terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Salmo 33: 1-22 segmentado


O Salmo 33:12 nos fala que feliz é a nação cujo Deus é o Senhor. Eu quero te convidar a mergulhar nas águas do Espírito na Palavra de Deus que dão e geram vida a todos nós.
Análise do texto bíblico no Salmos 33:
São 22 versículos, a mesma quantidade de letras do alfabeto hebraico, mas não dispostos na forma de um acróstico. Os Hebreus gostavam de fazer suas poesias e melodias dessa maneira usando as letras de seu alfabeto. Eu também gosto muito de deixar mensagens ocultas dentro de um texto, mas dessa vez faltou-me tempo...
Davi escreveu este belo salmo já próximo do fim de sua vida. Uma situação que ele viveu um pouco antes foi quando ele caiu no laço de Satanás que queria prejudicar Israel. A história se encontra em 2 Samuel 24.
Baseando-me neste salmo, eu preguei a seguinte mensagem disponível em meu SCRIBD: http://pt.scribd.com/doc/123668715/Pregacao-Uma-Nacao-Feliz-2-3-2-2013-Sl-33 - o resumo de meu sermão pode ser escrito:
Aprendemos com o Espírito Santo no Salmos 33 que:
  • diante de Deus devemos exultar, celebrar, louvar, entoar e tanger com arte e júbilo, por causa de sua palavra, sua retidão e a sua bondade.
  • toda a terra e toda a humanidade estão convidadas a temer ao Senhor porque ele é o criador, portanto não existe acaso e Deus está no controle de tudo e de todas as coisas.
  • a nação feliz é aquela cujo Deus é o Senhor e que portanto ele está interessado no destino das nações, do seu povo, de você que está aqui nesta tarde. Deus nos constituiu nação santa, geração eleita, sacerdócio real, povo de propriedade exclusiva de Deus para anunciar o Evangelho.
  • Deus é quem dá vitórias ao seu povo. Tudo é feito pela graça de Deus e a nós cabe corações agradecidos e não murmuradores. Vamos dar graças a Deus e vivermos em gratidão continua diante de Deus. Um coração agradecido é um coração que reconhece e que crê que há um Deus com o qual eu tanto posso falar como me relacionar.
  • que a esperança proposta pelo Deus da esperança é a âncora da alma, segura e firme e que penetra além do véu, e que não deixa que as correntes marítimas nem as vagas procelosas (ondas tempestuosas) arrastem o nosso barco da vida por onde não queremos ir.

Sobre este salmo, em sua introdução apenas, Calvino comenta e destaca:
David, or whoever was the author of this psalm, in order to excite believers to praise God, founds his argument upon the general providence of God, by which he sustains, protects, and governs the whole world. Afterwards he celebrates God's paternal kindness towards his chosen people, showing at the same time how necessary it is that the godly should be cherished by his special care.
Sl 33:1. Exultai,
ó justos,
no SENHOR!
Aos retos
fica bem louvá-lo.
Sl 33:2. Celebrai o SENHOR
com harpa,
louvai-o
com cânticos no saltério de dez cordas.
Sl 33:3. Entoai-lhe
novo cântico,
tangei
com arte
e com júbilo.
Sl 33:4. Porque
a palavra do SENHOR é reta,
e todo o seu proceder é fiel.
Sl 33:5. Ele ama a justiça e o direito;
a terra está cheia da bondade do SENHOR.
Sl 33:6. Os céus
por sua palavra se fizeram,
e, pelo sopro de sua boca,
o exército deles.
Sl 33:7. Ele ajunta em montão
as águas do mar;
e em reservatório
encerra as grandes vagas.
Sl 33:8. Tema ao SENHOR toda a terra,
temam-no todos os habitantes do mundo.
Sl 33:9. Pois ele falou,
e tudo se fez;
ele ordenou,
e tudo passou a existir.
Sl 33:10. O SENHOR
frustra os desígnios das nações
e anula os intentos dos povos.
Sl 33:11. O conselho do SENHOR
dura para sempre;
os desígnios do seu coração,
por todas as gerações.
Sl 33:12. Feliz
a nação cujo Deus
é o SENHOR,
e o povo
que ele escolheu para sua herança.
Sl 33:13. O SENHOR
olha dos céus;
vê todos os filhos dos homens;
Sl 33:14. do lugar de sua morada,
observa todos os moradores da terra,
Sl 33:15. ele,
que forma o coração de todos eles,
que contempla todas as suas obras.
Sl 33:16. Não há rei que se salve
com o poder dos seus exércitos;
nem por sua muita força
se livra o valente.
Sl 33:17. O cavalo
não garante vitória;
a despeito de sua grande força,
a ninguém pode livrar.
Sl 33:18. Eis que
os olhos do SENHOR
estão sobre os que o temem,
sobre os que esperam na sua misericórdia,
Sl 33:19. para livrar-lhes a alma da morte,
e, no tempo da fome,
conservar-lhes a vida.
Sl 33:20. Nossa alma
espera no SENHOR,
nosso auxílio e escudo.
Sl 33:21. Nele,
o nosso coração se alegra,
pois confiamos no seu santo nome.
Sl 33:22. Seja sobre nós,
SENHOR,
a tua misericórdia,
como de ti esperamos.
Vejam como este lindo salmo tem muito da repetição poética comum nos escritos da Bíblia. Quase que dá para formar outra Salmos apenas usando as repetições:
Divisão do Salmo realçando a característica poética da REPETIÇÃO como regra geral para reforço da ideia apresentada:
1. Exultai, ó justos, no SENHOR!
Aos retos fica bem louvá-lo.
2. Celebrai o SENHOR com harpa,
louvai-o com cânticos no saltério de dez cordas
3. Entoai-lhe novo cântico,
tangei com arte e com júbilo.
4. Porque a palavra do SENHOR é reta,
e todo o seu proceder é fiel.
5. Ele ama a justiça e o direito;
a terra está cheia da bondade do SENHOR.
6. Os céus por sua palavra se fizeram,

e, pelo sopro de sua boca, o exército deles.
7. Ele ajunta em montão as águas do mar
; e em reservatório encerra as grandes vagas.
8. Tema ao SENHOR toda a terra,
temam-no todos os habitantes do mundo.
9. Pois ele falou, e tudo se fez;
ele ordenou, e tudo passou a existir.
10. O SENHOR frustra os desígnios das nações
e anula os intentos dos povos.
11. O conselho do SENHOR dura para sempre
; os desígnios do seu coração, por todas as gerações.
12. Feliz a nação cujo Deus é o SENHOR
, e o povo que ele escolheu para sua herança.
13. O SENHOR olha dos céus
; vê todos os filhos dos homens;

14. do lugar de sua morada
, observa todos os moradores da terra,

15. ele, que forma o coração de todos eles,
que contempla todas as suas obras.

16. Não há rei que se salve com o poder dos seus exércitos;
nem por sua muita força se livra o valente.
17. O cavalo não garante vitória; a despeito de sua grande força, a ninguém pode livrar.
18. Eis que os olhos do SENHOR estão sobre os que o temem, sobre os que esperam na sua misericórdia,
19. para livrar-lhes a alma da morte, e, no tempo da fome, conservar-lhes a vida.
20. Nossa alma espera no SENHOR, nosso auxílio e escudo.
21. Nele, o nosso coração se alegra, pois confiamos no seu santo nome.
22. Seja sobre nós, SENHOR, a tua misericórdia, como de ti esperamos.
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 68 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 19/02/2013) e 478 dias para a Copa, sem álcool nos estádios....
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.