sexta-feira, 13 de junho de 2014

I Reis 20:1-43 - ACABE FAZ ALIANÇAS COM UM REI DERROTADO

Nos encontramos aqui, em nossa leitura e meditação:
Parte II – A monarquia dividida – 21:1 a II Re 17:41.
D. Em Israel (909-853 a.C.) – 15:25 a 22:40.
6. Acabe de Israel (874-853 a.C.) – 16:29 a 22:40 - continuação.
c. Acabe e a condenação profética – 17:1 – 22:38 - continuação.
Essa parte “c”, em continuação sofreu divisões, em seis partes: 1. O ministério inicial de Elias – 17:1 – 24 – já vimos. 2. O confronto entre Elias e os sacerdotes de Baal – 18:1-46 – já vimos. 3. O encontro de Elias com o Senhor em Horebe – 19:1-21 – já vimos. 4. A guerra de Acabe com a Síria e a condenação profética – 20:1-43 – veremos agora. 5. A vinha de Nabote e a condenação profética – 21:1-29. 6. A guerra de Acabe com a Síria e a condenação profética de Micaías – 22:1-38.
4. A guerra de Acabe com a Síria e a condenação profética – 20:1-43
O rei da Síria, Ben-Hadade, juntamente com mais 32 reis, que a ele se ajuntaram, subiram e cercaram Samaria para pelejar contra ela.
A intimidação era grande e já foram fazendo a lista de obrigações e de bens que Samaria deveria entregar a eles e seus oficiais para não serem atacados.
A nação vencida à época era pilhada e seus moradores feitos escravos para servirem os propósitos e interesses dos invasores. A Síria deveria estar acostumada com isso e juntou forças com esses 32 reis em alianças para atacarem reinos e cidades ao seu redor.
Se eles atendessem aos sírios e entregassem o que eles pediam, eles não atacavam, mas do contrário, tomavam a força e ainda os humilhavam.
Não havia na época nações unidas, nem ordem, nem leis internacionais, o que prevalecia era a força bruta e a violência. Israel não tinha este habito de agir, embora Deus tenha entregado a eles as nações das terras onde eles estavam, mas desobedeceram a Deus e com o povo que deviam destruir fizeram alianças proibidas.
A primeira proposta dos invasores foi acatada por Israel o que envolvia o pagamento com ouro e prata aos sírios, mas não contentaram-se apenas com isso e pediram suas mulheres e crianças.
Acabe consulta os anciãos e todos são unânimes que não deveriam atender ao rei sírio. Eles iriam enfrentá-lo e lutar por seus bens.
Por pura graça e misericórdia de Deus, houve socorro divino e uma boa palavra ao rei de Israel sobre os invasores. Um profeta, um homem de Deus, procura Acabe bem neste momento difícil e lhe dá suas palavras as quais são bem recebidas.
Acabe chega ao nível dos detalhes para saber quem iria pelejar primeiro e a palavra profética lhe diz que ele deveria começar o ataque e a resistência contra os sírios.
Este Ben-Hadade, bem provavelmente era neto do Ben-Hadade I mencionado nos vs 15:18-20, 33. Ele estava já se gabando da vitória muito antes da peleja porque confiava na sua superioridade contra a indefesa e frágil Samaria.
Eles estavam tão certos de sua vitória que nem se importaram com suas responsabilidades e mesmo antes de qualquer peleja já comemoravam e bebiam e se embriagavam.
O exército de Israel era pequeno, mas saíram na força do Senhor. Foram avisados os sírios por causa dos espias que tinha infiltrado, mas não puderam vencer nem se oporem ao ataque iniciado por Israel e fugiram.
Eles criam que a derrota que sofreram que os obrigou a fugir foi devido ao fato de que o Senhor era apenas deus, como os deuses deles, de montes e não de campos abertos.
O profeta deu boa palavra e uma grande advertência ao rei de Israel para que fossem firmes e corajosos e combatessem para valer por que haveria o risco de dentro de um ano Ben-Hadade reunir novamente suas tropas e voltarem para concluírem o que não conseguiram dessa vez.
