quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Gênesis 30: 1-43 - JACÓ E SUAS MULHERES.

As mulheres de Jacó entram em disputa acirrada por filhos. Jacó ao final vence Labão e prospera muitíssimo na terra de Harã. Assim, eu resumiria este capítulo de Gênesis que acabo de ler e meditar.
Jacó já tinha tido 4 filhos com Lia, e entre eles, estava aquele que o Senhor escolheu, Judá, que será o portador da semente messiânica. Não que Judá dentre os doze filhos e uma filha de Jacó fosse o mais nobre, perfeito e valoroso homem, mas por pura eleição de Deus. Assim como ele escolheu Jacó no ventre, assim, escolheu Judá, sem que obra alguma tivesse feito para isso.
Também não se baseou Deus numa pré-ciência que avaliaria todo o seu futuro comportamento e depois de pesadas todas as ações de todos os doze, escolheria Judá por melhor ser o representante dos doze. Isso é ridículo! A escolha de Deus vai além de nosso fraco juízo e razão medíocre.
A história do Antigo Testamento, assim chamada, nada mais é que a história que gira em torno desta semente e de eventos próximos a ela que dizem respeito ao Messias que ainda demoraria um pouco para vir, mas viria, como veio e hoje é história.
Jesus, o Messias, que aqui estou falando que veio e que se tornou página da história, do mesmo jeito que foi anunciado, no presente tempo, também é anunciada a sua vinda e ele virá e será o dia que ele vier, seja hoje, nos próximos dias, ou mais pra frente, um dia da história que se chamará hoje.
Quem não aguarda a volta anunciada de Jesus é louco e desvairado e nada entende de Bíblia, nem de Antigo Testamento, nem de Novo Testamento, nem de Deus, nem de Reino de Deus. Jesus veio uma vez e cumpriu o que dele estava escrito e virá outra vez, como ele prometeu, para cumprir o que dele ainda está escrito que falta cumprir.
Quando Lia acabou de dar seu quarto filho a Jacó, Raquel, por inveja, teve a ideia de dar sua serva para Jacó para por meio dela ter filhos de Jacó e ela lhe deu dois filhos. Depois foi a vez de Lia que lhe deu sua serva e Jacó teve mais 2 filhos. Ai Rubén achou mandrágoras, que se cria, tornava as mulheres férteis e por elas negociou Lia e Raquel.
Lia tornou a lhe dar mais dois filhos e uma filha e, finalmente, depois de 11 filhos nascidos, sendo um deles uma mulher, Raquel fica grávida de José e depois, no outro capítulo de Benjamim.
Os filhos na ordem que nasceram foram assim: de Lia: Rubem, Simeão, Levi e Judá; de Bila, serva de Raquel: Dã e Naftali; de Zilpa, serva de Lia: Gade e Aser; de Lia, novamente: Issacar, Zebulom e Diná; finalmente, de Raquel: José e Benjamim. Eles irão forma as 12 tribos de Israel e muita história há ainda para rolar ou desenrolar, como elucubrou Agostinho.
Gn 30:1 Vendo Raquel que não dava filhos a Jacó,
teve inveja de sua irmã, e disse a Jacó:
Dá-me filhos, se não morro.
Gn 30:2 Então se acendeu a ira de Jacó contra Raquel, e disse:
Estou eu no lugar de Deus,
que te impediu o fruto de teu ventre?
Gn 30:3 E ela disse:
Eis aqui minha serva Bila;
coabita com ela, para que dê à luz sobre meus joelhos,
e eu assim receba filhos por ela.
Gn 30:4 Assim lhe deu a Bila,
sua serva, por mulher;
e Jacó a possuiu.
Gn 30:5 E concebeu Bila,
e deu a Jacó um filho.
Gn 30:6 Então disse Raquel:
Julgou-me Deus,
e também ouviu a minha voz,
e me deu um filho;
por isso chamou-lhe Dã.
Gn 30:7 E Bila, serva de Raquel,
concebeu outra vez,
e deu a Jacó o segundo filho.
Gn 30:8 Então disse Raquel:
Com grandes lutas tenho lutado com minha irmã;
também venci;
e chamou-lhe Naftali.
Gn 30:9 Vendo, pois, Lia que cessava de ter filhos,
tomou também a Zilpa,
sua serva, e deu-a a Jacó por mulher.
Gn 30:10 E deu Zilpa, serva de Lia,
um filho a Jacó.
Gn 30:11 Então disse Lia:
Afortunada!
e chamou-lhe Gade.
Gn 30:12 Depois deu Zilpa, serva de Lia,
um segundo filho a Jacó.
Gn 30:13 Então disse Lia:
Para minha ventura;
porque as filhas me terão por bem-aventurada;
e chamou-lhe Aser.
Gn 30:14 E foi Rúben nos dias da ceifa do trigo,
e achou mandrágoras no campo.
E trouxe-as a Lia sua mãe.
Então disse Raquel a Lia:
Ora dá-me das mandrágoras de teu filho.
Gn 30:15 E ela lhe disse:
É já pouco que hajas tomado o meu marido,
tomarás também as mandrágoras do meu filho?
Então disse Raquel:
Por isso ele se deitará contigo esta noite
