domingo, 2 de maio de 2010

365 dias de propósito! Dia 285/365


 TEMA: O Que Você Tem nas Mãos? – Jo 6: 1-14

 

Prosseguindo em nossa meditação, Jesus viu ali uma multidão faminta e ele era o verdadeiro pão que descendo dos céus é capaz de satisfazer as necessidade do povo. Está na hora de irmos para a EBD aprendermos um pouco mais do Reino de Deus e de sua Justiça. Um bom dia para você que está acordando agora! A nossa reflexão continua...

 

Jesus então escolhe um discípulo, Felipe (aquele que era de Betsaída, cidade de André e de Pedro que Jesus o achou quando ia para Galiléia; aquele que disse a Natanael que tinha encontrado o Messias e que o estava seguindo... é dele a frase: "VEM E VÊ!"; aquele que foi trasladado – teletransporte – pelo Espírito Santo quando testemunhou ao eunuco da Etiópia, por sugestão/ordem  tanto do Anjo do Senhor como do Espírito Santo, cuja história está em At 8:29; aquele que disse a Jesus: "Senhor, mostra-nos o Pai, e isto nos basta" em Jo 14) e lhe faz uma pergunta, mostrando-lhe toda aquela multidão: "onde compraremos pão para eles comerem?"

 

Diz a Palavra de Deus que Jesus sabia o que ia fazer e fez isso só para experimentar a Felipe e os demais. A resposta pronta de Felipe sai como se automaticamente, o seu raciocínio é todo natural e rapidamente calcula o custo que seria alimentar aquela multidão de 5000 pessoas: 200 dinheiros de pão não seriam suficientes.

 

André, o irmão de Pedro, logo localiza um rapaz que tinha 5 pães de cevada e 2 peixinhos, mas interroga o Senhor: "o que é isto para tantos?"

 

Jesus lhes tinha dado um problemão e o testara para ver sua reação. Ele poderia ter deixado o povo sem o alimentar. Porque Jesus se preocupou com isso uma vez que cada um tinha sua própria vida? a razão, para mim, é que Deus se importa conosco!

Qual era o desafio proposto aos discípulos? Alimentar o povo (saciar uma necessidade básica e fundamental do povo). O que percebemos:

 

  • Foi Jesus que viu o povo
  • Foi Jesus que identificou a necessidade do povo (o povo nem estava pedindo comida!)
  • Foi Jesus que se propôs saciar a necessidade do povo – ele até instigou os discípulos para ver o que fariam
  • Foi Jesus que saciou a necessidade do povo.

 

A lição de Jesus ali era clara: era como se ele estivesse dizendo nas entrelinhas: eu sou o pão da vida! o verdadeiro pão que alimenta e satisfaz! Aquele que comer do pão que eu lhe der, jamais terá fome. (Jo 6: 33-40).

 

Analisando a proposta e o desafio de Jesus aos discípulos, poderíamos deduzir que se tratava de algo IMPOSSÍVEL de ser solucionado e Jesus sabia disso.

 

Outra lição que aprendemos é que quando estamos com Jesus, assentados com ele, ele faz tudo e cuida de todas as nossas necessidades. Nós nunca saberemos o que teremos de fazer, mas Jesus SEMPRE estará conosco, tomando a frente da questão, do problema impossível, Jesus:

 

  • Mandou assentar os homens

 

Não é Jesus que manda ao povo nem quem executa, mas manda aos discípulos e eles executam. Jesus apenas os instrui. Deve ter dado trabalho aquela organização, mas era trabalho deles, dos dicípulos.

 

  • Tomou os pães e os peixes

 

Os pães e peixes pertenciam a um jovem (ora, Jesus poderia ter saceado a fome daquele povo com apenas um estalar de seus dedos, mas não o faz assim, mas usando um recurso que já existia e que estava ali mesmo.

 

  • Abençoou os pães e os peixes (continuaremos amanhã – se você desejar ouvir essa pregação, compareça amanhã no GECOR). Um bom domingo na presença do Senhor.

 

A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias

 

Ø       Avancei e terminei Habacuque - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.

Ø       Ainda estou na página 75/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).

Ø       Iniciei 03h35m42 de O AMOR DE DEUS DERRAMADO EM NOSSOS CORAÇÕES, de Airton Willians Vasconcelos Barbosa, da Fonte Editorial Ltda. Terminei 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).

Ø       Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:

§         Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.

§         08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González

§         9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920).

§         09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.

 

Observações:

Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).

sábado, 1 de maio de 2010

365 dias de propósito! Dia 284/365 - Dia do Trabalhador! Parabéns!

 

TEMA: O Que Você Tem nas Mãos? – Jo 6: 1-14

 

Hoje comemoramos o dia do trabalhador! Muitos têm a visão de que o trabalho é uma maldição ou uma espécie de "carma" ou de algum mal necessário. Muitos têm sonhos de ganharem em loterias para se livrarem do seu trabalho, pois na verdade, detestam a vida de trabalho, mas o Criador dos céus e da terra não nos fez assim, antes deu-nos tarefas, mandatos e num deles está explícita a idéia do trabalho. A maldição não recaiu sobre o trabalho: trabalhar, seja qual for o trabalho, é tarefa nobre dada e instituída por Deus para glória de seu nome.

