sábado, 16 de fevereiro de 2013

Salmo 30: 1-12 segmentado


Mais um salmo de Davi e mais lamentos, mais perseguições, mais orações e mais confiança de Deus em sua vida. Foi aqui Davi livrado da morte e da cova e da sepultura. Assim foi também com o Messias que teve de passar pela aflição maior dos viventes, a morte.
No entanto, ela não o pode detê-lo em suas prisões eternas, mas teve de ceder e recuar e devolvê-lo à vida plena que ele tinha. Jesus morreu pelos nossos pecados e agora se tornou o justificador de todos nós que andamos na terra dos viventes.
Foi da cova que Deus o fez subir estando lá já por três dias e sendo a sua morte testemunhada por muitos. Na sepultura não ficou a sua cama. Ele explica que a sua ira é necessária, mas logo passa. Nem se compara com sua misericórdia, muito mais ativa e prolongada. A sua ira é necessária devido à sua justiça.
Se Deus tornasse justo o homem injusto, isso não seria justiça, mas injustiça e quebra de valores eternos que somente a Deus pertence. Ele não nos tornou justos, mas por meio de Cristo, nos justificou. Foi Cristo nosso substituto que assumiu a nossa conta de nossos pecados satisfazendo plenamente a justiça de Deus. assim, ele é o nosso justificador.
Comentário de Calvino, apenas a sua introdução:
David having been delivered from great danger, not only renders thanks to God apart by himself, but at the same time invites and exhorts all the pious to perform the same duty. He then confesses that he had flattered himself too confidently in his prosperity, and that his security had justly been chastised. In the third place, having briefly expressed his sorrow, he returns again to thanksgiving.
A psalm sung at the dedication of David's house.
Sl 30:1 Eu te exaltarei,
ó SENHOR,
porque tu me livraste
e não permitiste
que os meus inimigos se regozijassem contra mim.
Sl 30:2 SENHOR,
meu Deus,
clamei a ti por socorro,
e tu me saraste.
Sl 30:3 SENHOR,
da cova
fizeste subir a minha alma;
preservaste-me a vida
para que não descesse à sepultura.
Sl 30:4 Salmodiai ao SENHOR,
vós que sois seus santos,
e dai graças
ao seu santo nome.
Sl 30:5 Porque não passa de um momento a sua ira;
o seu favor dura a vida inteira.
Ao anoitecer,
pode vir o choro,
mas a alegria
vem pela manhã.
Sl 30:6 Quanto a mim,
dizia eu na minha prosperidade:
jamais serei abalado.
Sl 30:7 Tu, SENHOR,
por teu favor
fizeste permanecer forte a minha montanha;
apenas voltaste o rosto,
fiquei logo conturbado.
Sl 30:8 Por ti, SENHOR,
clamei, ao Senhor implorei.
Sl 30:9 Que proveito
obterás no meu sangue,
quando baixo à cova?
Louvar-te-á, porventura, o pó?
Declarará ele a tua verdade?
Sl 30:10 Ouve, SENHOR,
e tem compaixão de mim;
sê tu, SENHOR,
o meu auxílio.
Sl 30:11 Converteste
o meu pranto em folguedos;
tiraste
o meu pano de saco
e me cingiste de alegria,
Sl 30:12 para que o meu espírito
te cante louvores
e não se cale.
SENHOR,
Deus meu,
graças te darei para sempre.
Pelas bênçãos recebidas, neste salmo, Davi tinha se tornado próspero e sua confiança passou do Senhor para o que tinha e para o que era. Deus ficou totalmente esquecido. No entanto foi somente por um instante que Deus virou o seu rosto e logo ele ficou conturbado e na sua conturbação buscou o Senhor que teve compaixão e converteu seu pranto em folguedos, assim, ele agora dá graças a Deus para sempre.
p.s.: link da imagem original:
Contagem regressiva: Faltam 71 dias para 26/04/13 (Inicio: 31/07/10). (hoje: 16/02/2013) e 481 dias para a Copa, sem álcool nos estádios....
A Deus toda glória! p/ Daniel Deusdetehttp://www.jamaisdesista.com.br

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.