A derrota dos sírios fora grande e fugiram. Ben-Hadade reuniu novamente suas tropas, conforme previra o profeta, e dentro de exato um ano, voltou a ameaçar Israel e a pelejar contra Samaria.
Deus foi quem tomou partido da peleja dessa vez por causa da palavra que disseram que em Israel somente havia deuses de montanhas. A peleja foi dura e novamente houve a perseguição e os filhos de Israel impõe aos sírios nova derrota.
Eles fugiram e temiam por suas vidas até que alguém prepara uma estratégia para Ben-Hadade dizendo que os homens de Israel eram clementes e se chegassem a ele em misericórdia, conseguiriam escapar da morte e ainda serem abençoados.
Ben-Hadade parou de fugir e fez conforme lhe instruíram. Ele não somente conseguiu ser poupado da morte certa, como ainda recebeu bens e presentes do rei Acabe.
Realmente, não dá para entender o porque de Acabe agir assim. seria medo, mas como se ele estava em posição de vitória? Acabe ao invés de fazer o que se esperava dele, faz alianças com o inimigo derrotado.
Um profeta novamente procura por Acabe e lhe conta uma parábola que conta a sua tola história e ele a julga e dá sua sentença contra ele mesmo. Por que Acabe fizeste alianças com um inimigo derrotado que era de se esperar de sua parte ação?
Era o juízo de Deus que vinha contra Ben-Hadade e Acabe o poupou, torcendo o juízo de Deus e assim, tornou-se rebelde contra o Senhor que o fizera vencedor.
O julgamento do profeta foi terrível e cruel: a morte e o juízo que seria contra Ben-Hadade agora iria ser contra ele. Acabe se entristeceu muito.
I Re 20:1 E Ben-Hadade, rei da Síria, ajuntou todo o seu exército;
            e havia com ele trinta e dois reis, e cavalos e carros;
                        e subiu, e cercou a Samaria, e pelejou contra ela.
            I Re 20:2 E enviou à cidade mensageiros, a Acabe, rei de Israel,
                        I Re 20:3 Que lhe disseram:
            Assim diz Ben-Hadade:
                        A tua prata e o teu ouro são meus;
                                   e tuas mulheres e os melhores de teus filhos são meus.
            I Re 20:4 E respondeu o rei de Israel, e disse:
                        Conforme a tua palavra, ó rei meu senhor, eu sou teu,
                                   e tudo quanto tenho.
            I Re 20:5 E tornaram a vir os mensageiros, e disseram:
                        Assim diz Ben-Hadade:
                                   Enviei-te, na verdade, mensageiros que dissessem:
                        Tu me hás de dar a tua prata, e o teu ouro,
                                   e as tuas mulheres e os teus filhos;
                        I Re 20:6 Todavia amanhã a estas horas enviarei os meus
                                   servos a ti, e esquadrinharão a tua casa, e as casas
                                   dos teus servos; e há de ser que tudo o que de precioso
                                               tiveres, eles tomarão consigo, e o levarão.
            I Re 20:7 Então o rei de Israel chamou a todos os anciãos da terra,
                        e disse:
                                   Notai agora, e vede como este homem procura o mal;
                                   pois mandou pedir-me as mulheres, os meus filhos,
                                   a minha prata e o meu ouro, e não lhos neguei.
            I Re 20:8 E todos os anciãos e todo o povo lhe disseram:
                        Não lhe dês ouvidos, nem consintas.
            I Re 20:9 Por isso disse aos mensageiros de Ben-Hadade:
                        Dizei ao rei, meu senhor: Tudo o que primeiro mandaste pedir
                                   a teu servo, farei, porém isto não posso fazer.
                                   E voltaram os mensageiros, e lhe levaram a resposta.
            I Re 20:10 E Ben-Hadade enviou a ele mensageiros dizendo:
                        Assim me façam os deuses, e outro tanto, que o pó de Samaria
                        não bastará para encher as mãos de todo o povo que me segue.
            I Re 20:11 Porém o rei de Israel respondeu:
                        Dizei-lhe:
                                   Não se gabe quem se cinge das armas,
                                               como aquele que as descinge.
