segunda-feira, 16 de novembro de 2009

365 dias de propósito! Dia 118/365

Minha LBH: 2 Cr 14:17 e a leitura do livro de Kris Lundgaard, O MAL QUE HABITA EM MIM, estou na página 75/158. Doravante, como já dantes disse, minhas leituras incluirão a Bíblia e um ou mais livros que estarei lendo e/ou ouvindo. Que tudo seja feito para a glória de Deus.
 
As muitas mulheres arruinaram tanto a vida de Davi quanto a de Salomão e de muitos outros. Vejam o que diz Deuteronômio 17:17: “Tampouco para si multiplicará mulheres, para que o seu coração se não desvie; nem multiplicará muito para si prata ou ouro.” Tanto mulheres demais quanto dinheiro demais são laço para nossa alma. Se Deus o fizer prosperar muito, cuidado: tire os teus olhos e coração dessas coisas. Mujlheres especiais para mim, na minha vida, bastam umas cinco, sendo que apenas uma como esposa, as demais: filhas, netas, mãe, avó.
 
A Bíblia fala que Davi foi um homem segundo o coração de Deus e aproveitando o comentário de Russel Shedd de 2 Cr 14:10, com pequeninas adaptações, eu explico porque (as referências são de 2 Crônicas):
 
  1. Reconhecia que Deus o fizera rei – 14:2.
  2. Reconhecia que era um instrumento nas mãos de Deus – 14:2.
  3. Consultava, inquiria, Deus em tempos de tribulação – 14:10.
  4. Não Confiava em sua própria sabedoria – 14:10.
  5. Dava a Deus as glórias devidas por suas vitórias – 14:11.
  6. Obedecia sem perguntas ou reservas e assim obtinha suas vitórias – 14:12.
  7. Esperava pelo sinal de Deus para fazer algo – 14:14.
 
Davi era esse homem segundo o coração de Deus. Era humano, pecador, mas Deus, nele, encontrou admiráveis qualidades. Diz um ditado popular, diga-me com quem andas, e eu te direi quem és. Davi escolheu para andar consigo o temor a Deus e a humildade. O seu pecado foi terrível e as conseqüências piores ainda, mas foi capaz de reconhecer seu erro e aceitar pacificamente, sem rebeldia, rebelião, sem endurecer o seu coração, as correções do Senhor.
 
Não há homem que não peque, portanto, não somos melhores nem maiores que Davi porque pecou, caiu, errou feio. Deus de Davi testemunhou e não se envergonhou de dizer que ele era um homem segundo o seu próprio coração. Nada justifica o erro de Davi, tanto é que foi severamente punido, mas receber de Deus esse testemunho, fez de Davi um homem digno de imitação naquilo que ele foi exemplar. E você quando comete erros, endurece o seu coração e procura por a culpa em outros?
 
O tema Davi, um homem segundo o coração de Deus, dá uma linda mensagem. Quem sabe um dia desses, não irei ministrá-la. Deus tem falado comigo de muitas maneiras nos últimos dias e eu estou estupefato. Sinto a necessidade de aumentar meu período de oração, de jejum (confesso minha fraqueza nisso, mas reconheço a importância espiritual), de boa meditação na Palavra de Deus (em Deus e com Deus).
 
Se minha vida piedosa com Deus se constituir em moeda de barganha de bênçãos ou em justificativas de maior santidade, eu sinto muito, estou perdendo tempo. Eu sinto a necessidade de maior disciplina e zelo na minha vida piedosa porque sinto que Deus está, de alguma forma, correspondendo (é um pouco estranho falar assim, mas tenham paciência um pouquinho na minha insanidade) e muito. Eu não quero barganhar jamais com Deus, mas servi-lo e ser-lhe útil. A Deus toda a glória. Amém!
 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Fique à vontade para tecer seus comentários.
No entanto, lembre-se de juntar Cl 3:17 com 1 Co 10:31 :
devemos tudo fazer para a glória de Deus e em nome de Jesus! Deus o abençoe.