segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Levítico 21: 1-24 - AS PRESCRIÇÕES PARA OS SACERDOTES.

Como já dissemos, estamos no tema: A PRÁTICA DA SANTIDADE que ocupa de 17:1 a 27:34, onde Moisés está revelando as amplas implicações do chamado de Israel à santidade ao falar sobre como permanecer santo nas diferentes áreas da vida.
Nós já vimos os sacrifícios e os alimentos, que ocupa todo o capítulo 17; vimos o comportamento sexual, que também ocupa todo o capítulo 18, o capítulo 19 que trata da santidade vertical – para com Deus e horizontal – para com o próximo, o capítulo 20, que fala dos crimes que requerem pena de morte e hoje, no capítulo 21, veremos as prescrições para os sacerdotes.  
São registradas aqui, por Moisés, as prescrições divinas para os sacerdotes. O verso começa dizendo que disse o Senhor a Moisés, por isso vem do Senhor as prescrições e não dos homens. Dos vs. 1-9, tratam de disposições gerais aos sacerdotes; do 10-15, tratam de prescrições específicas para o sumo sacerdote.
A santidade de Deus deveria estar presente na vida do sacerdote de forma muito acentuada e destacada porque ele era o representante de Deus diante do povo e falava em nome de Deus e também era o representante do povo diante de Deus, que falava pelo povo e oferecia pelo povo os sacrifícios para expiação dos pecados desse povo.
A palavra de Deus é dirigida por Deus ao povo de Deus, por um instrumento de Deus... Qual é pois o valor do instrumento? Pode ele gabar-se ou gloriar-se sobre o que o usa? Is 10:15, é muito claro:
Isaías 10:15 Porventura gloriar-se-á o machado contra o que corta com ele, ou presumirá a serra contra o que puxa por ela, como se o bordão movesse aos que o levantam, ou a vara levantasse como não sendo pau?
É tudo Deus quem faz! Até as prescrições vinham de Deus!
Lv 21:1 Depois disse o SENHOR a Moisés:
                Fala aos sacerdotes, filhos de Arão, e dize-lhes:
O sacerdote não se contaminará por causa de um morto entre o seu povo,
                Lv 21:2 Salvo por seu parente mais chegado:
                               por sua mãe, e por seu pai, e por seu filho,
                               e por sua filha, e por seu irmão.
                               Lv 21:3 E por sua irmã virgem, chegada a ele,
                                               que ainda não teve marido;
                               por ela também se contaminará.
                Lv 21:4 Ele sendo principal entre o seu povo,
                               não se contaminará, pois que se profanaria.
                Lv 21:5 Não farão calva na sua cabeça, e não raparão
                               as extremidades da sua barba, nem darão golpes
                                               na sua carne. Lv 21:6 Santos serão a seu Deus,
                               e não profanarão o nome do seu Deus, porque oferecem
                                               as ofertas queimadas do SENHOR,
                                               e o pão do seu Deus; portanto serão santos.
                Lv 21:7 Não tomarão mulher prostituta ou desonrada,
                               nem tomarão mulher repudiada de seu marido;
                                               pois santo é a seu Deus.
Lv 21:8 Portanto o santificarás, porquanto oferece o pão do teu Deus;
                santo será para ti, pois eu, o SENHOR que vos santifica, sou santo.
Lv 21:9 E quando a filha de um sacerdote começar a prostituir-se,
                profana a seu pai; com fogo será queimada.
Lv 21:10 E o sumo sacerdote entre seus irmãos,
                sobre cuja cabeça foi derramado o azeite da unção,
                e que for consagrado para vestir as vestes,
                               não descobrirá a sua cabeça nem rasgará as suas vestes;
                Lv 21:11 E não se chegará a cadáver algum, nem por causa de seu pai
                               nem por sua mãe se contaminará;
                Lv 21:12 Nem sairá do santuário, para que não profane
                               o santuário do seu Deus, pois a coroa do azeite
                               da unção do seu Deus está sobre ele. Eu sou o SENHOR.
                Lv 21:13 E ele tomará por esposa uma mulher na sua virgindade.
                               Lv 21:14 Viúva, ou repudiada ou desonrada ou prostituta,
                                               estas não tomará; mas virgem do seu povo tomará
                                                               por mulher.
                Lv 21:15 E não profanará a sua descendência entre o seu povo;
                               porque eu sou o SENHOR que o santifico.
Lv 21:16 Falou mais o SENHOR a Moisés, dizendo:
                Lv 21:17 Fala a Arão, dizendo:
Ninguém da tua descendência, nas suas gerações,
                em que houver algum defeito, se chegará a oferecer
                               o pão do seu Deus.
                Lv 21:18 Pois nenhum homem em quem houver
                               alguma deformidade se chegará; como homem cego, ou coxo,
                               ou de nariz chato, ou de membros demasiadamente
                                               compridos,
                               Lv 21:19 Ou homem que tiver quebrado o pé,
                                               ou a mão quebrada, Lv 21:20 Ou corcunda, ou anão,
                               ou que tiver defeito no olho, ou sarna, ou impigem,
                                               ou que tiver testículo mutilado.
Lv 21:21 Nenhum homem da descendência de Arão, o sacerdote,
                em quem houver alguma deformidade, se chegará para oferecer
                               as ofertas queimadas do SENHOR; defeito nele há;
                                               não se chegará para oferecer o pão do seu Deus.
Lv 21:22 Ele comerá do pão do seu Deus, tanto do santíssimo como do santo. Lv 21:23 Porém até ao véu não entrará, nem se chegará ao altar,
                porquanto defeito há nele, para que não profane os meus santuários;
                               porque eu sou o SENHOR que os santifico.
Lv 21:24 E Moisés falou isto a Arão e a seus filhos,
                e a todos os filhos de Israel.
O sacerdote em que nele houvesse algum defeito não seria aceito para oferecer sacrifícios, nem entrar pelo véu, na presença do Senhor para fazer expiação por si, primeiramente, e depois pelos outros.
A necessidade de perfeição apontava somente para Cristo Jesus uma vez que não surgiu durante todo esse tempo qualquer um sacerdote que fosse perfeito, mas Jesus entrou sem defeito, o santo, único, para se tornar o sumo sacerdote para sempre, segundo a ordem de Melquisedeque.
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdete – 
http://www.jamaisdesista.com.br
...


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.