            I Re 20:12 E sucedeu que, ouvindo ele esta palavra,
                        estando a beber com os reis nas tendas, disse aos seus servos:
                                   Ponde-vos em ordem contra a cidade.
I Re 20:13 E eis que um profeta se chegou a Acabe rei de Israel, e lhe disse:
            Assim diz o SENHOR: Viste toda esta grande multidão?
                        Eis que hoje ta entregarei nas tuas mãos, para que saibas que
                                   eu sou o SENHOR.
            I Re 20:14 E disse Acabe:
                        Por quem?
            E ele disse:
                        Assim diz o SENHOR:
                                   Pelos moços dos príncipes das províncias.
            E disse:
                        Quem começará a peleja?
            E disse:
                        Tu.
            I Re 20:15 Então contou os moços dos príncipes das províncias,
                        e foram duzentos e trinta e dois; e depois deles contou a todo o
                                   povo, todos os filhos de Israel, sete mil.
            I Re 20:16 E saíram ao meio dia; e Ben-Hadade estava bebendo
                        e embriagando-se nas tendas, ele e os reis, os trinta e dois reis,
                                   que o ajudavam.
            I Re 20:17 E os moços dos príncipes das províncias saíram primeiro;
                        e Ben-Hadade enviou espias, que lhe deram avisos, dizendo:
                                   Saíram de Samaria uns homens.
            I Re 20:18 E ele disse:
                        Ainda que para paz saíssem, tomai-os vivos;
                                   e ainda que à peleja saíssem, tomai-os vivos.
            I Re 20:19 Saíram, pois, da cidade os moços dos príncipes das
                        províncias, e o exército que os seguia.
            I Re 20:20 E eles feriram cada um o seu adversário,
                        e os sírios fugiram, e Israel os perseguiu; porém Ben-Hadade,
                                   rei da Síria, escapou a cavalo, com alguns cavaleiros.
            I Re 20:21 E saiu o rei de Israel, e feriu os cavalos e os carros;
                        e feriu os sírios com grande estrago.
            I Re 20:22 Então o profeta chegou-se ao rei de Israel e lhe disse:
                        Vai, esforça-te, e atenta, e olha o que hás de fazer;
                                   porque no decurso de um ano o rei da Síria subirá
                                               contra ti.
            I Re 20:23 Porque os servos do rei da Síria lhe disseram:
                        Seus deuses são deuses dos montes, por isso foram mais fortes
                                   do que nós; mas pelejemos com eles em campo raso,
                                               e por certo veremos, se não somos mais fortes
                                                           do que eles!
            I Re 20:24 Faze, pois, isto:
                        tira os reis, cada um do seu lugar, e substitui-os por capitães;
            I Re 20:25 E forma outro exército, igual ao exército que perdeste,
                        cavalo por cavalo, e carro por carro, e pelejemos com eles em
                        campo raso, e veremos se não somos mais fortes do que eles!
                                   E deu ouvidos à sua voz, e assim fez.
I Re 20:26 E sucedeu que, passado um ano, Ben-Hadade passou revista aos
            sírios, e subiu a Afeque, para pelejar contra Israel.
            I Re 20:27 Também aos filhos de Israel se passou revista,
                        e providos de víveres marcharam contra eles;
                                   e os filhos de Israel acamparam-se defronte deles,
                                   como dois pequenos rebanhos de cabras;
                                               mas os sírios enchiam a terra.
            I Re 20:28 E chegou o homem de Deus, e falou ao rei de Israel, e disse:
                        Assim diz o SENHOR:
                                   Porquanto os sírios disseram:
                                               O SENHOR é Deus dos montes,
                                                           e não Deus dos vales;
                                   toda esta grande multidão entregarei nas tuas mãos;
                                               para que saibas que eu sou o SENHOR.
            I Re 20:29 E sete dias estiveram acampados uns defronte dos outros;
                        e sucedeu ao sétimo dia que a peleja começou,
                                   e os filhos de Israel feriram dos sírios cem mil homens
                                               de pé, num dia.
            I Re 20:30 E os restantes fugiram a Afeque, à cidade;
                        e caiu o muro sobre vinte e sete mil homens, que restaram;
            Ben-Hadade, porém, fugiu, e veio à cidade, escondendo-se
                        de câmara em câmara.
