domingo, 25 de maio de 2014

I Reis 1:1-35 - ANTES DA MORTE, DAVI ESCOLHE SALOMÃO COMO SEU SUCESSOR

Sobre o livro I e II Reis
Quanto à autoria desses livros: desconhecida. No entanto, vamos considerar que sua autoria seja mesmo de um compilador de fontes históricas que atuou durante o exílio na Babilônia.
Originalmente, os livros de I e II Reis compunham uma única obra e nós também os estaremos juntando neste estudo.
O propósito do livro (I e II Reis), conforme a Bíblia de Estudo de Genebra – BEG - foi mostrar a justiça do exílio, assegurar a permanência da esperança na dinastia de Davi e chamar ao arrependimento para que Israel pudesse regressar do exílio.
Se recordarmos os propósitos de I e II Samuel, veremos que tínhamos dito que este seria para explicar que a dinastia de Davi continuava a ser a esperança para o futuro de Israel apesar das manifestações que Davi e sua casa trouxeram sobre a nação. E o deste é também assegurar essa permanência da esperança nessa dinastia de Davi.
O povo que andava sem rei na época dos juízes onde cada um fazia o que queria e achava que estava certo e não tinham aliança com Deus, agora tinha um rei constituído e que era da tribo de Judá, pois o primeiro rei e a tribo escolhida Benjamim foram rejeitados em Saul que se tornou um ante exemplo.
A BEG fala de verdades fundamentais em Reis que seriam: apesar da severidade do exílio de Israel e Judá, a ira de Deus era plenamente justificada tendo em vista a apostasia repetida e grave de seu povo; as promessas de Deus à família de Davi continuavam em vigor apesar dos erros de seus filhos; Deus conclamou o seu povo exilado a se arrepender de seus pecados; e, a volta do exílio foi oferecida a Israel mediante o arrependimento.
Vejamos como iremos dividir didaticamente estes dois livros de Reis. Continuaremos seguindo a proposta da BEG e, assim, dividiremos este livro em três partes: I. O reinado de Salomão – 1:1 – 11:43. II. A monarquia dividida – 12:1 – II Re 17:41. III. Somente Judá (715-586 A.C.)– 18:1 – 25:30.
Vamos então começar nossa aventura em Samuel.
Parte I. O reinado de Salomão – 1:1 – 11:43.
Deus concedeu a Salomão sabedoria para liderar o povo de Israel. Seu maior ato de sabedoria foi instituir o culto no templo em Jerusalém. Quando o próprio Salomão profanou esse culto, Deus o julgou com severidade, mas não o abandonou.
Essa primeira parte também será dividida em 5 subpartes: A. A sucessão de Salomão ao trono – 1:1 – 2:12. B. A bênção de consolidação de Salomão – 2:13 – 46. C. A instituição do culto por Salomão – 3:1 – 9:25. D. A profanação do culto por Salomão – 9:26 – 11:13. E. A maldição de Salomão com rebeliões – 11:14 – 40. F. A morte e o sepultamento de Salomão – 11:41-43.
I Reis 1:1-35 Segmentação e Reflexões
Começaremos a história narrada em Reis, ou melhor ainda, continuaremos com a história de Samuel, ou melhor ainda, daremos prosseguimento a história de Deus que teve inicio com a criação do mundo e dos homens.
A. A sucessão de Salomão ao trono – 1:1 – 2:12.
Esta primeira subparte, também poderá ser dividida em três seções: 1. Salomão se torna rei a despeito da oposição – 1:1-53. 2. A incumbência de Davi a Salomão – 2:1-9. 3. A morte e os sepultamento de Davi – 2:10-12.
1. Salomão se torna rei a despeito da oposição – 1:1-53.
Davi agora estava velho, muito velho, à beira das portas da morte, pronto para ir para encontrar com o seu Senhor e sentia frio de tal modo que nada o aquecia.
