segunda-feira, 5 de maio de 2014

II Samuel 5:1-25 - Davi se torna rei de todo Israel

A partir de agora, tudo será diferente na vida deste homem que passou muito tempo fugindo de Saul, não porque tivesse medo dele, mas por temor a Deus.
- 4. Davi torna-se rei sobre todas as tribos em Hebrom – 5:1-15.
Resolvida toda a questão com Abner e Isbosete, embora houvesse traição e morte, Davi tinha dado mostras de inocência na morte de ambos e isso parece ter ficado muito claro para todos.
Agora todas as tribos estavam juntas e todas elas vieram a Hebrom e falaram a Davi. Há muito que isso era sonhado por todos os filhos de Israel, desde quando pediram um rei a Samuel que foi quem preparou e ungiu os seus dois primeiros reis em Israel.
Depois que Josué entrou na Terra Prometida e distribuiu a terra entre os filhos de Israel, muita terra ainda tinha ficado sem ser ocupada, embora Deus já tivesse dado elas aos filhos de Israel.
Eles não foram obedientes e sonhavam com essa unificação em torno de um rei, mas não porque estivessem querendo servir a Deus, antes porque queriam ser como as outras nações.
E para assumir quem estaria na liderança do povo, embora houvesse uma profecia desde Jacó sobre Judá, os filhos de Benjamim  tentaram desde à época dos libertadores de Israel estarem no comando, mas sua expressão maior, Saul fora rejeitado para sempre e agora estava este cargo sendo passado para outro, conforme o Senhor mesmo falara.
Todos estavam unidos com Davi e o coroaram rei e o ungiram novamente, confirmando assim sua primeira unção recebida diretamente de Samuel.
Houve grande festa e alegria em todo o reino e agora estavam todos unidos em torno de um só homem que era o seu rei, tão desejado e tão esperado pelos tempos que se passaram.
O próprio povo de Deus reconhecia em Davi a pessoa de Deus para aquele cargo e tudo cooperava para o bem geral de todos. Davi foi ungido com a mesma idade com que Cristo começou seu ministério aqui na terra.
Seu reino foi dividido em duas partes, sendo uma primeira mais conturbada e cheia de guerra civil que durou sete anos e meio a qual já tivemos oportunidade de meditar, conforme capítulos anteriores e depois de trinta e três anos e meio no qual estamos começando agora a refletir.
2. O trono de Davi é estabelecido para sempre em Jerusalém – 5:6 – 10:19.
Agora sim, o trono de Davi será estabelecido para sempre, pois este não será como Saul que falhou na hora em que também seria coroado para sempre. A primeira coisa que faz Davi é conquistar Jerusalém e fazer dela sua cidade principal. Esta cidade é também uma cidade eternizada em muitas canções.
Uma dessas lindas canções é CIDADE SANTA[1]
Dormindo no meu leito, em sonho encantador
Um dia eu vi Jerusalém e o templo do Senhor.
Ouvi cantar crianças e em meio a seu cantar
Rompeu a voz dos anjos, do céu a proclamar.
Rompeu a voz dos anjos, do céu a proclamar:

Jerusalém, Jerusalém, cantai ó Santa Grei
Hosana, Hosana, Hosana ao vosso Rei.

Então o sonho se alterou, não mais o som feliz
Ouvia das hosanas dos coros infantis.
O ar em tôrno se esfriou, do sol faltava a luz,
E num alto e tôsco monte vi o vulto de uma cruz!
E num alto e tôsco monte vi o vulto de uma cruz!

Jerusalém, Jerusalém, cantai ó Santa Grei
Hosana, Hosana, Hosana ao vosso Rei.

Ainda a cena se mudou; surgia em resplendor
A divinal cidade, morada do Senhor.
Da lua não brilhava a luz, nem sol nascia lá,
Mas só fulgia a luz de Deus,
Mui pura em seu brilhar.
E todos que queriam, sim, podiam logo entrar
Na mui feliz Jerusalém, que nunca passará.
Na mui feliz Jerusalém, que nunca passará.

