terça-feira, 22 de outubro de 2013

Êxodo 27: 1-21 – MANTER O FOGO CONTINUAMENTE NO ALTAR.

As instruções ainda continuam e ainda continuarão no próximo capítulo. Tudo para ser feito semelhantemente igual ao modelo mostrado. Como seria este modelo? Uma imagem, um vídeo, uma holografia, algo físico mesmo?
Moisés tinha este modelo e agora o tinha em sua mente e estava seguindo as instruções para tudo fazer de acordo com as instruções que se lhe ministrava. Dentre o povo, logo serão selecionados os artífices e artesãos de melhor qualidade para executarem todas as instruções.
Deus continua a dar o modelo e agora já está preparando dentro do povo aquelas pessoas capazes que ele colocou em seus corações os talentos que ora serão usados para a sua glória e louvor.
Aqui são preparados detalhes do altar e do pátio do tabernáculo. As suas dimensões totais são retangulares, de forma que o retângulo formado seja exatamente a soma de dois quadrados, ou seja, 2 x 50 x 50 = 2 x 50^2 = 5000 côvados ao quadrado. A altura do tabernáculo foi também falada, de 5 côvados. Seu volume então seria 25000 côvados ao cubo. Parecia haver uma predileção pelo quadrado e pelo numeral 5 no tabernáculo.
O Santo dos Santos, por exemplo, como ainda veremos, será um cubo perfeito e era nele que Deus aparecia ao sumo sacerdote que somente poderia entrar lá uma vez no ano e uma vez em toda a sua vida. Será no Santos dos Santos que também será guardada a Arca com os testemunhos dentro dela.
As dimensões do Santo dos Santos eram de 20 x 20 x 20, ou seja, 20 = 5 x 2^2. Logo seu volume seria de (5 x 2^2)^3 = 8000 côvados cúbicos. I Reis 6:20 Era o Santo dos Santos de vinte côvados de comprimento, vinte de largura e vinte de altura; cobriu-o de ouro puro. Cobriu também de ouro o altar de cedro.
Assim, estava se construindo o tabernáculo que era conforme 25:8 o lugar onde o Senhor morava com o povo.
O azeite que era posto no candelabro de ouro puro deveria ser obtido por espremedura e não soltava fumaça, apesar de queimar. Era para se manter sempre acesa a sua chama como indicativo da presença do Senhor que seria para sempre. A responsabilidade de mantê-la acesa pertencia a Arão e a seus filhos perpetuamente.
O tabernáculo era também chamado de Tenda da Congregação porque Deus e os sacerdotes representantes de Israel encontravam-se ali, como denominado pelos regulamentos litúrgicos, estava associado com a tenda da congregação existente fora do acampamento, onde Deus se encontrava com Moisés – 33:7; Nm 12:4.
OS MÓVEIS DO TABERNÁCULO
MÓVEL
ESPAÇO
FUNÇÃO
SIGNIFICADO
EM CRISTO:
Altar de bronze
Átrio ou Pátio
Queima dos sacrifícios trazidos pelo povo.
Necessidade de confissão e busca de perdão
“Cordeiro de Deus”
(Jo 1:29)
Pia de bronze
Átrio ou Pátio
Lavagem dos sacerdotes nas ministrações
Necessidade de santificação diária e purificação pessoal
“Purificador da Igreja”
(Ef5:26-27)
Altar de ouro
Lugar Santo
Queima de incenso duas vezes ao dia
Necessidade de vida diária de oração e adoração
“Intercessor dos Salvos
(Rm 8:34)
Candelabro
Lugar Santo
Iluminação do tabernáculo
Necessidade de testemunhar de Cristo às nações
“Luz do Mundo
(Jo 8:12)
Mesa dos pães
Lugar Santo
Apresentação dos pães durante a semana
Necessidade de dar graças a Deus pelas provisões diárias
“Pão da Vida”
(Jo 6:35)
Arca e o propiciatório
Santo dos Santos
Guarda de elementos sagrados e expiação
Necessidade de comunhão com Deus para refletirmos a sua glória
“Esperança da Glória”
(Cl 1:27)
Ex 27:1 Farás também o altar de madeira de acácia;
cinco côvados será o comprimento,
e cinco côvados a largura (será quadrado o altar),