São os seus servos que providenciam uma jovem para ele, virgem, formosa, para aquecê-lo, porém ele mesmo não a conheceu, não que não quisesse, mas por que já não conseguia mesmo.
Essa jovem bela providenciada pelos seus servos em cuidado dele é que agora o servia e estava diante do rei nesses momentos que eram os últimos de sua vida.
Adonias, irmão de Absalão, também formoso de vista sabendo da situação de seu pai, logo tratou de articular um golpe de estado para assumir o reinado de seu pai em seu lugar, como fizera seu irmão.
Aqui, lamentavelmente também temos um caso semelhante ao de Absalão. Davi era indiferente a Adonias como foi indiferente com seu irmão.
A indiferença é algo muito cruel, principalmente vindo ela da parte do nosso pai! Assim Davi era com Adonias e não o repreendia, nem parecia fazer caso dele. Já dizia meu filho Miguel: “A bondade que nunca repreende não é bondade: é passividade. A paciência que nunca se esgota não é paciência: é subserviência. A serenidade que nunca se desmancha não é serenidade: é indiferença. A tolerância que nunca replica não é tolerância: é imbecilidade...”.
Davi como pai era muito falho e eu creio que tudo isso acontecia dessa forma devido suas 8 esposas e centenas de concubinas. O conflito familiar na vida de Davi era uma constante e ele não sabia agir.
Adonias, Joabe e o sacerdote Abiatar estavam unidos em um propósito de fazer de Adonias rei de todo Israel no lugar de Davi, mas não o procuraram para isso, antes foram providenciando a posse de qualquer jeito de Adonias e começaram a preparar a grande festa que iria coroar a Adonias no lugar de Davi.
Foram então sacrificar e comer e festejar e isso foi assunto em todo o reino e logo chegou a Natã que fez contato com Bate-Seba e lhe disse que sua vida estava por um fio, caso Adonias fosse mesmo rei de Israel.
Junto com ela, antes que acontecesse a confirmação de Adonias como rei, trataram de agir e se uniram para irem falar ao rei e traçarem uma estratégia que conduziria Salomão ao reino de Israel no lugar de Adonias.
As coisas estavam acontecendo muito rápido e as providências não poderiam esperar mais tempo. Natã, Bate-Seba, Zadoque o sacerdote, Benaia e Simei, junto com os valentes de Davi não estavam com Adonias, mas com Salomão.
Natã prepara uma estratégia de contato usando Bate-Seba que inicia o diálogo com Davi a fim de convencê-lo a urgentemente consagrar Salomão rei de Israel.
A estratégia deu certo e Davi se empenhou na questão e eles consagraram, ungiram e fizeram Salomão montar na mula do rei enquanto toda a população, em alvoroço, comemorava a vinda do novo rei de Israel. Todos diziam: Viva o rei Salomão! E todo o povo subiu após ele, e o povo tocava gaitas, e alegrava-se com grande alegria; de maneira que com o seu clamor a terra retiniu.
Fizeram Salomão sentar também no trono de Davi como rei e assim, por causa do barulho e do alvoroço em toda a cidade, a notícia e chegou a Adonias que se sentiu sem saída e agora com sua vida comprometida por causa de sua sedição que estava preparando.
Todos os que seguiam a Adonias trataram de sair da presença dele e cada um foi para um canto e Adonias ficou só. Com medo do novo rei, Salomão, fugiu e se agarrou as pontas do altar e somente saiu dali depois de garantido a ele por Salomão que não o mataria.
Salomão porém foi muito esperto e disse a ele que ele estaria bem conquanto fosse do bem, mas se demonstrasse ser do mal, ele o perseguiria. Depois disso, o dispensou para ir para sua casa sem qualquer problema.
I Re 1:1 Sendo, pois, o rei Davi já velho, e entrado em dias,
            cobriam-no de roupas, porém não se aquecia.