 

O seu trabalho, meu irmão seja ele qual for, é uma bênção! Execute-o com todo o carinho do mundo como se para o Senhor o estivesse fazendo, pois ele ao seu devido tempo irá abençoar o trabalho de suas mãos o fazendo propsperar. Vamos agora meditar em nosso tema: o que temos nas mãos? Pode ser, de repente, o trabalho! Um excelente dia do trabalho!

LB: Jo 6: 1-14

1

¶ Depois disto partiu Jesus para o outro lado do mar da Galiléia, que é o de Tiberíades.

2

E grande multidão o seguia, porque via os sinais que operava sobre os enfermos.

3

E Jesus subiu ao monte, e assentou-se ali com os seus discípulos.

4

E a páscoa, a festa dos judeus, estava próxima.

5

Então Jesus, levantando os olhos, e vendo que uma grande multidão vinha ter com ele, disse a Filipe: Onde compraremos pão, para estes comerem?

6

Mas dizia isto para o experimentar; porque ele bem sabia o que havia de fazer.

7

Filipe respondeu-lhe: Duzentos dinheiros de pão não lhes bastarão, para que cada um deles tome um pouco.

8

E um dos seus discípulos, André, irmão de Simão Pedro, disse-lhe:

9

Está aqui um rapaz que tem cinco pães de cevada e dois peixinhos; mas que é isto para tantos?

10

E disse Jesus: Mandai assentar os homens. E havia muita relva naquele lugar. Assentaram-se, pois, os homens em número de quase cinco mil.

11

E Jesus tomou os pães e, havendo dado graças, repartiu-os pelos discípulos, e os discípulos pelos que estavam assentados; e igualmente também dos peixes, quanto eles queriam.

12

E, quando estavam saciados, disse aos seus discípulos: Recolhei os pedaços que sobejaram, para que nada se perca.

13

Recolheram-nos, pois, e encheram doze alcofas de pedaços dos cinco pães de cevada, que sobejaram aos que haviam comido.

14

Vendo, pois, aqueles homens o milagre que Jesus tinha feito, diziam: Este é verdadeiramente o profeta que devia vir ao mundo.

 

Depois do quê – vs 1 - partiu Jesus? No capítulo anterior, o quinto, Jesus foi a uma festa em Jerusalém e ali junto ao poço de Betesda se encontrou com um homem que estava enfermo a 38 anos e lhe perguntou se queria ficar são e era isso num sábado.

 

Jesus, então, curou o homem e mandou que apanhasse a sua cama e andasse. Ora, um judeu, num sábado, andando carregando uma cama? Era muita provocação! Logo os judeus ficaram furiosos e queriam matá-lo, pois não somente violava o sábado como também se dizia igual a Deus.

 

Jesus então faz um belo e maravilhoso sermão explicando sua relação com o Pai e a relação do Pai com o filho e ainda lhes promete a vida eterna e que os que nele crê não entrarão em condenação. Jesus também lamenta o fato de eles não crerem nele e que não o receberam porque veio no nome de seu pai, mas outro que vier no seu próprio nome, a esse recebereis (o Anticristo?).

 

Então, foi depois disso que acabei de explicar que partiu Jesus para o outro lado do mar da Galiléia, que é o de Tiberíades e a multidão o seguia porque via os sinais que operava sobre os enfermos.

 

Quem é que não seguiria a Jesus desse jeito? Mas qual era o interesse da multidão? Qual eram os propósitos de Jesus ao curar os enfermos? Jesus sabia que a multidão o seguia por causa dos sinais?

 

Jesus subiu ao monte e ali se assentou com seus discípulos, a festa da páscoa estava próxima, ele, então, levanta os olhos e vê uma grande multidão se aproximando deles (uns 5000!).

 

O que Jesus viu na multidão que o seguia por causa dos sinais que operava sobre os enfermos? Viu uma multidão faminta!  ... amanhã daremos seqüência. Bom final de semana a todos.

 

A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias

 

Ø       Avancei e terminei Naum - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.

Ø       Ainda estou na página 75/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).

Ø       Terminei 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).

Ø       Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:

§         Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.

§         08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González

§         9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920).

§         09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.

 

Observações:

Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).

sexta-feira, 30 de abril de 2010

365 dias de propósito! Dia 283/365

TEMA: Contentai-vos Com o Que Tendes – Hb 13:5
 
Finalidade dessa meditação: demonstrar pela pregação da Palavra de Deus que o que você é, o que você tem e onde você está é o que Deus usará para abençoar o seu povo e a sua própria vida e exortá-lo, em conseqüência, a contentar com o que tendes.
 
Assim sendo, iniciarei esta prédica com as seguintes e terríveis (para muitos) declaração que talvez não te agrade, mas que é bom você estar bem ciente (e pare de reclamar!):
 
  • Você está onde Deus quer que você esteja.
  • Você é o que Deus quer que você seja.
  • Você tem o que Deus quer que você tenha.
 
