terça-feira, 20 de maio de 2014

II Samuel 20:1-26 - DAVI PARECIA TEMER JOABE

d. A sedição de Seba – 19:41 – 20:26
Como já dissemos, outra consequência do pecado de Davi foi a divisão entre as tribos do norte e as do sul, levando as primeiras a rebelarem-se contra a autoridade real de Davi.
Por causa do conflito com Absalão e da derrota das dez tribos e devido ao retorno de Davi para Jerusalém sendo conduzido apenas pela tribo de Judá e de Simeão, as outras dez tribos foram tomar satisfação, no entanto não foram recebidas com sabedoria o que serviu para exaltarem-se os ânimos de um para com o outro.
Quando vieram falar com Judá alegaram que eram dez as partes deles contra apenas duas partes – 19:43 -, logo teriam mais direito sobre Davi, mas devido a resposta dura de Judá, agora, quase que instantaneamente já não se sentiam como parte. De dez partes, agora para nenhuma parte – vs 1.
A hostilidade norte-sul tão evidente neste relato, estimularia a curto prazo a sedição de Sebá – que já começamos a ver – e, finalmente, contribuiria para a divisão do reino – I Re 12.
É de fato curioso que em I Sm 11:8, o verso bíblico já dizia, como antecipando essa divisão: “E contou-os em Bezeque; e houve dos filhos de Israel trezentos mil, e dos homens de Judá trinta mil.
Seba era benjamita, mas a Bíblia o chama de filho de Belial, ou seja, rebeldes e totalmente contrários ao Senhor, conforme se vê essa explicação em I Sm 2:12 - “filho de Belial”: eles não conheciam ao Senhor.
O verbo conhecer aqui não é no sentido de ter ciência e saber de Deus ou sobre Deus, mas o manter-se em relacionamento com Deus. Eles sabiam quem era Deus, mas não o respeitavam, nem se importavam, nem com ele mantinham comunhão, antes o desprezavam.
Foi Seba que disse que não tinha parte alguma com Davi quando há pouco diziam os anciãos que tinham dez partes.
Os filhos de Israel se apegaram a Seba e os filhos de Judá e de Simeão se apegaram a Davi e conduziram o rei de desde o Jordão até Jerusalém.
A primeira coisa que fez Davi ao chegar ao palácio real foi separar as dez concubinas que Absalão tinha possuído e separá-las como viúvas, em algum lugar do palácio.
Depois falou o rei ao seu comandante geral, agora Amasa, no lugar de Joabe, para convocar o povo para dentro de três dias se apresentarem a ele, pois teria ele, o rei, uma missão importante para eles.
Não fica claro no texto a razão porque Amasa, mesmo dentro daquele prazo apertado, se demorar além da conta para conseguir cumprir a ordem do rei.
Davi fica preocupado, mesmo assim, não chama por Joabe para ver o que aconteceu, mas pelo seu irmão Abisai e pede a ele não mais que reúna o povo, mas que vá contra Seba porque temia Davi que sua revolta fosse ainda maior e mais terrível do que a que cometera seu próprio filho Absalão.
Começa-se a perseguição contra Seba, filho de Bicri, por parte dos homens de Joabe – curiosos que o narrador bíblico os chama de homens de Joabe – junto com a guarda real e todos os valentes de Davi.
Quando chegam a Gibeão, Amasa veio a eles e Joabe estava vestido para guerra. O que fazia Amasa ali? E a ordem que o rei lhe tinha dado? Joabe tira suas próprias conclusões e resolve agir apoiado, obviamente por seus homens.
Vai de encontro a Amasa que de nada desconfia e ao pegar em sua barba para beijá-lo – saudação normal àquela época -, crava-lhe uma de suas espadas na quinta vértebra e lhe perfura o pulmão e este sangra até morrer.