            I Re 1:2 Então disseram-lhe os seus servos:
                        Busquem para o rei meu senhor uma moça virgem,
                        que esteja perante o rei, e tenha cuidado dele;
                        e durma no seu seio, para que o rei meu senhor se aqueça.
            I Re 1:3 E buscaram por todos os termos de Israel uma moça formosa,
                        e acharam a Abisague, sunamita; e a trouxeram ao rei.
            I Re 1:4 E era a moça sobremaneira formosa; e tinha cuidado do rei,
                        e o servia; porém o rei não a conheceu.
I Re 1:5 Então Adonias, filho de Hagite, se levantou, dizendo:
            Eu reinarei. E preparou carros, e cavaleiros, e cinqüenta
                        homens, que corressem adiante dele.
            I Re 1:6 E nunca seu pai o tinha contrariado, dizendo:
                        Por que fizeste assim? E era ele também muito formoso
                                   de parecer; e Hagite o tivera depois de Absalão.
            I Re 1:7 E tinha entendimento com Joabe, filho de Zeruia,
                        e com Abiatar o sacerdote; os quais o ajudavam,
                                   seguindo a Adonias.
            I Re 1:8 Porém Zadoque, o sacerdote, e Benaia, filho de Joiada,
                        e Natã, o profeta, e Simei, e Rei, e os poderosos que Davi
                                   tinha, não estavam com Adonias.
            I Re 1:9 E matou Adonias ovelhas, e vacas, e animais cevados,
                        junto à pedra de Zoelete, que está perto da fonte de Rogel;
                                   e convidou a todos os seus irmãos, os filhos do rei,
                                               e a todos os homens de Judá, servos do rei.
            I Re 1:10 Porém a Natã, o profeta, e a Benaia, e aos poderosos,
                        e a Salomão, seu irmão, não convidou.
I Re 1:11 Então falou Natã a Bate-Seba, mãe de Salomão, dizendo:
            Não ouviste que Adonias, filho de Hagite, reina?
            E que nosso senhor Davi não o sabe? I Re 1:12 Vem, pois, agora,
                        e deixa-me dar-te um conselho, para que salves a tua vida,
                                   e a de Salomão teu filho.
            I Re 1:13 Vai, e chega ao rei Davi, e dize-lhe:
                        Não juraste tu, rei senhor meu, à tua serva, dizendo:
                                   Certamente teu filho Salomão reinará depois de mim,
                                               e ele se assentará no meu trono?
                        Por que, pois, reina Adonias?
            I Re 1:14 Eis que, estando tu ainda aí falando com o rei,
                        eu também entrarei depois de ti, e confirmarei as tuas palavras.
            I Re 1:15 E foi Bate-Seba ao rei na sua câmara;
                        e o rei era muito velho; e Abisague, a sunamita, servia ao rei.
            I Re 1:16 E Bate-Seba inclinou a cabeça, e se prostrou perante o rei;
                        e disse o rei:
                                   Que tens?
            I Re 1:17 E ela lhe disse:
                        Senhor meu, tu juraste à tua serva pelo SENHOR teu Deus,
                                   dizendo: Salomão, teu filho, reinará depois de mim,
                                               e ele se assentará no meu trono.
                        I Re 1:18 E agora eis que Adonias reina; e tu,
                                   ó rei meu senhor, não o sabes.
                        I Re 1:19 E matou vacas, e animais cevados, e ovelhas
                                   em abundância, e convidou a todos os filhos do rei,
                                   e a Abiatar, o sacerdote, e a Joabe, capitão do
                                   exército, mas a teu servo Salomão não convidou.
                        I Re 1:20 Porém, ó rei meu senhor, os olhos de todo o Israel
                                   estão sobre ti, para que lhe declares quem se assentará
                                               sobre o trono do rei meu senhor, depois dele.
                        I Re 1:21 De outro modo sucederá que, quando o rei meu
                                   senhor dormir com seus pais, eu e Salomão meu filho
                                               seremos os culpados.