Eu explico:
 
  • Você está onde Deus quer que você esteja. No dia que Deus quiser te tirar desse lugar, ninguém poderá impedi-lo. Há um propósito nisso e somente depois de concluí-lo é que você sairá.
 
Repare na vida de José se foi ele que escolheu passar 13 anos na prisão sem ao menos ter cometido crime para isso – preso injustamente! José foi um homem que sofre muito, mas que sempre buscava se aperfeiçoar e se superar. Deus o exaltou tanto que o colocou no topo do mundo da época sendo abaixo apenas do Faraó e isso em terra estrangeira, no Egito.
 
E Daniel? Foi ele que escolheu ser levado cativo para a Babilônia? O que é ser levado em cativeiro? Será que foi com pompas e gala e com direito a transporte especial? Ou talvez acorrentado, algemado, em cadeias? – Daniel viveu toda sua vida, talvez 100 anos de vida no cativeiro, longe de sua terra natal, servindo outro país. Até na sua velhice com seus 85 anos de idade ainda foi, no reinado de Dario, o principal líder acima dos outros 2 presidentes e 120 príncipes. Somente o rei no reino dos Medos e dos Persas era superior a Daniel.
 
E o apóstolo Paulo que passou muito tempo preso? Admiramos seu senso de soberania de Deus que mesmo em prisões, cadeias, dizia em suas cartas “eu, prisioneiro de Cristo” e não prisioneiro de César, ou do sistema romano, ou por injustiça. E ele diz em uma de suas epístolas que aprendeu o segredo de viver contente com tudo e em todas as circunstâncias (Fp 4:12). Quando o apóstolo Paulo no diz que aprendeu, isso para mim tem o sentido de que Paulo tinha uma mente ensinável, aberta, disposta a receber as instruções. Gamaliel também foi professor de Paulo, mas este aprendizado não foi obtido com ele, mas aos pés de Cristo! Assim, nós também podemos aprender esse segredo se tivermos um coração maleável, disposto a aprender.
 
Poderia citar mais nomes e exemplos, mas estes já são mais do que suficientes para fixar a idéia de quem controla todas as coisas é Deus e que você está onde Deus quer que você esteja.
 
  • Você é o que Deus quer que você seja. Porque se lamentar? Deus te fez especial e somente você poderá cumprir com êxito aquilo que ele preparou para você.
 
O problema de todos nós é a comparação. Estamos sempre nos comparando e conforme o padrão que temos na mente poderemos ficar ou não chateados e tristes. Reparem que isso se aplica a onde estamos, ao que somos e ao que temos.
 
  • Você tem o que Deus quer que você tenha. Deus pode tornar-te rico ou pobre em instantes, por isso, não se angustie querendo ir além, acalme-se que Deus te dará tudo o que você necessita.
 
Crente verdadeiro, os filhos de Deus, não necessita de dinheiro para aquisição de coisas, pois Deus dá e também tira de quem quer para quem ele quer. Na verdade, nada temos, nem possuímos, pois Deus é o dono de tudo e de todos.
 
Há um vídeo no YouTube em que, teatralizando, o Senhor entrega a uma jovem uma coca-cola geladinha e ela fica toda feliz e radiante que mal consegue se conter em si mesma. Até que vê um amigo seu com uma coca-cola de 300ml. Resultado? Tristeza! Então, pede ao Senhor uma coca-cola também de 300ml e o Senhor lhe diz “você não estava contente com a que te dei? Porque queres uma de 300ml?” Ainda assim o Senhor lhe dá uma coca-cola de 300ml e ela volta a ficar tão feliz, mas quando vê outra pessoa com uma coca-cola de 600ml, entristece-se novamente. Parece que não há limites para nossa cobiça e estamos sempre querendo mais e mais e não conseguimos nos contentar e nos alegra com o que somos.
 
Irmãos queridos, enquanto for possível nos aperfeiçoarmos. Por favor, não confundam as coisas: eu não estou defendendo o conformismo, a resignação, o autoflagelo (Ah, que legal, estou preso, vão cortar a minha cabeça, .... ou puxa, tenho câncer grau 4 e irei morrer em breve.... ou minha mulher me abandonou e a desgraça ruiu sobre mim...eu estou contente, feliz....ah...ah...ah...).
 
Toda circunstância ruim que você enfrenta e que está enfrentando não é agradável, dói, machuca, tira o sono, a tranqüilidade, nos fragiliza. Eu mesmo sou uma pessoa normal e como tal me aborreço, me decepciono, me alegro, me entristeço, tenho frustrações, medo, gostaria de ganhar mais, de ser reconhecido, valorizado, ... amanhã daremos seqüência. Bom final de semana a todos.
 
A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias
 
  • Estou no capítulo 6 do livro de Miquéias - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.
  • Ainda estou na página 75/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).
  • Estou com 06h55m00s de 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).
  • Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:
  • Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.
  • 08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González
  • 9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920).
  • 09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.
 