pelas mandrágoras de teu filho.
Gn 30:16 Vindo, pois, Jacó à tarde do campo,
saiu-lhe Lia ao encontro, e disse:
A mim possuirás, esta noite,
porque certamente te aluguei
com as mandrágoras do meu filho.
E deitou-se com ela aquela noite.
Gn 30:17 E ouviu Deus a Lia,
e concebeu,
e deu à luz um quinto filho.
Gn 30:18 Então disse Lia:
Deus me tem dado o meu galardão,
pois tenho dado minha serva ao meu marido.
E chamou-lhe Issacar.
Gn 30:19 E Lia concebeu outra vez,
e deu a Jacó um sexto filho.
Gn 30:20 E disse Lia:
Deus me deu uma boa dádiva;
desta vez morará o meu marido comigo,
porque lhe tenho dado seis filhos.
E chamou-lhe Zebulom.
Gn 30:21 E depois teve uma filha,
e chamou-lhe Diná.
Gn 30:22 E lembrou-se Deus de Raquel;
e Deus a ouviu,
e abriu a sua madre.
Gn 30:23 E ela concebeu,
e deu à luz um filho, e disse:
Tirou-me Deus a minha vergonha.
Gn 30:24 E chamou-lhe José, dizendo:
O SENHOR me acrescente outro filho.
Gn 30:25 E aconteceu que,
como Raquel deu à luz a José,
disse Jacó a Labão:
Deixa-me ir, que me vá ao meu lugar,
e à minha terra.
Gn 30:26 Dá-me as minhas mulheres,
e os meus filhos,
pelas quais te tenho servido,
e ir-me-ei;
pois tu sabes o serviço que te tenho feito.
Gn 30:27 Então lhe disse Labão:
Se agora tenho achado graça em teus olhos,
fica comigo.
Tenho experimentado que o SENHOR
me abençoou por amor de ti.
Gn 30:28 E disse mais:
Determina-me o teu salário,
que to darei.
Gn 30:29 Então lhe disse:
Tu sabes como te tenho servido,
e como passou o teu gado comigo.
Gn 30:30 Porque o pouco que tinhas antes de mim
tem aumentado em grande número;
e o SENHOR te tem abençoado por meu trabalho.
Agora, pois,
quando hei de trabalhar também por minha casa?
Gn 30:31 E disse ele:
Que te darei?
Então disse Jacó:
Nada me darás.
Se me fizeres isto,
tornarei a apascentar
e a guardar o teu rebanho;
Gn 30:32 Passarei hoje por todo o teu rebanho,
separando dele todos os salpicados e malhados,
e todos os morenos entre os cordeiros,
e os malhados e salpicados entre as cabras;
e isto será o meu salário.
Gn 30:33 Assim testificará por mim
a minha justiça no dia de amanhã,
quando vieres e o meu salário
estiver diante de tua face;
tudo o que não for salpicado e malhado
entre as cabras e moreno entre os cordeiros,
ser-me-á por furto.
Gn 30:34 Então disse Labão:
Quem dera seja conforme a tua palavra.
Gn 30:35 E separou naquele mesmo dia
os bodes listrados e malhados
e todas as cabras salpicadas e malhadas,
todos em que havia brancura,
e todos os morenos entre os cordeiros;
e deu-os nas mãos dos seus filhos.
Gn 30:36 E pôs três dias de caminho entre si e Jacó;
e Jacó apascentava o restante dos rebanhos de Labão.
Gn 30:37 Então tomou Jacó varas verdes de álamo
e de aveleira e de castanheiro,
e descascou nelas riscas brancas,
descobrindo a brancura que nas varas havia,
Gn 30:38 E pôs estas varas, que tinha descascado,
em frente aos rebanhos,
nos canos e nos bebedouros de água,
aonde os rebanhos vinham beber,
para que concebessem quando vinham beber.
Gn 30:39 E concebiam os rebanhos diante das varas,
e as ovelhas davam crias listradas, salpicadas e malhadas.
Gn 30:40 Então separou Jacó os cordeiros,
e pôs as faces do rebanho para os listrados,
e todo o moreno entre o rebanho de Labão;
e pôs o seu rebanho à parte,
e não o pôs com o rebanho de Labão.
Gn 30:41 E sucedia que cada vez que concebiam as ovelhas fortes,
punha Jacó as varas nos canos,
diante dos olhos do rebanho,
para que concebessem diante das varas.
Gn 30:42 Mas, quando era fraco o rebanho,
não as punha.
Assim as fracas eram de Labão,
e as fortes de Jacó.
Gn 30:43 E cresceu o homem em grande maneira,
e teve muitos rebanhos,
e servas, e servos,
e camelos e jumentos.
Jacó e seus filhos e agora Jacó e os rebanhos de Labão. Foi somente nascer José que Jacó pretendeu, imediatamente, sair daquela terra e do jugo de seu tio, explorador. Labão não gostou da ideia de Jacó sair de suas terras e negociou com ele novo salário.

Jacó, muito esperto também, aceita a negociação e combina com Labão salário em forma de rebanho. Usando uma estratégia original consegue ter êxito em sua empreitada e cresce e se torna muito poderoso.
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdete
http://www.jamaisdesista.com.br
...


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.