terça-feira, 5 de março de 2013

Salmo 47: 1-9 - DEUS, O REI DA TERRA

Outro salmo de Corá que exalta e magnifica a Deus sobre todas as coisas. No salmo, o que percebemos é grande alegria, gozo e vontade de adorar a Deus com verdadeiro entusiasmo. O convite à celebração é de alguém que vibra com a festa e com o momento de adoração. É Deus quem deve ser adorado entre as nações.
As festas sempre fizeram parte do calendário judeu e nosso Deus, com certeza, é Deus que gosta de nossas festas e da alegria que há em nossos corações. Deus é alegre como é alegre a vida e tudo o que ele criou, por isso devemos celebrá-lo.
Não adianta nem resolve nada fecharmos nossa cara e ficarmos emburrados pelos rumos que as coisas estão seguindo como que contrariados. Deus reina e governa soberanamente e nos convidou para junto com ele sermos seus cooperadores na administração e no governo de muitas coisas na terra que ele nos deu. Os mandados de Deus, cultural, social e espiritual, não foram anulados com o novo testamento. Antes foram ratificados e confirmados.
O salmista canta pelas vitórias alcançadas e pelo status que alcançaram diante das nações e reinos da terra. O canto forte aqui é o da soberania por que Deus é aquele que reina entre as nações.
No comentário de Calvino, a explicação e a contextualização deste salmo que provavelmente deve ter sido escrito por ocasião da inauguração do templo ou próximo a ele. Também pode ter sido composto por Davi, mas nada é certo. O que percebemos é que o autor exorta a todos os povos a celebrar e a adorar Deus como rei soberano sobre toda a terra.
Alguns pensam que este salmo foi composto no momento em que o templo foi dedicado, e a arca da aliança colocada no santuário. Mas, como esta é uma conjectura que tem pouco para apoiá-la, é melhor, se não me engano, em vez de nos deter com isso, considerar o assunto do salmo e o uso que deveria ser especialmente aplicado. Sem dúvida, foi nomeado para as assembléias sagradas declaradas, como pode ser facilmente obtido de todo o conteúdo do poema; e talvez tenha sido composto por Davi e entregue por ele aos levitas, para serem cantados por eles antes que o templo fosse construído, e quando a arca ainda permaneceu no tabernáculo. Mas quem fosse seu autor, ele exorta não só os israelitas, mas também todas as nações, a adorar o único Deus verdadeiro. Ele magnifica principalmente o favor que, de acordo com o estado das coisas naquele tempo, Deus agradou graciosamente aos descendentes de Abraão; e a salvação para o mundo inteiro era proceder dessa fonte. No entanto, contém, ao mesmo tempo, uma profecia do futuro reino de Cristo. Ensina que a glória que depois brilhava sob a figura do santuário material difundirá seu esplendor por toda parte; quando o próprio Deus fará com que os raios da sua graça se transformem em terras distantes, que os reis e as nações possam unir-se em comunhão com os filhos de Abraão.
Ao músico-chefe dos filhos de Corá: um salmo.
 Sl 47:1 Batei palmas,
todos os povos;
celebrai a Deus
com vozes de júbilo.
Sl 47:2 Pois o SENHOR Altíssimo é tremendo,
é o grande rei de toda a terra.
Sl 47:3 Ele nos submeteu os povos
e pôs sob os nossos pés as nações.
Sl 47:4 Escolheu-nos a nossa herança,
a glória de Jacó,
a quem ele ama.
Sl 47:5 Subiu Deus por entre aclamações,
o SENHOR, ao som de trombeta.
Sl 47:6 Salmodiai a Deus,
cantai louvores;
salmodiai ao nosso Rei,
cantai louvores.
Sl 47:7 Deus é o Rei de toda a terra;
salmodiai com harmonioso cântico.
Sl 47:8 Deus reina sobre as nações;
Deus se assenta no seu santo trono.
Sl 47:9 Os príncipes dos povos se reúnem,
o povo do Deus de Abraão,
porque a Deus pertencem
os escudos da terra;
ele se exaltou gloriosamente.

A Deus pertencem todas as coisas. Deus governa e reina entre as nações. O convite é o de adoração e exaltação àquele que reina e governa. Deus é soberano!
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.