Observações:
  • Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).

quinta-feira, 29 de abril de 2010

365 dias de propósito! Dia 282/365

TEMA: Deus vai renovar as tuas forças – Is 41:6
 
Estou com sono, cansado e desanimado. Fui dormir tarde, aliás como tenho ido dormir tarde nos últimos dias. Ontem tive de dar um jeito e fazer três trabalhos escolares daqueles. Foram resumos, resenhas, desenvolvimento de temas. Hoje ainda tenho um trabalho para fazer, mais simples, mas tenho de investir tempo nele.
 
A aula de ontem foi teologia sistemática sobre os atributos de Deus e tivemos muitas discussões interessantes, obviamente num clima cordial, de respeito, de humildade e de vontade de aprender. Eu gosto de meu ambiente de estudo no Seminário Presbiteriano, dos professores, dos colegas seminaristas, dos empregados do Seminário, da coordenação, secretaria, biblioteca, de tudo. Parece-se com um mundo que não existe.
 
É engraçado que professores saem e abandonam a sala na hora das provas na maior confiança de que nos deixaram nas mãos de Deus e como homens tementes a Deus que estamos buscando o aperfeiçoamento, não iremos fazer coisas erradas como colar, expiar o trabalho alheio ou nos desviarmos para alguma outra coisa. Não era assim quando eu estudei teologia na Faculdade Evangélica.
 
No Seminário, é como um pedacinho do céu: eu venho para lá cansado do dia de labuta e renovo-me com as ministrações, com as aulas, com um bate-papo sadio com outros irmãos seminaristas. Na minha primeira semana de provas, eu não sei o que aconteceu comigo, que eu acabei perdendo provas e trabalhos, mas fui falando com cada um dos meus professores e já estou praticamente com minha vida em dia, sem dever nada a ninguém.
 
Uma lição importante que vamos aprendendo que não está nos livros, nem nas salas de aulas, mas no ambiente em geral e que nos servirá na nossa vida ministerial está sendo a cordialidade, a compreensão, o perdão, o relacionamento de confiança, de temor a Deus, de tolerância e de perdão. Estamos crescendo para a glória de Deus e que dali saiam homens comprometidos com Deus, com o povo de Deus e com a palavra de Deus.
 
Depois desse pequeno desabafo, obrigado por me suportarem, quero dizer uma palavra de Deus para sua vida: não temas, nem te espantes, não entres em pânico com teus problemas, pois Deus está no controle de tudo.
 
Será que Deus se importa comigo, com meu sono, meu cansaço e meu desânimo? Sim, a resposta é sim, Deus se importa com você. Ele vai te ajudar e você o louvará e o glorificará. Tão somente não se desanime, mas opte por confiar e ter paciência ainda que a resposta pareça tardia ou contrária. Seria tão bom para todos nós se de fato confiássemos em Deus de todo nosso coração, alma forças e entendimento!
 
Talvez você não esteja fazendo um seminário, como eu, mas está fazendo um curso superior (direito, administração, letras, publicidade e propaganda, etc...), ou um curso técnico, ou algo profissionalizante ou mesmo estudando a noite para algum concurso, ou uma pós-graduação, não importa, e está também com sono, cansado e desanimado. Estamos todos no mesmo barco e precisamos de Deus em nossas vidas para prosseguirmos avante.
 
Ele, Deus, estará com você hoje e te renovará para que você vá em frente e não olhes para trás. Não desanime do curso que estás fazendo, nosso país precisa de você! Sucessos! Estarei orando por você! Depois, tu me contas as bênçãos para assim darmos mais glórias a Deus. Amém.
 
Isaías 41:6 Um ao outro ajudou, e ao seu irmão disse: Esforça-te.
 
A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias
 
  • Estou no capítulo 2 do livro de Miquéias - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.
  • Ainda estou na página 75/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).
  • Estou com 05h35m00s de 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).
  • Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:
  • Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.
  • 08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González
  • 9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920).
  • 09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.
 
Observações:
  • Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).

quarta-feira, 28 de abril de 2010

365 dias de propósito! Dia 281/365 (quarta-feira, 28 de abril de 2010)

TEMA: Deus é Senhor e Pai
 
Seria tão bom que nós crentes crêssemos em Deus! Ah se assim fosse, o mundo iria ficar maluquinho da silva. Você sabia que ele é o nosso Senhor e nosso Pai? Você tem um Senhor? Se tem um senhor, o que somos em relação ao título? Servos! E o sevo deve fazer a vontade de quem? Sua própria? Jamais!
 
Também Deus é nosso Pai! E a lógica é que somos filhos! Você é filho de Deus ou se sente filho de Deus? Olhe para o modelo de filho de Deus e aprenda com o Filho de Deus a ser um filho de Deus. Ah se nós crêssemos em Deus!
 
