome do Senhor dos Exércitos que enviaria e tomaria Nabucodonosor, seu servo – vs. 10; 25.9 -, rei da Babilônia e colocaria o seu trono sobre aquelas pedras que ele estava escondendo e ele estenderia ali o seu pavilhão real sobre elas.
Jeremias continua a dizer-lhes que ele, Nabucodonosor, viria e feriria a terra do Egito entregando à morte, quem seria entregue a ela, ao cativeiro, os que para lá deveriam ir e à espada outros que a ela estariam destinados.
Jr 43:1 Tendo Jeremias acabado de falar a todo o povo
                todas as palavras do Senhor seu Deus,
                               aquelas palavras com as quais o Senhor seu Deus
                                               lho havia enviado,
                Jr 43:2 então falaram Azarias, filho de Hosaías, e Joanã,
                               filho de Careá, e todos os homens soberbos,
                                               dizendo a Jeremias:
                               Tu dizes mentiras; o Senhor nosso Deus
                                               não te enviou a dizer:
                                               Não entreis no Egito para ali peregrinardes;
                               Jr 43:3 mas Baruque, filho de Nerias, é que te incita
                                               contra nós, para nos entregar na mão dos caldeus,
                                               para eles nos matarem, ou para nos levarem cativos
                                                               para Babilônia.
                Jr 43:4 Não obedeceu pois Joanã, filho de Careá,
                               nem nenhum de todos os príncipes dos exércitos,
                                               nem o povo todo, à voz do Senhor,
                                                               para ficarem na terra de Judá.
                Jr 43:5 Mas Joanã, filho de Careá, e todos os chefes das forças
                               tomaram a todo o resto de Judá, que havia voltado
                                               dentre todas as nações, para onde haviam sido
                                                               arrojados, com o fim de peregrinarem na
                                                                              terra de Judá;
                Jr 43:6 aos homens, às mulheres, às crianças, e às filhas do rei,
                               e a toda pessoa que Nebuzaradão, capitão da guarda,
                                               deixara com Gedalias, filho de Aicão, filho de Safã,
                               como também a Jeremias, o profeta, e a Baruque,
                                               filho de Nerias;
                Jr 43:7 e entraram na terra do Egito; pois não obedeceram
                               à voz do Senhor; assim vieram até Tapanes.
Jr 43:8 Então veio a palavra do Senhor a Jeremias, em Tapanes, dizendo:
                Jr 43:9 Toma na tua mão pedras grandes, e esconde-as com barro
                               no pavimento que está à entrada da casa de Faraó
                                               em Tapanes, à vista dos homens de Judá;
                Jr 43:10 e dize-lhes:
                               Assim diz o Senhor dos exércitos, Deus de Israel:
                                               Eis que eu enviarei, e tomarei a Nabucodonosor,
                                               rei de Babilônia, meu servo, e porei o seu trono
                                                               sobre estas pedras que escondi;
                                               e ele estenderá o seu pavilhão real sobre elas.
                Jr 43:11 Virá, e ferirá a terra do Egito, entregando à morte
                               quem é para a morte, ao cativeiro quem é para o cativeiro,
                                               e à espada.
                Jr 43:12 E lançarei fogo às casas dos deuses do Egito;
                               e ele os queimará e os levará cativos;
                                               e ornar-se-á da terra do Egito,
                                                               como se veste o pastor com a sua roupa;
                                                                              e sairá dali em paz.
                Jr 43:13 E quebrará as colunas de Bete-Semes,
                               que está na terra do Egito; e as casas dos deuses do Egito
                                               queimará a fogo.
Além disso, lançaria fogo às casas dos deuses do Egito e queimaria e levaria cativo os seus deuses fazendo daquela terra como um pastor faria despiolhando a sua própria veste e saindo dali em total paz.
Também quebraria as colunas dos obeliscos, monumentos característicos do Egito – vs. 13 - de Bete-Semes, ou, do "templo do sol", provavelmente uma referência a Heliópolis ("cidade do sol" em grego) e para humilhá-las queimaria no próprio fogo.
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 141 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br
...

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.