terça-feira, 23 de abril de 2013

Salmo 96: 1-13 - TRIBUTO À GLÓRIA E À MAJESTADE DE DEUS

Salmo de exaltação ao Senhor. Este salmo é um convite do início ao fim para que os seus santos e todos os que são do Senhor o adorem, o glorifiquem e o exaltem acima de todas as coisas por que ele reina, é soberano e vem executar a justiça.
Os verbos estão todos no imperativo: cantai, bendizei, proclamai, anunciai, tributai, trazei, entrai, adorai, tremei, dizei. Por estes verbos se percebe que o Espírito Santo nos quer diante de Deus não de qualquer modo, mas com grande entusiasmo e crescente empolgação.
Não basta estar diante dele e ser crente, mas temos de ser crentes avivados, empolgados, alegres, sorridentes, entusiastas, cheios de energia, disposição e vontade para adorar, entoar, cantar, celebrar. É como se estivéssemos em uma grande festa de um noivo amigo nosso. Como deveria ser nosso comportamento diante das suas bênçãos?
Qual é a maior queixa do mundo se não contra a falta de justiça? A minha fé aposta em que Deus é justo e fará sua justiça onde todos estaremos satisfeitos com relação à justiça. Como então ela será feita? Não sei! Somente sei que Deus fará a justiça e para mim isto basta! Se hoje estou sendo injustiçado, meu Deus sabe e será meu defensor e justo juiz.
Ele conclui este salmo falando da justiça. Ele vem julgar a terra e a julgará com justiça! Por isso é que somos convidados a estar diante dele de forma alegre e cheia de fé por que ele está cuidando de nós e o momento atual de nossa existência requer fé em seu governo e administração.
O Espírito Santo não aceita que estejamos diante do Pai de qualquer forma. Por que isso refletirá que não cremos e assim estamos com nossos corações endurecidos e o poder de Deus não transformará as vidas daqueles que rejeitam a Deus por que seu compromisso não é andar com Deus, mas praticar o pecado.
Calvino comenta na introduçaõ de seu comentário este salmo e destaca que o louvor devido não é solicitado somente aos judeus ou aos santos, mas a todo o mundo!
Este salmo contém uma exortação para louvar a Deus, uma exortação dirigida não apenas aos judeus, mas a todas as nações. Devemos inferir disso, que tem referência ao reino de Cristo. O nome de Deus não poderia ser invocado em nenhuma outra parte do mundo do que Judeia, até que fosse revelado; e as nações pagãs naquela época estavam necessariamente incapacitadas para tal exercício. No entanto, é evidente que o Espírito Santo despertou os santos que estavam sob a Lei para celebrar os louvores divinos, até que o período chegue quando Cristo, pela propagação do Evangelho, deve encher a terra inteira com a sua glória.
Sl 96:1 Cantai ao SENHOR
um cântico novo,
cantai ao SENHOR,
todas as terras.
Sl 96:2 Cantai ao SENHOR,
bendizei o seu nome;
proclamai a sua salvação,
dia após dia.
Sl 96:3 Anunciai entre as nações
a sua glória,
entre todos os povos,
as suas maravilhas.
Sl 96:4 Porque grande é o SENHOR
e mui digno de ser louvado,
temível mais que todos os deuses.
Sl 96:5 Porque todos os deuses dos povos não passam de ídolos;
o SENHOR, porém,
fez os céus.
Sl 96:6 Glória e majestade
estão diante dele,
força e formosura,
no seu santuário.
Sl 96:7 Tributai ao SENHOR,
ó famílias dos povos,
tributai ao SENHOR
glória e força.
Sl 96:8 Tributai ao SENHOR
a glória devida ao seu nome;
trazei oferendas
e entrai nos seus átrios.
Sl 96:9 Adorai o SENHOR
na beleza da sua santidade;
tremei diante dele,
todas as terras.
Sl 96:10 Dizei entre as nações:
Reina o SENHOR.
Ele firmou o mundo para que não se abale
e julga os povos com equidade.
Sl 96:11 Alegrem-se os céus,
e a terra exulte;
ruja o mar
e a sua plenitude.
Sl 96:12 Folgue o campo
e tudo o que nele há;
regozijem-se todas as árvores do bosque,
Sl 96:13 na presença do SENHOR,
porque vem,
vem julgar a terra;
julgará o mundo
com justiça
e os povos,
consoante a sua fidelidade.

Ou cremos em Deus e aceitamos o seu convite ministrado neste salmo ou não cremos nele, endureceremos nossos corações e continuaremos com nossas práticas e de forma cada vez mais intensa. O Espírito Santo nos convida com imperativos: cantai, bendizei, proclamai, anunciai, tributai, trazei, entrai, adorai, tremei, dizei. Ousaremos rejeitá-lo novamente como estamos acostumados a fazer? 
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdete – 
http://www.jamaisdesista.com.br

...


Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.