KYRIOS = SENHOR. Significado: É o nome que mais aparece no NT depois de THÉOS e está relacionado àquele que tem poder. Somente Deus é Kyrios da mesma forma que se aplica ao Deus Pai os nomes de Adon e Iavé. Aplicação:
  • Ele tanto pode ser aplicado ao Deus Pai quanto ao Deus Filho. Os discípulos não tinham dúvida ao se referirem a Jesus como Kyrios. O apóstolo Paulo em Efésios declara que Jesus recebeu do Pai um nome sobre todo o nome onde todos debaixo dos céus proclamará que Jesus Cristo é Kyrios para a glória de Deus Pai.
  • O mesmo título também pode ser aplicado ao Espírito Santo, o administrador da redenção. Em 2 Co 3: 17, 18 o título Kyrios é aplicado diretamente ao Espírito Santo e a Jesus de forma indireta.
  • A idéia de Kyrios está ligada intimamente à idéia de redenção, como em Adon e Iavé, no AT.
  • Este nome tem relação com a vitória final sobre o mal, pois o seu senhorio é total onde todos irão glorificar a Deus sujeitando-se a Cristo, tanto homens quanto os seres celestiais.
  • Este título também tem relação com a nossa condição atual de servos e se Deus é Kyrios, logo a implicação é que nos somos seus servos o que caracteriza esse nome como responsabilizador nos levando a necessidade da obediência.
 
PÁTER = Pai. Significado: Trata-se de um título distintivo de Deus no NT. Somente no NT encontraremos este aspecto de Deus que todos nós amamos. É óbvio que no AT também há menção de Deus como Pai, mas não da forma como ensinou Jesus Cristo. Deus é tanto Pai criador como Pai adotivo que nos resgatou para fazermos parte de sua família. Aplicação:
 
  • A conseqüência óbvia é que somos filhos de Deus, filhos por adoção, não nascidos da vontade da carne, nem do sangue nem dos homens, mas de Deus. Por isso é que Jesus o chama de “meu Pai e vosso Pai”.
  • Ela reflete as relações intratrinitárias, especialmente no que concerne à nossa redenção. Quando Jesus chama Deus de Pai, ele o faz de uma forma singular em que ninguém pode ser filho semelhante a ele o que o distingue de todos, pois somente a vida do filho de Deus poderia aplacar e satisfazer a santidade de Deus.
  • Que como somos da família de Deus e irmãos uns dos outros deve reinar em nós intimidades, ternura, docilidade, proximidade.
  • Que o relacionamento de Deus na trindade envolvendo o Pai e o Filho, devem ser exemplo para nós em relação aos nossos relacionamentos de pais e filhos e de filhos diante de nosso Pai celestial, sempre buscando a vontade daquele que nos gerou em Cristo, sendo obedientes.
  • Há uma mudança em nosso status que de escravos agora somos filhos. A penalidade que estava sobre nós foi retirada e agora somos livres.
  • Que por Deus nos chamar de filhos, nosso relacionamento está restabelecido e somos tratados como se nunca tivéssemos pecado. Pertencemos a família dos remidos. Aleluias!
 
A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias
 
  • Estou no capítulo 2 do livro de Jonas - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.
  • Ainda estou na página 75/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).
  • Estou com 04h04m04s de 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).
  • Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:
  • Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.
  • 08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González
  • 9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920).
  • 09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.
 
Observações:
Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).
 

terça-feira, 27 de abril de 2010

365 dias de propósito! Dia 280/365

TEMA: Crente não tem insônia – é chamado de Deus à oração!
 
Ontem, como todos já devem saber, tivemos nosso culto no Grupo Evangélico dos Correios – GECOR e quem pregou foi o irmão Charles, líder do GECOR, sob o tema CAINDO EM SI que se baseou na parábola do filho pródigo. Estávamos em número reduzido, 8 colegas no total.
 
Infelizmente os crentes nos Correios, na Administração Central, prédio enorme com 20 andares, 4 subsolos, duas sobrelojas, que comporta mais de 1000 colegas que trabalham nos mais diversos órgãos internos e que deve ter, creio, cerca de 20% de evangélicos (se não for mais), não valorizam o espaço cedido pelo Senhor. 
 
Os cultos ocorrem todas as segundas-feiras, na hora do almoço, das 12h30 às 13h30. A liturgia é simples e envolve a abertura do culto com leitura da Bíblia e oração, seguida de um período de louvor e adoração, de um espaço para testemunhos, da pregação da palavra de Deus e, ato contínuo, o encerramento com orações e a impetração de bênçãos.
 
O tema das pregações deste ano no GECOR é INTIMIDADE. Assim, todas as pregações devem ter ou explorar o aspecto da intimidade com o Senhor. Eu, assumi um compromisso desde o início deste ano de dedicar as minhas segundas-feiras, horário do almoço, para buscar ao Senhor no GECOR juntamente com os irmãos e sendo possível, dentro do possível, colaborar no que for necessário ao bom andamento do culto. Não durou 2 semanas de meu propósito e o Senhor já me colocou como vice-líder do GECOR e eu, pela graça de Deus, pretendo ser-lhe fiel.
 
Irmãos não podemos ser rebeldes ao Espírito Santo. Se hoje ouvirmos a sua voz, não endureçamos os nossos corações. Eu tenho certeza de que ele está falando contigo para se juntar conosco todas as segundas-feiras para o seu bem e não para o bem do GECOR, pois Deus não necessita de ajuda de ninguém na sua obra, antes somos nós que somos necessitados dele. Se você o rejeitar, ou desprezá-lo, você só sofrerá as conseqüências. Não será comigo que terás de prestar contas. Ouça o que o Espírito está a falar com você!
 