            I Re 20:31 Então lhe disseram os seus servos:
                        Eis que já temos ouvido que os reis da casa de Israel são reis
                                   clementes; ponhamos, pois, sacos aos lombos, e cordas
                                               às cabeças, e saiamos ao rei de Israel;
                                                           pode ser que ele te poupe a vida.
            I Re 20:32 Então cingiram sacos aos lombos e cordas às cabeças,
                        e foram ao rei de Israel, e disseram:
                                   Diz o teu servo Ben-Hadade:
                                               Deixa-me viver.
                                   E disse Acabe:
                                               Pois ainda vive? É meu irmão.
            I Re 20:33 E aqueles homens tomaram isto por bom presságio,
                        e apressaram-se em apanhar a sua palavra, e disseram:
                                   Teu irmão Ben-Hadade vive.
            E ele disse:
                        Vinde, trazei-mo.
                        Então Ben-Hadade foi a ele, e ele o fez subir ao carro.
            I Re 20:34 E disse ele:
                        As cidades que meu pai tomou de teu pai tas restituirei,
                                   e faze para ti ruas em Damasco, como meu pai as fez
                                               em Samaria.
                        E eu, respondeu Acabe, te deixarei ir com esta aliança.
                                   E fez com ele aliança e o deixou ir.
I Re 20:35 Então um dos homens dos filhos dos profetas
            disse ao seu companheiro, pela palavra do SENHOR:
                        Ora fere-me.
                                   E o homem recusou feri-lo.
                        I Re 20:36 E ele lhe disse:
                                   Porque não obedeceste à voz do SENHOR, eis que,
                                               em te apartando de mim, um leão te ferirá.
                                   E como dele se apartou, um leão o encontrou e o feriu.
            I Re 20:37 Depois encontrou outro homem, e disse-lhe:
                        Ora fere-me.
                                   E aquele homem deu-lhe um golpe, ferindo-o.
                        I Re 20:38 Então foi o profeta, e pôs-se perante o rei no
                                   caminho; e disfarçou-se com cinza sobre os seus olhos.
                        I Re 20:39 E sucedeu que, passando o rei, clamou ele ao rei,
                                   dizendo: Teu servo estava no meio da peleja, e eis que,
                                   desviando-se um homem, trouxe-me outro homem,
                                               e disse: Guarda-me este homem;
                                   se vier a faltar, será a tua vida em lugar da vida dele,
                                               ou pagarás um talento de prata.
                        I Re 20:40 Sucedeu, pois, que, estando o teu servo ocupado de
                                   uma e de outra parte, eis que o homem desapareceu.
            Então o rei de Israel lhe disse:
                        Esta é a tua sentença; tu mesmo a pronunciaste.
            I Re 20:41 Então ele se apressou, e tirou a cinza de sobre os seus olhos;
                        e o rei de Israel o reconheceu, que era um dos profetas.
            I Re 20:42 E disse-lhe:
                        Assim diz o SENHOR: Porquanto soltaste da mão o homem
                                   que eu havia posto para destruição, a tua vida será
                                               em lugar da sua vida, e o teu povo em lugar
                                                           do seu povo.
                        I Re 20:43 E foi o rei de Israel para a sua casa,
                                   desgostoso e indignado; e chegou a Samaria.
Acabe não era um rei temente a Deus, muito menos se desviava do mal, antes era covarde e temia sua mulher. No entanto, fora socorrido contra os sírios de forma excepcional. Os sírios estavam preparados para destruírem e saquearem Israel, mas Deus deu vitórias a Samaria por duas vezes.
Quando o rei dos sírios fora entregue nas mãos de Acabe para ser destruído, conforme era de se esperar devido o juízo divino, Acabe faz alianças com o rei derrotado!
A sentença que era contra Ben-Hadade agora se voltou para Acabe, assim o profeta pronunciou sua palavra: a tua vida será em lugar da sua vida, e o teu povo em lugar do seu povo. Ato contínuo, saiu o rei, vs 43, para a sua casa, desgostoso e indignado; e chegou a Samaria.
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 418 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br
...

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.