sexta-feira, 27 de junho de 2014

II Reis 12:1-21 - NO GOVERNO DE JOÁS, JOIADA E JOSEBATE FORAM FUNDAMENTAIS

Nós estamos aqui:
Parte II: A MONARQUIA DIVIDIDA - I Reis 12:1 a II Reis17:41.
I. Em Judá (841-796 a.C.): 11:1 – 12:21.
Esta parte “I” que vai de “A” até “Q”. Repetindo o que já dissemos, depois de tratar do reinado de Jeú em Israel, que terminou em 814 a.C., agora o autor se volta para Judá para descrever a história de seus reis, desde o início do reinado de Atalia em 841 a.C. Esta parte foi dividida igualmente em duas partes: 1. O golpe contra Atalia de Judá - (841-835 a.C.): 11:1 – 21 – já vista. 2.  Joás de Judá (835-796 a.C.): 12:1 – 21 – veremos agora.
2.  Joás de Judá (835-796 a.C.): 12:1 – 21.
Foi no sétimo ano de Jeú que Joás, em Judá começou a reinar. Assim, a conspiração de Atalia para matar todos os descendentes de Davi, começou justamente quando Jeú estava sendo rei em Israel.
Nós vimos que Joás fora protegido pelo sumo-sacerdote Joiada e sua mulher, Jeoseba, filha do rei Jorão e irmã de Acazias que esconderam Joás, um bebe, da sanguinária Atalia, filha de Acabe com Jezabel, mãe de Acazias, que se dedicou a promover o culto a Baal em Judá – 8:18; 11:18 – e tentou eliminar a família real quase exterminando a dinastia davídica. Atalia de tão maligna nem se importou para o fato de ser Joás seu neto, pois era ela mãe de Acazias.
Como já dissemos, se não fosse a graça, a misericórdia, e a fidelidade de Deus de acordo com sua aliança com Davi, não teríamos mais a espera do descendente que iria esmagar a cabeça da serpente. No entanto, não existe acaso nem má sorte, mas soberania de Deus no controle de todas as coisas.
Joás governou muito em Jerusalém, chegando a 42 anos. Tendo começado com 7 anos, morreu sem ao menos atingir os 50.
Este capítulo resume o longo reinado de Joás que fez “o que era reto aos olhos do Senhor, todos os dias em que o sacerdote Joiada o dirigia” – vs 2. O nome de sua mãe era Zíbia, de Berseba e o de seu pai, Acazias, filho de Jeorão, rei de Judá – 10:14.
A única falha deste reinado foram os altos que novamente não foram tirados e o povo insistia em adorar nos altos, ou seja, eram santuários nos altos das colinas. Conforme a BEG, que estamos seguindo, ao entrarem na terra de Canaã, os israelitas deveriam ter abolido todos os altos dos cananeus – Nm 33:52; Dt 7:5; 12:3 – e construído seus próprios centros de culto ou altares em locais aprovados por Deus – Ex 20:24; Jz 6:4; 13:19; I Sm 7:17; I Re 9:12-13. Essa adoração em certos locais sancionados seria considerada aceitável até o tempo em que o santuário central do qual Dt 12 trata em detalhes, fosse construído.
Joás, mesmo assim, empreendeu uma restauração notável no templo e fez diversas outras coisas com o apoio sempre presente e eficaz do sacerdote Joiada.
Inclusive foi dele a ideia de se colocar uma caixa, do lado direito de quem entra, com um buraco na tampa para que ali fossem depositadas as ofertas que entrariam na Casa do Senhor. Aqui nascia a ideia do gazofilácio[1]!
Existia uma certa inocência em Joás ou o narrador foi um pouco ingênuo ao enfatizar a fidelidade deles na administração de todo dinheiro arrecadado pelo que não tinham que prestar contas. Enquanto o homem for homem e vivermos nos últimos dias, teremos sim de prestar contas de todas as coisas, mais ainda se formos fieis, como de fato o somos pela graça de Deus.
Nesse interim Hazael, novamente ele, que há muito vem perturbando tanto a Israel como a Judá, vem para pelejar contra Judá, obrigando a Joás a fazer um verdadeiro saqueamento ao seu próprio palácio para não ter de enfrentar a força síria. Eles aceitaram o pagamento e se foram.
Que pena que Joás tenha agido assim e permitido Hazael fazer este desfalque no palácio e no templo.
II Re 12:1 No ano sétimo de Jeú começou a reinar Joás,
            e quarenta anos reinou em Jerusalém;
                        e era o nome de sua mãe Zíbia, de Berseba.
            II Re 12:2 E fez Joás o que era reto aos olhos do SENHOR
                        todos os dias em que o sacerdote Joiada o dirigia.
            II Re 12:3 Tão-somente os altos não foram tirados;
                        porque ainda o povo sacrificava e queimava incenso nos altos.
            II Re 12:4 E disse Joás aos sacerdotes:
                        Todo o dinheiro das coisas santas que se trouxer à casa do
                                   SENHOR, a saber, o dinheiro daquele que passa
                                   o arrolamento, o dinheiro de cada uma das pessoas,
                                   segundo a sua avaliação, e todo o dinheiro que trouxer
                                   cada um voluntariamente para a casa do SENHOR,
                        II Re 12:5 Os sacerdotes o recebam, cada um dos seus
                                   conhecidos; e eles mesmos reparem as fendas da casa,
                                               toda a fenda que se achar nela.
            II Re 12:6 Sucedeu, porém, que, no ano vinte e três do rei Joás,