Em sua pregação, nosso amado irmão Charles comentou o tema de nossa reflexão e eu achei muito interessante e pertinente. Não é que é verdade? Ao invés de ficarmos de um lado para o outro rolando na cama sem conseguirmos dormir, vamos entender que há algo que está perturbando o nosso sonho e, melhor ainda, vamos entender que é o Senhor nos chamando a orar. Ora, levante-se e vá orar! Atenda ao chamado de Deus para a oração!
 
Não vai demorar muito não e lá estará você dormindo e poderá ser que até de joelhos! Eu também resolvi chamar estes momentos de oportunidades de oração – OO. Amanhã, permitindo Deus, falaremos mais. Bom sono para você hoje a noite! Deixarei três versículos interessantes para você neles meditar. Depois, você me conta as novidades: “Jó 7:4 Deitando-me a dormir, então digo: Quando me levantarei? Mas comprida é a noite, e farto-me de me revolver na cama até à alva. Salmos 3:5 Eu me deitei e dormi; acordei, porque o SENHOR me sustentou. Salmos 4:8 Em paz também me deitarei e dormirei, porque só tu, SENHOR, me fazes habitar em segurança.”. bons sonhos!
 
A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias
 
  • Estou no capítulo 8 do livro de Amós - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.
  • Ainda estou na página 75/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).
  • Estou com 02h47m59s de 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).
  • Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:
  • Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.
  • 08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González
  • 9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920).
  • 09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.
 
Observações:
  • Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).

segunda-feira, 26 de abril de 2010

365 dias de propósito! Dia 279/365

TEMA: Estar Vivo é um Milagre! Ec 3:13
 
Somos frágeis demais da conta! Se não comemos, a fome pode nos matar. Se não bebemos, poderemos ficar desidratados e bem mais cedo, também morrermos. Se não dormimos, nosso dia fica pesado, difícil e toda hora ficamos bocejando; se somos forçados a não dormirmos, podemos enlouquecer! Para os casados: se não “conversamos”, ficamos abestados.
 
Eu já tenho meus cinqüenta anos de idade para a glória de Deus e estou acima de meu peso: sou sedentário. Se não pratico exercícios físicos regulares e não controlo a minha alimentação ficarei mais sujeito a problemas que trarão problemas aos que comigo habitam confiadamente. É muita fragilidade!
 
Apesar disso tudo, jamais me faltou o que comer, beber, vestir e, até onde eu sei, ainda esbanjo saúde. A vida de um homem beira na média dos 70 e alguns mais vigorosos chegam aos 80 e a Bíblia fala que é só enfado e canseira. “Os dias da nossa vida chegam a setenta anos, e se alguns, pela sua robustez, chegam a oitenta anos, o orgulho deles é canseira e enfado, pois cedo se corta e vamos voando.” (Sl 90:10).
 
Quem me sustentou este tempo todo? Quem sustenta todas as pessoas do planeta com seus mais de 6,5 bilhões de pessoas que tem sua vida média na faixa dos 70/80 (estou sendo exageradamente otimista, com certeza deve ser bem menos)? Quantos gados, galinhas, peixes eu comi nestes 50 anos? E o mundo inteiro?
 
Sabem, às vezes penso que isso tudo se fosse colocado numa balança contábil precisa onde de um lado do prato colocássemos as nossas necessidades/dia e do outro os recursos para prover a satisfação de nossas necessidades, ficaríamos loucos e pediríamos falência! Eu realmente estou quase a dizer que o fato de termos o que comer todos os dias é um ato de milagre que, não sei porque, está isso oculto, agora, aos nossos olhos.
 
Viver é um milagre! Estar vivo é vivenciar milagres a todo momento. Não sei porque ficamos impressionados se algo acontecesse fora das regras habituais, como, por exemplo, um cego de nascença, de repente, passasse a enxergar, ou um surdo-mudo passasse a falar, ou um morto viesse a ressuscitar. O que é realidade num mundo onde Deus é soberano?
 
Acho que o normal é que é anormal, pois o milagre está presente num simples respirar. Quando achamos tudo natural e explicável e, por experiência, somos bem sucedidos em repetições infinitas de eventos, achamos que o mundo está explicado e o fenômeno controlado, mas e quando o mundo é um milagre da criação de um Deus artista, belo, bom e soberano?
 
A nossa fragilidade prova que a bondade de Deus é que nos sustenta e nos faz nos alegrar-mo-nos em meio há tantas incertezas. “Não me rejeites no tempo da velhice; não me desampares, quando se for acabando a minha força.” (Sl 71:9).
 
A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias
 
  • Iniciei o livro de Amós - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.
  • Estou na página 75/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).
  • Estou com 02h00m20s de 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).
  • Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:
  • Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.
  • 08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González
  • 9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920).
  • 09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.
 