            I Re 1:22 E, estando ela ainda falando com o rei,
                        eis que entra o profeta Natã.
                        I Re 1:23 E o fizeram saber ao rei, dizendo:
                                   Eis aí está o profeta Natã. E entrou à presença do
                                   rei, e prostrou-se diante dele com o rosto em terra.
            I Re 1:24 E disse Natã:
                        O rei meu senhor, disseste tu: Adonias reinará depois de mim,
                                   e ele se assentará sobre o meu trono?
                        I Re 1:25 Porque hoje desceu, e matou vacas, e animais
                                   cevados, e ovelhas em abundância, e convidou a todos
                                   os filhos do rei e aos capitães do exército, e a Abiatar,
                                   o sacerdote, e eis que estão comendo e bebendo perante
                                               ele; e dizem: Viva o rei Adonias.
                        I Re 1:26 Porém a mim, sendo eu teu servo, e a Zadoque,
                                   o sacerdote, e a Benaia, filho de Joiada, e a Salomão,
                                               teu servo, não convidou.
                        I Re 1:27 Foi feito isto da parte do rei meu senhor?
                                   E não fizeste saber a teu servo quem se assentaria no
                                               trono do rei meu senhor depois dele?
            I Re 1:28 E respondeu o rei Davi, e disse:
                        Chamai-me a Bate-Seba. E ela entrou à presença do rei;
                                   e ficou em pé diante do rei.
            I Re 1:29 Então jurou o rei e disse:
                        Vive o SENHOR, o qual remiu a minha alma de toda a
                                   angústia, I Re 1:30 Que, como te jurei
                                   pelo SENHOR Deus de Israel, dizendo:
                        Certamente teu filho Salomão reinará depois de mim,
                                   e ele se assentará no meu trono, em meu lugar,
                                               assim o farei no dia de hoje.
            I Re 1:31 Então Bate-Seba se inclinou com o rosto em terra
                        e se prostrou diante do rei, e disse:
                                   Viva o rei Davi meu senhor para sempre.
            I Re 1:32 E disse o rei Davi:
                        Chamai-me a Zadoque, o sacerdote, e a Natã, o profeta,
                                   e a Benaia, filho de Joiada.
                        E eles entraram à presença do rei.
            I Re 1:33 E o rei lhes disse:
                        Tomai convosco os servos de vosso senhor, e fazei subir a meu
                                   filho Salomão na mula que é minha;
                                               e levai-o a Giom.
                        I Re 1:34 E Zadoque, o sacerdote, com Natã, o profeta,
                                   ali o ungirão rei sobre Israel;
                                               então tocareis a trombeta, e direis:
                                                           Viva o rei Salomão!
                        I Re 1:35 Então subireis após ele, e virá e se assentará no
                                   meu trono, e ele reinará em meu lugar; porque tenho
                                   ordenado que ele seja guia sobre Israel e sobre Judá.
            I Re 1:36 Então Benaia, filho de Joiada, respondeu ao rei, e disse:
                        Amém; assim o diga o SENHOR Deus do rei meu senhor.
                        I Re 1:37 Como o SENHOR foi com o rei meu senhor,
                                   assim o seja com Salomão, e faça que o seu trono seja
                                   maior do que o trono do rei Davi meu senhor.
I Re 1:38 Então desceu Zadoque, o sacerdote, e Natã, o profeta,
            e Benaia, filho de Joiada, e os quereteus, e os peleteus,
                        e fizeram montar a Salomão na mula do rei Davi,
                                   e o levaram a Giom.
            I Re 1:39 E Zadoque, o sacerdote, tomou o chifre de azeite
                        do tabernáculo, e ungiu a Salomão; e tocaram a trombeta,
                                   e todo o povo disse:
                                               Viva o rei Salomão!
            I Re 1:40 E todo o povo subiu após ele, e o povo tocava gaitas,
                        e alegrava-se com grande alegria; de maneira que com o seu
                                   clamor a terra retiniu.