Jerusalém, Jerusalém, teu dia vai raiar
Hosana, nas alturas, Hosana sem cessar.
Jerusalém, Jerusalém, teu dia vai raiar
Hosana, nas alturas, Hosana sem cessar.
Hosana, nas alturas, Hosana ao vosso Rei.
- 1. Davi conquista Jerusalém  - 5.6-16.
Uma vez consolidado no cargo, Davi sobe contra os Jebuseus e os ataca e os vence e toma para si aquela cidade que passou a se chamar Jerusalém, a cidade de Davi ou do grande rei.
Os jebuseus tinham se oposto à Davi e tentaram impedi-lo de conquistar a cidade. Zombaram de Davi dizendo que até os seus coxos e aleijados os impediriam de vencer e ganharam a cidade, mas Davi tinha a direção de Deus em suas empreitadas e vencia todas as suas batalhas.
Foi quando Hirão, rei de Tiro, enviou mensageiros a Davi, e madeira de cedro, e carpinteiros, e pedreiros que edificaram a    Davi uma casa, que Davi reconheceu que o SENHOR o confirmara rei sobre Israel, e que exaltara o seu reino por amor do seu povo.
Interessante observar-se este “por amor do seu povo”. Deus o confirmou e o exaltou por amor ao seu povo. Deus sempre amou o seu povo, apesar do próprio povo, nem amá-lo, nem respeitá-lo, nem ser merecedor ou digno de tão grande amor.
A própria liderança de um homem como Davi vinha deste Deus generoso e bondoso sempre pronto a ensinar e a perdoar e a querer o bem do povo, apesar do povo.
Depois foram os filisteus que saíram contra Davi, mas Davi continuava a consultar ao Senhor antes de cada ataque e sempre que recebia as orientações, seguia à risca o que Deus orientava e se saia vencedor.
No verso dez, encontramos a razão do sucesso de Davi: “E Davi ia, cada vez mais, aumentando e crescendo, porque o SENHOR Deus dos Exércitos era com ele.”. sim, Deus era com ele e ele prosperava e crescia e quanto mais atacado, mais vitórias tinha.
Além de suas muitas mulheres e filhos, foi Davi também tomando mais mulheres e gerando mais filhos. Aqui, acho começou a queda deste grande e temível homem de Deus que impressiona por suas vitórias e conquistas.
- 2. Davi derrota os filisteus  - 5.17-25.
O interessante na segunda conquista de Davi contra os filisteus depois que souberam que Davi era o seu rei, foi o fato de a estratégia de ataque e de guerra vir do Senhor, como se fosse um trabalho de cooperação, cujo ataque somente aconteceria depois de enviado um sinal, por um lado que seria surpresa para o inimigo.
Novamente feriu Davi os filisteus que nunca tiveram a mínima chance contra Davi, mas tinham arruinado e infernizado a vida de Saul e tantos outros.
O terror de um filisteu era justamente um Davi! E Davi parece que sabia disso e aproveitava para ainda mais aumentar neles o terror que seu nome, pessoa representava diante de todos eles.
A vitória de Davi contra Golias, bem no começo de sua jornada foi uma vitória que se estendeu por toda a sua vida!
II Sm 5:1 Então todas as tribos de Israel vieram a Davi, em Hebrom,
            e falaram, dizendo:
                        Eis-nos aqui, somos teus ossos e tua carne.
            II Sm 5:2 E também outrora, sendo Saul ainda rei sobre nós,
                        eras tu o que saías e entravas com Israel;
            e também o SENHOR te disse:
                        Tu apascentarás o meu povo de Israel,
                                   e tu serás príncipe sobre Israel.
            II Sm 5:3 Assim, pois, todos os anciãos de Israel
                        vieram ao rei, em Hebrom;
                        e o rei Davi fez com eles acordo em Hebrom,
                                   perante o SENHOR;
                        e ungiram a Davi rei sobre Israel.
            II Sm 5:4 Da idade de trinta anos era Davi quando começou a reinar;
                        quarenta anos reinou. II Sm 5:5 Em Hebrom reinou sobre
                                   Judá sete anos e seis meses, e em Jerusalém reinou
                                               trinta e três anos sobre todo o Israel e Judá.
II Sm 5:6 E partiu o rei com os seus homens a Jerusalém,
            contra os jebuseus que habitavam naquela terra;
                        e falaram a Davi, dizendo:
            Não entrarás aqui, pois os cegos e os coxos te repelirão, querendo dizer:
                        Não entrará Davi aqui. II Sm 5:7 Porém Davi tomou
                                   a fortaleza de Sião; esta é a cidade de Davi.
            II Sm 5:8 Porque Davi disse naquele dia:
                        Qualquer que ferir aos jebuseus, suba ao canal e fira aos coxos
                                   e aos cegos, a quem a alma de Davi odeia.
                        Por isso se diz: Nem cego nem coxo entrará nesta casa.
            II Sm 5:9 Assim habitou Davi na fortaleza,
                        e a chamou a cidade de Davi; e Davi foi edificando em redor,
                                   desde Milo para dentro.
            II Sm 5:10 E Davi ia, cada vez mais, aumentando e crescendo,
                        porque o SENHOR Deus dos Exércitos era com ele.
            II Sm 5:11 E Hirão, rei de Tiro, enviou mensageiros a Davi,
                        e madeira de cedro, e carpinteiros, e pedreiros que edificaram a
                                   Davi uma casa.
            II Sm 5:12 E entendeu Davi que o SENHOR o confirmara rei sobre
                        Israel, e que exaltara o seu reino por amor do seu povo.
            II Sm 5:13 E tomou Davi mais concubinas e mulheres de Jerusalém,
                        depois que viera de Hebrom; e nasceram a Davi mais filhos e
                                   filhas. II Sm 5:14 E estes são os nomes dos que lhe                                                          nasceram em Jerusalém:
            Samua, e Sobabe, e Natã, e Salomão, II Sm 5:15 E Ibar, e Elisua,
            e Nefegue, e Jafia, II Sm 5:16 E Elisama, e Eliada, e Elifelete.
II Sm 5:17 Ouvindo, pois, os filisteus que haviam ungido a Davi
            rei sobre Israel, todos os filisteus subiram em busca de Davi;
                        o que ouvindo Davi, desceu à fortaleza.
            II Sm 5:18 E os filisteus vieram, e se estenderam pelo vale de Refaim.
            II Sm 5:19 E Davi consultou ao SENHOR, dizendo:
                        Subirei contra os filisteus? Entregarmos-ás nas minhas mãos?
            E disse o SENHOR a Davi:
                        Sobe, porque certamente entregarei os filisteus nas tuas mãos.
            II Sm 5:20 Então foi Davi a Baal-Perazim; e feriu-os ali Davi,
                        e disse: Rompeu o SENHOR a meus inimigos diante de mim,
                                   como quem rompe águas. Por isso chamou o nome
                                               daquele lugar Baal-Perazim.
            II Sm 5:21 E deixaram ali os seus ídolos; e Davi e os seus homens os
                        tomaram. II Sm 5:22 E os filisteus tornaram a subir,
                                   e se estenderam pelo vale de Refaim.
            II Sm 5:23 E Davi consultou ao SENHOR, o qual disse:
                        Não subirás; mas rodeia por detrás deles, e virás a eles por
                                   defronte das amoreiras. II Sm 5:24 E há de ser que,
                                   ouvindo tu um estrondo de marcha pelas copas das
                                   amoreiras, então te apressarás; porque o SENHOR
                                   saiu então diante de ti, a ferir o arraial dos filisteus.
            II Sm 5:25 E fez Davi assim como o SENHOR lhe tinha ordenado;
                        e feriu os filisteus desde Gibeá, até chegar a Gezer.
As vitórias de Davi estavam aumentando e a cada dia ia ele se expandindo e conquistando e vencendo tudo em seu caminho. Sua obediência ao Senhor e seu jeito especial iam fazendo dele um rei melhor ainda que o de outras nações.


[1] Canção atribuida a Stephen Adams, em 1892, é o pseudônimo do show business de Michael Maybrick, com letra de Frederick E. Weatherly. – fonte: http://hinologia.blogspot.com.br/2011/06/cidade-santa.html
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 38 dias para a Copa, sem álcool nos estádios.... também faltam 456 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br
...

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.