Observações:
  • Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).

domingo, 25 de abril de 2010

365 dias de propósito! Dia 278/365

 

TEMA: Deus odeia o divórcio! Ml 2:16

 

Eu tenho um sonho! Colocar estampado em outdoor, em meu site (ele ainda terá uma aparência e qualidade profissional que eu pretendo dar-lhe), em adesivos em carros, em panfletos, em propagandas em jornais, revistas e onde for possível e viável uma mensagem aproximadamente semelhante a esta:

 

"Jamais desista de seu cônjuge! Eu creio em Deus e tenho certeza de que ele é capaz de mudar a sua história. Há uma saída para essa situação que redundará em glórias ao Senhor."

 

A minha pregação tem a sua concentração e força em Deus como aquele que dirige o curso dos ribeiros para onde ele quiser "Como ribeiros de águas assim é o coração do rei na mão do SENHOR, que o inclina a todo o seu querer." (Pv 21:1). E não somente dos ribeiros, mas sobre sobre todos os reinos, pessoas, governos, autoridades, etc. Logo, ele pode incliná-los para onde quiser e como quiser.

 

Eu estou pregando então que o coração do filho, da filha, do amigo, do inimigo, do chefe, do esposo, da esposa, do rei, do credor, do devedor, do ladrão, do policial, da autoridade, do servo, do leão, do cavalo, do boi e de todo ser vivo que respira ou dos seres espirituais, sejam principados, poderes, potestades e domínios, está nas mãos do Senhor que os pode inclinar para onde ele quiser.

 

Deus pode resolver qualquer problema de relacionamento ou de comportamento. Para enchergarmos a solução, nós deveremos nos dedicar à oração e à busca do Senhor. Oraremos, buscaremos e pediremos. Iremos ousar ousar nisso. Se Deus quiser ou não quiser, saiba oh rei e todos que nos ouvem que iremos assim proceder e esperar – com grande expectativa – os resultados positivos. Amém!

 

É por isso que não posso mudar "Pois eu, o Senhor, não mudo; por isso vós, ó filhos de Jacó, não sois consumidos." (Ml 3:6). Ou será que Deus não está no controle de tudo e de todas as coisas?

 

Meu sonho não está limitado apenas ao casamento, mas a todo e qualquer espécie de relacionamento. Eu creio que Deus pode mudar qualquer situação e restabelecer a união. É óbvio que em muitos casos deverá haver algum sacrifício, principalmente o perdão que é uma benção condicional: repare na oração ensinada pelo Senhor, o Pai Nosso e veja que serão perdoados, se perdoarem.

 

Ainda não somente os relacionamentos, mas também a recuperação de vidas que estão entregues às drogas, vícios, hábitos pecaminosos, manias e doenças de comportamento como TOC, esquizofrenia, Transtornos, etc... Bem, aqui teremos de ter mais um outdoor (terei de contratar meu filho que em breve estará se formando em Publicidade e Propaganda para me ajudar...rs..):

 

"Jamais desista de sua vida! não se entregue às drogas ou a qualquer espécie de dependência. Eu creio em Deus e tenho certeza de que ele é capaz de mudar a sua história. Há uma saída para essa situação que redundará em glórias ao Senhor."

 

É óbvio que um dos cônjuges ou uma das pessoas envolvidas nos relacionamentos queira encontrar uma saída e esteja disposto a obedecer a Palavra de Deus. O mesmo deve acontecer com os que são presos dos vícios e das manias ou das doenças relacionadas aos seus comportamentos que a mesma reprova. Eu acredito, piamente, que há jeito para sua vida por pior que ela esteja. Não se entregue. Não se desespere. Não desista jamais. Há uma saída e buscando a Deus, juntos, iremos achá-la para a honra e glória do Senhor. Amém. Que você desfrute de um excelente domingo na presença do Senhor.

 

A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias

 

Ø       Iniciei o livro de Joel - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.

Ø       Ainda estou na página 70/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).

Ø       Estou com 01h00m00s de 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).

Ø       Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:

§         Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.

§         08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González

§         9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920). 09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.

 

Observações:

·         Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).

sábado, 24 de abril de 2010

365 dias de propósito! Dia 277/365

 

TEMA: Brasília/Brasil precisa de Homens como Daniel 3 – Dn 6

 

Da história de Daniel na cova dos leões há muito o que aprender e meditar, principalmente porque Daniel já estava com seus 85 anos de idade, era muito produtivo a ponto de tornar-se destaque no reino dos Medos e Persas querendo o próprio rei Dario promovê-lo, colocando-o como o principal em todo o reino. Prossegue o texto dizendo que ele continuou a ser produtivo no reinado de Dario e depois de Ciro. De fato, é para nos deixar assombrados essa tamanha disposição e capacidade presente neste espírito excelente que havia em Daniel.

 

Hoje temos colegas que estão servindo a nossa nação ou a igreja (tudo é o reino de Deus – todo abrangente) que com essa idade sonham com uma aposentadoria e nela com uma cadeira na praia ou em uma rede em frente ao mar só esperando a morte chegar (ora, o que mais esperaria alguém assim, já morto?). Não sou contra um merecido e prolongado descanso depois de tanta labuta, mas torná-lo eterno é um convite à morte. Vejamos agora o que prometemos ontem:

 

Lições a aprender:

 

1º). Que há um Deus nos céus e na terra que tem controle sobre todas as coisas. Deus tem domínio sobre todos os reinos, pessoas, governos, autoridades, etc. Logo, ele pode incliná-los para onde quiser e como quiser.