            I Re 1:41 E o ouviu Adonias, e todos os convidados que estavam com
                        ele, que tinham acabado de comer; também Joabe ouviu o
                                   sonido das trombetas, e disse:
                                               Por que há tal ruído de cidade alvoroçada?
            I Re 1:42 Estando ele ainda falando, eis que vem Jônatas,
                        filho de Abiatar, o sacerdote, e disse Adonias:
                                   Entra, porque és homem valente, e trarás boas novas.
            I Re 1:43 E respondeu Jônatas, e disse a Adonias:
                        Certamente nosso senhor, rei Davi, constituiu rei a Salomão;
            I Re 1:44 E o rei enviou com ele a Zadoque, o sacerdote, e a Natã,
                        o profeta, e a Benaia, filho de Joiada, e aos quereteus
                                   e aos peleteus; e o fizeram montar na mula do rei.
            I Re 1:45 E Zadoque, o sacerdote, e Natã, o profeta, o ungiram rei em
                        Giom, e dali subiram alegres, e a cidade está alvoroçada;
                                   este é o clamor que ouviste.
            I Re 1:46 E também Salomão está assentado no trono do reino.
                        I Re 1:47 E também os servos do rei vieram abençoar a nosso
                                   senhor, o rei Davi, dizendo:
                        Faça teu Deus que o nome de Salomão seja melhor
                                   do que o teu nome; e faça que o seu trono seja maior
                                               do que o teu trono.
                                                           E o rei se inclinou no leito.
            I Re 1:48 E também disse o rei assim:
                        Bendito o SENHOR Deus de Israel,
                                   que hoje tem dado quem se assente no meu trono,
                                               e que os meus olhos o vissem.
            I Re 1:49 Então estremeceram e se levantaram todos os convidados
                        que estavam com Adonias; e cada um se foi ao seu caminho.
            I Re 1:50 Porém Adonias temeu a Salomão; e levantou-se, e foi,
                        e apegou-se às pontas do altar.
            I Re 1:51 E fez-se saber a Salomão, dizendo:
                        Eis que Adonias teme ao rei Salomão; porque eis que apegou-
                                   se às pontas do altar, dizendo:
                        Jure-me hoje o rei Salomão que não matará o seu servo
                                   à espada. I Re 1:52 E disse Salomão:
                        Se for homem de bem, nem um de seus cabelos cairá em terra;
                                   se, porém, se achar nele maldade, morrerá.
            I Re 1:53 E mandou o rei Salomão, e o fizeram descer do altar;
                        e veio, e prostrou-se perante o rei Salomão, e Salomão lhe disse:
                                   Vai para tua casa.
A consagração de Salomão como rei de Israel foi praticamente o último ato significativo do rei Davi. Salomão fora escolhido por Deus para ser o portador da semente messiânica que iria gera o descendente que irá esmagar a cabeça da serpente futuramente.
De uma união maldita e contra todas as leis e costumes, Deus sem violar qualquer direito ou ameaçar a liberdade de escolha de qualquer um, transformou o que parecia o fim, em um novo começo.
Usar a desculpa de que os homens são pecadores para justificar o pecado nos torna piores do que os filhos de Belial. Davi pecou porque era pecador e não porque sendo pecador estaria justificado.
Foi o próprio Deus, criador de todas as coisas que o perdoou por ver nele o sincero arrependimento. Davi, homem segundo o coração de Deus, das consequências jamais pode se livrar e as amargou até o fim de sua vida, mas Deus o renovou e por meio dele e de sua descendência pode dar continuidade ao seu plano de salvação iniciado em Gênesis o qual veio a se concluir com o Messias.
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 18 dias para a Copa, sem álcool nos estádios.... também faltam 437 dias para 04/08/2015, quando eu irei concluir a Segmentação de toda a Bíblia.

A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br
...

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.