Deste momento em diante, Joabe assume  novamente o comando de suas tropas. Continua ele fiel a Davi, mas ao seu jeito e completamente desobediente a Davi a quem era fiel. Se Joabe se revoltasse, ai sim, teríamos uma verdadeira tragédia.
A perseguição se torna cada vez mais ameaçadora e Seba se vê numa encruzilhada sem saber o que fazer e assim busca ajuda e apoio na cidade de Abel-Bete-Maaca, cujo muro os protegia, mas Joabe e seus homens estavam trabalhando para derrubarem o muro e invadirem a cidade em busca de Seba.
Uma mulher sábia, vendo o que se passava, sabendo quem era Joabe e que ele perseguia a Seba, procura entrar em contato com ele antes que destrua a cidade e foi bem clara: o que você quer Joabe que lhe daremos para você parar de tentar invadir a cidade e Joabe lhe conta que quer a Seba.
A mulher então convoca seu povo e este, sem titubear, executam Seba e sua cabeça é lançada pelo muro na direção de Joabe que imediatamente toca sua buzina encerrando assim sua caça e volta para Jerusalém, agora como chefe e comandante das tropas de Davi, contra a vontade de Davi.
II Sm 20:1 Então se achou ali por acaso um homem de Belial,
            cujo nome era Seba, filho de Bicri, homem de Benjamim,
                        o qual tocou a buzina, e disse:
            Não temos parte em Davi, nem herança no filho de Jessé;
                        cada um às suas tendas, ó Israel.
            II Sm 20:2 Então todos os homens de Israel se separaram de Davi,
                        e seguiram Seba, filho de Bicri; porém os homens de Judá
                                   se uniram ao seu rei desde o Jordão até Jerusalém.
            II Sm 20:3 Vindo, pois, Davi para sua casa, em Jerusalém,
                        tomou o rei as dez mulheres, suas concubinas,
                        que deixara para guardarem a casa, e as pôs numa casa sob
                                   guarda, e as sustentava; porém não as possuiu;
                                   e estiveram encerradas até ao dia da sua morte,
                                               vivendo como viúvas.
            II Sm 20:4 Disse mais o rei a Amasa:
                        Convoca-me os homens de Judá para o terceiro dia;
                                   e tu então apresenta-te aqui.
            II Sm 20:5 E foi Amasa para convocar a Judá;
                        porém demorou-se além do tempo que lhe tinha sido designado.
            II Sm 20:6 Então disse Davi a Abisai:
                        Mais mal agora nos fará Seba, o filho de Bicri,
                        do que Absalão; por isso toma tu os servos de teu senhor,
                                   e persegue-o, para que não ache para si cidades fortes;
                                               e escape dos nossos olhos.
            II Sm 20:7 Então saíram atrás dele os homens de Joabe,
                        e os quereteus, e os peleteus, e todos os valentes;
                                   estes saíram de Jerusalém para irem atrás de Seba,
                                               filho de Bicri.
            II Sm 20:8 Chegando eles, pois, à pedra grande,
                        que está junto a Gibeom, Amasa veio diante deles;
                        e estava Joabe cingido da sua roupa que vestira,
                        e sobre ela um cinto, ao qual estava presa a espada
                        a seus lombos, na sua bainha; e, adiantando-se ele,
                                   lhe caiu a espada.
            II Sm 20:9 E disse Joabe a Amasa:
                        Vai bem, meu irmão? E Joabe, com a mão direita,
                                   pegou da barba de Amasa, para o beijar.
            II Sm 20:10 E Amasa não se resguardou da espada que estava na
                        mão de Joabe, de sorte que este o feriu com ela na quinta
                                   costela, e lhe derramou por terra as entranhas,
                                               e não o feriu segunda vez, e morreu;
                        então Joabe e Abisai, seu irmão, foram atrás de Seba,
                                   filho de Bicri.
            II Sm 20:11 Mas um dentre os homens de Joabe parou junto a ele,
                        e disse: Quem há que queira bem a Joabe,
                                   e quem seja por Davi, siga Joabe.
