quarta-feira, 17 de setembro de 2014

I Crônicas 27:1-34 - DAVI E OS MILITARES E CIVIS: OS ADMINISTRADORES E OS CONSELHEIROS

Nossas reflexões se encontram aqui:
Parte II – O REINO UNIDO – 9:35 a II CR 9:31
A. O reinado de Davi – 9:35 a 29:30.
3. Preparativos para o templo – 13:1 a 29:25 – estamos vendo;
b. Davi faz preparativos para o templo – 17:1 a 29:25
 (5) Davi transfere o poder e a responsabilidade para Salomão – 23:1 a 29.25.
 (a) Aqueles que Davi reuniu – 23:1 a 27:34.
A organização daqueles que Davi reuniu, como já dissemos, também podemos dividir em duas partes: (a1) Sacerdotes e Levitas que serviram no âmbito religioso – 23:1 a 26:32 – já vimos. (a2) Líderes  militares e civis – 27:1 a 34.
Essa organização realizada por Davi não apenas instituiu um sistema para a administração de Salomão como também serviu de modelo para a reorganização do povo na comunidade pós-exílio.
(a2) Líderes  militares e civis – 27:1 a 34.
Aqui o cronista passa a tratar das questões de ordem militar – vs 1 a 15 -, dos líderes das tribos – vs 16 ao 24 -, dos administradores do rei – vs 25 ao 31 -, e, dos conselheiros do rei – vs 32 ao 34.
Davi, como já dissemos, estava instituindo líderes para a administração de Salomão. Essa ampla organização do reino realizada por Davi estava lançando a solidificação dos alicerces para o projeto de construção do templo de Salomão.
O cronista vem usando esse exemplo de Davi e de toda a comunidade, inclusive agora dos militares, dos líderes das tribos, dos administradores do rei e dos seus conselheiros.
Havia, por parte do cronista, a intenção de mostrar à comunidade pós-exílio que também eles precisariam reunir líderes das mesmas linhagens para o seu programa de reconstrução.
Pode-se ver, logo no verso primeiro, o sistema aplicado no reinado de Davi de rodízio semelhante às responsabilidades sacerdotais.
Davi era um homem de excelentes qualidades. Era um grande líder militar de sucesso; músico,  profeta que foi capaz de compor muitos dos salmos messiânicos – ao todo compôs 79 salmos, dos 150 existentes -, excelente administrador e, conforme a própria palavra de Deus diz, homem segundo o coração de Deus.
Certamente que contou com o apoio de toda a sua equipe, sem a qual nada poderia ter feito sozinho. Ele já foi grande em seu tempo e realizou tantas coisas, se não fosse sua queda com Bate-Seba, ele teria deixado na história uma marca maior ainda em realizações.
Nos versos 16 ao 22 o cronista está relacionando os chefes das tribos e não há a menção de duas delas, Gade e Aser. Os motivos não são explicados.
I Cr 27:1 Estes são os filhos de Israel segundo o seu número,
                os chefes dos pais, e os capitães dos milhares e das centenas,
                               com os seus oficiais, que serviam ao rei em todos os negócios
                                               das turmas que entravam e saíam de mês em mês,
                               em todos os meses do ano; cada turma de vinte e quatro mil.
I Cr 27:2 Sobre a primeira turma do primeiro mês estava Jasobeão,
                filho de Zabdiel; e em sua turma havia vinte e quatro mil.
                I Cr 27:3 Era este dos filhos de Perez, chefe de todos os capitães dos
                               exércitos, para o primeiro mês,
I Cr 27:4 E sobre a turma do segundo mês estava Dodai,
                o aoíta, com a sua turma, cujo líder era Miclote;
                               também em sua turma havia vinte e quatro mil.
I Cr 27:5 O terceiro capitão do exército, para o terceiro mês, era Benaia,
                filho de Joiada, chefe dos sacerdotes; também em sua turma havia
                               vinte e quatro mil.
                I Cr 27:6 Era este Benaia valente entre os trinta, e sobre os trinta;
                               e na sua turma estava Amizabade, seu filho.
I Cr 27:7 O quarto, do quarto mês, era Asael, irmão de Joabe,
                e depois dele Zebadias, seu filho; também em sua turma havia
                               vinte e quatro mil.
I Cr 27:8 O quinto, do quinto mês, Samute, o israíta;
                também em sua turma havia vinte e quatro mil.
I Cr 27:9 O sexto, do sexto mês, Ira, filho de Iques, o tecoíta;
                também em sua turma havia vinte e quatro mil.
I Cr 27:10 O sétimo, do sétimo mês, Helez, o pelonita, dos filhos de Efraim;
                também em sua turma havia vinte e quatro mil.
I Cr 27:11 O oitavo, do oitavo mês, Sibecai, o husatita, dos zeraítas;
                também em sua turma havia vinte e quatro mil.
I Cr 27:12 O nono, do nono mês, Abiezer, o anatotita, dos benjamitas;
                também em sua turma havia vinte e quatro mil.
I Cr 27:13 O décimo, do décimo mês, Maarai, o netofatita, dos zeraítas;
                também em sua turma havia vinte e quatro mil.
I Cr 27:14 O undécimo, do undécimo mês, Benaia, o piratonita,