e três côvados a sua altura.
Ex 27:2 E farás as suas pontas nos seus quatro cantos;
as suas pontas serão do mesmo, e o cobrirás de cobre.
Ex 27:3 Far-lhe-ás também os seus recipientes,
para recolher a sua cinza, e as suas pás, e as suas bacias,
e os seus garfos e os seus braseiros;
todos os seus utensílios farás de cobre.
Ex 27:4 Far-lhe-ás também um crivo de cobre em forma de rede,
e farás a esta rede quatro argolas de metal nos seus quatro cantos.
Ex 27:5 E as porás dentro da borda do altar para baixo,
de maneira que a rede chegue até ao meio do altar.
Ex 27:6 Farás também varais para o altar, varais de madeira de acácia,
e os cobrirás de cobre.
Ex 27:7 E os varais serão postos nas argolas,
de maneira que os varais estejam de ambos os lados do altar,
quando for levado.
Ex 27:8 Oco e de tábuas o farás;
como se te mostrou no monte,
assim o farão.
Ex 27:9 Farás também o pátio do tabernáculo,
ao lado meridional que dá para o sul;
o pátio terá cortinas de linho fino torcido;
o comprimento de cada lado será de cem côvados.
Ex 27:10 Também as suas vinte colunas
e as suas vinte bases serão de cobre;
os colchetes das colunas e as suas faixas serão de prata. Ex 27:11 Assim também para o lado norte as cortinas,
no comprimento, serão de cem côvados;
e as suas vinte colunas e as suas vinte bases serão de cobre;
os colchetes das colunas e as suas faixas serão de prata,
Ex 27:12 E na largura do pátio para o lado do ocidente
haverá cortinas de cinqüenta côvados;
as suas colunas dez, e as suas bases dez.
Ex 27:13 Semelhantemente a largura do pátio do lado oriental
para o levante será de cinqüenta côvados.
Ex 27:14 De maneira que haja quinze côvados de cortinas de um lado;
suas colunas três, e as suas bases três.
Ex 27:15 E quinze côvados das cortinas do outro lado;
as suas colunas três, e as suas bases três.
Ex 27:16 E à porta do pátio haverá uma cortina
de vinte côvados, de azul, e púrpura, e carmesim,
e de linho fino torcido, de obra de bordador;
as suas colunas quatro, e as suas bases quatro.
Ex 27:17 Todas as colunas do pátio ao redor
serão cingidas de faixas de prata;
os seus colchetes
serão de prata,
mas as suas bases
de cobre.
Ex 27:18 O comprimento do pátio será de cem côvados,
e a largura de cada lado de cinqüenta,
e a altura de cinco côvados,
as cortinas serão de linho fino torcido;
mas as suas bases serão de cobre.
Ex 27:19 No tocante a todos os vasos do tabernáculo
em todo o seu serviço, até todos os seus pregos,
e todos os pregos do pátio, serão de cobre.
Ex 27:20 Tu pois ordenarás aos filhos de Israel
que te tragam azeite puro de oliveiras, batido, para o candeeiro,
para fazer arder as lâmpadas continuamente.
Ex 27:21 Na tenda da congregação,
fora do véu que está diante do testemunho,
Arão e seus filhos as porão em ordem,
desde a tarde até a manhã,
perante o SENHOR;
isto será um estatuto perpétuo
para os filhos de Israel, pelas suas gerações.
Estatuto perpétuo diante de Arão e seus filhos: eles não poderiam deixar de manter acesa a chama do altar do Senhor. Será que não devemos também nós que temos o Espírito Santo mantermos este fogo continuamente aceso mediante uma vida regular de orações?

Levítico 6:12 O fogo, pois, sempre arderá sobre o altar; não se apagará; mas o sacerdote acenderá lenha nele cada manhã, e sobre ele porá em ordem o holocausto, e sobre ele queimará a gordura das ofertas pacíficas.
Levítico 6:13 O fogo arderá continuamente sobre o altar; não se apagará
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdete – 
http://www.jamaisdesista.com.br
...


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.