            II Sm 20:12 E Amasa estava envolto no seu sangue
                        no meio do caminho; e, vendo aquele homem,
                                   que todo o povo parava, removeu a Amasa
                                   do caminho para o campo, e lançou sobre ele um
                        manto; porque via que todo aquele que chegava a ele parava.
            II Sm 20:13 E, como estava removido do caminho,
                        todos os homens seguiram a Joabe, para perseguirem a Seba,
                                   filho de Bicri.
            II Sm 20:14 E ele passou por todas as tribos de Israel até Abel,
                        e Bete-Maaca e a todos os beritas; e ajuntaram-se,
                                   e também o seguiram.
            II Sm 20:15 E vieram, e o cercaram em Abel de Bete-Maaca,
                        e levantaram uma barragem contra a cidade,
                                   e isto colocado na trincheira; e todo o povo que estava
                                               com Joabe batia no muro, para derrubá-lo.
            II Sm 20:16 Então uma mulher sábia gritou de dentro da cidade:
                        Ouvi, ouvi, peço-vos que digais a Joabe:
                                   Chega-te aqui, para que eu te fale.
            II Sm 20:17 Chegando-se a ela, a mulher lhe disse:
                        Tu és Joabe?
            E disse ele:
                        Eu sou.
            E ela lhe disse:
                        Ouve as palavras da tua serva.
            E disse ele:
                        Ouço.
            II Sm 20:18 Então falou ela, dizendo:
                        Antigamente costumava-se dizer:
                        Certamente pediram conselho a Abel; e assim resolveram.
                        II Sm 20:19 Sou eu uma das pacíficas e das fiéis em Israel;
                                   e tu procuras matar uma cidade que é mãe em Israel;
                                   por que, pois, devorarias a herança do SENHOR?
            II Sm 20:20 Então respondeu Joabe, e disse:
                        Longe, longe de mim que eu tal faça, que eu devore ou arruíne!
            II Sm 20:21 A coisa não é assim; porém um só homem do monte
                        de Efraim, cujo nome é Seba, filho de Bicri,
                                   levantou a mão contra o rei, contra Davi; entregai-me
                                               só este, e retirar-me-ei da cidade.
            Então disse a mulher a Joabe:
                        Eis que te será lançada a sua cabeça pelo muro.
            II Sm 20:22 E a mulher, na sua sabedoria, foi a todo o povo,
                        e cortaram a cabeça de Seba, filho de Bicri,
                                   e a lançaram a Joabe; então este tocou a buzina,
                                   e se retiraram da cidade, cada um para a sua tenda,
                                               e Joabe voltou a Jerusalém, ao rei.
II Sm 20:23 E Joabe estava sobre todo o exército de Israel;
            e Benaia, filho de Joiada, sobre os quereteus e sobre os peleteus;
            II Sm 20:24 E Adorão sobre os tributos; e Jeosafá, filho de Ailude,
                        era o cronista; II Sm 20:25 E Seva, o escrivão;
                                   e Zadoque e Abiatar, os sacerdotes;
            II Sm 20:26 E também Ira, o jairita, era o oficial-mor de Davi.
A sedição de Seba fora contida por Joabe que reassumiu seu comando nas tropas de Israel, mesmo contra a vontade do rei. Joabe era muito perigoso, mas jamais iria lutar contra Davi ao qual era fiel à sua maneira.
Parece mesmo que Joabe fosse alguém que tinha grande influência sobre Davi por causa dos parentescos. Davi parecia temê-lo e nada fazia para se opor a ele, mesmo quando o contrariava descaradamente.
Da mesma forma que Davi era indiferente para com Absalão, parece também ser indiferente à tanta violência cometida por Joabe.
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 23 dias para a Copa, sem álcool nos estádios.... também faltam 441 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br
...

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.