                dos filhos de Efraim; também em sua turma havia vinte e quatro mil.
I Cr 27:15 O duodécimo, do duodécimo mês, Heldai, o netofatita, de Otniel;
                também em sua turma havia vinte e quatro mil.
                               I Cr 27:16 Sobre as tribos de Israel estavam:
                                               sobre os rubenitas era líder Eliezer, filho de Zicri;
                                               sobre os simeonitas, Sefatias, filho de Maaca.
I Cr 27:17 Sobre os levitas, Hasabias, filho de Quemuel;
                sobre os aronitas, Zadoque; I Cr 27:18 Sobre Judá, Eliú,
                               dos irmãos de Davi; sobre Issacar, Onri, filho de Micael;
                I Cr 27:19 Sobre Zebulom, Ismaías, filho de Obadias;
                sobre Naftali, Jerimote, filho de Azriel; I Cr 27:20
                Sobre os filhos de Efraim, Oséias, filho de Azazias;
                sobre a meia tribo de Manassés, Joel, filho de Pedaías;
                I Cr 27:21 Sobre a outra meia tribo de Manassés em Gileade,
                               Ido, filho de Zacarias; sobre Benjamim, Jaasiel,
                                               filho de Abner;
                I Cr 27:22 Sobre Dã, Azarel, filho de Jeroão.
                               Estes eram os príncipes das tribos de Israel.
                I Cr 27:23 Não tomou, porém, Davi o número dos de vinte anos
                               para baixo, porquanto o SENHOR tinha falado que havia de
                                               multiplicar a Israel como as estrelas do céu.
                I Cr 27:24 Joabe, filho de Zeruia, tinha começado a numerá-los,
                               porém não acabou; porquanto viera por isso grande ira
                                               sobre Israel; assim o número não se pôs no registro
                                                               das crônicas do rei Davi.
I Cr 27:25 E sobre os tesouros do rei estava Azmavete, filho de Adiel;
                e sobre os tesouros dos campos, das cidades, e das aldeias,
                               e das torres, Jônatas, filho de Uzias.
                I Cr 27:26 E sobre os que faziam a obra do campo,
                               na lavoura da terra, Ezri, filho de Quelube.
                I Cr 27:27 E sobre as vinhas, Simei, o ramatita;
                               porém sobre o que das vides entrava nas adegas do vinho,
                                               Zabdi, o sifmita.
                I Cr 27:28 E sobre os olivais e sicômoros que havia nas campinas,
                               Baal-Hanã, o gederita; porém Joás
                                               sobre os armazéns do azeite.
                I Cr 27:29 E sobre os gados que pastavam em Sarom,
                               Sitrai, o saronita; porém, sobre os gados dos vales,
                                               Safate, filho de Adlai.
                I Cr 27:30 E sobre os camelos, Obil, o ismaelita; e sobre as jumentas,
                               Jedias, o meronotita. I Cr 27:31 E sobre o gado miúdo, Jaziz,
                                               o hagrita;
                               todos esses eram administradores da fazenda
                                               que tinha o rei Davi.
I Cr 27:32 E Jônatas, tio de Davi, era do conselho, homem entendido,
                e também escriba; e Jeiel, filho de Hacmoni,
                               estava com os filhos do rei.
                I Cr 27:33 E Aitofel era do conselho do rei;
                               e Husai, o arquita, amigo do rei.
                I Cr 27:34 E depois de Aitofel, Joiada, filho de Benaia, e Abiatar;
                               porém Joabe era o general do exército do rei.
“Ordem e progresso” – é o que está registrado em nossa Bandeira e que nos remete ao que queremos deixar de legado para nossos filhos e para o mundo. Seria como um resumo de nossa  missão destacados de forma especial em nosso símbolo maior representativo de nossa nação brasileira.
Havendo ordem, consequentemente haverá progresso. Assim também vejo Israel naquela época em que buscava um recomeço e estava levantando e reorganizando toda sua história para mostrar aos pós-exilados que haveria muito trabalho, mas que este seguia ordem e, consequentemente, apontava para o progresso.
Principalmente levando-se em conta que havia ainda um suporte maior para o sucesso da nação que estava na Palavra de Deus, que era a base ou o fundamento de sua constituição. Davi era este homem que aplicava a palavra e buscava julgar justamente o povo de Deus servindo e inspirando não somente a sua geração, mas a dos seus descendentes.
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 322 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br
...

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.