 

"Como ribeiros de águas assim é o coração do rei na mão do SENHOR, que o inclina a todo o seu querer." (Pv 21:1).

 

Ele tem controle sobre o coração do filho, da filha, do amigo, do inimigo, do chefe, do esposo, da esposa, do rei, do credor, do devedor, do ladrão, do policial, da autoridade, do servo, do leão, do cavalo, do boi e de todo ser vivo que respira ou dos seres espirituais, sejam principados, poderes, potestades e domínios, está nas mãos do Senhor que os pode inclinar para onde ele quiser

 

2º). Que devemos ser fiéis em toda a casa de Deus – faça sempre o seu melhor para Deus, isto é, fazer o melhor é sempre o melhor a ser feito.

 

3º). Que pode se levantar todo o império, reino, presidentes e príncipes e juntos urdirem e tramarem toda espécie de mal contra nós por causa de nossa fidelidade a Deus e por causa de estarmos sendo os melhores e os destaques naquilo que Deus nos tem colocado para fazermos.

 

Que podem até prosperarem por um momento sendo o caso tido como perdido, mas no final, Deus se levantará a nosso favor e estará mudando a nossa sorte para a sua honra e glória.

 

4º). Que quem faz uso do mal para crescer ou prosperar ou quem intenta contra um servo de Deus fiel e ligado ao trono da graça não será tido por inocente, pois sobre estes o juízo é sem misericórdia.

 

Dizem (eu ouvi isso do Pr. Josué Gonçalves) que o crente que ora é como um fio descascado de alta tensão ligado direto entre ele e o Trono da Graça: ai dos que nele tocarem! Serão imediatamente eletrecutados. Cuidado!

 

Aqueles 2 presidentes e os 120 príncipes sofreram as consequencias de seu plano malígno. O Diabo é tão sujo que primeiro ele diz assim: rouba, rouba, ninguém tá vendo. Ai o pobre coitado vai e rouba e ai o Diabo chega no policial e diz: olha ele roubou, ele roubou. O policial vai e prende o meliante. Ai ele diz ao meliante: vai, vai, seu bobão, se suicida, se suicida, para deixar de ser besta...

 

A Deus toda a glória. Amém! (Ref.: http://criacionista.blogspot.com/2008/05/desvendando-daniel-na-cova-dos-lees.html; http://www.bibliaonline.com.br; Biblia Shedd.)

 

A Deus toda a glória! - Acompanhamento de Minhas Leituras Diárias

 

Ø       Terminei o livro de Oseías - Bíblia Shedd (Shedd Bible), ARA – 2ª ed. – Ed. Vida Nova, Russell P. Shedd.

Ø       Estou na página 70/192 página de CURA PARA O CORAÇÃO, de Howard Eyrich e William Hines, ed. Cultura Cristã (título original em inglês: Curing the Heart). Meu próximo livro: A ALMA DA CIÊNCIA – Fé Cristão e Filosofia Natural de Nancy R. Pearcey  e Charles B. Thaxton. Ed. Cultura Cristã. 294 páginas. (título original em inglês: The Soul of Science).

Ø       Comecei 07h38m47s de áudio, MP3, do livro de Michaels Horton, O CRISTÃO E A CULTURA – Nem separatismo, nem mundanismo, ed. Mundo Cristão, 206p. (título original em inglês: Where in World is the Church).

Ø       Já ouvi [em breve, relacionarei tudo que já li e ouvi nesses 365 dias de propósitos]:

§         Já li as 660 páginas, do livro Criação e Consumação (From Creation To Consummation), Vol. 1 – O Reino, a Aliança e o Mediador – ed. Cultura Cristã. Gerard Van Groningen.

§         08h06m54s de 13h26m47s de áudio do livro UMA HISTÓRIA DO PENSAMENTO CRISTÃO - Dos Primórdios ao Concílio de Calcedônia - Justo L. González

§         9h15m40s de áudio de CALVINISMO – o canal em que se moveu a Reforma do século 16, enriquecendo a vida cultural e espiritual dos povos que o adotaram. O sistema que hoje a igreja cristã deve reconhecer como bíblico – de Abraham Kuyper (1837 – 1920). 09h35m15s da segunda parte com 10h24m22s depois de terminar a primeira parte de 09h00m35s da parte 1/2 de áudio de VERDADE ABSOLUTA - Libertando o Cristianismo de seu Cativeiro Cultural, Nancy Pearcey, 1ª edição/2006, ed. CPAD.

 

Observações:

·         Eu tenho ciência da necessidade de me cuidar na alimentação correta e da necessidade de fazer exercícios físicos regulares por causa de minha vida altamente sedentária. Fica aqui o registro da necessidade, veremos quanto tempo levará para eu tomar uma atitude. (registrado em 02/04/2010).