                        os sacerdotes ainda não tinham reparado as fendas da casa.
            II Re 12:7 Então o rei Joás chamou o sacerdote Joiada
                        e os mais sacerdotes, e lhes disse:
                                   Por que não reparais as fendas da casa?
                                   Agora, pois, não tomeis mais dinheiro de vossos
                                   conhecidos, mas entregai-o para o reparo
                                               das fendas da casa.
            II Re 12:8 E consentiram os sacerdotes em não tomarem mais dinheiro
                        do povo, e em não repararem as fendas da casa.
            II Re 12:9 Porém o sacerdote Joiada tomou um cofre e fez um buraco
                        na tampa; e a pôs ao pé do altar, à mão direita dos que
                        entravam na casa do SENHOR; e os sacerdotes que
                                   guardavam a entrada da porta punham ali todo o
                                   dinheiro que se trazia à casa do SENHOR.
            II Re 12:10 Sucedeu que, vendo eles que já havia muito dinheiro
                        no cofre, o escrivão do rei subia com o sumo sacerdote,
                                   e contavam e ensacavam o dinheiro
                                               que se achava na casa do SENHOR.
            II Re 12:11 E o dinheiro, depois de pesado, davam nas mãos dos que
                        faziam a obra, que tinham a seu cargo a casa do SENHOR
                        e eles o distribuíam aos carpinteiros e aos edificadores que
                                   reparavam a casa do SENHOR.
            II Re 12:12 Como também aos pedreiros e aos cabouqueiros;
                        e para se comprar madeira e pedras de cantaria
                                   para repararem as fendas da casa do SENHOR,
                        e para tudo quanto era necessário para reparar a casa.
            II Re 12:13 Todavia, do dinheiro que se trazia à casa do SENHOR
                        não se faziam nem taças de prata, nem garfos, nem bacias,
                        nem trombetas, nem vaso algum de ouro ou vaso de prata para
                                   a casa do SENHOR.
            II Re 12:14 Porque o davam aos que faziam a obra,
                        e reparavam com ele a casa do SENHOR.
            II Re 12:15 Também não pediam contas aos homens em cujas mãos
                        entregavam aquele dinheiro, para o dar aos que faziam a obra,
                                   porque procediam com fidelidade.
            II Re 12:16 Mas o dinheiro do sacrifício por delitos, e o dinheiro por
                        sacrifício de pecados, não se trazia à casa do SENHOR;
                                   porque era para os sacerdotes.
            II Re 12:17 Então subiu Hazael, rei da Síria, e pelejou contra Gate,
                        e a tomou; depois Hazael resolveu marchar contra Jerusalém.
            II Re 12:18 Porém Joás, rei de Judá, tomou todas as coisas santas que
                        Jeosafá, Jorão e Acazias, seus pais, reis de Judá, consagraram,
                        como também todo o ouro que se achou nos tesouros da casa do
                                   SENHOR e na casa do rei e o mandou a Hazael,
                                               rei da Síria; e então se desviou de Jerusalém.
            II Re 12:19 Ora, o mais dos atos de Joás, e tudo quanto fez,
                        porventura não está escrito no livro
                                   das crônicas dos reis de Judá?
II Re 12:20 E levantaram-se os servos de Joás, e conspiraram contra
            ele ferindo-o na casa de Milo, no caminho que desce para Sila.
            II Re 12:21 Porque Jozacar, filho de Simeate,
                        e Jozabade, filho de Somer, seus servos,
                                   o feriram, e morreu, e o sepultaram com seus pais
                                               na cidade de Davi.
            E Amazias, seu filho, reinou em seu lugar.
O fim de Joás não foi muito bom, pois seus servos - os oficiais de Judá eram filhos de mulheres estrangeiras e trabalhavam para o governo – 14:5; II Cr 24:26 - conspiraram contra ele e o mataram. Amazias, seu filho, reinou em seu lugar. Será que Amazias teve alguma coisa a ver com esse assassinato de conspiração?
p.s.: link da imagem original: http://pt.wikipedia.org/wiki/Joás_de_Judá
Contagem regressiva: Faltam 403 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br




[1] A palavra grega, gazofilácio “γαζοφυλακίου”, transliterado como gazophulakiou, é encontrada em Mc 12:41, 43; Lc 21:1; Jo 8:20. Seu número na Concordância de Strong é 1049. Seu significado é lugar para guardar valores. A origem da palavra vem de “gaza - gazo” (tesouro) and phulaké - filácio” (lugar de guardar). No entanto, a ideia original dessa caixa com sua abertura, nasceu aqui, com o sacerdote Joiada que apoiou Joás durante seu reinado em Judá.
...

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.